Neil Patel

Espero que você goste desse artigo. Se você quer que meu time faça o seu marketing, clique aqui.

35 Ferramentas de SEO Para Você Chegar ao Topo do Google

Ferramentas Palavras-chave

Procurando ferramentas de SEO gratuitas? Esta é uma excelente forma de começar a explorar o potencial dos mecanismos de busca.

Como sabemos, coisas grátis são ótimas. Especialmente quando essa coisa “grátis” está te dando tráfego extra, dinheiro, rankings, reputação, riquezas, etc.

Felizmente, existem toneladas de ferramentas gratuitas no mundo de SEO (Search Engine Optimization). A desvantagem é que algumas dessas ferramentas gratuitas são ruins.

Quero dar a você uma coleção das principais ferramentas gratuitas de SEO. Elas são intuitivas, fáceis, eficazes, poderosas e – o melhor de tudo – absolutamente gratuitas.

Uma forma eficiente de gerar tráfego para seu site a longo prazo é usando SEO. Se você quer aumentar o tráfego do seu site e atrair mais usuários qualificados e clientes, clique aqui e receba o Guia Completo de SEO.

Guia Completo de SEO

O que são ferramentas de SEO?

Search Engine Optimization (SEO), ou Otimização para Motores de Busca, é a soma de técnicas usadas para tornar um site rastreável e indexável pelo Google e seus concorrentes.

Para obter sucesso na tentativa de ficar bem ranqueado nas buscas, é preciso usar os recursos adequados.

As ferramentas de SEO são imprescindíveis nesse sentido, já que só por elas é possível orientar uma estratégia de marketing digital.

Elas são o recurso necessário para encontrar desde as palavras-chave ideais para um site até a análise dos resultados gerados por essas palavras, entre outros usos.

Por que usar ferramentas de SEO

“Quem não é visto, não é lembrado”, diz a sabedoria popular.

Você precisa aparecer sempre que alguém fizer uma busca por um termo relacionado a uma solução que você oferece.

Se tem uma loja de produtos pet, por exemplo, vai querer ser visto por pessoas que pesquisem no Google por “ração para gatos” ou “casinha de cachorro”.

As ferramentas de SEO ajudam a conectar os vendedores com as pessoas que precisam sanar uma “dor”.

Sua aplicação proporciona uma série de vantagens que justificam seu uso constante para pautar decisões.

Confira na sequência algumas delas:

Destacar-se perante a concorrência

O mercado digital não se diferencia muito do físico na questão da competitividade.

Ao otimizar um site para aparecer nos motores de busca, é preciso considerar a concorrência, que está disputando com você o mesmo espaço.

A intenção é sempre aparecer em primeiro lugar na SERP, os resultados mostrados em cada pesquisa.

Um estudo da Sistrix revela que 28,5% das pessoas clicam no primeiro resultado de uma busca.

Logo, grande parte dos clientes em potencial só vai conhecer o seu negócio se ele aparecer com grande destaque na página de buscas.

Sem boas ferramentas e um bom trabalho de SEO, dificilmente um site ganhará visibilidade.

Muito provavelmente, ele será facilmente superado pelos concorrentes.

Atração de leads

O marketing digital mudou a forma como as empresas constroem suas identidades e, sobretudo, a maneira como elas determinam suas estratégias comerciais.

Os processos de vendas passaram a focar muito mais na geração de leads do que antes, em razão da maior rastreabilidade que as ferramentas de SEO proporcionam.

Isso porque a otimização permite manter “no radar” aquelas pessoas que já demonstraram potencial de conversão, mas que ainda precisam de um empurrãozinho para fechar negócio.

Ou seja, as ferramentas de SEO permitem monitorar estes clientes que não decidem pela compra imediatamente e proporcionar que eles o façam em breve.

Posicionamento no mercado

O sucesso de uma marca tem relação direta com a forma como ela se posiciona no mercado.

Significa que toda ação de divulgação é uma oportunidade de dar o recado e de dizer “somos a marca X e estamos aqui por Y”.

Posicionar-se é uma forma de gerar identificação com as pessoas, que passam a comprar guiadas também pelo propósito da empresa.

Nada melhor do que uma estratégia de SEO para isso, de modo a gerar brand equity, ou seja, mais valor para sua marca, além da questão mercadológica.

