Neil Patel

Espero que você goste desse artigo. Se você quer que meu time faça o seu marketing, clique aqui.

Consultoria Em E-commerce: Quanto Custa e Como Contratar

laptop em mesa com homem explicando dados de ecommerce em tela

Mais do que hacks ou atalhos, a consultoria em e-commerce é uma boa ideia por apontar caminhos sustentáveis, que podem melhorar a performance do seu negócio online.

É um serviço que parte de soluções colaborativas e personalizadas.

E tem a vantagem de agregar a visão de um ou mais especialistas para qualificar as decisões que guiam uma loja virtual.

Quer saber como? Então, não deixe de ler este conteúdo até o final.

Nos próximos tópicos, vou comentar sobre o trabalho de um consultor em e-commerce, seus benefícios e os segredos para contratar o parceiro ideal para sua empresa.

O que é uma consultoria em e-commerce?

Consultoria em e-commerce é um serviço de aconselhamento customizado, pensado para potencializar as ações da sua loja virtual.

Combinando análise do negócio, do mercado de atuação e das oportunidades na web, o consultor elabora soluções e orienta os gestores rumo à tomada de decisões assertivas.

Muitas vezes, essas soluções se prestam a conferir ou evidenciar um diferencial para o e-commerce, facilitando a atração e a retenção de clientes.

Afinal, apesar de fornecer uma série de possibilidades ao empreendedor, a internet também multiplicou a concorrência nos mais diversos mercados, aumentando a necessidade de se diferenciar para conquistar a preferência do consumidor.

Nesse contexto, quem dispõe da sabedoria de um especialista sai na frente.

Afinal, poderá focar em estratégias testadas e validadas, dispensando erros cometidos pelo consultor ao longo de sua trajetória profissional.

Vêm daí as maiores chances de acerto e consolidação da empresa no ambiente digital.

O que faz um consultor de e-commerce?

mesa de escritório com objetos espalhados e computador com site e-commerce em tela

O consultor de e-commerce é o especialista responsável por avaliar o momento em que o negócio se encontra, sua situação no mercado e particularidades.

Essas informações serão a base para que ele construa uma solução personalizada para a loja virtual ou o negócio como um todo.

Área de inserção do e-commerce, público-alvo, eficiência dos canais de venda e atendimento e estratégias de divulgação online estão entre os principais serviços prestados pelo consultor.

Conhecer o segmento de mercado e o público são as etapas iniciais para consolidar qualquer empresa.

Contudo, as ações na web costumam ser diferentes daquelas usadas no ambiente offline.

Só para dar uma ideia, o comportamento do target pessoalmente é diferente da postura na internet.

No meio online, é possível abandonar uma loja virtual com um simples clique e acessar a concorrência com outro.

Por isso, os canais de venda e, em especial, o atendimento precisam ser amigáveis.

Ou seja, intuitivos e simples de utilizar, com foco na transparência e agilidade para concluir qualquer ação – seja uma compra ou esclarecimento de uma dúvida.

Sites otimizados para buscadores como o Google, com carregamento rápido e adaptáveis a vários tamanhos de tela (responsivos) são indispensáveis para alavancar os negócios no e-commerce.

Por fim, mas não menos importante, estão as atividades e técnicas de divulgação, que se beneficiam de técnicas de marketing digital e de SEO para que a loja seja encontrada facilmente na internet.

Afinal, de nada adianta investir em um site, produtos e meios de pagamento de qualidade se o consumidor não conseguir achar seu e-commerce, concorda?

Quais as vantagens da consultoria em e-commerce?

homem deitado com smartphone em mãos em pagina de e-commerce

A consultoria em e-commerce tem como principal vantagem a diferenciação do negócio, como expliquei acima.

Mas vale lembrar que se trata de uma parceria, ou seja, requer a dedicação tanto do consultor quanto do empreendedor e gestores da empresa para ter bons resultados.

Isso porque a consultoria não engloba a realização das tarefas definidas.

Inclusive, os líderes podem escolher não fazer o que consultor diz.

Contudo, o mais inteligente é tirar as dúvidas, ajustar o que for preciso e executar o planejamento à risca, o que aumenta o aproveitamento do serviço e as chances de sucesso.

Veja, abaixo, 4 outras vantagens de investir no aconselhamento para o desempenho da sua loja virtual.

