Engajamento: O Que É, Importância, Como Criar e Aumentar

psychology

Sua estratégia precisa de engajamento.

E se ainda não entende a razão, eu posso explicar.

Já não é mais novidade que as mídias sociais superaram o e-mail ao tomarem o topo da atividade na internet.

Em uma duração média de 1 hora e 40 minutos, as redes sociais ocupam 28% do tempo total gasto por um usuário médio da internet.

Sob o ponto de vista de um negócio, essa é a uma excelente notícia para você.

Afinal, você pode investir em plataformas sociais para se conectar e se comunicar com 2,307 bilhões de usuários ativos de mídias sociais.

image32

Muitos negócios aproveitaram rapidamente essa oportunidade de marketing.

De acordo com um estudo do LinkedIn, 81% dos pequenos e médios negócios utilizam as mídias sociais.

O fato é que a competição para obter a atenção do consumidor se tornou feroz. Veja as informações sobre a explosão das redes sociais a cada segundo.

Além disso, a sua batalha para ganhar a atenção da sua audiência de interesse não se limita ao seu negócio.

Você está competindo com fotos e vídeos de gatinhos fofos, cachorros e bebês compartilhados pelos amigos dos seus clientes em potencial nas mídias sociais.

Não entre em pânico.

Eu conheço uma disciplina acadêmica que pode ajudar você a vencer a batalha contra os seus competidores, ao mesmo tempo em que faz de você um profissional de marketing melhor…

A psicologia.

Entre tráfego e números de conversão, você pode se esquecer de que existem pessoas reais do outro lado da tela, não apenas dados.

É por isso que eu amo tirar lições de disciplinas centenárias. Elas podem impactar tremendamente o seu negócio.

Com esta leitura, você se surpreenderá a respeito de como teorias sobre o comportamento humano e a mente podem ajudar você a entender os seus consumidores e atender às necessidades deles por meio das mídias sociais.

Vamos em frente?

Antes de continuar, se você quer aumentar sua vendas e saber quais são as melhores estratégias para promover seu negócio online, clique aqui para receber o Guia Completo de Marketing Digital.

guia completo de marketing digital

O que é engajamento?

O dicionário Michaelis descreve engajamento como o “ato ou efeito de engajar”, um envolvimento ativo com as circunstâncias.

De fato, a definição literal não está longe do nosso uso mais comum da palavra.

Dentro de uma estratégia de marketing, o engajamento é o indicador principal que vai revelar se suas ações são ou não eficientes na tarefa de se comunicar com o público.

Ele é medido por meio de um cálculo que considera a média de interações registradas dividida pelo alcance total da marca nas redes sociais.

Existe ainda outro uso para o termo, que leva em conta o quanto a equipe de uma empresa está envolvida no processo de produção.

Esse tipo de engajamento profissional é bastante importante para garantir um time alinhado e que age de maneira eficiente para atender bem o cliente.

Engajamento social x profissional

O termo “engajamento” carrega diferentes significados, dependendo do contexto.

Como mencionei, o engajamento profissional é aquele que podemos observar em equipes de trabalho.

Aqui, as pessoas executam suas tarefas em troca de uma remuneração preestabelecida.

A história é um pouco diferente na atuação voluntária ou filantrópica.

Nesse contexto, os indivíduos se engajam com as atividades que precisam ser feitas sem a expectativa de serem recompensados financeiramente.

O engajamento social, portanto, está ligado a todo aquele trabalho que é feito de maneira altruísta.

O que significa engajamento nas redes sociais?

Nas redes sociais, o engajamento é a métrica utilizada para medir o quanto o conteúdo de uma marca está, de fato, alcançando sua audiência.

Esse indicador informa a porcentagem do público total que está sendo impactado pela comunicação proposta a ponto de interagir com a página.

O cálculo é feito a partir da quantidade média de interações registradas em um período ou publicação e o alcance total da marca naquela mídia.

Consideramos todas as interações registradas para fazer a conta: as reações, os comentários, compartilhamentos, cliques, retuítes e menções.

