Mailchimp: Passo a Passo Completo da Ferramenta [Guia 2019]

aplicativo MailChimp na loja de apps

O Mailchimp é a maior plataforma de e-mail marketing do mundo. Com ela, você envia campanhas com vários recursos visuais, prepara respostas automáticas, segmenta e filtra os seus leads, cria funis de vendas e analisa métricas de um jeito fácil e prático.

Todo mundo que já enviou um e-mail marketing conhece o Mailchimp.

Ou, pelo menos, deveria.

Essa plataforma já virou sinônimo de e-mails automatizados, graças à simplicidade e eficiência.

Em poucos passos, você consegue enviar e programar campanhas incríveis sem saber uma linha de código ou usar qualquer ferramenta de design.

E o Mailchimp vai além: anúncios nas mídias sociais, landing pages, posts e formulários fazem parte do seu catálogo de ações.

Já imaginou ter acesso a todos esses recursos gratuitamente?

É exatamente o que o Mailchimp oferece, e 20 milhões de usuários já estão aproveitando, como revela o presidente da empresa na Forbes.

Vou ajudar você a fazer parte dessa comunidade de usuários satisfeitos.

Para isso, leia este guia com atenção e seja bem-vindo ao clube.

O que é Mailchimp?

aplicativo mobile mailchimp

Mailchimp é a maior ferramenta de automatização de e-mail marketing do mundo.

Na verdade, desde 2017, a empresa agregou novos canais como landing pages, Google Ads, Instagram e Facebook.

Assim, o Mailchimp foi além dos e-mails e ganhou o status de plataforma de marketing.

Mas sua fama ainda se deve ao envio automatizado de e-mails, criação de campanhas e facilidade em organizar o mailing e analisar resultados.

Para você ter uma ideia do tamanho do Mailchimp, seu faturamento alcançou US$ 600 milhões em 2018, segundo a revista Inc.

Semanalmente, seus usuários já enviam cerca de 6 bilhões de e-mails.

O segredo dessa popularidade estrondosa está na simplicidade da ferramenta e seu modelo de negócio freemium.

O slogan é representativo: “Recursos para os ‘prós’. Preços para todos.”

Ou seja: a versão gratuita garante o acesso às ferramentas essenciais, ainda que o plano Pro tenha opções mais avançadas.

Com a proposta de valor de ajudar empresas de todos os portes a crescerem, o Mailchimp conquistou a liderança em soluções de e-mail marketing.

E, sim, essa mídia continua relevante: cada dólar gasto em e-mails resultou em US$ 32 para as empresas em 2018, segundo a DMA.

Além disso, os e-mails geram 174% mais conversões do que as mídias sociais.

São ótimas razões para continuar investindo no bom e velho e-mail marketing e contar com a eficiência do Mailchimp.

Vantagens e Desvantagens

moça segurando placa com flechas intituladas vantagens e desvantagens em inglês

Vamos começar pelos prós e contras do Mailchimp, que já oferecem uma visão geral da plataforma.

Estas são as principais vantagens e desvantagens que encontrei.

Principais Vantagens

homem de negocios segurando simbolos de +

É mais fácil falar das vantagens do Mailchimp, porque são inúmeras:

  • Interface intuitiva e facílima de usar
  • Layout dos e-mails criado com um simples drag and drop (arrastar e soltar)
  • Possibilidade de criar e-mails, anúncios, landing pages, cartões postais, formulários de pesquisa e publicações em mídias sociais no mesmo lugar
  • Excelente custo-benefício dos planos pagos
  • Disponibilidade de recursos completos na versão gratuita
  • Diversas opções de customização com templates criativos
  • Importação simplificada de contatos
  • Controle total das listas de e-mails com opções de segmentação
  • Facilidade no gerenciamento e automação de campanhas
  • Taxa de entrega excepcional
  • Possibilidade de realizar testes AB
  • Liberdade para integrar aplicativos externos ou utilizar os aplicativos nativos da plataforma
  • Relatórios detalhados na seção de analytics.

É uma lista bem convincente, certo?

Não é à toa que o Mailchimp é o serviço mais utilizado para automatizar e-mails, que atende desde profissionais autônomos até grandes corporações.

Desvantagens

balança com cubos

As desvantagens do Mailchimp são relativas, pois dependem do seu objetivo ao utilizar a plataforma.

Para quem não tem uma boa leitura do inglês, por exemplo, o idioma pode ser um obstáculo na hora de criar campanhas.

Os recursos de automação também são básicos e podem não atender às expectativas de usuários mais avançados.

Outro ponto fraco é o atendimento ao cliente, que é realizado por uma equipe enxuta e só está disponível durante o horário comercial.

