Infográfico: O Que É e Para Que Serve? [+5 Exemplos De Bônus]

infografico-introducaoInfográfico é uma peça visual utilizada para apresentar informações e dados de maneira facilitada, o que ajuda na compreensão do leitor mesmo quando o conteúdo tem maior complexidade. Costuma incluir textos e imagens na sua elaboração, como ilustrações, gráficos e ícones.

Você gostaria de aprender a criar um infográfico poderoso para melhorar os seus resultados?

O infográfico é um dos formatos que mais fazem sucesso entre os usuários.

Se você quer melhorar o seu posicionamento de SEO, engajar seu público e ganhar visibilidade, então você precisa ler este guia.

65% das pessoas aprendem por meio do visual. Se você quer atrair a atenção do seu público, crie infográficos!

Você pode achar que este é um assunto muito complexo para você, mas não se subestime: você não precisa, necessariamente, de um designer gráfico para isso.

Existem inúmeras ferramentas que podem auxiliá-lo neste desafio. Acredite em mim, você não vai querer deixar esta estratégia de lado.

Eu mesmo comecei a criar infográficos nos meus blogs ainda antes de 2014. Posso dizer com segurança que a publicação de infográficos tem sido uma das minhas estratégias de marketing mais poderosas.

Por exemplo, quando eu comecei a criar infográficos para o blog KISSmetrics, em 2010, eles nos ajudaram a gerar 2.512.596 visitantes e 41.142 backlinks.

Parece promissor, não é mesmo?

Então, abre aí seu caderno de anotações e segue comigo!

Se restarem dúvidas, deixe um comentário! E se você já usa essa estratégia, conte-nos como estão sendo os seus resultados.

Boa leitura!

O que é Infográfico? Significado

Infográfico é uma forma visual de apresentar informações e dados – geralmente complexos -, auxiliando na compreensão do leitor.

É elaborado por meio de imagens (ilustrações, gráficos, ícones) e textos.

Essa mistura estimula os dois lados do cérebro. O lado direito é o responsável por interpretar figuras, enquanto o esquerdo é voltado à lógica e à escrita.

Esse estímulo de ambos os lados, simultaneamente, melhora o entendimento do usuário, que consegue absorver com mais rapidez a informação que está sendo transmitida.

As representações gráficas já eram usadas para explicar ideias, conceitos e processos desde os tempos pré-históricos. Da forma como são conhecidos hoje, porém, começaram a partir do século XVI.

Leonardo da Vinci, por exemplo, utilizava infográficos para explicar seus estudos e teorias.

infográfico de Leonardo da Vinci

Talvez não seja bem assim que você imagina um infográfico, não é mesmo?

É verdade que o conceito de infográfico evoluiu muito, especialmente por permitir a personalização de acordo com a identidade visual da empresa e o perfil do público. Mas ele, desde sempre, foi usado a fim de simplificar uma explicação complexa através de imagens, símbolos e anotações.

Falando em benefícios, vamos para o próximo tópico.

Você já sabe por que um infográfico pode ser tão eficaz para sua empresa?

Por que devo usar Infográficos?

De acordo com WebDAM, o cérebro humano processa dados visuais 60.000 vezes mais rápido do que texto. E tem mais: 65% de seu público aprende por meio do visual.

por que usar infográfico

De acordo com Unbounce, a demanda para criar infográficos aumentou 800% desde 2012.

Considerando que 94% dos posts com elementos visuais têm maior engajamento, fica fácil entender o porquê.

As principais vantagens dos infográficos, então, podem ser resumidas em:

  • Facilitam a compreensão da mensagem pelo usuário;
  • Têm mais interação dos usuários e mais chances de viralizar;
  • São simples de serem feitos (embora não pareça, mas vou ensinar todas os segredos!);
  • Têm grande potencial de geração de leads;
  • São democráticos: funcionam bem para empresas B2B ou B2C, independente do segmento de atuação;
  • O interesse por eles é crescente, como colocado pelo Unbounce;
  • Com mais engajamento e tráfego, melhora o posicionamento do seu site ou blog nas ferramentas de busca;
  • Os infográficos têm potencial para aumentar o tráfego de seu site em cerca de 12%;
  • As buscas no Google por infográficos aumentaram 25 vezes;
  • Conteúdos visuais têm 40 vezes mais chances de ser compartilhado nas redes sociais que os outros formatos.

Já está convencido?

Não tenho dúvidas que você já entendeu o potencial dessa estratégia para o seu negócio. Então, vamos para a parte prática.

Vou ensinar todos os elementos essenciais para um infográfico de sucesso, além de ferramentas que vão facilitar muito a criação deles.

Lembre-se que os bons resultados não dependem somente da criação. Você deve ter certeza que o conteúdo está em sincronia com o seu negócio, além de divulgá-lo massivamente para que você possa obter um tráfego de qualidade consistente e gerar inbound links.

