Ideias Inovadoras: Aprenda Como Encontrar Ideias Para Empreender

Você sabia que ideias inovadoras podem revolucionar o mercado e mudar sua vida?

Ideias inovadoras têm um poder que você não imagina! Uma boa ideia acompanhada do planejamento correto é capaz de fazer nascer negócios impressionantes.

Quem empreende ou pretende empreender sabe que atualmente, ser criativo é mais do que uma necessidade. Em época de crise, com o mercado saturado e consumidores exigentes, as ideias inovadoras são essenciais para manter um negócio.

Falar sobre inovar, no entanto, é fácil. Difícil mesmo é ter ideias inovadoras e criativas o suficiente para explorar novos nichos e crescer. Pensar em algo novo não é o suficiente. Afinal, precisa existir uma demanda para o produto criado, um público, viabilidade.

Todos esses fatores acabam limitando suas opções e gerando dúvidas. Como ter ideias inovadoras? Será que o produto que você criou pode mesmo dar certo?

Esses questionamentos são normais, e até mesmo necessários. Para que ideias inovadoras decolem de verdade, é preciso um estudo de mercado.

Quer descobrir como fazer o seu negócio crescer usando o Reddit? Veja também esse outro post no blog e saiba como!

A seguir, vou explicar tudo o que você precisa saber sobre ideias inovadoras para fazer seu negócio dar certo. Nesse guia completo você encontra dicas, ferramentas e métodos para potencializar sua criatividade e encontrar o seu nicho.

Basta continuar lendo para descobrir:

O que são ideias inovadoras?

As ideias inovadoras podem ser definidas como aquelas que exploram novas possibilidades e solucionam problemas existentes de maneira criativa e prática. Mas como saber se sua ideia é ou não uma inovação?

As pessoas costumam dizer que não existe nada mais a ser inventado. No entanto, diariamente as ideias inovadoras do mercado provam que essa afirmação está errada. Todos os dias encontramos propostas de produtos geniais que nos fazem pensar: eu não sabia o quanto precisava disso até agora!

Essa é uma das principais características das ideais inovadoras: elas atendem uma necessidade existente, mas que o público ainda não percebeu que existe. Confira as principais características de uma ideia inovadora:

  • O produto melhora a vida das pessoas: Para que um produto seja verdadeiramente inovador, todos os envolvidos devem ganhar com ele. As ideias inovadoras tornam a vida das pessoas melhor, mais feliz, engajada e consciente.
  • O produto muda o status quo: A verdadeira inovação anda de mãos dadas com efeitos positivos para a sociedade e para o planeta. Hoje, quanto mais engajada com as causas sociais e ambientais for a sua empresa, mais valorizada ela será.
  • O produto cria um círculo virtuoso de valor: A inovação bem sucedida não tem fronteiras. Se espalha naturalmente e é constantemente validada, porque atende a uma necessidade real das pessoas.

O que significa inovar

No dicionário, inovar significa tornar algo novo ou introduzir novidades. Fazer algo como não era feito antes. E essa é uma ótima descrição para basear suas ideias inovadoras.

Inovar é identificar necessidades que não estão sendo atendidas. Nichos que ainda não foram explorados. É preciso criatividade e uma incrível capacidade de observação e análise.

Além disso, para colocar a inovação em prática, você vai precisar de muito profissionalismo. Se você é um empreendedor de primeira viagem, informe-se sobre como montar um plano de negócios sólido. Procure também informações sobre o mercado que você pretende explorar, e leia muito sobre marketing.

Ideias inovadoras, infelizmente, não decolam por si mesmas. É preciso disciplina, dedicação e bastante marketing para explorar novos nichos. Então, comece agora mesmo a colocar as leituras em dia.

O que é o bloqueio criativo

Nem sempre é possível encontrar ideias inovadoras imediatamente. Artistas, escritores, músicos e todas as pessoas que lidam com um trabalho essencialmente criativo estão familiarizadas com o temido bloqueio.

Trata-se de um impedimento temporário nos processos criativos e de resolução de problemas. Superar esse bloqueio, no entanto, pode ser muito difícil.

Uma técnica muito usada para superar essa dificuldade é o brainstorming. A partir dessa ferramenta, é possível reativar as associações criativas do cérebro e voltar a ter ideias.

Já escrevi no blog um post com diversas outras dicas para superar um bloqueio criativo. Você encontra o conteúdo nesse link.

Minha ideia é inovadora?

Você já teve uma ideia e quer descobrir se ela realmente é inovadora? Preparei esse checklist para você conferir e descobrir quais são suas ideias que tem mais potencial:

  1. A ideia aborda um problema frequente e sem soluções eficientes?
  2. A ideia oferece uma forma diferente de resolver o problema?
  3. As incertezas sobre a ideia podem ser esclarecidas com estudo de mercado?
  4. A ideia possibilita um modelo de negócio consistente?
  5. A ideia tem chance de trazer resultados econômicos?