Experiência de mercado

A maior riqueza da consultoria é a experiência do especialista responsável pelas orientações, que, em geral, acumula formação e vivência prática.

Essa sabedoria é muito relevante para impulsionar qualquer e-commerce, principalmente para empreendedores que estão começando no universo da web.

Em um ambiente em que não se pode demonstrar, tocar ou experimentar um produto, é preciso empregar outras táticas para convencer o usuário a fechar negócio.

Antes de tudo, vem uma aproximação para que ele confie na sua marca, a enxergue como parceira para, então, adquirir os primeiros itens.

Questões técnicas como a otimização SEO, detalhes da URL e imagens também têm sua importância, o que pede uma visão centrada no online.

Consultorias especializadas em e-commerce adicionam esse tipo de conhecimento ao do seu time, reforçando os pilares para melhorar os resultados com a loja virtual.

Capacidade criativa

Repertório e informações sobre a missão, visão e valores da sua empresa são materiais interessantes para forjar soluções criativas.

Ou seja, inovações capazes de deixar seu site em evidência.

E o suporte de um consultor amplia o repertório disponível para sua equipe.

Não estou dizendo que você e outras lideranças sejam incapazes de inovar, mas essa tarefa fica mais simples quando existe a visão de alguém de fora da empresa.

Por vezes, as demandas de rotina consomem a maior parte das suas horas de trabalho, minando a criação de opções diferenciadas.

Com a ajuda de um especialista, você pode se surpreender com a identificação de um mercado pouco explorado, opções para elevar o ticket médio dos seus clientes ou escalar seu negócio.

Pode descobrir parceiros em potencial, formas de enxugar os custos e ampliar seu alcance, chegando a clientes de outras cidades, estados e até países.

Gestão de riscos

Muitos empreendedores deixam essa questão de lado, no entanto, os riscos sempre estão presentes.

Cada ação tomada, ou mesmo a falta de ação, tem seu risco, seja ele baixo, médio ou alto.

Por exemplo, um restaurante que restrinja sua presença ao meio físico está assumindo o risco de paralisar os serviços se precisar fechar o salão, enquanto existem concorrentes que combinam o serviço no salão ao delivery.

É verdade, também, que entrando na internet ele assume riscos distintos.

Entre eles, a publicação de informações sobre seu cardápio e mudanças na experiência do cliente, uma vez que o consumo em casa é diferente de se alimentar no restaurante.

O que aumenta a segurança das operações de qualquer empresa é correr riscos calculados.

Falo sobre contar com pessoas qualificadas para projetar cenários e preparar a equipe para lidar com eles.

Uma consultoria pode ajudar no desenvolvimento de uma cultura focada na prevenção de grandes perdas, saúde financeira e sustentabilidade.

Preparação das lideranças

Outra vantagem interessante da consultoria em e-commerce é o aprendizado que ela proporciona para todos os envolvidos.

Por um lado, o consultor aprende sobre o negócio para pensar em soluções que façam sentido.

Por outro, o empreendedor adquire a confiança e conhecimento necessários para tocar a estratégia online, mesmo após o fim da consultoria.

Porque, sim, essa orientação tem início, meio e fim, além dos prazos para a implementação de cada etapa dela.

Mas as lideranças que realmente prestam atenção e se esforçam para testar as soluções propostas pelo consultor são preparadas para dar continuidade às ações, estendendo os benefícios e o sucesso no ambiente digital.

Dependendo do contrato e serviços combinados, recomendações e treinamentos podem ser dados, também, a funcionários de departamentos estratégicos, como marketing e vendas.

Qual é o preço da consultoria de e-commerce?

O preço de uma consultoria é tão variável quanto os serviços ofertados.

Ações pontuais para o apontamento de melhorias na loja virtual, por exemplo, custam menos que um projeto de avaliação para o lançamento de um e-commerce.

Por um motivo óbvio: a análise mais completa exige um período maior, mais ações e dedicação por parte do consultor.

A dica é avaliar esse e outros fatores na hora de contratar o serviço, por exemplo:

  • Porte da empresa
  • Região em que se localiza e média de valores cobrados nessa cidade ou estado
  • Objetivo da contratação
  • Natureza do serviço (direcionado a vendas, marketing, etc.)
  • Profissionais envolvidos na consultoria
  • Quantidade e periodicidade das reuniões de análise e acompanhamento
  • Necessidade de treinar mais funcionários para alcançar as metas.