Se você deseja criar infográficos com o potencial de levar visitantes qualificados ao seu site a cada ano, leia este post do início ao fim.

Qual é a função de um infográfico?

O infográfico serve para sistematizar e organizar informações.

Com o uso de recursos visuais, ele não apenas estabelece uma hierarquia que torna o conteúdo mais facilmente compreendido.

Dessa forma, ele também dá às informações um caráter muito mais atrativo.

Vamos combinar que blocos de texto, há muito tempo, não mais mantêm o usuário conectado com a mensagem que se deseja passar.

E é justamente nesse sentido, de tornar a experiência do usuário mais agradável, que reside a principal função de um infográfico.

Agora, falando especificamente quanto ao uso dele, você pode usá-lo em diferentes estratégias.

Mais à frente, trarei mais detalhes sobre elas, mas já posso adiantar que a peça é útil para capturar leads, nutri-los com conteúdo relevante e fazer deles seus futuros clientes.

Parece uma receita de sucesso, concorda?

E realmente é.

Resta saber, então, o que não pode faltar em um bom infográfico.

Quais são os principais componentes de um Infográfico?

O infográfico, como já vimos, é formado de texto, imagens e gráficos.

Você pode personalizar o seu conforme a identidade visual da sua empresa, e com os elementos que melhor explicam o seu assunto.

O importante, aqui, é esquematizar e resumir o máximo possível, transformando informações complexas em itens, ícones e formas que simplificam a compreensão do usuário.

Vou falar agora dos principais elementos que formam um infográfico, para você ter em mente na hora de planejar o seu.

Vamos lá?

Adicione Gráficos e Formatos

Se você tem dados, como os de uma pesquisa, considere adicionar um gráfico. Pode ser de barras, linhas, pizza… o que fizer mais sentido para explicar ou fortalecer a mensagem que você está passando.

Existem ferramentas que já vêm com templates prontos, e algumas que até importam seus dados da planilha Excel. Eu vou falar sobre elas mais adiante.

A verdade é que gráfico é muito simples de ser feito, e você pode criá-lo, inclusive, dentro do próprio Excel.

Lembre-se de padronizar as cores conforme a paleta da sua empresa, para gerar maior identificação com a marca.

Outros formatos também podem ser utilizados, como círculos, linhas, pontilhados, molduras. Elas enriquecem o visual do seu material.

Texto no Infográfico

O infográfico precisa de textos, mas você não precisa se preocupar em escrever nada longo ou muito complicado.

Lembre-se que o infográfico deve ser simples de ser compreendido. O grande potencial dele, inclusive, é facilitar a compreensão ao ativar os dois lados do cérebro.

Por isso, a quantidade de texto e de imagens (ou formatos, ou ícones) deve ser proporcional.

Ao incluir o conteúdo que você planejou, podem sobrar alguns espaços. Não se fixe nisso neste momento. Finalize os outros elementos e, então, reorganize as informações de forma a deixar o layout do seu material mais amistoso.

Procure trabalhar os textos em frases e parágrafos curtos. Utilize listas, itens e outros recursos que dividam melhor os tópicos, ajudando na leitura rápida.

E, claro, sempre busque vincular os tópicos do seu infográfico com alguma imagem, ícone ou outro recurso visual.

Modifique as Fontes

As fontes têm extrema importância no infográfico. Eu recomendo que você use duas fontes diferentes, marcando as seções. É interessante, também, trabalhar contraste, tanto de tamanho, quanto de forma.

Uma fonte manuscrita para títulos e outra sem serifa para o conteúdo, por exemplo, pode dar um efeito lindo.

Fique atento, porém, na legibilidade do seu material!

Procure fontes que permitam uma fácil leitura, e que possuam todos os caracteres especiais (como ç e acentos), para você não se complicar depois.

As ferramentas gratuitas oferecem, normalmente, uma vasta opção de tipografia.

Verifique se as fontes estabelecidas no seu Guia de Marca constam na lista. Procure usar, sempre, fontes que estejam de acordo com a sua identidade visual, para garantir uma uniformidade nos seus materiais.

Importância das Cores

As cores têm papel fundamental no infográfico. Elas orientam a ordem de leitura, facilitam a compreensão, garantem a leitura e despertam sentimentos no usuário.

80% das pessoas acreditam que as cores aumentam o reconhecimento de uma marca.

Por isso, busque utilizar a paleta de cores da sua empresa, conforme o seu Guia de Marca. Com isso, você fortalece a sua imagem e cria uma ligação entre o seu material e a sua marca.

O Henrique Carvalho, do Viver de Blog, criou um infográfico muito interessante sobre a Psicologia das Cores.

Nele, ele apresenta as sensações despertadas pelas cores primárias e secundárias, além de apresentar muitas curiosidades. Vale a pena dar uma olhada para escolher a paleta e as combinações ideais para o seu material.

