Neil Patel

Espero que você goste desse artigo. Se você quer que meu time faça o seu marketing, clique aqui.

Algoritmo do Instagram: Entenda Como Funciona e Como Vencer Ele

mão selecionando html de algoritmo do instagram

Compreender o algoritmo do Instagram é essencial para catapultar seus resultados no marketing digital.

Mas essa não é uma tarefa fácil.

Afinal, a concorrência pela sua atenção é enorme, e o algoritmo do Instagram precisa identificar o conteúdo mais valioso para cada um dos usuários.

Apelidado carinhosamente como “Insta”, o app é um fenômeno: de acordo com o TechCrunch (2018), a plataforma tem mais de 1 bilhão de usuários ativos.

E os brasileiros representam uma fatia considerável do bolo: 66 milhões de instagrammers, segundo o Statista (2019).

Esse número coloca o país como segundo no ranking de participação, atrás apenas dos Estados Unidos.

Não é a toa que 71% dos negócios já marcam presença na ferramenta, dados da Mention (2019).

Um levantamento do próprio Facebook (2019) no Brasil, rede social que faz parte do mesmo grupo, mostra que, para 85% das pessoas, o Instagram ajuda a encontrar novos produtos e serviços.

Em 2018, o Instagram foi responsável por 70% das vendas em redes sociais em terras tupiniquins.

Mas está enganado quem acha que publicações diárias bastam para ter sucesso com o aplicativo.

Se você quer compreender como funciona o algoritmo do Instagram e aumentar as suas chances de obter bons resultados, continue a leitura.

No texto de hoje, revelarei alguns segredos e truques utilizados pelos melhores profissionais de social media do mundo.

Antes de continuar, se você quer aumentar sua vendas e saber quais são as melhores estratégias para promover seu negócio online, clique aqui para receber o Guia Completo de Marketing Digital.

guia completo de marketing digital

O que é algoritmo do instagram?

smartphone acessando aplicativo mobile do instagram

O algoritmo do Instagram é um sistema de recolhimento de dados automático e inteligência artificial que estabelece a ordem de posicionamento dos posts que aparecem no feed do usuário.

Parece complicado?

Calma, vamos dar um passo de cada vez para facilitar o entendimento.

Primeiro, saiba que cada rede social tem o seu próprio algoritmo.

Ele se baseia em complexas equações e sistemas que não são revelados ao público, mas pense nele como um software de análise de dados que tem o objetivo de melhorar a experiência do usuário.

A função primordial é descobrir quais publicações são relevantes para cada um dos usuários.

É por isso que um feed de notícias (ou mural) é individual, ou seja, ele foi criado especificamente para você

O algoritmo do Facebook, por exemplo, tem características únicas.

Ele utiliza dados relacionados ao engajamento para determinar o que será disposto no seu feed.

É por isso que as publicações de determinadas pessoas e marcas aparecem com maior frequência.

Agora vamos a um exemplo de algoritmo completamente diferente.

Hoje o Twitter oferece duas opções de feed ao usuário: uma baseada nas principais interações e outra em ordem cronológica.

Mas antigamente apenas a segunda opção estava disponível.

Naquela época, o usuário recebia todas as postagens de todos os perfis seguidos em sua timeline.

Um terceiro exemplo é o YouTube.

Aqui temos um elemento bem particular.

Além das atualizações dos canais nos quais o usuário é inscrito, o algoritmo também sugere vídeos em alta sobre tópicos que internauta se interessa, mesmo sem ser subscriber.

Viu só?

Cada rede tem seus próprios critérios para personalização do conteúdo entregue.

No caso do algoritmo do Instagram, temos duas interfaces distintas: uma para o feed e uma para os stories.

Entre os vários elementos analisados, destacam-se as interações com as publicações.

São elas as principais diretrizes para ranqueamento e direcionamento das postagens.

No caso do feed, as principais interações são curtidas, comentários e marcações.

Já as histórias levam em conta visualizações, marcações e outras métricas relacionadas a recursos interativos.

Ordem cronológica X feed do algoritmo: qual a diferença?

tela de login do aplicativo mobile instagram

Existem duas formas de posicionar posts na linha do tempo do usuário.

