10 Exemplos de Anúncios Persuasivos Para Você Usar Como Inspiração na Sua Campanha

persuasão nos anúncios de vendas

Quando alguém me fala que precisa de exemplos de anúncios de vendas, eu me identifico com o grande desafio que é acertar na mensagem comercial.

Cada vez mais, o consumidor está espero e exigente.

Com toda informação disponível, ele não marca bobeira e sabe diferenciar uma compra útil de uma cilada.

Eu sei que isso pode parecer ruim, pois torna mais difícil atingir os resultados em vendas que você gostaria.

Mas permita enxergar a questão de outra forma.

Se a missão de encantar os clientes fosse fácil, qualquer concorrente, ainda que com uma oferta inferior à sua, poderia manipular a audiência e “roubar” o consumidor de você.

E manipular talvez seja a palavra-chave aqui, justamente aquilo que você não deve fazer.

Os exemplos de anúncios que você vai ver neste artigo atacam o público de outra forma.

São persuasivos e não manipuladores.

Significa que não enganam o consumidor e acertam ao apresentar para ele exatamente o que deseja ouvir: que você tem a solução ideal para a necessidade dele.

Tudo passa pelo poder de convencimento, portanto.

E é plenamente possível fazer isso a partir de uma boa propaganda.

Quer ver só?

Acompanhe a leitura!

Antes de continuar, se você quer atrair mais clientes para o seu negócio através de anúncios, você precisa dominar o Google Ads. Clique aqui, baixe o Guia Completo do Google Ads e aprenda tudo sobre como gerar leads qualificados com essa plataforma.

Guia Completo do Google Adwords

O que é um anúncio?

anúncios de vendas urbanas

Dentro do contexto publicitário, chamamos de anúncio a peça de comunicação escrita, oral ou visual que comunica sobre uma marca.

Em geral, ele se apoia em uma mídia para se materializar no mundo.

O veículo utilizado para comunicação pode ser um impresso, uma transmissão de rádio, televisão ou mesmo uma página da web.

O texto publicitário tem por objetivo principal promover uma ideia, produto ou serviço e, para tanto, busca convencer quem lê sobre qualidade e/ou utilidade daquilo que está sendo divulgado.

Assim, anúncios que contam com um texto persuasivo têm muito mais chances de se destacar entre a concorrência e de atrair seu público-alvo.

Antes de convencer, porém, é preciso garantir que você consiga chamar a atenção.

Hoje em dia, somos bombardeados de informação a todo momento e, nesse contexto, é especialmente importante pensar em gatilhos para despertar e gerenciar o foco das pessoas.

Como identificar um anúncio persuasivo?

persuasão nos anúcios de vendas

A comunicação de um anúncio pode ser tanto verbal (quando tem uso de palavras e frases) como não verbal (baseada apenas em fotos, ilustrações e símbolos).

Não importa qual dos dois caminhos seja traçado: é importante que a mensagem principal seja transmitida usando uma linguagem com função denotativa (ou apelativa).

Em bom português: que busca convencer.

O modelo de anúncio de venda leva em consideração o título, a imagem, o corpo do texto e a identidade da marca.

Tudo começa com um bom texto, que deve ser sucinto e atrativo.

No corpo do texto, será apresentada a mensagem principal, com vocabulário sugestivo e convincente.

Por fim, a identificação da marca surge quase como uma assinatura, com o logotipo ou slogan da empresa que anuncia.

E você pode ter certeza de que um anúncio persuasivo não passa despercebido.

Ele mexe com as pessoas e é capaz de tirá-las da zona de conforto e instigar uma ação.

Mais à frente, quando eu trouxer exemplos de anúncios de vendas com essa característica, você vai entender melhor.

Os 5 tipos de anúncios

tipos de anúncios de vendas

São muitos os tipos de anúncio que podem ser feitos.

Desde o mais tradicional painel outdoor, passando pelos comerciais de televisão até chegar às recentes formas de divulgar pela internet de maneira direcionada e personalizada.

A lista de possibilidades é quase infinita, e pode ser tão grande quanto a criatividade do publicitário.

Continue lendo para saber mais sobre os cinco principais tipos de anúncio que eu selecionei para apresentar a você.

1. Impresso

O anúncio impresso foi a primeira forma de publicidade documentada e, por isso, não poderia deixar de ser o começo de tudo.