Esse total pode ser segmentado por campanha, post ou período de tempo – depende da sua estratégia de mensuração.

O resultado dessa soma deve ser, então, dividido pelo alcance total da página da empresa naquela rede, que é a quantidade de seguidores.

Já o número decimal que vai resultar dessa conta pode ser multiplicado por 100 para obter a taxa percentual de engajamento do perfil.

Qual é a importância do engajamento nas redes sociais?

Hoje em dia, olhar apenas para o tamanho do público conquistado já não é suficiente para avaliar a presença de uma marca na web.

Muito mais do que a contagem de seguidores, é o engajamento que vai ajudar você a medir a eficácia das suas ações em curto e médio prazo.

A métrica é, portanto, um ótimo termômetro para avaliar a eficácia das ações propostas pela equipe de marketing.

Quanto mais pessoas respondendo às publicações de alguma forma, maior é o engajamento e mais bem alinhada está a sua comunicação.

Além disso, a adoção de algoritmos por parte das redes sociais fez com que nem todo conteúdo apareça na timeline dos usuários – elas costumam priorizar os posts que engajam mais.

Então, ao conseguir ajustar sua comunicação para ter um bom engajamento com seu público, você eleva também as chances de impactar novos clientes em potencial.

O que é engajamento no Instagram?

Se você gerencia páginas de Instagram, sabe bem que entender o engajamento dos posts é bastante importante para confirmar a eficácia do trabalho que está sendo feito.

Aqui, o cálculo segue o mesmo que eu expliquei para outras redes: a soma das interações (curtidas, compartilhamentos, cliques e comentários) é dividida pelo alcance total (número de seguidores).

Mas, caso você não tenha acesso ao número consolidado de interações, é possível buscar a taxa média de engajamento em ferramentas de monitoramento e estatísticas de mídias sociais.

Quais são os resultados do engajamento para a equipe da sua empresa?

Quem investe em ações de engajamento profissional pode observar diversas vantagens em sua empresa.

Desde um aumento nos níveis de produtividade da companhia até um crescimento na satisfação da equipe, são várias as áreas que podem ser afetadas positivamente.

Confira abaixo os principais benefícios que resultam do esforço de otimizar o engajamento.

Maior produtividade

Como vantagem, posso começar citando uma melhora geral na produtividade.

A empresa que consegue engajar todos os profissionais em torno do trabalho que precisa ser feito acaba tendo mais facilidade de produzir e entregar na data prometida.

Ao aumentar o número de pessoas envolvidas no processo decisório, você garante que todas as áreas estarão bem representadas no planejamento.

Assim, na hora de colocar o plano em prática, ele já está ajustado e adaptado para que não trave em nenhuma etapa da produção.

Redução do desgaste com o trabalho

Quando você consegue engajar a equipe toda em suas atividades, existe um menor desgaste com o trabalho.

Isso porque, antes de começar a execução, houve uma participação direta dos profissionais de diferentes setores no planejamento.

Desse modo, na hora de executar as tarefas, o trabalho já foi otimizado e os fluxos melhorados de maneira a garantir que tudo saia nos conformes, sem equívocos ou erros de cálculo.

Aumento da motivação

Por fim, o engajamento profissional também tem como consequência um aumento na motivação geral da sua equipe.

Como são chamados a participar das etapas de planejamento e análise, os colaboradores se sentem mais valorizados em seu trabalho.

A observação de que suas sugestões estão sendo aplicadas na prática e resultando melhorias motiva os trabalhadores a se manterem engajados com suas funções por muito mais tempo.

O que faz uma equipe ficar engajada?

Na hora de engajar uma equipe e mantê-la motivada, não existe tanto segredo.

Para quem é gestor, é importante entender que o desejo principal do trabalhador é se sentir valorizado na realização das suas atividades e em sua colaboração para o todo.

O profissional engajado deve, sobretudo, estar confortável o suficiente para contribuir.

E, para que isso aconteça, sua empresa deve lançar mão de ferramentas para garantir um canal direto por onde o colaborador possa apresentar sugestões para a chefia.