A primeira delas é bem simples: a ordem cronológica, cujo elemento fundamental é o tempo.

Ou seja, as postagens serão exibidas na ordem em que foram postadas, da mais recente para a mais antiga.

Como dito no tópico anterior, o Twitter oferece essa possibilidade, e o Instagram também utilizou o formato durante um bom tempo.

A outra é o feed do algoritmo, que leva em consideração critérios relativos ao engajamento.

Assim, o usuário recebe primeiro as atualizações que o software julga interessantes para ele.

Se você está se perguntando o motivo pelo qual as redes migraram para o algoritmo, eu explico.

O Instagram, por exemplo, foi lançado em 2010.

Desde então, muita gente se inscreveu na plataforma.

E outras tantas marcas também estabeleceram presença.

Com o tempo, a tendência é que o usuário siga mais pessoas e páginas, certo?

Então imagine o quanto isso polui o seu mural.

Isso pode fazer com que posts irrelevantes fiquem à frente daqueles que realmente importam.

Além disso, causam uma guerra entre perfis corporativos, que tentarão postar o maior número de vezes possível para alcançar seus seguidores.

As redes sociais utilizam o algoritmo no feed para beneficiar o usuário e, é claro, para que continuem existindo.

Afinal, quando a plataforma deixa de ser interessante, a tendência é que as pessoas a abandonem.

Essa tendência é motivo de reclamação de muitos profissionais de marketing, que veem o alcance orgânico de suas postagens caindo drasticamente.

Mas é preciso ter em mente que essa ação é necessária para manter as pessoas engajadas na ferramenta.

Como o algoritmo do Instagram funciona?

algoritmo do instagram smartphone acessando perfil

Agora que você já compreendeu a função da tecnologia na organização das informações do feed, vamos nos aprofundar um pouco mais no algoritmo do Instagram.

Essa plataforma leva em conta uma série de critérios, mas estabelece pesos diferentes para cada um deles.

É difícil estabelecer valores, pois o método específico é um segredo guardado a sete chaves pelos administradores da rede social.

No entanto, por meio de testes, podemos verificar alguns padrões de comportamento no algoritmo do Instagram.

A seguir, vamos conhecer alguns dos principais fatores de posicionamento de posts no feed do usuário.

1. Engajamento

engajamento no algoritmo do instagram

O engajamento é, sem dúvidas, o elemento mais importante para o algoritmo do Instagram.

Nessa rede social, há duas grandes métricas de interação, que são visíveis no feed: as curtidas e os comentários.

Então, basicamente, o software priorizará posts de pessoas com quem você interage mais.

Simples assim.

Mas não se engane.

Há outros valiosos métodos de observação de engajamento considerados pelo algoritmo do Instagram.

O tempo de visualização de um vídeo, por exemplo.

Se uma pessoa assiste a apenas alguns segundos do conteúdo, o bot entende que ela não o achou muito interessante.

O botão “ver mais”, presente nas legendas, é outro fator importante.

Assim como o tempo gasto no post, os salvamentos na coleção e até mesmo os envios no inbox.

Por fim, preciso citar um elemento óbvio: as marcações.

Se você marca um perfil em uma postagem, ela provavelmente será uma das primeiras a serem mostradas para o usuário em questão.

Afora isso, há também as visitações de perfil, visitações nas fotos antigas, visualizações no mural e cliques em botões.

Já nos stories, que tem um algoritmo à parte, as coisas funcionam um pouco diferente.

Repare que o usuário precisa clicar para ter acesso à postagem, o que por si só é uma ação.

Por isso, aqui a métrica mais valiosa é o número de visualizações.

Outros critérios são o tempo de visualização, a taxa de rejeição (que é quando o usuário arrasta para outro perfil sem ver todos os posts) e a taxa de repetições.

Além, é claro, dos recursos interativos, como respostas, reações sociais e interações com figurinhas (enquetes, perguntas e testes, por exemplo).

Ah, os stories também incluem uma lista de melhores amigos, que é um indicativo de que o conteúdo deve ser priorizado.

2. Quem você segue

O engajamento das pessoas que você segue com determinadas publicações também pode ser levado em conta para a determinação do conteúdo que você vai receber.