Se todas as respostas forem sim, meus parabéns! Você tem uma ideia inovadora com viabilidade de mercado!

A seguir, você vai encontrar informações para te ajudar a ter essas ideias. Além disso, encontra opções e recursos para desenvolver e aprimorar seus planos. Continue lendo para descobrir todo o processo por trás das grandes inovações:

Ferramentas para te auxiliar a encontrar ideias inovadoras

Encontrar ideias inovadoras nem sempre é fácil. São raras as vezes em que elas simplesmente se revelam em momentos de descanso e contemplação. Mesmo essas ideias mais orgânicas precisam ser organizadas e desenvolvidas.

Por isso, separei algumas dicas de ferramentas que vão te ajudar nesse processo criativo. Confira a lista:

Utilizando o Keyword Planner

O Keyword Planner, do Google, pode ser muito útil para verificar a viabilidade de uma ideia. Trata-se de uma ferramenta gratuita que te mostra o volume de buscas relacionado com uma palavra-chave em específico.

Como isso pode te ajudar? Bem, uma palavra-chave com um volume muito baixo significa que as pessoas não estão tão interessadas assim nesse conteúdo. Um volume alto demais pode indicar um mercado já estabelecido ou até mesmo saturado.

Portanto, sempre que tiver uma nova ideia, dê uma olhada no que o Keyword Planner tem a dizer sobre ela.

Como utilizar o SEMrush para trabalhar novas ideias

O SEMrush é um software de análise SEO. Seu foco é voltado para pesquisa competitiva e inteligência de negócios. É possível experimentar a ferramenta gratuitamente por um período de tempo.

O grande destaque dessa ferramenta é que a análise feita não inclui apenas dados do seu site. O SEMrush também é capaz de analisar sua concorrência. Isso tem feito dessa ferramenta uma das mais conceituadas em análise SEO do mundo.

Com uma grande variedade de informações disponíveis, é possível trabalhar novas ideias com detalhes. A ferramenta verifica concorrência, viabilidade de mercado, volume de buscas e muito mais.

Principais funcionalidades do BuzzSumo

O BuzzSumo é uma ferramenta de monitoramento de mídias sociais. Com ele, é possível descobrir perfis de influenciadores. Além disso, você pode encontrar quais são os assuntos em tendência entre os usuários.

É uma ferramenta de SEO poderosíssima, mas também pode ser usada para criar conteúdo e analisar suas ideias. É possível, por exemplo, conhecer os conteúdos mais populares. Você também pode usar o BuzzSumo para encontrar oportunidades de backlinks.

Com as análises disponíveis, é possível descobrir qual conteúdo funciona melhor com o seu público-alvo. Isso é uma informação valiosíssima para o seu marketing de conteúdo.

Análises de SEO com o MOZ

O MOZ é uma ferramenta de análise de SEO bastante completa. É possível testar o software gratuitamente por um período de 30 dias.

Além de oferecer diferentes dados que te ajudam a determinar a viabilidade de ideias inovadoras, o programa disponibiliza muito conhecimento. O guia básico de SEO incluso é o suficiente para te introduzir na arte das buscas. Existe ainda uma versão expressa do curso para começar seu plano de marketing digital mais rápido.

Checando a competição com o Ahrefs

O Ahrefs é uma ferramenta de SEO que também oferece um período de teste grátis. Nele você encontra relatórios de densidade de palavras-chave detalhados e bem mais exatos do que os do Keyword Planner. Além disso, é possível fazer pesquisas de concorrência e backlinks.

Você ainda pode acompanhar a evolução do seu rankeamento e fazer pesquisas de conteúdo. Todas essas funcionalidades podem ajudar muito na hora de checar a viabilidade de um negócio.

Google Trends

O Google Trends é uma ferramenta gratuita muito poderosa. Com ela, é possível checar a evolução do volume de diferentes pesquisas. Sabendo o que está em alta e o que está crescendo, fica mais fácil ter ideias de negócios lucrativos.

É possível, ainda, verificar na página inicial quais são as pesquisas em alta no momento. Como você pode imaginar, isso é ótimo para fazer brainstorming e explorar possibilidades dentro dos mercados emergentes.

Práticas que vão te ajudar a encontrar ideias inovadoras

Criar um negócio lucrativo não depende apenas dos números. É preciso estimular o seu processo criativo. Criar ideias inovadoras, descartar as inviáveis e trabalhar no desenvolvimento das melhores delas deve se tornar parte do seu dia a dia.