Agrega conhecimento

O marketing digital também mudou a abordagem usada pelas empresas para atrair clientes, por meio das estratégias baseadas em conteúdo.

Não que isso não fosse usado antes, mas, atualmente, a pegada informativa ganhou ainda mais relevância dentro da área comercial.

Isso porque os algoritmos do Google colocam nas melhores posições não só sites e conteúdos com as keywords certas, mas que atendem a certos critérios informativos, educacionais e jornalísticos.

Hoje, atrair clientes é educar as pessoas para que elas comprem com conhecimento de causa.

E para isso, as ferramentas de SEO são fundamentais.

Avaliação de resultados

Não faria muito sentido usar ferramentas para colocar um site em posições de destaque se, depois disso, não fosse possível avaliar os resultados obtidos.

Quero dizer com isso que tão importante quanto atrair mais clientes é saber como isso aconteceu.

As ferramentas que vamos conhecer mais à frente são úteis também para medir o alcance dos esforços em marketing digital e de conteúdo.

As métricas auxiliam a mapear o perfil das pessoas que tomaram conhecimento das soluções que você oferece, ajudando a refinar estratégias e corrigir eventuais erros.

Para melhorar sempre

A concorrência acirrada na internet não permite acomodação com os resultados, por melhores que sejam.

Estratégias digitais precisam ser constantemente revisadas e, para isso, vimos que as ferramentas de otimização são essenciais.

O seu próximo concorrente pode estar agora mesmo dentro de um quarto ou de uma garagem, com uma ideia totalmente disruptiva.

Portanto, o movimento constante é a melhor forma de se antecipar às ameaças que vêm de fora.

Quando usar ferramentas de SEO

Ter objetivos é o primeiro passo para o sucesso.

As ferramentas que vamos conhecer devem ser usadas considerando as metas que você definir para o seu negócio.

Não precisa ser um expert em marketing digital, mas é recomendável conhecer pelo menos os seus fundamentos para um uso mais assertivo.

Saiba então em quais momentos você poderá se servir dos incontáveis recursos que as principais ferramentas de SEO oferecem.

Encontrar as keywords certas

A base de toda estratégia e ação de marketing de conteúdo é a inserção de palavras-chave em sites, blogs e descrições de produtos.

Ferramentas como as que você vai conhecer se prestam exatamente para isso, identificando quais os termos são ideais para os seus objetivos de negócio.

Definir a autoridade do domínio

Elas servem também para revelar o quão competitivo é o segmento em que você concorre, considerando as keywords que você usa em seu site.

Para isso, as técnicas de SEO partem da análise da autoridade de domínio, que consiste na verificação da competitividade para uma mesma palavra-chave a partir do seu endereço web.

Assim, elas dizem se o seu domínio está em alta ou não, considerando a autoridade que ele tenha conquistado perante a concorrência.

Análise dos concorrentes

Ao qualificar um domínio, os instrumentos de SEO fazem também uma varredura nos sites dos concorrentes.

Você pode, por exemplo, saber quais palavras-chave eles estão explorando para ter sucesso, podendo assim realinhar sua estratégia digital.

Em certos casos, vale mais usar as chamadas keywords long-tail do que concorrer com marcas de peso com palavras-chave mais genéricas.

Essa percepção só pode ser obtida pela análise do seu domínio, que permite visualizar como seu site está perante seus competidores.

Fazer link building

As ferramentas de SEO também ajudam a construir a linkagem externa e interna, um aspecto fundamental para ganhar autoridade.

Elas fazem isso mostrando não só os links que direcionam para os seus conteúdos, como também os que direcionam para a concorrência.

Ao saber quais sites direcionam tráfego para os seus concorrentes, você pode também explorar essa possibilidade, publicando conteúdo que seja atrativo para esses sites.

Correção de falhas

Links quebrados, estrutura de tópicos incorreta e uso excessivo (ou falta) de keywords são alguns dos possíveis problemas que levam um site a perder posições nos resultados de busca.

Se você está percebendo queda nos acessos, então é bem provável que você precise corrigir algo que possa estar provocando algum tipo de penalização por parte do Google.

Para isso, você vai precisar das ferramentas que vou listar a seguir.

Ferramentas tudo em um

Vou começar pelas chamadas ferramentas tudo em um, que conseguem reunir um número maior de funções, como é o caso das oito que enumero logo abaixo.