Por exemplo: se muitos dos seus amigos mais próximos estão interagindo em uma foto de uma pessoa que está de aniversário, o Instagram detecta que provavelmente você também terá interesse pela imagem.

Assim, mesmo que você não tenha tantas interações com essa pessoa, pode ver essa foto priorizada em seu feed por causa do engajamento dos seus amigos mais próximos.

3. Interesse

O Instagram também utiliza o critério de interesse para estabelecer a ordem de posts do mural.

Se você curte muitas postagens da categoria “futebol”, por exemplo, ele trará mais publicações com essa característica para o seu feed.

Embora esse elemento tenha menor participação no algoritmo de feed, ele é o principal da aba “explorar, cuja principal função é justamente trazer perfis e publicações ainda desconhecidas pela pessoa.

4. Cronologia

Embora o aplicativo não utilize mais o feed de notícias cronológico, esse fator ainda interfere no algoritmo do Instagram.

É simples: posts muito antigos perdem a força e serão mostrados com cada vez menor frequência para os seguidores.

É por isso que a regularidade de postagens é importante na hora de se destacar na rede social.

5. Frequência

Como visto, a frequência de publicações é importante.

No entanto, como o conteúdo que chega até o usuário é limitado, tome bastante cuidado.

Acredite, postar muito não adianta.

Nesse caso, seus posts correm risco de concorrer entre si.

Por outro lado, se você ficar muito tempo sem publicar nada, cairá no esquecimento.

É por isso que é tão importante ficar de olho nos dados coletados pelo Instagram e outras ferramentas analíticas para determinar horários, dias e recorrência de postagens.

16 dicas de como vencer o algoritmo do Instagram

pessoa acessando aplicativo do instagram no smartphonr

O algoritmo do Instagram não é nenhum bicho de sete cabeças.

Por meio das estratégias certas, podemos torná-lo um dos nossos mais poderosos aliados na busca pelos resultados na rede social.

Então, a seguir, veja quais são as principais dicas para fazer marketing no Instagram da maneira correta.

1. Use os novos recursos do Instagram

algoritmo e recursos do instagram

O Instagram é uma das ferramentas do mercado que mais lança atualizações.

São pequenas mudanças ou novas funcionalidades que chegam ao alcance dos administradores para gerar ainda mais engajamento.

Por isso, fique atento às novidades e utilize os novos recursos para chamar a atenção do público antes de seus concorrentes.

2. Incentive os seguidores a comentarem

Os comentários representam uma métrica valiosa para o algoritmo do Instagram, mas também aproximam as pessoas da sua marca.

Então estimule essa ação sempre que possível.

Faça perguntas, peça para que marquem amigos na publicação e crie legendas que estimulem o engajamento.

3. Poste quando seus seguidores estiverem online

Descobrir os melhores horários para postar no Instagram é um grande diferencial competitivo.

Ao compartilhar posts no momento propício, a tendência é que o engajamento aumente significativamente.

Para descobrir quando seus seguidores estão online, você pode recorrer aos dados disponíveis na ferramenta de análise em perfis corporativos.

4. Produza boas imagens e vídeos

A qualidade do conteúdo é essencial para alcançar engajamento e, assim, convencer o algoritmo do Instagram de que se trata de uma publicação valiosa para os seus seguidores.

Por isso, recomendo que crie imagens e vídeos em alta definição e com uma boa qualidade de áudio para garantir que nada atrapalhe seu consumo.

5. Faça stories com frequência

descoberta de usupários dos stories do instagram no novo algoritmo

Ao contrário do feed de notícias, a frequência não interfere negativamente nos stories.

Portanto, não tenha medo de fazer postagens regulares.

A única contrapartida nessa atividade é a possibilidade de o excesso fazer com que o usuário silencie o seu perfil.

Então, tome cuidado.

6. Responda comentários rapidamente

Responder os usuários é a melhor forma de mantê-los engajados constantemente.

Mas não é só isso.

Também é preciso ter um bom tempo de resposta, garantindo que os seguidores não precisarão esperar um longo tempo para interagir.

7. Use conteúdo gerado pelo usuário

Ao estimular o conteúdo gerado pelo usuário (UGC), você aumenta o alcance da sua marca de maneira orgânica.