Quando incluímos o processo criativo na rotina, ter ideias fica muito mais fácil. A minha principal dica para você é não limitar sua imaginação. Toda ideia é válida nessa fase. Mesmo que ela não seja viável numa futura análise de mercado.

Ter ideias frequentemente te ajuda a manter sua criatividade. E ao não limitar esse processo inicial, você garante que a imaginação esteja sempre fluindo. Afinal, um negócio inovador por nascer de uma ideia que parecia inviável inicialmente.

A seguir, você encontra dicas para organizar suas ideias e aproveitar ao máximo seu processo criativo:

Crie uma lista de ideias e atualize constantemente

Encare essa lista como um brainstorming visual. Não deixe de acrescentar nenhuma ideia na lista, mesmo as menos realistas. Visualizar seu processo criativo pode te ajudar a ver tudo de diferentes pontos de vista.

Essa lista pode ter o formato que você achar mais confortável. Desde uma simples planilha no Excel até um painel físico com ideias escritas, imagens inspiradoras e mensagens motivacionais. Experimente com diferentes métodos e escolha o que funcionar bem para a sua criatividade.

O ideal é que essa lista seja sempre atualizada. Quando tiver uma boa ideia, não deixe para depois: coloque-a junto com as demais. É bastante comum esquecer os detalhes dos insights se você demora muito para registrá-los.

Participe de grupos de redes sociais do seu nicho de mercado

A comunicação com o seu consumidor em potencial é importantíssima. Por isso, esteja sempre ativo em grupos que fazem parte do seu nicho de mercado.

Essa é a melhor forma de identificar os problemas com os produtos atuais e quais necessidades não estão sendo atendidas. Estando em contato diretamente com o consumidor, você garante um tipo valioso de feedback.

Nos grupos, o seu público-alvo está conversando entre si, e não diretamente com empresas. Você frequentemente encontrará frases do tipo “seria bom se x ação não fosse tão difícil” ou “sinto falta de algo que faça x coisa de forma mais simples”. Essas são oportunidades em potencial.

Raramente esse tipo de sugestão chega aos e-mails das empresas. Então, ficar de olho em grupos é essencial para entender onde a evolução é necessária.

Descubra o que seus concorrentes estão utilizando

Assim como é importante ficar de olho no consumidor, monitorar a concorrência também é fundamental. Conheça o melhor que puder os produtos já existentes no mercado.

Dessa forma, você pode identificar necessidades que essas opções não atendem. Além disso, pode encontrar possibilidades de melhora. É daí que nasce a inovação.

Vamos ver um exemplo inovador que deu muito certo: a Netflix. A empresa começou como serviço de aluguel de mídia física, mas já estava inovando. A entrega era feita na sua casa, enquanto nos seus concorrentes era necessário ir até a locadora.

O serviço cresceu porque a Netflix ficou de olho no mercado. A popularidade dos formatos digitais crescia entre os consumidores, e as TVs por assinatura já ofereciam aluguel de filmes digitais. Mas existia muito espaço para melhora nesses serviços. O plano de negócios foi então reformulado e nasceu a Netflix que conhecemos hoje.

A empresa continua a inovar e prestar atenção na sua concorrência. Seguindo o modelo de produção de conteúdo original, como a HBO e outros canais, a empresa ingressou em um novo nicho. Hoje o conteúdo original da Netflix é considerado estar entre os melhores disponíveis pelos usuários.

Atente-se a videos populares no Youtube

As redes sociais já se tornaram o principal meio de entretenimento, informação e socialização no Brasil e no mundo. Diariamente, milhões de pessoas acessam as redes. O Youtube, em particular, tem se mostrado especialmente popular.

A variedade de conteúdo disponível é surpreendente. É possível pesquisar inúmeros nichos no site, por menores que sejam. Os vídeos mais populares são capazes de prever tendências de mercado.

Essa rede também está repleta de influenciadores digitais. Ou seja, formadores de opinião, que são capazes de movimentar seus milhares de seguidores em determinadas direções de consumo. Ficar atento a esses canais é essencial para estar sempre à frente com suas ideias inovadoras.

Busque por conteúdos em outras línguas

No Brasil, existe uma tendência muito forte de importar hábitos de consumo. Aquilo que fica famoso nos outros países rapidamente chega aos brasileiros, que abraçam a cultura globalizada como ninguém.

Esses espaço de tempo entre um produto fazer sucesso no exterior e chegar no Brasil é uma janela de oportunidade. Trata-se de um nicho certeiro que ainda não existe no país.

Por isso, esteja sempre ligado nas notícias e nichos internacionais. Se encontrar uma ideia inovadora que pode ser adaptada para o mercado brasileiro, é só agir.

Você também pode se inspirar nos sites do exterior para melhorar os seus modelos de produção de conteúdo. Afinal, esse tipo de marketing, atualmente, é a forma mais eficiente de fazer sua ideia se propagar com eficiência.