Com a industrialização e a invenção da prensa móvel, as publicações passaram a vender espaço nos impressos para quem quisesse pagar por um anúncio.

Hoje em dia, a publicidade impressa segue como parte fundamental da manutenção de jornais e revistas.

Sem esquecer os panfletos, que continuam sendo ferramentas efetivas de comunicação, especialmente em cidades menores.

2. Rádio

A publicidade nas rádios brasileiras começa em 1932, com o Decreto-Lei 21.111, que autorizava e regulamentava as divulgações na recém-chegada mídia.

No início, ela era feita com a simples leitura de anúncios de jornais, mas o modelo logo se mostrou enfadonho demais para o dinamismo das transmissões radiofônicas.

Adaptações precisaram ser feitas para que a publicidade mantivesse a atenção do público durante os intervalos de programação.

Hoje em dia, os anúncios podem ocupar até 25% do tempo de transmissão de uma rádio, com formatos variam entre spot, sketch, vinheta, jingle, entre outros.

E para quem torce o nariz e acha que o rádio se tornou obsoleto, vale lembrar da reinvenção da informação em áudio proporcionada pelos podcasts.

3. Televisão

Com a chegada da televisão, não demorou muito para que a publicidade ocupasse também essa nova mídia

No início, os anúncios eram feitos ao vivo – como todo o resto da programação – e, por isso dependiam muito do carisma do apresentador que lia o texto.

Logo, as marcas passaram a patrocinar pedaços inteiros da programação.

Um dos casos mais emblemáticos é do Repórter Esso – nome derivado da petrolífera americana ExxonMobil Corporation. O telejornal começou nas rádios e seguiu na televisão até o fim da década de 1960.

Hoje, os formatos permitidos para anunciar na TV variam desde o merchandising lido pelo apresentador, passando por peças testemunhais e informerciais, entre outros.

4. Ponto de venda (PDV)

De nada adianta gastar muito em mídia e não investir no ponto de venda (PDV).

Aqui, vale considerar como ações de PDV todos os esforços de identidade visual e comunicação alocados no local onde a venda será de feita de fato.

Esses anúncios são fixos e podem tanto comunicar sobre as vantagens da compra, apresentando diferenciais e preços, como também informar sobre a história da marca.

No caso de lojas digitais e outros negócios que atendem pela internet, considere os banners nativos do site, pop-ups e janelas de oferta, entre outros.

5. Digital

Com a chegada da internet, a publicidade passa por mais uma transformação e novas formas de anúncio são criadas para atender essa nova mídia.

Abaixo, falo em detalhes sobre os dois tipos básicos de anúncios digitais.

guia completo de marketing digital

Rede de pesquisa

Sabe quando você faz uma pesquisa no Google?

É possível investir em um tipo de anúncio que será ativado justamente nestes momentos.

As campanhas por rede de pesquisa são muito úteis, pois fornecem resultados personalizados de acordo com o termo que pesquisado.

Hoje, a maioria dos buscadores da internet já conta com serviços de anúncio por rede de pesquisa.

Redes sociais

Nas redes sociais, empresas podem programar seus anúncios para serem apresentados para um público específico.

Idade, classe social, escolaridade e localização são apenas algumas das variáveis que podem ser ajustadas para garantir que a sua marca vai chegar em quem interessa de fato.

Os anúncios podem ser feitos por interrupção do conteúdo regular do feed (como nos casos do Facebook, Twitter e Instagram) ou, ainda, como uma mensagem direta para o cliente em potencial (como faz o Linkedin).

10 Exemplos de anúncios persuasivos

representação de persuasão em anúncios midiáticos

Depois de passar por toda a base teórica dos anúncios de vendas, é chegado o momento de partir para a prática.

Então, vou apresentar a você peças publicitárias realmente inspiradoras, que vão ajudar a entender o que a persuasão pode fazer por suas vendas.

Vamos lá?

1. Campanha de vacinação

vacinação infantil

Por que é persuasivo?

No anúncio do Ministério da Saúde, podemos observar o uso de “argumentos de força” para a persuasão.

A peça se caracteriza por um discurso que não permite diálogo com o interlocutor, expondo de forma lógica e inequívoca o que precisa ser feito: tomar a vacina contra a paralisia infantil.

Como fazer um anúncio assim?