Dentro da comunicação interna, é fundamental investir em estratégias de endomarketing capazes de gerar ações de engajamento.

Também pode ser interessante propor um sistema de metas, no qual o profissional tem objetivos claros e recebe bonificações sempre que atinge o que foi proposto.

São diversas as ações de engajamento possíveis e cabe ao gestor, junto do departamento de recursos humanos, avaliar aquelas que são mais compatíveis com o perfil da equipe.

Como criar engajamento com o seu público?

Se você procurava formas de engajar com o seu público nas redes sociais, não precisa mais procurar.

Essa é uma métrica que mede o quão eficazes suas estratégias de marketing digital estão sendo.

Criar engajamento nada mais é do que compreender quem é o seu cliente e apresentar conteúdos que estão dentro do seu leque de interesses.

Para ajudar você nesse processo, eu separei abaixo algumas dicas práticas para engajar.

Identifique quem é o seu público

O primeiro passo de qualquer estratégia de marketing é conhecer bem o público que você quer atingir.

Hoje em dia, o conceito de “persona” ganhou espaço no lugar de “público-alvo”.

Bem mais específica, ela nos permite atribuir características e isolar comportamentos para segmentar a comunicação de maneira personalizada.

Na sua pesquisa, pode ser que você descubra, inclusive, que a marca tem mais de uma persona em seu público das redes sociais e que, por isso, a comunicação deve ser ajustada de acordo.

Descubra o que o seu público gosta

Depois de descobrir exatamente quem é o seu público – ou suas personas – você consegue começar a buscar os gostos tendo esse consumidor ideal em mente.

Para entender como ele se comporta, pode ser relevante aplicar pesquisas de opinião, utilizando uma amostra da clientela para levantar os interesses.

Além disso, as próprias redes sociais oferecem insights importantes sobre idade, localidade, gênero, preferências, entre outros dados do público.

Mantenha contato com o seu público em vários lugares diferentes

O uso de mídias sociais deve ser sempre entendido como um canal de comunicação com o público, não uma página da empresa na web.

Isso porque o seu perfil está hospedado dentro daquela rede, que pode mudar suas regras ou cair em desuso a qualquer momento.

Portanto, é fundamental manter contato com o seu público em diversas frentes para garantir o vínculo com ele.

Fortaleça a presença nas redes sociais

De nada adianta criar perfis para sua empresa em todas as mídias sociais se você não pretende movimentar as páginas para interagir com os consumidores.

Uma presença forte nas redes só é atingida por aquelas marcas que estão dispostas a trabalhar em sua comunicação periodicamente, buscando melhorar a cada dia.

Crie conteúdos relevantes para o seu público

Por último, a minha dica é nunca descuidar do conteúdo que você posta.

Muitas vezes, o baixo engajamento da audiência é explicado pela falta de apelo daquilo que é publicado pela empresa nas redes.

Lembre-se de tudo que você estudou sobre o público e os seus gostos para postar conteúdos que, de fato, sejam relevantes.

7 Dicas para aumentar o engajamento nas redes sociais

Aqui, estão 7 truques baseados na psicologia para elevar o seu engajamento nas mídias sociais em alguns graus.

1. Aumente a sua “prova social” ao permitir que os compartilhamentos sejam contados e dê o pontapé inicial

O fenômeno de prova social é aquele que leva você a seguir o que está sendo dito. Você parte do pressuposto de que as pessoas ao seu redor possuem mais conhecimento sobre uma situação e aí você segue o que elas dizem.

Muitas marcas mostram os seus números de consumidores servidos ou uma indicação de alguma celebridade para aumentar a credibilidade do local. Dê uma olhada no sinal do McDonald’s de “Bilhões e bilhões servidos”.

image15

A prova social esteve por aí há um certo tempo, mas ganhou mais impacto recentemente, por causa das mídias sociais.