1. Ubersuggest

Intuitiva e com visual mais limpo, que facilita a navegação, a Ubersuggest é uma ferramenta valiosa para quem deseja saber quais são as melhores palavras-chaves para explorar.

Além disso, também traz relatórios sobre backlinks, aspecto fundamental para quem almeja construir uma estratégia sólida de SEO.

Uma das novidades da Ubersuggest é a opção “Sites similares”, localizada na aba “Análise competitiva”.

O recurso permite que, ao definir um domínio de busca, você possa obter uma lista de websites que estão competindo com ele pela mesma palavra-chave.

ubersuggest

2. SEMRush

Uma das principais alternativas disponíveis no mercado, a SEMRush indica termos relacionados de pesquisa, qual é o volume de buscas para uma palavra-chave e também o custo por clique (CPC).

Conferir os backlinks dos seus concorrentes e do seu site é outra opção oferecida, além de recursos mais avançados – e indicados para usuários mais experientes em SEO.

3. Moz

Precursora na definição de métricas que façam a comparação de diferentes domínios, a Moz é bastante conhecida pela de Domain Authority (DA) e Page Authority (PA).

Mas, para quem deseja adotar a ferramenta, outra dica é conhecer mais sobre o seu plugin, chamado MozBar, que realiza a análise da estrutura interna de um site.

4. Ahrefs

Entre as opções mais buscadas pelos profissionais experientes da área está o Ahrefs, especialmente por sua capacidade de precisão.

Uma das suas muitas vantagens é o recurso chamado de link intersect, que permite descobrir quais sites estão apontando links para os seus concorrentes, mas não para o seu domínio.

Assim, você também pode definir uma estratégia e ir atrás deles.

5. SEOQuake

Menos conhecido do público, o SEOQuake é um plugin desenvolvido pela SEMRush e que pode ser instalado em seu navegador.

Para mostrar como ele funciona, fiz uma busca pelo meu próprio nome no Google.

Os resultados são apresentados assim:

seo quake

Cada um dos ícones é clicável e leva o usuário para um relatório mais completo.

6. SEO PowerSuite

Completo, ele se divide em quatro módulos: Rank Tracker, Website Auditor, SEO SpyGlass e Link Assistant.

Cada um deles oferece suporte para uma área específica de otimização, o que garante uma análise ampla.

Um dos seus pontos fortes é a capacidade de auxiliar na busca por erros que podem gerar penalidades ao seu site.

7. SpyFu

Ainda que traga inúmeras opções, um dos seus destaques é a capacidade de analisar domínios concorrentes para auxiliar o usuário a encontrar oportunidades.

Por exemplo, o SpyFu fornece uma lista de concorrentes que você talvez não tenha considerado em suas buscas, fugindo das alternativas mais óbvias.

8. Majestic SEO

Um grande banco de dados de indexação, o Majestic SEO consegue retornar alto nível de detalhamento.

Costuma ser mais recomendada para duas situações específicas: informações ligadas aos backlinks e ao desempenho das palavras-chave pesquisadas.

Pode ser uma ótima aliada para planejar uma estratégia de guest posts.

Pesquisa de palavra-chave

Se as ferramentas anteriores reúnem uma série de recursos em um só lugar, a partir de agora trago opções mais específicas para cada objetivo, começando pela pesquisa de palavras-chave.

9. Google Keyword Planner

Planejador de palavras-chave mais conhecido do mercado, especialmente por ser desenvolvido pelo próprio Google.

Ele permite, por exemplo, fazer pesquisas por localização geográfica, o que pode ajudar a entender o seu público em um nível local.

É ainda bastante utilizado para identificar as melhores oportunidades para estratégias vinculadas ao Google AdWords.

10. Answer The Public

Ferramenta automatizada de autocompletar buscas, permite que você identifique possíveis tópicos de conteúdo, partindo do princípio de experimentar diferentes variações para uma mesma palavra-chave.

É ideal para identificar quais problemas o seu público deseja resolver.

Depois, com o auxílio de ferramentas como as que já mostrei, você pode refinar o seu planejamento de palavras-chave.

Veja um exemplo de busca pela palavra “coronavírus”:

answer the public

11. Google Trends

Como o próprio nome sugere, o Google Trends ajuda você a identificar tendências referentes a uma palavra-chave.