Observe a lista de livros mais lidos no Amazon

Os livros mais populares no site da Amazon são uma fonte inesgotável de boas ideias. Em especial, é possível encontrar temas para conteúdo.

O marketing de conteúdo é uma das melhores formas de divulgar suas ideias na internet. É um método que, quando feito corretamente, realmente funciona.

Os livros mais lidos te oferecerão um entendimento do que as pessoas procuram saber. Entender que tipo de conhecimento seu público-alvo procura é essencial para montar uma boa estratégia de marketing.

Exemplos de grandes ideias inovadoras de empreendedorismo

Atualmente, o que não falta é inspiração para ideias inovadoras. Cada vez mais produtos e projetos aparecem em sites como o Kickstarter, que inclusive pode ser considerado uma inovação por si só.

Quando você pensa em grandes inovações de mercado, que empresas vêm à sua mente? Um ótimo exercício é fazer uma lista com esses nomes. Depois, tente encontrar o que essas ideias inovadoras têm em comum. Isso pode te ajudar muito a entender melhor a anatomia de uma ótima ideia.

A seguir, vou dar alguns exemplos de empreendedorismo inovador feito do jeito certo. Procure encontrar as semelhanças entre esses projetos:

Snap

O Snapchat foi uma idéia inovadora em seu início. Com funcionalidades pioneiras, conquistou muitos usuários num curto espaço de tempo. Com filtros divertidos e imagens que se apagam após algum tempo, o app se tornou o queridinho para comunicação informal. O problema é que o Snapchat oferecia apenas esses recursos. Quando redes sociais maiores integraram essas funcionalidades em seus apps, o pioneiro foi deixado para trás.

Para se manter no mercado, a empresa inovou novamente. Com um novo nome, o Snap mudou também de negócio. Deixou de ser apenas um aplicativo e lançou óculos específicos para gravar e postar vídeos.

Skillshare

O Skillshare é uma plataforma online que disponibiliza aulas e cursos gratuitos. Os assuntos abordado são bastante diversos. A plataforma arrecada dinheiro através da venda de planos premium e contas direcionadas para equipes profissionais.

É possível também se cadastrar como professor e fazer upload do seu próprio conteúdo no site. Os professores recebem por visualização de suas aulas, e o conteúdo é cuidado por administradores.

Note como o negócio explora um modelo já existente e o aplica a um nicho específico. Podemos descrever o site como um “Youtube voltado apenas para aulas”.

Twilio

O Twilio é uma plataforma de comunicação via cloud. Seu foco é oferecer uma API para programadores. Ou seja, a ferramenta oferece um sistema de comunicação pronto que pode ser facilmente integrado em apps e softwares.

A empresa recebe toda vez que as comunicações são utilizadas, mas disponibiliza chaves gratuitas de utilização. O grande atrativo é o sistema progressivo de cobrança. Você paga apenas pelo que usar. Não é necessário fechar contratos e gastar mais do que o necessário.

A Uber é uma das empresas que utiliza os serviços da Twilio nos seus aplicativos. Note que a empresa oferece uma solução para pequenos desenvolvedores, abrindo espaço no mercado.

Exemplos de tendências de negócios

Quer saber tudo que está em alta para 2018? Separei as tendências que mais crescem no mercado para ajudar a nortear os seus projetos.

Lembre-se, essas são apenas sugestões de nichos. Dentro de cada um deles, é preciso encontrar uma necessidade não atendida. Isso é o que tornará sua ideia realmente inovadora. Essa pode ser a grande diferença entre mais uma empresa se aproveitando de um nicho da moda e um plano de negócios viável a longo prazo.

Confira as dicas dos nichos mais promissores para 2018:

  • Produtos orgânicos e naturais.
  • Consumo sustentável.
  • Produtos para Pets.
  • Serviços de desenvolvimento pessoal em geral, como o coaching.
  • Setor de beleza, mas é preciso ficar de olho nas tendências – a última foi produtos para sobrancelhas, mas essa onda já está quase no fim.
  • Turismo e entretenimento são sempre investimentos certos.
  • Virtualização: escritórios, lojas virtuais, aulas online e marketing digital.
  • Produtos e serviços premium: especialmente os voltados para experiência do consumidor.

Como trabalhar as ideias inovadoras para ganhar dinheiro

Agora você já entende a anatomia das ideias inovadoras. Também já está familiarizado com métodos para fazer sua criatividade fluir livremente. E claro, já sabe organizar e verificar a viabilidade de mercado das suas inovações.