Caso você não tenha uma paleta de cores definida para sua marca, você pode usar algumas ferramentas gratuitas para auxiliá-lo, como o Adobe CC.

Imagem nos Infográficos

As imagens trabalham em conjunto com os textos para melhor compreensão do leitor. É a interpretação das duas que faz com que o usuário “pesque” com mais facilidade o conteúdo, e melhore a retenção da informação.

Por isso, você não pode deixar isso de lado.

A escolha das imagens vai depender muito do estilo escolhido para o seu infográfico.

Para algo mais clean, por exemplo, os ícones fazem uma grande diferença. Além de permitir valorizar suas cores e formas, criam um layout harmonioso, onde não roubam tanto a atenção.

É importante que você busque trabalhar sempre com o mesmo estilo de ícone ou imagem. Por exemplo, escolha uma família de ícones e siga nela até o final, a fim de manter os aspectos do traço e do estilo.

Se você não tem o hábito de usar ícones, nem conta com um profissional para criá-los para você, deixo aqui uma dica. Existem sites gratuitos para pesquisa e download de iconografia, como o Flaticons.net.

No caso de imagens, cuide da formatação de tamanhos e pesos, das cores predominantes e do estilo de imagem (ilustração, foto, etc.).

Dessa forma, você terá um material rico em design, simpático aos olhos e fácil de ser lido.

Objetivo

Não adianta: você não consegue fazer nada se não tiver um objetivo claro.

Não tem como planejar, escolher suas melhores opções e nem medir o retorno da sua ação, se você não sabe o que você pretende com ela.

Por isso, o objetivo é o primeiro passo, antes de começar qualquer coisa.

Se pergunte o que você espera atingir com o seu infográfico. Ele será orientado para um público de topo de funil? É para auxiliar os seus leads a seguirem em frente na sua jornada de compras? Ou você espera aumentar o número de visitantes do seu site?

Com isso em mente, fica muito mais fácil decidir a melhor forma de criar o seu infográfico, e planejar toda a sua divulgação.

É, também, a partir do objetivo, que você será capaz de definir os seus KPI’s da estratégia, permitindo que você calcule o ROI da ação.

Melhores Dicas Para Customizar o Seu Infográfico e Torná-lo Incrível

Você não precisa se preocupar em ser perfeito, ou encontrar uma “sacadinha” que possa fazer seu conteúdo ser um viral.

O pior erro que uma pessoa pode cometer é o de não fazer nada, simplesmente por achar que não consegue.

Então, vou listar aqui os principais passos para você começar. Sem grandes descobertas, apenas o básico para que você aproveite todos os benefícios de um infográfico.

Não se preocupe: com o tempo – e a prática – você vai ser capaz de aprimorar cada vez mais os seus materiais.

Crie um Esboço

Comece respondendo a algumas perguntas essenciais. Pode ser no Google Docs, no Word, no Bloco de Notas ou na sua agenda, com papel e caneta, como nos velhos tempos.

As perguntas são básicas, mas vão lhe orientar durante todo o processo:

  • Para quem vou criar meu infográfico? Se você já trabalha com marketing digital, você já deve ter sua persona criada (se não tem ainda, cuidado! Crie uma agora para garantir seus investimentos). Caso você esteja começando nessa caminhada, saiba que entender para quem você está criando seus materiais é de extrema importância. Eu ensino tudo sobre criar personas neste artigo.
  • Quais são as principais necessidades da minha persona? Liste as principais dores do seu cliente. O que ele pode estar precisando? Que tipo de conteúdo iria agregar e gerar valor para ele? Liste as principais necessidades e elenque, ao lado, quais assuntos poderiam atendê-las. Poderá ser um bom guia de conteúdos para orientar todo o seu planejamento (inclusive para outros formatos, que não o infográfico).
  • Qual o meu objetivo? Se você lê o meu blog, sabe que este é um tópico recorrente. Sem objetivo, não há planejamento e nem indicadores de resultados. Pense o motivo pelo qual você pretende criar este infográfico. É para atrair tráfego para o seu site? É para gerar leads? É para converter os leads em oportunidades de venda? Ou para aumentar a sua relevância nas redes sociais, aumentando os indicadores de interação do usuário?

Parecia difícil dar o primeiro passo, certo?

Mas não é. Afinal, é só começar pelo começo – perdoe-me a redundância.

Organize Seu Esboço

Bom, então agora você já sabe para quem você vai criar o seu infográfico, qual o seu objetivo com isso e quais os potenciais assuntos para atrair a atenção do seu público.

É hora de esquematizar suas ideias e a prioridade de apresentação dos tópicos.

Não se preocupe em fazer grandes produções: um rabisco com caneta Bic já está mais do que bom.