Assim, ele indica termos relacionados, permite selecionar um período de tempo específico e até mesmo uma localização.

Ou seja, funciona muito bem para identificar sazonalidades e assuntos que podem estar ou não recebendo altos volumes de busca em um local específico.

12. Keyworddit

Pouco conhecida, trata-se da ferramenta que fornece palavras-chave de subreddits no Reddit.

Também fornece contexto, dando uma lista de tópicos em que o termo foi utilizado.

Pode ser uma boa opção para entender os interesses de públicos mais específicos.

13. Keyword Surfer

Extensão gratuita para Google Chrome, ao digitar no navegador um termo específico, por exemplo, ele vai mostrar na tela palavras-chave que estejam relacionadas.

O plugin permite filtrar as sugestões a partir do volume de busca exclusivo do território nacional.

14. KWFinder

O KWFinder é uma opção intuitiva e simples para planejar a sua estratégia de palavras-chave, mais indicada para quem ainda está começando na área.

Isso porque tem um foco específico em ajudar o usuário a localizar termos de cauda longa que tenham baixa dificuldade de ranqueamento em relação ao SEO.

15. Keywords Everywhere

Com a Keywords Everywhere, você realiza pesquisas tanto para termos amplos quanto para aqueles altamente específicos.

Além disso, todas as buscas feitas na ferramenta retornam com alternativas, com palavras-chave que sejam semelhantes e já pensadas em termos de otimização de conteúdo.

Outro atrativo é a disponibilidade de uma extensão para o Google Chrome, trazendo algumas semelhanças com o Keyword Surfer.

Análise

Depois de enumerar uma série de ferramentas próprias para a pesquisa de palavras-chave, reuni seis instrumentos que realizam a análise de elementos do site.

Confira!

16. Google Analytics

É a ferramenta de análise e mensuração mais completa do mercado.

Ela é indicada para todos os níveis de conhecimento em SEO, pois é extremamente intuitiva para iniciantes e, ao mesmo tempo, dispõe de relatórios completos para aqueles mais experientes interpretar.

Com o Google Analytics é possível conhecer a geolocalização dos seus clientes, descobrir quais canais geram mais leads para o seu negócio, conhecer a jornada do consumidor e muito mais.

17. Google Search Console

Ferramenta gratuita que tem como objetivo central melhorar a experiência do usuário.

Entre as suas principais funcionalidades, estão:

  • Tráfego de pesquisa
  • Índice do Google
  • Rastreamento
  • Relatório de segurança
  • Aspecto de pesquisa.

Abaixo, um exemplo da tela de erros que podem estar comprometendo o tráfego orgânico e as conversões para o seu site:

google search console

18. Bing Webmaster Tools

Exerce, basicamente, as mesmas funções do Google Search, só que no Bing, o segundo maior buscador do mundo.

A ferramenta conta com uma série de recursos, como:

  • Pesquisa de palavras-chave (interna e externa)
  • Verificação de dados estruturados
  • Migração do site
  • Análise SEO.

19. YouTube Analytics

Como o nome já entrega, é uma ferramenta de análise SEO que mensura resultados no YouTube.

Ela ajuda no monitoramento do desempenho dos conteúdos nos vídeos publicados.

Entre as principais funções do instrumento estão a geração de relatórios de tráfego, revelando a origem dos acessos, e o indicativo do tempo de visualização dos vídeos.

20. Google Data Studio

Personalizável e simples de usar: assim pode ser definida essa ferramenta dashboard do Google.

Compatível com o Google, o YouTube Analytics e ainda com o Search Console, é possível integrar dados e extrair informações relevantes para análise desses instrumentos.

A geração de gráficos atraentes, a possibilidade de compartilhar relatórios em tempo real com todo mundo e a gratuidade são algumas das principais vantagens do Google Data Studio.

21. Supermetric Data Grabber

Tem como grande ponto positivo a sua versatilidade, pois oferece subsídios para análise de métricas para as mais diferentes plataformas, como:

  • Google Sheets
  • Data Studio
  • Excel
  • Google Analytics
  • BigQuery.

Velocidade do site

A velocidade das páginas de um site é fundamental para uma experiência positiva do usuário e, portanto, um fator de ranqueamento importante.