Lembre-se de solicitar marcações e compartilhar qualquer postagem relacionada ao seu negócio.

8. Responda as mensagens diretas

mensagens diretas no aplciativo instagram

Se a sua empresa está no Instagram, isso significa que você deve responder às mensagens que chegam no inbox.

Essa não é apenas uma ótima maneira de realizar vendas diretas pela plataforma, mas também uma maneira de interagir.

9. Faça sorteios

Todo mundo gosta de um sorteio.

No Instagram, não é diferente.

Essa ação estimula as interações, o que beneficia o algoritmo, o alcance e o número de seguidores.

10. Desenvolva uma identidade visual

Perfis comerciais devem ter uma identidade visual interessante.

Isso faz toda diferença, pois além de dar um ar de profissionalismo ao negócio, chamam a atenção e podem ser utilizados em outros produtos e ferramentas.

11. Invista nos vídeos ao vivo

videos ao vivo no novo algoritmo do instagram

Os stories do Instagram permitem a transmissão de vídeos ao vivo (ou live videos).

Esse é um recurso muito valioso, pois permite que as pessoas enviem comentários e reações sociais em tempo real.

Além disso, os seguidores de uma página recebem uma notificação, o que é sempre vantajoso.

12. Faça uma boa bio

Em perfis do Instagram, há um espaço de destaque para a biografia.

Nela você deve inserir um resumo da sua empresa e contar o que as pessoas ganharão ao segui-lo.

Há ainda outros recursos em perfis comerciais, como a possibilidade de inserção do site oficial, localização da loja e botões de contato.

13. Use as hashtags

uso de hashtags no algoritmo do instagram

As hashtags são o melhor caminho para conseguir novos seguidores sem a necessidade de investimento.

Elas são etiquetas que agrupam postagens por temas e podem ser encontradas na aba de exploração ou quando o usuário clica sobre uma delas.

Elas são especialmente valiosas no Instagram, já que a ferramenta não tem a opção de compartilhamento, então dificilmente você alcançará pessoas que não seguem a sua página.

14. Invista em anúncios

Outra opção interessante para aumentar o alcance das publicações são os anúncios.

Essa alternativa é interessante porque não leva em conta os critérios normais, dependendo apenas do investimento financeiro.

Os valores são mais módicos que em outras plataformas, então é um bom caminho para acelerar os resultados.

15. Tenha um perfil comercial

Ter um perfil comercial no Instagram é essencial para negócios presentes na plataforma.

A migração é um processo simples e permite que o perfil tenha acesso a uma série de funcionalidades exclusivas.

Por exemplo, a função de arrastar para cima nos stories, a ferramenta de análise de dados para melhoria de performance e a possibilidade de investir em anúncios.

16. Use a geolocalização

A geolocalização é útil para lojas e empresas que querem facilitar o rastreamento.

Ao ativar essa opção, as pessoas terão maior facilidade para encontrar um local físico específico, o que é uma mão na roda para negócios.

Conclusão

Chegamos ao fim de mais um texto, e eu espero que as informações aqui contidas contribuam para o desenvolvimento de sua estratégia de mídias sociais.

Hoje nós aprendemos bastante sobre algoritmos.

Primeiro, descobrimos que cada rede social tem uma série de algoritmos responsável pela composição do feed de notícias do usuário.

Também entendemos as principais diferenças entre a ordem cronológica e o feed do algoritmo, e percebemos por que é necessário filtrar as postagens.

Depois investigamos mais a fundo o algoritmo do Instagram e vimos quais são os principais critérios utilizados para determinar o tipo de conteúdo recebido.

Por fim, você recebeu uma série de dicas incríveis para dar uma guinada no seu perfil no aplicativo.

Mas e quanto às suas ações no Instagram?

Você tem algum segredo para me contar?

Conhece alguns truques que geram bons resultados em perfis corporativos?

Então deixe um comentário com seus insights e experiências.

A sua contribuição é muito importante para mim e para os outros leitores que estão tentando driblar o algoritmo do Instagram para chegar mais perto do seu público.

Depois, não esqueça de compartilhar este artigo com seus amigos e colegas.

guia completo de marketing digital

Compartilhe