Rascunhe a ordem dos assuntos, quais os tópicos que serão abordados, e onde ficarão os títulos, subtítulos, call-to-actions, imagens e etc.

Pense onde caberiam bem a inserção de alguns ícones, para resumir o conteúdo em listas ou itens, por exemplo. Você precisa de um esquema prático que possa lhe orientar na hora de montar o seu infográfico, propriamente dito.

Com ele, você terá uma visão clara da relevância e peso de cada tipo de informação – e isso é muito importante para que o infográfico seja visualmente atrativo e mais compreensível.

Adicione ícones de compartilhamento

Eu já falei anteriormente que infográficos tem um grande potencial de compartilhamento e engajamento de usuários, portanto, não perca nenhuma oportunidade!

Adicione ícones para incentivar o usuário a compartilhar o seu conteúdo nas redes sociais. Além de ajudá-lo a divulgar o material, ainda aumenta a sua autoridade, com a criação de links altamente qualificados.

Use o infográfico para gerar leads

O infográfico é um formato com muito potencial de atração de tráfego para o seu site. Além disso, ele também é capaz de gerar leads sozinho.

Você pode disponibilizar um infográfico em baixa resolução – ou somente uma parte dele –, e oferecer o completo, em alta resolução, em troca das informações de contato do usuário.

Você também pode criar uma landing page sobre o assunto que trata o seu infográfico, e oferecê-lo através do preenchimento de um formulário na própria landing, ou uma popup, ou, ainda, criar um kit de materiais, onde o infográfico estará dentre eles.

A questão é que nem só de e-books vive a geração de leads. Você pode (e deve) aproveitar outros formatos para capturar informações estratégicas para o seu trabalho de Inbound Marketing.

Mas, não vamos complicar! Comece criando infográficos, divulgando o seu conteúdo e atraindo tráfego.

Então, vá tentando novas estratégias para o uso desse material, e escolha as que lhe deixam mais confortável.

Use o Infográfico para se relacionar com os leads

O infográfico é muito útil para atração de público de topo de funil, além de ser eficaz no relacionamento dos leads – aqueles usuários que já estão percorrendo a jornada de compra com a sua empresa.

Além de gerar valor, pois você está nutrindo seu lead com informações relevantes em formatos atrativos, você pode ajudá-lo a percorrer o funil de vendas mais rapidamente.

Como? Essa é fácil!

Adicione call-to-actions no seu infográfico que tenham tudo a ver com o assunto, e ofereça materiais ou cursos complementares (ou seus produtos e serviços, claro!).

Assim, o leitor verá cada vez mais valor nos materiais que você oferece, fortalecendo a sua relação.

Como fazer um infográfico

Bom, já falei sobre todos os elementos essenciais de um infográfico, e algumas dicas que devem ser consideradas na hora de executar o seu projeto.

Agora, vamos para mais alguns lembretes importantes para que você consiga fazer um infográfico incrível, capaz de gerar excelentes resultados!

Mantenha sua identidade visual

O infográfico é um formato de conteúdo poderoso para você atrair muitos usuários e potenciais clientes. Ele também tende a ter muito engajamento, alcançando ótimos números de compartilhamentos.

É, portanto, uma estratégia eficaz para que sua marca seja amplamente divulgada.

Mas de nada vai adiantar isso acontecer se o seu material não representar, visualmente, a sua empresa. Certo?

Por isso é tão importante manter a sua identidade visual em todos os materiais que você criar.

Imagine um anúncio em uma revista. Tenho certeza que você cuidaria para que as fontes, cores, imagens e logotipo fossem aplicados de maneira correta, exatamente como prevê o seu guia de marca, certo?

Com materiais online isso não é diferente.

Mesmo que você utilize templates gratuitos, pré-prontos, você tem a opção de personalizar o seu infográfico com os elementos da sua identidade.

Não faça isso, e você estará desperdiçando uma incrível oportunidade – e ninguém gosta de perder oportunidades, não é mesmo?

Criando Backgrounds Para o Seu Infográfico

O infográfico deve ter um apelo visual interessante. Por isso, a não ser que você tenha um conteúdo bastante intenso de volume de texto, cores e imagens, você deve ter um background que converse com o seu material.

O fundo do infográfico pode auxiliar a leitura, facilitando o contraste. É também uma boa oportunidade para você fortalecer a sua identidade, com um background criado com cores, formas e marca da sua empresa.

Coloque um CTA em seu infográfico

Não deixe de colocar um call-to-action! Aproveite que você estará atraindo inúmeros potenciais clientes e dê a eles uma ação para ser concluída.

Você pode conseguir informações estratégicas para o seu trabalho apenas disponibilizando um botão com uma chamada atrativa e que tenha alguma relação com o assunto tratado no material.

Uma dica importante: foque em apenas um CTA!