Separei três ferramentas que ajudam nessa análise e apontam melhorias para diminuir o tempo de carregamento.

22. PageSpeed ​​Insights

Recurso do Google que analisa o desempenho de páginas em dispositivos móveis e em desktops.

Ao contrário da maioria das ferramentas, ela não apresenta gráficos nem relatórios, mas sugere melhorias e dá dicas que podem aprimorar a velocidade do site.

Os ícones coloridos apontam o status das suas páginas:

23. Pingdom

Tem um visual bastante atraente e mostra em detalhes todas informações relacionadas ao desempenho da página.

De 0 a 100, a ferramenta informa o status do tempo de carregamento, o tamanho de imagens e demais mídias, entre outros.

Depois, ela atribui uma nota geral para a performance, conforme mostro abaixo:

page speed

24. GTmetrix

Alia as duas principais vantagens das ferramentas anteriores: dicas e sugestões de melhorias da PageSpeed Insights e os gráficos e o apelo visual da Pingdom.

Outro ponto positivo da GTmetrix é que ela grava um vídeo exemplificando a velocidade de carregamento e salva no seu histórico essa simulação.

Plugins para WordPress

Um site criado dentro do domínio WordPress pode ter algumas limitações em termos de personalização, mas isso não significa que você não possa aplicar técnicas de SEO e até mesmo investir em plugins para aperfeiçoar os resultados.

25. Yoast

Mais conhecido entre os plugins do segmento, o Yoast é fácil de usar e permite que você analise aspectos que são fundamentais para um bom ranqueamento.

Você consegue, por exemplo, ver exatamente como será a aparência do seu resultado no Google, o que facilita a escolha do título e da meta description mais adequados.

Outro fator que vale destacar é a verificação de legibilidade, que ajuda você a entender se precisa dividir os parágrafos de outra forma ou mesmo adicionar novos itens, como cabeçalhos ou listas numeradas.

26. RankMath

Completo, o RankMath é encarado por muitos como um canivete suíço.

As suas principais funcionalidades incluem um monitor integrado para erros 404, rich snippets, sitemaps XML, SEO local e recomendações para construir uma rede de links internos.

Outra vantagem é a sua capacidade de se integrar ao Google Search Console, trazendo informações do painel de controle do WordPress.

27. SEOPress

Semelhante ao Yoast, ele dá suporte para melhorar o tráfego do site por meio da criação de sitemaps, que ajudam os buscadores a encontrarem e lerem o seu conteúdo com mais facilidade.

Também é uma boa opção para verificar critérios de otimização dos seus títulos e meta descrições e para criar uma rede interna de links.

A facilidade de integrar o seu site ao Google Analytics é outro destaque.

28. All In One SEO Pack

Mais uma alternativa que segue a mesma linha do Yoast.

Oferece ao usuário uma série de recursos indispensáveis, como a criação de sitemaps XML, a possibilidade de gerar meta tags e soluções para que você possa otimizar o uso das palavras-chave.

Também vale destacar que conta com um bloqueador de robôs mal-intencionados, que previne visitas indesejadas.

Extensões para Chrome

Algumas extensões para o Chrome podem ser ferramentas excelentes para SEO.

Reuni cinco das que considero mais importantes.

29. SEOInfo

Extensão mais completa para o Chrome, verificando desde tags canônicas, indexabilidade, dados estruturados, velocidade e desempenho das páginas e muito mais.

30. Free Backlink Checker by LRT

Analisa os links de saída, mostrando aqueles que estão quebrados (destacados em vermelho) e ativos (em verde).

Também exporta os links de uma página para um arquivo junto com o texto âncora.

31. OpenLink Structured Data Sniffer

Mostra todos os metadados presentes em qualquer site da web, tendo suporte para os mais variados formatos, como RDF e XML, por exemplo.

32. The Tech SEO – Quick Click Website Audit

Fornece links pré-formatados para a URL atual e compatíveis a uma vasta gama de ferramentas de SEO.

Ou seja, ela acaba se tornando prática, pois reduz a necessidade de ficar copiando e colando endereços.

33. SEO Minion

Quase tão completo quanto o SEOInfo, funciona como um analisador de SEO on page e também como um simulador de localização do Google.

Ferramenta de análise de posicionamento no Google

Como anda o posicionamento do seu site no Google?