É hora de colocar a mão na massa e aprender a trabalhar essas ideias inovadoras e ganhar dinheiro. A seguir, você encontra um passo a passo completo para levar um negócio da idealização até o lucro:

Passo 1: Defina o seu nicho de atuação

Antes de mais nada, você precisa definir e conhecer o seu nicho. Para quem é o seu produto? Quem é seu público-alvo e, principalmente, o que ele espera dos serviços que contrata?

Encontrar um nicho pode parecer simples. Na verdade, é uma das partes mais demoradas do plano de negócios. Essa etapa exige muito estudo de mercado e preparação.

É muito importante usar as ferramentas que indiquei nesse post. Com elas, você pode encontrar os nichos em tendência e os mercados emergentes.

Leia também sites de notícias sobre negócios e empreendedorismo. Essas publicações costumam a trazer tendências de mercado e boas opções de investimento.

Uma vez que você definir um nicho, pesquise sobre sua viabilidade. Participe de grupos em redes sociais e pesquise a concorrência. É preciso saber se você está prestes a se inserir em um mercado já saturado, por exemplo.

Estudar o público-alvo do seu nicho é essencial para o próximo passo. Você precisa saber com precisão o que as pessoas ativas nesse mercado esperam das empresas. Portanto, nada de pular etapas no estudo de nicho.

Como definir o nicho passo a passo

Se você ainda está com dúvidas, preparei um passo a passo simples para te ajudar. Antes de começar, veja algumas perguntas que vão te ajudar nesse processo:

  • Quem precisa daquilo que tenho a oferecer?
  • Quais benefícios posso oferecer para as pessoas?
  • Quem eu já ajudei e o que eles têm em comum?
  • Qual é o tipo de linguagem mais adequado para esse público?
  • Que tipo de conteúdo vai ser mais relevante para esse público?
  • Por que eles devem ler o meu blog ou site?
  • Qual é a proposta única de valor do meu blog ou site?
  • Quais são os maiores sonhos do meu público-alvo?

Agora que você conhece um pouco melhor o seu público, vamos definir um nicho:

  1. Comece com uma pesquisa de interesse no Google para avaliar a viabilidade
  2. Faça pesquisa de termos relacionados, utilizando também o Keyword Planner, ou outras ferramentas.
  3. Analise a procura do termo ao longo do tempo com o Google Trends.
  4. Procure por problemas sem soluções no mercado escolhido. Boas ferramentas para isso são os grupos em redes sociais.
  5. Identifique os blogs e influenciadores mais populares de seu nicho de mercado. Estude tudo sobre eles, do layout e cores até o tipo de conteúdo publicado.
  6. Integre todas essas informações no momento de definir o seu nicho.

Passo 2: Defina a sua persona

A persona nada mais é do que uma representação do seu cliente ideal. É um personagem fictício feito para explicar as características demográficas dos seus clientes. Para definir a persona, é claro, é preciso se basear em dados reais sobre o comportamento do seu público.

Uma boa definição de persona nasce do contato com o seu público-alvo. Conhecer profundamente suas histórias, motivações, objetivos, desafios e preocupações é essencial. A persona é um conjunto de características comuns nos seus clientes em potencial.

Definir uma persona para o seu negócio te ajudará a:

  • Definir o tom e o estilo de seu conteúdo.
  • Determinar o tipo de conteúdo que você precisa.
  • Ajudar a elaborar as estratégias de marketing.
  • Definir os tópicos sobre os quais escrever.
  • Entender onde o público busca informações e como prefere que elas sejam apresentadas.

A persona é a mesma coisa que público-alvo?

Essa é uma confusão comum, mas público-alvo e persona são dois conceitos diferentes. O público-alvo se trata de uma descrição de uma parcela abrangente da sociedade. Descreve seus clientes de maneira bastante geral, incluindo rendimento, idade e interesses.

Já a persona, é uma representação fictícia. Pense em um personagem. A persona terá um nome, uma história, interesses e uma descrição mais humanizada. Para que uma estratégia de marketing seja mais eficiente, é preciso voltá-la para a persona.

É comum que negócios tenham mais de uma persona, mas não exagere. Enquanto apenas uma persona pode limitar demais o seu público, personas demais te farão perder o foco.

Como definir uma persona?

Primeiramente, é preciso considerar algumas questões que vão te ajudar a definir a persona:

  • Quem é o seu potencial cliente?
  • Quais são as características físicas e psicológicas dele?
  • Que tipo de assunto é interessante para ele?
  • Quais são atividades comuns que ele realiza?
  • Qual seu nível de instrução?
  • Quais seus desafios e obstáculos?
  • Que tipo de informações consome e em quais veículos?
  • Quem influencia suas decisões?