Veja o seguinte call-to-action que eu uso na Quick Sprout. Uma vez que muitas pessoas curtiram a minha página, você pode se sentir motivado a me seguir.

image26

Existem 5 tipos de prova social que você pode usar para aumentar a sua influência de marca e impulsionar as suas vendas.

image08

Para aumentar o seu engajamento nas mídias sociais, em particular, você pode usar uma frase de um grande veículo de comunicação. A Equil Smartpen fez isso.

image42

Ou, você pode instalar um contador de compartilhamentos em todos os seus artigos com a opção de compartilhar em grandes plataformas de redes sociais.

image39

Um número menor de botões de compartilhamento darão melhores resultados (muitas opções tendem a paralisar a decisão do usuário).

A inserção correta dos botões de compartilhamento pode ter um impacto significativo nos números de compartilhamentos que você recebe. Depois de dar mais destaque para o seu ícone de ‘Compartilhe Isto’, a AMD conseguiu aumentar os seus compartilhamentos em 3.600%.

image05

Você pode testar mover os contadores de compartilhamentos, para que eles tenham mais visibilidade, dependendo do design do seu blog.

image29

Se você estiver no WordPress, eu compartilhei 5 plugins de compartilhamento neste post que você pode usar para adicionar botões sociais para o seu blog.

image25

2. A emoção mais contagiante nas mídias sociais é a felicidade. Comece com ela em seus cabeçalhos

Lembra quando você sentiu a felicidade do seu amigo ao se casar ou ter um filho, apenas por ver a atualização da foto de perfil dele?

Isso não acontece só com você.

As pessoas compartilham todos os tipos de dores e alegrias nas redes sociais.

image28

E posts com alto valor emocional recebem maiores taxas de compartilhamentos.

image03

Mas entre as 4 emoções amplas (alegria, medo, tristeza e raiva) – Felicidade foi considerada como a mais contagiante em relação às outras negativas.

Estatisticamente, os posts positivos recebem uma média de 1,75 mais respostas positivas de amigos. Posts negativos provocam 1,29 mais posts negativos.

Essa pesquisa dá uma razão a mais para que você compartilhe os marcos e histórias de sucesso da sua marca por meio dos seus canais sociais. Você pode até mesmo compartilhar a foto do seu time feliz , como a Zappos faz abaixo. Dá um toque humano à sua marca e espalha a felicidade.

image40

Ou mostre o seu lado engraçado, como a Nutella.

image41

Talvez você possa complementar as suas atualizações com emoticons relevantes para comunicar felicidade. A Zazzle media percebeu que os posts de Facebook com emoticons receberam 57% mais likes, 33% mais comentários e 33% mais compartilhamentos do que aqueles que estavam sem eles.

image00

Além disso, cabeçalhos emotivos desempenham melhor nas mídias sociais. Então, tente evocar sentimentos positivos com o seu cabeçalho, ao utilizar palavras de gatilho.

image18

Para uma análise de sentimentos do seu cabeçalho, você só precisa inseri-lo na ferramenta de análise de cabeçalhos da CoSchedule. Então, desça até a palavra-chave e à seção de sentimentos.

image14

3. Fazer o retargeting dos visitantes do seu website nas mídias sociais os levará a ter a experiência do fenômeno Baader-Meinhof

Suponha que você tenha ouvido a abreviação ‘SEO’. E, de repente, começou a aparecer em todos os lugares. Por ser algo recente, você prestaria mais atenção ao assunto. Então, ele gruda na sua memória e não passará batido.

Isso é chamado de fenômeno Baader-Meinhof ou da ilusão de frequência. E não se limita apenas a aprender novas palavras, mas até mesmo às suas experiências pessoais. Se você estiver considerando comprar um Audi, você perceberá mais carros Audi nas ruas.

image37

Então, quais são as implicações da ilusão de frequência para os profissionais de marketing?

Como marca, você pode mostrar repetidamente a sua mensagem para clientes em potencial. Uma vez que a ilusão de frequência entrar em ação, qualquer mensagem fará com que a sua marca pareça mais familiar e isso construirá a confiança do seu espectador.