As duas ferramentas a seguir ajudam você a fazer uma auditoria de SEO e descobrir.

34. Sitechecker

Basta inserir a URL do seu site para obter um relatório que vai analisar, de forma instantânea, os principais problemas que podem estar afetando o desempenho do seu domínio.

Itens como estrutura, velocidade do site, links internos, externos e âncoras, além de uma auditoria de meta tags para URLs, estão entre os itens avaliados.

35. Serpstat

Na mesma linha, o Serpstat identifica problemas, classificando-os como sendo de baixa, média ou alta prioridade.

Assim, você também consegue saber exatamente por onde começar, incluindo sugestões sobre como corrigir cada erro.

A ferramenta cria um acompanhamento da evolução do seu site, por meio de uma métrica denominada SDO – ou, em português, Otimização de Domínio Serpstat.

Como escolher as melhores ferramentas para a sua empresa

Para escolher bem uma ferramenta, eu preciso não apenas saber sua função, mas considerar fatores pessoais como o momento, objetivos, custos e outras características importantes.

Saiba a seguir o que você não pode deixar de colocar na balança na hora de decidir qual ferramenta vai utilizar.

Entenda a importância do SEO

Otimização para busca vai muito além de encontrar palavras chave e de analisar a concorrência.

Trata-se de um imenso conjunto de técnicas, métricas e métodos que ajudam a gerar insights e a orientar decisões.

Ela deve pautar constantemente as estratégias online, sendo por isso um elemento fundamental na gestão de negócios que operam em bases digitais. 

Defina suas necessidades

Uma vez que você conheça o papel do SEO mais a fundo, terá mais clareza sobre suas reais necessidades.

Sabendo do que precisa para avançar, você cria as condições necessárias para definir objetivos que sejam arrojados, mas sem tirar os pés do chão.

Trace metas

O conhecimento sobre o contexto leva a entender do que realmente você vai precisar se quiser se destacar.

Pode ser que você descubra, por exemplo, que o seu link building precisa melhorar, considerando a performance dos seus principais concorrentes.

Ou que uma certa palavra-chave pouco explorada tem bom potencial para gerar leads, e por aí vai.

Analise a viabilidade

Você conheceu neste conteúdo as melhores ferramentas de SEO gratuitas.

Contudo, em certos casos pode ser que a adesão a recursos extras seja indicada, principalmente quando os objetivos passam a ser mais agressivos.

Crescer é a tendência natural de um negócio quando ele é bem administrado, então, é bem provável que, em um dado momento, você precise de mais recursos para trabalhar.

Nessa hora, esteja pronto para avaliar as soluções não só pelo que elas oferecem gratuitamente, como pela relação custo-benefício de eventuais recursos pagos.

Conclusão

Este conteúdo listou as melhores ferramentas gratuitas de SEO.

Como deu para perceber, a lista de opções é extensa.

Mas é claro que você não precisa utilizar todas elas.

O importante é identificar quais melhor se encaixam na sua estratégia, pensando no nível de detalhamento necessário e de experiência do profissional responsável por operar as ferramentas.

Por outro lado, se você quer resultados superiores com otimização para buscadores, precisará investir dinheiro para obter as ferramentas certas.

Infelizmente, você não conseguirá fazer um trabalho completo de SEO sem uma assinatura paga de algo.

Aqui estão as coisas que normalmente não estão disponíveis gratuitamente:

  • Mapas de calor: se você está interessado em usabilidade, conversões e SEO, uma ferramenta de mapeamento de calor como a Crazy Egg é crucial
  • Relatórios de Rankings: saber onde seu site ranqueia nas SERPs para certas palavras-chave é uma parte importante de um bom SEO. Os rastreadores de ranking permitem que você veja em qual página e em qual posição você está, e que acompanhe o seu ranking com o tempo
  • Análise de Backlink: processar todos os dados por trás dos backlinks – texto âncora, nível DA, qualidade do site, informações de contato do webmaster, velocidade – é necessário quando você estiver fazendo qualquer tipo de auditoria de backlink. As ferramentas que fornecem essa análise são sofisticadas, mas geralmente não são gratuitas.

Agora, no entanto, você já está pronto para começar.

Aproveite para deixar sua opinião nos comentários.

Quais são outras ferramentas de SEO que você acha útil?

Compartilhe