Por esse motivo, alguns usuários relatam a demora na solução de problemas e dificuldade em contatar o suporte.

Por fim, as atualizações constantes do Mailchimp exigem que o usuário se adapte a alterações na interface.

Isso não chega a ser um problema para a maioria das pessoas, uma vez que as melhorias são bem-vindas para uma experiência superior na plataforma.

Quanto custa?

mesa com dados de economia e calculadora

Para usar os recursos essenciais do Mailchimp, o custo é simplesmente zero.

A conta gratuita permite o cadastro de até 2 mil assinantes e envio de até 12 mil e-mails por mês.

Outros recursos inclusos são as contas para múltiplos usuários, tutoriais, criação de landing pages, formulário e ferramentas de automação.

Além disso, na versão grátis é possível criar anúncios para o Facebook, Instagram e Google Ads.

Já a conta intermediária, chamada Grow, custa de US$ 10 mensais (500 assinantes) a US$ 30 mensais (2.500 assinantes).

Nesse plano, o footer do Mailchimp é retirado e o usuário tem acesso a recursos como suporte online, busca de endereços e entrega por fuso horário.

O plano mais avançado é o Pro, que adiciona o valor de US$ 199 ao preço calculado por número de assinantes.

Para quem precisa de ferramentas avançadas de segmentação, testes multivariáveis e suporte premium, é uma ótima escolha.

Como Criar uma Conta Gratuita

escadinha de pilhas de moedas

É muito fácil criar uma conta gratuita no Mailchimp.

Basta acessar o site, clicar em Sign Up Free e preencher seu e-mail, usuário e senha.

Após confirmar o e-mail, a plataforma pedirá algumas informações sobre seu negócio, como nome da empresa, endereço, site e listas de e-mails atuais.

Se quiser receber uma série de e-mails com dicas do Mailchimp, selecione a opção Subscribe to Getting Started.

Pronto, você já está na página inicial e pode começar a criar suas campanhas.

Configurações Iniciais

garota em café com laptop sobre mesa

Para ajustar suas configurações iniciais, clique no seu nome e selecione Account.

Antes de tudo, clique em Details e insira seu fuso horário correto em Time Zone, para que os e-mails sejam enviados na hora certa.

Depois você pode configurar os formatos, preferências e informações do jeito que preferir.

Dica: acesse a guia Integrations e confira todos os apps disponíveis para integração, incluindo redes sociais, analytics e CRM.

Lista de contatos ou Audiências

contatos em smartphone

As listas de contatos ou audiências são o seu público do Mailchimp, ou seja, as pessoas que vão receber suas mensagens.

Depois da última atualização divulgada, as listas foram integradas em uma única audiência, na qual você pode classificar seus grupos por tags e segmentos.

Também é possível criar uma nova audiência 100% independente, se necessário.

Para começar, clique em Audience na página inicial e importe seus contatos.

Como importar contatos

mão apontando icone de mensagem

O Mailchimp oferece três maneiras de importar contatos:

  • Enviando arquivos .csv ou .txt
  • Copiando e colando contatos de um arquivo .xls ou .xlsx
  • Utilizando serviços integrados como Google Contacts, Salesforce e Zendesk.

Se você utiliza alguma das plataformas listadas para organizar seus contatos, esse é o modo mais fácil de criar sua audiência.

Se não, passe para o próximo tópico.

Importar contatos por arquivo .csv ou .txt

ilustração de documentos .csv e .txt

Os arquivos .csv e .txt são os formatos mais comuns gerados por serviços de e-mail como Gmail, Hotmail e Yahoo.

Logo, você pode exportar sua lista de contatos e subir diretamente o arquivo no Mailchimp.

Após o envio, a plataforma vai listar as informações em seis colunas, nesta ordem: e-mail, nome, sobrenome, endereço, telefone e aniversário.

Se algo der errado com as colunas, corrija no arquivo e tente enviar novamente.

Copiar e colar

teclas de teclado fazendo as palavras copiar e colar em inglês

Copiar e colar os contatos também é uma forma prática de criar sua audiência.

Use uma planilha, documento ou o arquivo que quiser para copiar os endereços e dados manualmente.

Não é preciso preencher todas as colunas, mas quanto mais informações você tiver sobre o contato, melhor será a segmentação.

Como criar os segmentos no Mailchimp

página inicial web mailchimp

Depois de importar seus contatos, você já pode criar segmentos para sua audiência.

É só clicar em New Segment e escolher entre os vários critérios disponíveis.

A primeira sugestão é dividir os contatos por assinantes (subscribed), não assinantes (non-subscribed) e descadastrados (unsubscribed).

Você ainda pode segmentar os contatos por idioma, localização, interação, serviço de e-mail, data de inclusão, etc.