Uma vez que essas perguntas estão respondidas, a persona poderá ser montada com maior facilidade. O próximo passo é desenhar o perfil do cliente em si. Veja algumas características importantes para definir:

  • Nome da persona (fictício)
  • Sexo e Idade
  • Carreira e formação
  • Meios de comunicação utilizados
  • Objetivos e desafios da persona

Caso esteja encontrando dificuldades, experimente o Fantástico Gerador de Personas. Trata-se de uma ferramenta online com um passo a passo para te ajudar nessa tarefa.

Passo 3: Analise os seus concorrentes

Entender quem são e o que os seus concorrentes estão fazendo é essencial para manter seu negócio inovador. Empreendedores de sucesso monitoram as tendências de mercado para sempre acompanhar os concorrentes. Ou melhor ainda: se colocar à frente.

Veja como ficar de olho nos seus concorrentes:

  1. Pesquise reviews de produtos dos seus concorrentes e identifique pontos de melhora. Você pode utilizar o Buscapé, Mercado Livre, Amazon ou o Reclame Aqui para isso.
  2. Leia os comentários em blogs, sites e redes sociais do seu concorrente. Entenda como eles se relacionam com o consumidor e qual a efetividade do método.
  3. Fique de olho em notícias do seu setor. Normalmente as publicações especializadas são as primeiras a anunciar novos produtos e tecnologias.
  4. Entenda a identidade de marca e estratégias de marketing dos seus concorrentes.

Armado desse conhecimento, é possível identificar erros e principalmente necessidades não atendidas.

Quando você percebe que seu concorrente não oferece a solução para um problema comum do público-alvo, essa é a sua brecha. Um investimento nesse sentido significa que você está oferecendo o diferencial que o seu consumidor procura e não consegue encontrar.

Passo 4: Trabalhe o branding

O branding é um fator importantíssimo para se inserir em qualquer mercado. Esse termo se refere à identidade da sua marca. Ou seja, a forma que o consumidor enxerga o seu negócio.

Atualmente, apenas um bom design não é o suficiente para um branding de sucesso. Você precisa de uma persona, ou seja, um personagem humanizado, também para seu negócio.

Quer um exemplo de ações de branding que vão além do design? Cada vez mais, clientes se preocupam em comprar com empresas ecologicamente responsáveis. Então, tomar providências para garantir que seu negócio seja visto dessa forma é importantíssimo.

Confira algumas características em empresas frequentemente exigidas no mercado atual:

  • Responsabilidade ecológica;
  • Boas políticas de contratação e recursos humanos. Por exemplo: programas de inclusão e aumento da qualidade de vida dos funcionários.
  • Uso de matéria prima de qualidade e orgânica, no caso de alimentos.
  • Produtos e serviços focados na experiência do cliente.
  • Investimento em marketing de conteúdo.
  • Bom relacionamento com os clientes em redes sociais.
  • Capacidade de atender de maneira personalizada e eficiente.
  • Conveniência no processo de compra, esclarecimento de dúvidas ou pós-venda.

Como definir o branding?

O branding é um processo de fortalecimento da identidade da sua marca. O trabalho para que haja o reconhecimento de uma marca é muito importante. Principalmente em um mercado com tanta concorrência como o atual.

Para definir o branding da sua marca, você precisará responder algumas perguntas. Nesse processo é importante conhecer seu consumidor, seu mercado e seus concorrentes. Além de, é claro, ter uma boa ideia da imagem que sua empresa deve passar e do que consiste seu produto.

Confira as perguntas a responder para começar a trabalhar o branding:

  • Quem é o seu público-alvo?
  • Quem são seus concorrentes?
  • Quem é a sua empresa e qual a personalidade do produto?
  • Quais são os seus principais princípios, objetivos e valores?
  • O que é importante para o seu negócio?
  • Para que servem os seus produtos? Como os clientes os distinguem da concorrência?
  • Quais os benefícios que você entrega aos seus clientes?
  • Que tipo de linguagem você usará para se comunicar com seu consumidor? Qual é a voz da sua empresa?

Mantendo a consistência

Uma vez definido, é preciso manter a consistência do branding. Você deve manter essa identidade sempre em mente. Antes de cada ação de marketing e antes de cada comunicação com seu consumidor, é preciso pensar no branding.

Imagine sua empresa como uma pessoa. A ação de marketing que você está planejando combina com a personalidade dessa personagem? A resposta que está sendo dada para o seu cliente condiz com o que essa personagem faria?

Depois de estabelecido, evite fazer modificações radicais no branding. Essa é a forma que seu público conhece sua empresa. É assim que o seu negócio vai cativar o consumidor. Mudanças e inconsistências podem afastar um público fiel e valioso para o seu negócio.

Passo 5: Crie um blog

Uma empresa sem presença na web, atualmente, praticamente não existe. E muitas vezes, apenas montar um site não é o suficiente.