Você não quer confundir seu usuário, nem dispersá-lo entre diferentes ofertas, certo?

Pense na sua persona e no que a fez acessar o seu conteúdo. Qual seria o próximo passo mais provável?

Então, ofereça-o em um local visível e que esteja adequado na lógica de ações. Imagine que, ao final de um infográfico, você ofereça um curso completo sobre o assunto tratado.

O banner de divulgação do curso pode ser a “conclusão” do seu material. Dessa forma, o usuário interessado irá clicar naturalmente, buscando novas informações daquele conteúdo que já ganhou sua atenção até ali.

Melhores Ferramentas Para Criar Infográficos

Se você já está apavorado, achando que é muito difícil criar infográficos, fique tranquilo.

Eu listei aqui algumas ferramentas incríveis que vão facilitar muito a sua vida. Muitas são gratuitas e já vêm com diversos templates, ícones e fontes que vão permitir você criar infográficos lindos e sem necessitar de um grande conhecimento em design (embora bom senso seja fundamental).

Confira todas as possibilidades e escolha a que você melhor se adaptar.

Criando o Infográfico Irresistível Com o Visme

crie infográficos com o Visme

O Visme oferece templates prontos para você utilizar na versão gratuita. Você pode modificar os itens para montar o seu infográfico, conforme a sua necessidade.

A ferramenta oferece uma boa quantidade de fontes, imagens, estilo e ícones para enriquecer ainda mais o seu material.

Para entender melhor como criar um infográfico utilizando o Visme, vou fazer um passo a passo utilizando uma conta gratuita que criei agora, especialmente para que você veja como é simples.

Passo a Passo Para Criar Um Infográfico no Visme

Vamos, então, ao passo a passo para criação de um infográfico usando o Visme.

Passo 01: Crie uma conta gratuita

crie um infográfico no visme - passo 01

Neste passo, você deve criar uma conta e preencher alguns itens sobre você e a sua empresa, incluindo o seu objetivo com o uso da ferramenta. Dentre as opções, estão a de gerar buzz, informar ou educar a audiência, divulgar um produto ou serviço, explicar um conteúdo complexo, entre outras.

Uma vez concluída esta etapa, vamos escolher o tipo de material que desejamos criar.

Passo 02: Escolher o modelo

Na barra superior, selecione a opção “Infográfico”.

crie um infográfico com visme - passo 01 a

Logo abaixo, irão aparecer diversas opções de templates, divididos por estilo.

Dentre as opções estão Featured, Processo, Timeline, Relatórios, Informativo, Hierárquico, Como fazer, Anatomia, Negócios, Vendas e Marketing, Causas Sociais, Saúde e Medicina, Educação, Currículos, Ciência e Tecnologia.

Em cada setor, são oferecidos diversos templates, mas alguns estão identificados como “premium”, que só são liberados nos cadastros pagos.

Você ainda pode pesquisar o seu template por alguma palavra-chave, no campo de busca.

crie um infográfico no visme - passo 02 b

Vamos escolher um template e seguir para o próximo passo.

Passo 03: Edite o seu infográfico

Após selecionar o seu modelo, você poderá editar as cores, formas e textos.

Você pode excluir o que você não precisa, substituindo por outros elementos do menu.

Comece editando o conteúdo: adicione os títulos e textos que você planejou no seu esboço. Então, altere as formas, inclua ícones e edite as cores, conforme a sua preferência.

Para exemplificar, vamos ver algumas telas de edição:

  • Cores

crie um infográfico no visme - edite as cores

  • Fontes

crie um infográfico com o visme - edite as fontes

  • Formas e elementos

crie um infográfico com visme - formas

Passo 04: Inclua os links de compartilhamento

O template escolhido já vêm com algumas redes sociais sugeridas, mas você pode excluir ou incluir as que você desejar.

Com os ícones ali, é preciso colocar os links, para que sejam clicáveis e permitam o compartilhamento.

crie um infográfico no visme - passo 04

Passo 05: Publique o seu infográfico

Uma vez concluído o seu infográfico, é hora de publicar.

Clique em “Publish” e preencha as opções.

Antes de publicar, você também pode ver um preview do seu material, para ter certeza de que está tudo conforme o seu desejo.

Importante lembrar que, na versão gratuita, o infográfico é publicado com o logo da ferramenta.

crie um infográfico no visme - passo 05

E pronto!

Você tem um infográfico lindo para ser compartilhado no seu blog, suas redes sociais e onde mais você tiver planejado para divulgação.

Criando o Infográfico Irresistível Com o Canva

crie infográficos com o Canva

O Canva é, provavelmente, a ferramenta mais popular para criação de infográficos. Se você já leu sobre o assunto em outros sites, verá muitos e muitos profissionais indicando o uso dela.

Não é para menos: o Canva oferece inúmeras ferramentas para manipulação de imagens. Além dos infográficos, ainda permite criar arquivos para compartilhar nas redes sociais.