Inclusive, vários critérios podem ser adicionados à mesma segmentação, criando listas extremamente precisas para enviar seus e-mails.

Como criar um formulário de cadastro

ilustração de laptop com tela de login

Para criar seu primeiro formulário de cadastro, clique em Signup forms na página Audience.

São quatro tipos de formulários:

  • Formulários gerais (form builder): são formulários padronizados para cadastro, confirmação de cadastro, e-mail de agradecimento, etc
  • Formulários embutidos (embedded forms): são formulários que podem ser embutidos em sites e blogs por meio do código HTML
  • Formulários pop-ups: são os clássicos formulários que brotam na tela para o usuário, disponíveis em vários formatos
  • Formulários integrados (form integrations): são formulários integrados aos serviços Wufoo e Squarespace.

Personalizando e traduzindo os formulários gerais

mulher acessando laptop em tela de registro

Ao escolher os formulários gerais, você pode partir para as opções de personalização e tradução.

Na página do formulário, você terá inúmeras opções para construir o formato com textos, botões, imagens, menus drop down, campos personalizáveis, etc.

Para customizar o design, é só clicar na aba Design it e escolher as cores para o cabeçalho, fundo e corpo do formulário.

Se quiser traduzir o conteúdo, clique em Translate it.

É possível traduzir manualmente ou testar o recurso Auto-translate, que exige uma revisão.

Como Verificar e Autenticar Domínios no Mailchimp

página inicial do site para smartphone do MailChimp

Para evitar que seus esforços acabem na pasta de spam, você precisa verificar e autenticar seu domínio de e-mail no Mailchimp.

Para isso, acesse as configurações, clique em Settings e depois em Domains.

Então, é só clicar em Send Verification e-mail e seguir os passos do e-mail de verificação.

Vale lembrar que os domínios gratuitos como Gmail e Yahoo não podem ser verificados.

Para autenticar um domínio, clique em Authenticate na mesma página e faça as alterações necessárias no provedor de DNS (ou peça ajuda ao serviço de hospedagem).

Criando a primeira campanha de e-mail marketing

ilustração sobre criação na area do marketing

Enfim, você está pronto para criar sua primeira campanha de e-mail marketing.

Vamos começar com um exemplo básico, para entender as principais funcionalidades.

Veja como é simples.

Novo Formato de Criação de Campanhas no Mailchimp

ilustração sobre email marketing

Em janeiro de 2018, o Mailchimp anunciou mudanças no formato de criação de campanhas para melhorar a experiência do usuário.

A nova ferramenta foi projetada para funcionar como um check list, permitindo que os e-mails sejam criados na ordem que você preferir.

Assim, não há risco de esquecer informações provisórias nas etapas anteriores e acabar enviando um e-mail errado.

Para criar sua campanha de e-mail, é só navegar por Campaigns> Create Campaign > e-mail.

Escolha o tipo Regular e dê um nome para sua campanha, depois clique em Begin.

Agora é só preencher os dados de remetente e destinatário, criar um assunto e clicar em Design e-mail para montar a peça.

Templates padronizados ou um modelo novo?

template padrão de email

Tudo depende do seu objetivo, tempo disponível e habilidades.

Na opção Select a template, você terá opções de layouts-base para criação e alguns modelos bem básicos, somente com a divisão de colunas.

Também há uma aba Themes, onde você encontra temas prontos para usar que podem ser personalizados.

Se você souber trabalhar com HTML, é só colar seu código, importar em formato zip ou diretamente de uma URL.

É claro que os e-mails criados do zero são mais autênticos, mas a customização dos templates é suficiente para chegar a um design agradável, limpo e criativo.

Como funciona a edição de templates

apresentacao de caixa de entada de email

Essa é uma das partes mais divertidas do Mailchimp: editar os templates brincando.

Na aba Content, é só clicar e arrastar os blocos de texto, divisores, imagens, botões de compartilhamento, footers e vídeos até o seu layout.

Para alterar os textos, acesse a aba Style e escolha fonte, tamanho e cores.

Você ainda pode mudar o número de colunas em Setting, se preferir.

E-mail automatizado ou disparo manual?

ilustração laptop com envelope na tela

Novamente, a forma ideal de disparo depende das suas intenções.

Compare as funções automáticas e manuais.

Automatização de e-mail

simbolo de arroba

Para automatizar seus e-mails no Mailchimp, clique em Create Campaign e selecione a opção Automated.

Você terá as seguintes opções:

  • Featured (Destaques): são as automações mais usadas, como enviar e-mails de boas-vindas aos novos assinantes
  • Tags: permite enviar um e-mail a cada inserção de determinada tag
  • Subscriber Activity (atividade do assinante): são e-mails enviados com base em atividades e interações dos assinantes
  • E-commerce: automações específicas para ecommerce, como e-mails de lembrança sobre o carrinho abandonado
  • Date based (baseados em datas): são e-mails de aniversário, datas comemorativas ou datas específicas
  • API: traz a opção de disparar uma série de e-mails por meio de uma chamada de API.