As estratégias de marketing de conteúdo tem se provado extremamente eficientes. Elas consistem em oferecer para o seu consumidor informações relevantes, atualizadas e constantes. Você pode fazer isso através das redes sociais e também montando um blog.

Um blog para a sua empresa vai trazer inúmeros benefícios para o marketing. Primeiramente, vamos falar do lado mais técnico. Ter um blog sempre atualizado com palavras-chave relevantes para seu setor melhora o ranking do seu site em buscas.

Além desse efeito, muito mais pessoas vão encontrar sua empresa. Isso porque é mais frequente que os consumidores procurem informações no Google do que produtos. Disponibilizando um blog com notícias, dicas, tutoriais e outros conteúdos interessantes, você aproveita essa parcela maior das buscas.

Disponibilizar um blog também ajuda no branding. A percepção é de uma empresa que não se importa apenas com lucros. Trazer informação relevante para seus clientes e disponibilizar conteúdo gratuitamente mostra que seu negócio valoriza o consumidor e seus interesses.

Esse também pode ser mais um canal de relacionamento com o seu público-alvo. Através dos comentários, você pode colher muitas sugestões e dúvidas. Além disso, as análises de visitas e buscas podem te ajudar a descobrir do que seu consumidor precisa.

Leia também esse artigo do blog para saber como fazer o seu blog crescer!

Passo 6: Trabalhe o Marketing Digital

Nem só de um blog é feito o marketing digital. Existem inúmeras estratégias muito eficientes para aumentar seu alcance e melhorar os seus números. Você pode, inclusive, explorar mais esse assunto aqui mesmo no blog.

Ideias inovadoras, normalmente, vão precisar de muito marketing. Como você está explorando um nicho ainda novo, é preciso fazer com que as pessoas cheguem ao seu produto.

Você pode adotar muitas estratégias em combinações diferentes. Mas existem algumas coisas que você não pode deixar de fazer para trabalhar o marketing digital. Confira quais são elas:

Metas e objetivos claros

Nenhuma campanha de marketing pode ter sucesso sem um bom planejamento. Isso também é verdade para o marketing digital. E, cada vez mais, ele se faz essencial para todos os segmentos de negócios.

Na hora de montar suas campanhas, defina os objetivos com clareza. Qual é o público-alvo da ação? Qual a taxa de conversão que você está esperando? Quanto está disposto a gastar com isso?

Com tudo isso bem definido, fica mais fácil inclusive mensurar a eficiência da ação. Ter esses dados é importante para identificar problemas e implementar soluções na próxima campanha.

Investimento pesado em redes sociais

As redes sociais certamente não podem ficar de fora da sua estratégia de marketing digital. Atualmente, elas são o principal meio pelo qual consumidores encontram e se relacionam com empresas. Por isso, esteja presente nas principais redes no Brasil e no mundo.

Uma fanpage no Facebook, aliado a um perfil no Instagram e um no Twitter é o mínimo que você precisa fazer. Se puder produzir vídeos para o Youtube, melhor ainda. Esse é o tipo de conteúdo que mais fomenta interação e engajamento.

Lembre-se: seu consumidor espera conteúdo de qualidade nesses meios. Não adianta postar apenas sobre a empresa e seus produtos. Ofereça conteúdo relevante, como dicas, vídeos e notícias.

Outra técnica bastante popular atualmente é o uso de imagens humorísticas. Dependendo do segmento do seu negócio, essa pode ser uma ótima estratégia também.

Os perfis nas redes sociais também são importantes para a imagem da sua empresa. Você sabia que mais de 90% dos brasileiros procuram um produto nas redes antes de comprar? Se um cliente em potencial procura o seu produto e encontra um perfil abandonado, que imagem ele terá do seu negócio?

Por isso concentre-se bastante no marketing através das redes sociais. Você pode encontrar mais informações sobre isso nesse outro texto do blog.

Anúncios

Os anúncios são um dos seus maiores aliados no marketing digital. Com um investimento relativamente baixo, é possível fazer campanhas bastante eficientes. Confira algumas formas de anunciar que dão muito certo:

Interação com o público

Um dos fatores mais importantes do marketing digital é a forma que a empresa interage com o público. Com a popularização das redes sociais, apenas uma interação mal planejada pode causar danos irreparáveis na imagem do seu negócio.

Da mesma forma, deixar de responder dúvidas, críticas e elogios nas redes sociais pode ser um grande erro. Cada vez mais exigentes, os consumidores procuram empresas que os tratem bem. É preciso realizar atendimentos personalizados, valorizando a experiência. principalmente em redes sociais, onde todos os outros clientes podem ver.

As avaliações deixadas por clientes na página do Facebook, por exemplo, são vitais. Praticamente todo o consumidor em potencial vai revisar essas informações.