Vale a pena passar um tempo conhecendo todas as possibilidades desta ferramenta incrível.

Para ajudar, montei um passo a passo para você entender direitinho como isso funciona.

Passo a Passo Para Criar Um Infográfico no Canva

Para criar um infográfico usando o Canva, você precisa começar criando sua conta gratuita.

Passo 01: Crie uma conta

Para criar sua conta gratuita, acesse a tela de registro e preencha as informações solicitadas.

crie um infográfico no canva - passo 01

Passo 02: Escolha o seu modelo de material

O Canva tem diversas opções de materiais para você criar. Na listagem, escolha a opção “Infográfico”, pois é o assunto que estamos abordando neste artigo.

Mas deixo a dica: dê uma olhada em tudo que a ferramenta oferece. Existem inúmeros templates que podem ser úteis para você.

crie um infográfico com o canva - passo 02

Passo 03: Brinque de designer ou escolha o seu template

O Canva tem alguns templates prontos, que você pode utilizar.

crie um infográfico no canva - passo 03 a

Mas, se você preferir, você pode criar o seu próprio infográfico do zero.

Com o menu lateral, o Canva oferece diversas opções de formas e elementos para ajudá-lo.

  • Elementos

crie um infográfico com o canva - passo 03 b

  • Textos

crie um infográfico com o canva - passo 03 c

  • Background

crie um infográfico com o canva - passo 03 d

  • Adicione imagens do seu computador

crie um infográfico com o canva - passo 03 e

Para simplificar, vamos seguir utilizando um template sugerido.

Passo 04: Edite o conteúdo

Uma vez escolhido o template, você pode trocar as cores, ícones e o texto do material.

crie um infográfico no canva - passo 04

Não se preocupe em manter a aparência do template original.

Inclua os textos que você havia previsto, e depois reorganize o que for necessário.

Você ainda pode utilizar todo o menu lateral para trocar os ícones e os elementos.

Passo 05: Baixe ou compartilhe seu infográfico

crie um infográfico no canva - passo 05

Você pode fazer download da sua criação em formato PNG para depois divulgá-lo, conforme o seu planejamento.

Se preferir, você também pode compartilhar diretamente através da ferramenta – seja para as redes sociais, colaboradores da sua empresa, etc. Essa pode ser uma forma útil de otimizar o seu tempo e integrar a sua equipe.

crie um infográfico no canva - passo 05 b

Viu como é simples?

Não é à toa que o Canva é a ferramenta mais conhecida para criação de materiais digitais.

Vale muito a pena criar sua conta gratuita o quanto antes e descobrir todas as possibilidades que o Canva oferece.

Mesmo tendo alguns recursos exclusivos para os planos pagos, o gratuito tem opções suficientes para você começar a investir seu tempo na criação destes formatos diferenciados de conteúdos, e conquistar excelentes resultados!

Vantagens de Utilizar o PIKTOCHART

crie infográficos com o PiktoChart

Esta ferramenta, além dos infográficos, ainda permite criar apresentações e printables.

Para os infográficos, ele disponibiliza gratuitamente 11 templates personalizáveis. Você pode adicionar ou remover os itens que deseja, alterar as cores, incluir suas imagens, e manipular totalmente os arquivos.

A vantagem de ter modelos prontos é que servem de inspiração para embasar suas criações.

Vantagens de Utilizar o EASEL.LY

crie infográficos com easel.ly

O Easel.ly é um site completo que oferece 15 temas personalizáveis. É muito fácil de mexer, bastando clicar, arrastar e editar os textos conforme sua necessidade. Você pode, inclusive, trocar o fundo, incluir imagens do seu computador, entre outras funções avançadas.

Basta soltar a imaginação para criar infográficos incríveis.

Vantagens de Utilizar INFOGR.AM

faça infográficos com o infogram

O Infogr.am permite que você importe uma planilha de Excel com todos os dados tabulados. Então, ele organiza tudo em um lindo gráfico, no formato que você desejar!

Você pode se registrar com uma conta social, como a do Facebook.

O plano free oferece seis templates para sua escolha.

Vantagens de Utilizar o VENNGAGE

faça infográficos com o venngage

Faça infográficos que as pessoas vão amar. Esse é o slogan do Venngage, que oferece inúmeros templates com gráficos e imagens, e permite personalização de cores e fontes, deixando o seu infográfico único e com a cara da sua empresa.

Conta com suporte de atendimento online, 24 horas por dia, 7 dias por semana. Além da equipe, a empresa oferece uma comunidade privada de profissionais e empresários, como você, para troca de ideias e experiências.

Embora a maior parte das funcionalidades estejam disponíveis nos planos pagos, você pode se registrar gratuitamente e testar o plano free para conhecer a ferramenta.