Para construir um anúncio assim, é preciso ter cuidado redobrado com a linguagem, sempre se certificando que transmite a mensagem com autoridade e de maneira assertiva.

2. Dropbox

dropbox como exemplo de anúncio persuasivo

Por que é persuasivo?

O Dropbox oferece um serviço de armazenamento de arquivos na nuvem para uso pessoal e empresarial.

Como se propõe a cuidar com segurança dos seus arquivos, o serviço emprega um texto amigável em sua comunicação para aproximar-se do público e evocar sua confiança.

Como fazer um anúncio assim?

A personalidade da marca irradia em cada palavra de sua comunicação e isso é essencial.

Ao apresentar-se com seu diferencial – que é otimizar o tempo do usuário – a empresa se mostra útil e disponível para ajudar o cliente.

3. Apple

Resultado de imagem para iphone ad

Por que é persuasivo?

Que o iPhone é referência de mercado, todo mundo já está careca de saber.

De fato, desde o lançamento de sua primeira versão, em 2007, o celular traz inovações e novas tecnologias que logo são adotadas pelas outras fabricantes.

A cada novo modelo, a Apple traz uma prévia do que será o futuro dos smartphones dali em diante – e essa mensagem é reforçada no anúncio do iPhone X.

Como fazer um anúncio assim?

A Apple usa um tom mais minimalista em suas publicidades, com foco na mensagem que, em geral, é bastante sucinta.

Para fazer um anúncio desse tipo, é preciso ser criativo no texto e investir em um design que coloque o produto em destaque.

4. Evernote

campanha do evernote como exemplo de anúncio persuasivo

Por que é persuasivo?

Em seu site, o Evernote usa o superlativo para afirmar, sem constrangimentos, que é o “melhor aplicativo de anotação”.

No anúncio acima, podemos observar um destaque para “organização”, “rapidez” e “eficiência” como argumentos principais.

Como fazer um anúncio assim?

O segredo da comunicação da Evernote é, assim como o Dropbox, se apresentar por suas funcionalidades para convencer que será útil ao usuário.

5. RD Station

Campanha da RdStation como exemplo de anúncio persuasivo

Por que é persuasivo?

Ao se apresentar como capaz de criar uma “máquina de crescimento”, a ferramenta de automatização de marketing faz logo de cara a promessa do que seu consumo pode entregar.

Como fazer um anúncio assim?

O anúncio apresenta o RD Station como uma solução para problemas de desempenho em marketing e vendas.

Quem quiser seguir essa mesma linha, precisa deixar claro na publicidade qual será o resultado obtido pela compra ou consumo do seu produto ou serviço.

6. Netflix

campanha da netflix como exemplo de anúncio persuasivo

Por que é persuasivo?

Dentre os serviços de streaming, a Netflix foi pioneira em oferecer um período gratuito para que o usuário possa testar seu catálogo.

O anúncio acima vai um pouco além ao garantir que usuário será avisado dias antes de acabar a gratuidade para que, caso opte por não deseje assinar, tenha tempo de alterar as configurações e não ser cobrado no mês seguinte.

Como fazer um anúncio assim?

O pulo do gato aqui está na oferta do teste gratuito.

Esse tipo de anúncio pode ser atrativo para que o cliente que ainda não conhece a marca possa experimentar seu serviço antes de assinar.

6. Sallve

Campanha da Sallve como exemplo de anúncio persuasivo

Por que é persuasivo?

No lançamento de dois novos produtos, a marca de cosméticos decidiu oferecer brindes para os clientes que realizassem a compra durante a pré-venda.

O período estipulado era de 24 horas para garantir frete grátis e receber também um brinde junto com o pedido.

A sensação de urgência trazida por essa promoção funcionou e, muito antes do fim do prazo, os estoques já estavam esgotados.

Como fazer um anúncio assim?

Quem quer seguir a linha da Sallve, precisa apostar em promoções relâmpago que sejam capazes de incentivar o consumidor a decidir pela compra em um impulso.

Leia meu artigo sobre gatilhos mentais para obter mais insights.

7. Garoto

Por que é persuasivo?

A propaganda clássica do chocolate Baton surgiu pela primeira vez em 1990 e marcou toda uma geração.

O slogan criativo, aliado a um comercial com enredo divertido, fez com que o público não esquecesse o produto.

Como fazer um anúncio assim?

O segredo da Garoto para o sucesso do anúncio foi justamente a repetição de uma mensagem curta, mas efetiva: “Compre Baton”.