Campanha de e-mail com disparo manual

tela de venda em smartphone

O disparo manual é para quem não tem um fluxo muito intenso de e-mails e pode configurar cada campanha individualmente.

Agora, se você quer construir um relacionamento consistente com seus clientes e investir no marketing digital, é melhor recorrer à automatização.

Segundo a pesquisa da Campaign Monitor, os e-mails automatizados geraram 320% mais receita do que os manuais.

Disparando seu primeiro e-mail

título estratégia de marketing e termos relacionados em mesa de reunião

Você já sabe como criar audiências, campanhas e e-mails.

Agora vem a parte mais fácil.

Com o e-mail pronto, clique em Preview and Test para pré-visualizar e enviar um e-mail teste para um endereço seu.

Se estiver tudo certo, é só clicar em Schedule (Agendar) ou Send (Enviar).

Você entrará no modo de “Preparar para enviar” (Prepare for launch), que confirma o grupo de destinatários.

Então, basta clicar em Send Now e comemorar o envio da sua primeira campanha.

Checklist de disparo

smarthpone, laptop, tablet e caderno de anotações

Com a mudança na ferramenta de campanhas, o checklist do seu e-mail estará na própria página inicial.

Basicamente, você precisa conferir:

  • O grupo de destinatários (audiência) escolhido
  • Sua conta de remetente
  • O assunto do e-mail
  • O preview do e-mail
  • As opções de compartilhamento em redes sociais
  • As configurações de monitoramento (Settings & Trackings) para mensurar resultados.

E-mail com testes A/B pelo MailChimp

laptop com teste A/B

Para criar os famosos e-mails com teste A/B, faça o caminho Create Campaign> e-mail > A/B Test.

A ferramenta permite que a combinação de até três e-mails de teste a partir do assunto, nome da campanha, conteúdo e horário de envio.

Além disso, permite definir critérios para a versão vencedora, como taxa de cliques, taxa de abertura e receita total.

Relatórios de Performance

homem de negócios apresentando gráficos

Para descobrir como anda o desempenho das suas campanhas, é só acessar a guia Reports.

Lá, você encontra relatórios detalhados sobre qualquer tipo de campanha e anúncio, incluindo dados como cliques, aberturas, atividade dos assinantes, receita obtida e descadastros.

Ainda é possível acessar relatórios comparativos entre campanhas, sobre automações e landing pages.

Como Entregar um e-Book Automaticamente

mulher lendo e-book

É muito simples entregar um e-book automaticamente no Mailchimp, como parte de sua estratégia de inbound marketing.

Você tem duas opções: criar uma landing page ou enviar um e-mail automático a partir de uma ação do assinante.

Ao selecionar Create > Landing Page, você só precisa escolher um modelo e trocar o botão Subscribe por Baixe seu e-book, por exemplo.

Não se esqueça de selecionar o botão e trocar a mensagem de confirmação pelo link do e-book.

As principais integrações

app mobile Google Sheets

O Mailchimp conta com uma ampla coleção de aplicativos e conectores no seu diretório de integrações.

Estes são alguns exemplos:

  • Automate.io (Salesforce, HubSpot e Google Sheets)
  • Zapier (Facebook Lead Ads, Gmail, Typeform, Pipedrive)
  • ShopSync (e-commerce)
  • Klipfolio (KPIs)
  • Teamgate (CRM).

Plugin para WordPress

acesso à plataforma web WordPress

O plugin IntegralWP é o mais utilizado para integrar o WordPress ao Mailchimp.

O aplicativo custa US$ 99 e sincroniza perfeitamente as duas plataformas.

Assim, você poderá enviar campanhas diretamente do WordPress, sincronizar dados de assinantes e usar conteúdos de posts em e-mails.

Conclusão

Um tour exaustivo, não é mesmo?

Tudo bem.

Essa imersão vai valer a pena.

A partir de agora, você não terá dúvidas ao trabalhar com o Mailchimp e sua ferramenta de e-mail marketing.

E, sinceramente, esta foi apenas uma pequena amostra das incontáveis funções da plataforma.

Se você acabou de criar sua conta, recomendo que dedique algumas horas a explorar e testar todos os recursos.

Tenho certeza de que será uma experiência divertida – e produtiva.

Então, qual vai ser a sua campanha de estreia no Mailchimp?

Deixe um comentário.

Quero saber como o seu e-mail marketing vai decolar a partir de agora.

Compartilhe