9 tipos de modelos de infográfico e quando usá-los

Você pode criar infográficos que serão virais, se você entender a psicologia por trás de um conteúdo viral.

Entretanto, se você quer construir um negócio online de sucesso, você precisa de dicas práticas.

É por isso que, agora, vou falar sobre os tipos de infográficos mais comuns e o que podemos aprender com eles.

1. Infográficos estatísticos

Este modelo se vale de dados estatísticos retirados de levantamentos, pesquisas e estudos diversos, seja para reforçar um conhecimento ou contar uma história e agregar valor ao conteúdo.

O destaque, portanto, vai para as informações que ele traz.

É algo que se repete no nosso próximo modelo de infográfico.

2. Infográficos informativos

Privilegiando a informação, este tipo de peça visual se diferencia do anterior por oferecer conteúdo, mas não estatísticas.

Apesar disso, números são bem-vindos, especialmente no título.

Seria o caso, por exemplo, se eu apresentasse a você uma criação com “9 tipos de infográfico”, trazendo ícones para ilustrar cada um deles, em vez de usar uma lista, como faço agora.

3. Infográficos de cronograma

Este modelo é ideal para contar uma história, com início, meio e fim.

Ele se aplica especialmente quando há uma sequência cronológica linear, destacando fatos importantes para a compreensão do contexto.

Cada período destacado deve vir acompanhado de um elemento visual e uma breve descrição.

4. Infográficos de processo

Sabe quando você quer explicar o funcionamento de algo? Pode ser de uma máquina, um sistema ou um processo qualquer.

Imagino que você pense na descrição de um passo a passo, certo?

Pois é justamente isso que este tipo de infográfico faz.

Ele apresenta uma sequência de etapas para chegar a um resultado – todas elas numeradas, o que facilita a compreensão.

5. Infográficos geográficos

A principal característica deste modelo de infográfico é a presença de mapas.

Imagine, por exemplo, um mapa da dengue no Brasil, que mostre o avanço da doença nas diferentes regiões do país, trazendo número de casos e as áreas de maior incidência em cores marcantes.

Pronto: você visualizou mentalmente a representação perfeita do que é um infográfico geográfico.

A diferença de cores é também chamada de mapa de calor, justamente para destacar as áreas do mapa onde a informação central da peça se destaca.

6. Infográficos de comparação

Não tem segredo: esta peça é exatamente o que ela sugere.

O infográfico de comparação apresenta um comparativo entre dois itens, que podem ser dois produtos de mesma função, mas fabricantes diferentes.

Colocar dois smartphones de marcas diferentes lado a lado e destacar cada um dos seus principais componentes é um bom exemplo desse tipo de peça.

Mas poderia ser usado para comparar aspectos físicos e de desempenho de Messi e Cristiano Ronaldo, por exemplo.

Visualmente, é um infográfico tradicionalmente dividido ao meio, o que facilita o seu objetivo.

7. Infográficos hierárquicos

Você lembra da chamada pirâmide alimentar?

Ou de outra pirâmide famosa, a de Maslow, que aborda a teoria das necessidades humanas?

Ambas são exemplos de infográficos hierárquicos.

Ou seja, que apresenta as informações de forma a deixar clara uma ordem de importância e grandeza.

É uma estratégia de organização de conteúdo também bastante comum em organogramas de empresas.

8. Infográficos de lista

O infográfico em lista poderia se encaixar na categoria dos informativos, que citei antes.

Afinal, tem características parecidas, como o uso de números para identificar cada item da lista, podendo se valer ainda de ícones e ilustrações para facilitar o entendimento e tornar a peça mais atrativa.

Mas para fugir do lugar comum, pode ser uma boa ideia experimentar layouts diferentes, mas sem fugir da sua característica principal.

9. Infográficos de currículo

Para terminar, veja que bacana o template abaixo do site Resumes.

Trata-se de uma versão moderna do tradicional currículo.

Dependendo da empresa para a qual você quer se apresentar, parece bem mais atrativo usar essa abordagem, concorda?

infografico curriculo

Tenha uma estratégia para seu infográfico gerar visitas e leads!

Qual será o uso que você pretende fazer do seu infográfico?

Seria um desperdício criar uma peça fantástica sem dar a ela um objetivo, concorda?

Então, estou aqui para lhe dizer que você deve usá-la para gerar visitas ao site e leads, que são potenciais clientes do seu negócio.

Uma primeira opção é adicionar o infográfico a um post de blog, com visualização liberada e divulgação via redes sociais.

Talvez a peça desperte a atenção das pessoas e leve muitas delas a visitar seu site e conhecer mais sobre outros textos e sobre as próprias soluções que a marca oferece.

Você pode complementar a estratégia ao oferecer o código para que outros sites possam “embedar” o material, dando maior visibilidade a ele e aumentando o alcance da sua marca.