Dessa forma, a WordStream descobriu que as taxas de conversão aumentam com mais impressões de anúncio .

image36

Nas mídias sociais, você pode segmentar os visitantes que abandonaram o seu site ao lançar campanhas de remarketing. Os anúncios de remarketing no Facebook possuem 3 vezes mais engajamento do que os anúncios normais.

image04

Eu pessoalmente já usei o remaketing para impulsionar a minha taxa média de fechamento em 28%.

image38

Se você quer lançar a sua primeira campanha de remarketing no Facebook, você precisará primeiramente instalar um pixel no seu website. Leia este artigo sobre remarketing para instruções detalhadas.

image11

4. Foque no que o usuário de mídias sociais perde se ele não testar o seu produto ou não clicar no seu post

Você já teve a sensação de que os seus amigos estão se divertindo e vivendo experiências gratificantes ao navegar pelas fotos deles no seu feed do Facebook? Você se sentiu culpado por utilizar mal o seu tempo ou triste por não estar com eles durante aqueles momentos incríveis?

Então, você provavelmente está sofrendo de Fear of Missing Out (FOMO), ou Medo de Ficar por Fora.

image12

O medo provavelmente levará você a se comprometer demais e falhar em cumprir o que promete. Ou você não se compromete com nada – para não perder uma experiência que pode mudar a sua vida e que ainda pode acontecer.

O FOMO é o combustível para o vício nas mídias sociais. Em um estudo da My Life, mais da metade dos usuários de mídias sociais admitiu ter medo de perder alguma novidade importante ou uma notícia. Então, eles não se distanciam dos seus feeds por muito tempo.

image10

As marcas precisam exercitar o cuidado ao tentar alavancar o FOMO nas mídias sociais. Só faça promessas que você pode cumprir. Não manipule a sua audiência para conseguir mais cliques nos seus posts.

Um típico exemplo de uso do medo são os títulos clickbait. Frases como “faça isto…antes de morrer”, “as coisas mais importantes na sua vida”, “se você assistir a um vídeo hoje…” e outros similares tentam persuadir você por meio do medo.

image30

Então, se por um lado esses cabeçalhos do BuzzFeed chamam atenção, às vezes eles são exagerados e recebem críticas. Aqui estão alguns cabeçalhos no estilo BuzzFeedstyle que você pode usar com segurança. image19

Se os seus fãs no Facebook possuem um bom relacionamento com você, peça que eles para ativarem as notificações para as suas atualizações. Desse jeito, eles nunca irão perder os últimos acontecimentos da sua marca. E você ainda pode aumentar um pouco o seu alcance orgânico.

image34

Aqui está um tutorial da Amy do Savvy Sexy Social que mostra como você pode ativar as notificações:

5. Crie empolgação com o seus posts nas mídias sociais, ao prometer a entrega de segredos para o outro lado

Humanos são curiosos por essência. Nós queremos entender como as coisas funcionam e por que elas sequer existem.

Quando você não está a par de um assunto específico e quer saber mais sobre aquilo, a falta desse conhecimento é chamado de gap de curiosidade. Estudos de fMRI mostram que a representação é uma curva em formato de U invertido.

image31

Mas como você pode alavancar o gap de curiosidade dos seus posts nas mídias sociais?

Ao provocar a sua audiência com informações limitadas.

image17

Isso aumentará o interesse e eles sentirão um desejo de preencher o espaço vazio causado pela falta de informação ao clicar no seu post de mídia social.

Assegure que você vai focar em questões que a maioria da sua audiência possui. Você pode encontrá-las ao procurar pelo seu nicho em sites de perguntas e respostas como o Quora.

image07

Você pode fazer uso de palavras de gatilho como quem, quando, onde, como, qual e o que para engajar com a sua audiência nos seus posts nas redes sociais.

image20

E adicionar o‘porquê’ pode ser a estratégia mais efetiva para direcionar as ações da sua audiência.

image27

6. Faça a sua audiência se sentir especial e comece a sua relação com influenciadores ao dar…

Você se sente impelido a retornar o favor de um amigo? Por exemplo, se ele te manda um presente pelo seu aniversário, você se sente influenciado a fazer o mesmo no aniversário dele?