E acredite, uma avaliação negativa pode não ser tão grave assim. Isso é, se a empresa reagir com elegância e calma. Já uma resposta rude para um cliente é capaz de destruir sua reputação bem rápido. Infelizmente, temos vários exemplos disso na web.

Por isso, cuide da sua interação com o público nas redes sociais. Esse é um fator importante para o crescimento das suas ideias inovadoras.

Vantagens de contratar uma empresa de Marketing Digital

Como você já deve ter percebido, transformar ideias inovadoras em produtos viáveis é um pouco mais complicado do que a maioria prevê. Vamos revisar tudo que precisa ser feito?

  • Pesquisa de viabilidade de mercado
  • Pesquisa de tendências, buscas e concorrência
  • Pesquisa e definição de nicho
  • Pesquisa de necessidades e problemas do consumidor
  • Definição do público-alvo e persona
  • Estratégia e administração de branding
  • Produção de conteúdo para blogs e redes sociais
  • Estratégia de anúncios
  • Acompanhamento de resultados de buscas e SEO
  • Monitoramento das estratégias da concorrência
  • Interação com o consumidor
  • Estratégias de marketing digital

Ufa! É trabalho para uma equipe inteira, não é mesmo? Exatamente por isso que contratar uma empresa de Marketing Digital pode ser a melhor opção para suas ideias inovadoras.

As empresas que trabalham com isso já possuem processos definidos. Elas contam com uma equipe completa e pessoas especializadas em cada aspecto. Dessa forma, isso tudo pode ser feito muito mais rápido e está sujeito a muito menos erros.

O mercado de comunicação sofreu grande fragmentação nos últimos anos

O mercado de marketing, nos últimos anos, praticamente virou um setor novo. A forma como as coisas são feitas mudou completamente. Centenas de subdivisões surgiram. Com isso, surgiram também especialistas em cada uma delas.

Para fazer uma campanha realmente completa e eficiente, você precisará de uma equipe. São tantos detalhes mudando tão rápido com o avanço da tecnologia, que é praticamente impossível uma só pessoa ficar por dentro de tudo.

Com uma equipe especializada, você pode se concentrar na parte central do seu negócio. Isso é, se manter inovativo e produzindo novas ideias. Enquanto isso, a empresa de marketing digital corre atrás do seu público.

Melhores resultados

Como se trata de um trabalho altamente especializado, os resultados são muito melhores em equipe. Quando cada profissional tem a sua área específica e todos agem em conjunto, tudo funciona melhor.

Esse é o cenário em uma empresa especializada em Marketing Digital. Cada pessoa conhece seu trabalho a fundo, e a equipe trabalha em harmonia para garantir os melhores resultados. Você não contará apenas com alguém cuidando de tudo de forma genérica.

Uma equipe de marketing digital conta com redatores, revisores, especialistas em SEO, em conteúdo, analistas de anúncios, designers, e muitos outros profissionais. Apesar dessas áreas estarem relacionadas, são muito diferentes. Ter um profissional especializado trabalhando em cada setor certamente fará toda a diferença.

Conclusão

Agora você sabe tudo que precisa sobre como ter ideias inovadoras. Mais do que isso, aprendeu como partir da sua criatividade e transformar suas ideias em modelos viáveis de negócio.

Se manter criativo exige prática e disciplina. Lembre-se: sempre anote suas ideias, por mais malucas que pareçam. Elas são bases incríveis para elaborar, construir e transformar em um negócio lucrativo. Não deixe de ter uma lista ou mural de ideias e anotar tudo que vier na cabeça.

O brainstorming também é uma ótima ferramenta para incentivar sua mente a produzir ideias inovadoras. Essa técnica é capaz de ativar sinapses no cérebro e potencializar a imaginação.

Você também descobriu uma série de ferramentas para te ajudar nessa jornada criativa. Com análises de buscas e tendências, é possível identificar necessidades não atendidas pelo mercado. Essas são oportunidades incríveis de inovar e pegar sua fatia dos nichos em crescimento.

Finalmente, deixei nesse artigo um passo a passo para transformar suas ideias inovadoras em dinheiro! Vamos revisar o processo?

  1. Defina a Seu Nicho de Atuação
  2. Defina a Sua Persona
  3. Analise os Seus Concorrentes
  4. Trabalhe o Branding
  5. Crie Um Blog
  6. Trabalhe o Marketing Digital

Se quiser ainda mais dicas para fazer suas ideias inovadoras se transformarem em empresas lucrativas, dê uma olhada nesses outros conteúdos do blog:

E você, que estratégias usa para se manter criativo e inovar no mercado?
Me conte suas técnicas nos comentários e caso tenha ficado com alguma dúvida aproveite para perguntar!

Compartilhe