Mas também pode disponibilizar o infográfico como um material rico.

Ou seja, tal qual um ebook, o usuário precisa fornecer seu nome e e-mail em um formulário para acessar o conteúdo.

Quando ele faz isso em um landing page, passa a fazer parte do seu grupo de leads e pode ser nutrido com mais informações relevantes durante a jornada de compra.

O importante é não ver a peça como uma ação isolada.

Estratégia de infográficos no marketing de conteúdo

infográfico - case Copyblogger

O Copyblogger tem sido por muito tempo um dos meus blogs de marketing de conteúdo favoritos.

Para ter sucesso com marketing de conteúdo, você precisa trabalhar consistentemente para criar um conteúdo sobre um tópico conhecido, enquanto continua a oferecer algo novo e valioso.

Adicione mais valor ao tópico para que, quando os seus prospects lerem o seu conteúdo, tenham uma experiência diferente. É exatamente isso que o Copyblogger faz com os seus infográficos.

No infográfico que trago como exemplo, eles foram muito espertos!

A começar pelo título, que já é cativante: 15 Gafes de Gramática Que Vão Fazer Você Parecer Ridículo.

Erros gramaticais são muito comuns.

Diversos escritores, autores e professores fizeram de tudo para ajudar pessoas a criar um conteúdo impecável, corrigindo os erros gramaticais – mas o Copyblogger foi mais inteligente. Em vez de criar outro post, eles criaram um infográfico profissional e de alto valor.

Com a autoridade e a popularidade do Copyblogger, este infográfico teve um número de compartilhamentos sociais altíssimo: 263.100!

O infográfico foi muito promovido no Pinterest e em outros lugares.

Quanto mais compartilhamentos você receber no Facebook, no LinkedIn, no Twitter, no Pinterest, etc., mais chances você tem de melhorar a sua classificação nos rankings do Google.

Compartilhamentos podem não impactar o desempenho de pesquisa diretamente, mas esses sinais sociais dizem uma coisa para o Google: o seu conteúdo é útil – pois se ele não fosse, porque as pessoas estariam perdendo tempo compartilhando ele?

Por isso, vale a pena você incluir no seu planejamento a estratégia de divulgação do conteúdo nas redes sociais, para garantir maior alcance e, assim, ampliar suas chances de engajamento.

Encontre a audiência certa para o seu infográfico

Eu criei um post com o título “Como Conseguir Muitos Compartilhamentos nas Redes Sociais Com Seu Post do Blog.” Os meus leitores o amaram.

infográfico - case Neil Patel

Na ocasião, eu criei o infográfico acima, mas não obtive muita atração por ele no meu blog.

Então, mais tarde, resolvi republicá-lo no Entrepreneur.com, um site de autoridade onde eu faço contribuições regularmente.

O resultado foi impressionante. Através de um esforço combinado, o infográfico, que se aprofunda no tópico “A Psicologia Por Trás do Porque Nós Curtimos, Compartilhamos e Comentamos no Facebook,” gerou mais de 12.000 compartilhamentos sociais.

O principal aprendizado que obtive ao fazer, publicar, republicar e promover esse infográfico foi que, às vezes, o conteúdo que você achou que ia ser útil para a sua audiência, pode não dar certo com eles.

Neste caso, o importante é não desistir e buscar encontrar a audiência que poderá se interessar pelo seu material.

Conclusão

Infográfico é uma estratégia muito eficaz para aumentar a sua autoridade, conseguir engajamento dos usuários e gerar leads qualificados.

Eu mesmo tenho aproveitado para criar infográficos e gerar mais de 300 mil leitores para o blog do KISSmetrics todos os meses.

Este tipo de formato de conteúdo não é mais uma opção, é uma necessidade para todo negócio que pretende ter algum sucesso com marketing digital.

E você viu que não é difícil! Existem ferramentas gratuitas que podem lhe ajudar a dar o primeiro passo.

Com o tempo, você vai aprendendo o que melhor funciona para você, podendo até arriscar na criação de infográficos sem a necessidade de templates.

Comece pelo começo e estipule um objetivo para o seu material. Então, defina a sua persona e descubra sua necessidade.

Com isso em mente, você será capaz de oferecer as respostas pelas quais seus usuários estão sedentos. Tendo um conteúdo útil, eles ficarão felizes em divulgá-lo.

Lembre-se, também, que você deve planejar uma boa estratégia de distribuição do seu material nas redes sociais. E, claro, não deixe de fazer isso sem que seu infográfico tenha um call-to-action para aproveitar o tráfego e gerar leads.

Espero que tenha gostado do conteúdo.

Agora, quero saber: sobre que assunto você pretende criar o seu primeiro infográfico? Se você já trabalha com infográficos na sua empresa, compartilhe conosco o seu aprendizado e resultados obtidos. Deixe um comentário!

Compartilhe