Outro ponto é o canal que receberá apoio do consultor, que pode ser próprio ou de terceiros (marketplace).

Marketplace

Quem deseja expandir o negócio, marcando presença em grandes espaços de venda, pode aproveitar o direcionamento da consultoria para se posicionar e ficar em evidência.

Partindo de orientações sobre títulos, identidade visual, carrinho de compras e entrega, é possível alcançar o target certo.

Além disso, estreitar a relação com o consumidor, abrindo oportunidades para que ele conheça melhor a sua marca.

Marca

Este tipo de consultoria é mais comum, pois trata do investimento no canal próprio do empreendedor para elevar a audiência, atrair mais pessoas para o funil de vendas e fechar mais negócios.

Pode incluir reparos nas páginas, hospedagem do site, links e URLs, fotografias, identidade visual, textos e incentivos para reduzir, por exemplo, o abandono de carrinhos de compras.

Como Contratar?

A internet apresenta poucas barreiras para anunciar qualquer serviço – e, com a consultoria, não é diferente.

Por isso, há quem desconfie e fique com dúvida na hora de contratar uma empresa ou especialista, deixando de aproveitar a chance para otimizar seu e-commerce.

A boa notícia é que existem alguns passos que você pode tomar para evitar a contratação de pessoas inexperientes e garantir resultados positivos para o seu negócio.

Abaixo, comento sobre os 5 principais.

Estudos de caso

Comece fazendo uma pesquisa no Google e acesse os canais oficiais da consultoria para confirmar se ela apresenta credenciais válidas.

Observe, também, estudos de casos semelhantes ao da sua empresa, seja por causa do ramo de atuação, do momento atual ou de um tipo de serviço específico.

Se um especialista atendeu bem um negócio que precisava de direcionamento em marketing digital, por exemplo, ele provavelmente tem expertise nessa área e poderá te ajudar.

Clientes antigos

Conversar com clientes antigos é uma forma simples de colher informações sobre a consultoria ou especialista, sua dinâmica de trabalho e eficiência.

Se possível, fale com dois ou mais clientes já atendidos, a fim de formar uma avaliação imparcial e honesta que apoie sua decisão.

Atendimento

Depois de checar a reputação da consultoria em e-commerce, é hora de verificar os tipos de serviço e como se dá o atendimento.

Para ter uma noção, entre em contato com a empresa ou profissional e observe se recebe atenção, se há opções alinhadas ao seu objetivo e valores.

Os especialistas têm estilos e modelos de trabalho diferentes, portanto, dê preferência àqueles com que você se identifica, porque vai precisar manter certa proximidade com o consultor durante o serviço.

Priorize pessoas com quem se sinta à vontade, possa fazer perguntas e falar sobre os erros e acertos do seu negócio.

Duração do contrato

Os formatos e períodos de contrato também devem ser considerados na sua escolha.

O ideal é que haja uma proposta inicial, como um pacote, mas que seja aberta a ajustes, se necessário.

Por exemplo: se você quer trazer mais audiência para a loja virtual, poderá estimar um acréscimo de 10% nos primeiros três meses, com apoio da consultoria.

Caso o objetivo não seja atingido, o contrato pode adicionar um mês para avaliação e correção da rota, por um valor combinado previamente.

Formas de pagamento

Os valores da consultoria precisam se adequar ao seu orçamento, sem comprometer a saúde financeira da empresa.

Então, negocie as formas de pagamento, dando preferência a quem aceita mais de uma opção, permite parcelamentos e abatimentos.

Desse modo, você pode organizar os pagamentos conforme as necessidades do negócio, desfrutando da consultoria sem dores de cabeça.

Conclusão

Contratar uma consultoria para e-commerce dará suporte para você tomar decisões certeiras, atraindo mais pessoas e elevando os ganhos com sua loja virtual.

Se está inseguro sobre os próximos passos ou pretende mudar sua estratégia online, esse serviço vai fazer a diferença.

Neste artigo, eu apresentei sugestões para te apoiar na contratação, respondendo a algumas questões comuns.

Fique à vontade para fazer outras perguntas abaixo, no espaço para comentários.

Quais dúvidas você tem para confirmar a contratação de uma consultoria para e-commerce?

Compartilhe