Provavelmente.

Você não está sozinho. Esse é o princípio da reciprocidade em ação – as pessoas respondem de maneira simpática a comportamentos agradáveis.

O que isso significa para um negócio como o seu?

Tente se esforçar para fazer algo realmente agradável para a sua audiência. Faça-os se sentirem especiais com ações inesperadas de gentileza ou com a oferta de um desconto exclusivo.

Deixe eu compartilhar um exemplo brilhante de como a Samsung construiu defesa de marca por meio de interação com o consumidor. Shane Bennett era um cliente leal de Samsung e pediu um Galaxy S3 de graça. Para incrementar, ele ainda anexou um desenho de um dragão rugindo.

image33

A Samsung enviou para ele o celular, com um case customizado com o dragão que ele havia criado.

image02

O acontecimento ganhou cobertura da mídia e muitos seguidores leais para a Samsung nas mídia sociais.

Você também pode usar esse princípio para se conectar efetivamente com os seus influenciadores de mídias sociais.

Lembra quando você mencionou um influenciador no seu tweet e pediu a ele que compartilhasse o seu artigo?

Então, não é assim que funciona.

Gary Vaynerchuk é o autor do livro “Jab, Jab, Jab, Right Hook”, o que em uma tradução simples é algo como “Dê, dê, dê, então Peça”.

image13

Esse é o mantra que você deve ter, ao tentar construir o seu relacionamento com influenciadores nas mídias sociais.

Compartilhe o conteúdo deles de maneira consistente e os faça saber disso (ao mencioná-los no Twitter/Google + manualmente).

image23

Considere adicionar um comentário personalizado . O influenciador irá apreciar o tempo que você gastou para adicionar os seus insights.

image22

Apenas peça para eles um favor (como fazer guest posting no site deles ou ter o seu conteúdo compartilhado) depois deles terem percebido uma gentileza sua.

7. Saia com os seus seguidores nas redes sociais, agregue valor e se divirta – isso dará um senso maior de pertencimento.

Além da necessidade de comida e abrigo, humanos também desejam serem aceitos como membros de um grupo social (grande ou pequeno). Eles querem fazer parte de algo maior do que eles mesmos. Abraham Maslow colocou o pertencimento no terceiro nível de sua hierarquia de necessidades.

image35

Então, quais são as implicações do senso de pertencimento nas mídias sociais?

Dr. Stephanie examinou a ameaça ao pertencimento e necessidades relacionadas no Facebook e concluiu que uma “grande participação nas mídias sociais dava aos usuários um senso maior de conectividade”.

Marcas podem alavancar esse fenômeno psicológico com engajamento frequente com os seus fãs e seguidores nas mídias sociais. Se você responder questões e permanecer transparente, pode criar uma comunidade bem consistente.

image06

Você também pode realizar pesquisas, ocasionalmente, para envolver a sua audiência e entender as suas expectativas.

image24

Você também pode fazer um hang out ao vivo com a sua audiência de mídias sociais, ao usar apps de streaming de vídeo como o Periscope.

image01

Ou utilize o recurso ao vivo do Facebook e aumente o seu alcance orgânico.

image16

Vin Diesel usou o Facebook Live para interagir com mais de 1 milhão de espectadores.

Conclusão

As mídias sociais são um brilhante canal de marketing para ampliar o alcance da sua marca.

Mas a sua mensagem precisa se destacar em meio à imensa quantidade de informação que é compartilhada nas redes sociais todos os dias.

A psicologia é uma ferramenta poderosa para ajudar você a entender como a sua audiência de interesse pensa.

Comece com um dos sete truques que eu compartilhei nesse artigo e molde os seus posts de mídias sociais.

E, por favor, me mantenha informado sobre os seus resultados.

Qual truque de psicologia para engajamento nas mídias sociais você achou mais fascinante nesse artigo?

Conte para mim em um comentário abaixo.

guia completo de marketing digital

Compartilhe