Para atingir um efeito similar, o publicitário deve pensar em um texto que expresse a mensagem de maneira clara – de preferência, no modo imperativo – e que também seja memorável.

Um ponto a destacar é que, hoje, com as redes sociais, um comercial assim tem muito mais chances de se tornar um produto viral.

8. Azul

Campanha do site Tudo Azulcomo exemplo de anúncio persuasivo

Por que é persuasivo?

Aqui, temos mais um caso que usou a urgência para persuadir o cliente a fazer a compra o quanto antes.

Ao oferecer um bônus para quem transferir seus pontos dentro do período estabelecido, a companhia aérea incentiva seus clientes a realizarem a transação.

Como fazer um anúncio assim?

Quem quiser seguir os passos da Azul, deve investir em campanhas que transmitam o já destacado senso de urgência para os clientes.

Determine um período para a promoção e anuncie, então, que as compras feitas naquela data receberão um benefício – que pode ser desconto, frete grátis, um brinde, etc.

9. Bauducco

Por que é persuasivo?

Este anúncio faz uso da emoção em seu enredo.

Ao associar o Natal da sua família com a marca, a Bauducco deixa implícito que seus produtos são uma tradição natalina.

Como fazer um anúncio assim?

Contar histórias emocionantes é uma ótima maneira de associar uma marca a sentimentos positivos e estabelecer laços afetivos com o público.

Para fazer um anúncio como este, é preciso investir em um roteiro comovente e que possa repercutir com a audiência.

10. McDonald’s

Por que é persuasivo?

Quem não se lembra da música do Big Mac?

Em seu lançamento, o McDonald’s prometia dar um sanduíche para os clientes que soubessem cantá-la de cor no caixa.

Assim, as pessoas tinham um incentivo ainda maior para se lembrarem do jingle, que já era bastante memorável.

Como fazer um anúncio assim?

A rede de fast-food se destacou ao trazer o consumidor para participar do anúncio, incentivando ele a decorar e interagir com a música tema.

Crie um produto memorável, dê motivos para os clientes se interessarem pela divulgação e você também poderá observar os resultados de um anúncio persuasivo.

As 3 lições aprendidas com os anúncios

ilustração sobre anúncios de vendas

Os exemplos acima nos ensinam várias lições sobre como entregar uma mensagem de assertiva para persuadir.

Abaixo, selecionei as três que considero como as mais importantes que podemos tirar dos casos analisados.

1. Tenha uma oferta clara

É importante que seu anúncio tenha uma oferta para o cliente que vá além do produto

Apresentar a mercadoria com os diferenciais e condições de pagamento é importante, mas não é suficiente.

Oferecer um período de teste gratuito, frete grátis e brindes para as primeiras compras são apenas algumas das opções disponíveis.

2. Desperte a emoção da audiência

Todo mundo gosta de uma boa história e isso não tem discussão.

Por isso, anúncios que tem um enredo envolvente e despertam a emoção no público têm mais chances de se destacar.

Além disso, o cliente acaba associando o produto com as sensações que teve vendo o anúncio e isso tem o potencial de estreitar o relacionamento com a marca.

Aproveite para ler meu artigo sobre storytelling e veja como construir uma narrativa envolvente.

3. Seja memorável

Com a presença da publicidade em todos os cantos, é importante garantir que o seu anúncio ficará gravado na memória do público.

Não importa se você apela para humor, emoção ou musicalidade: para que um anúncio seja persuasivo é preciso que ele seja memorável.

Conhecendo as características do seu público, fica mais fácil identificar o que funciona melhor com ele.

Leia meu artigo sobre a definição de personas para ajudá-lo nessa missão.

Conclusão

Contar com anúncios persuasivos é essencial para toda empresa que deseja se destacar da concorrência e garantir suas vendas.

A lista de formatos e mídias disponíveis para publicidade é quase interminável.

Não importa qual seja a sua escolha sobre como produzir e veicular sua mensagem, o mais importante é garantir que o seu anúncio vai prender a atenção do público e convencê-lo a comprar.

Com os exemplos acima, você está pronto para se inspirar e criar sua próxima campanha de sucesso.

Então, me diga: qual dos exemplos de anúncios de vendas mais chamaram a sua atenção?

Guia Completo do Google Adwords

Compartilhe