12 Dicas Essenciais de Como Usar Esquema de Cores em um Site

colors

Sabia que  85 por cento dos consumidores baseiam suas decisões de compra em cores?

É verdade.

A princípio, achei essa informação inacreditável.

Mas depois de pensar um pouco e considerar o quanto os humanos são direcionados pelo visual, fez todo o sentido.

Os estímulos visuais guiam praticamente todas as nossas ações.

Então por que seria diferente em relação às compras?

Pense nas maiores marcas do mundo.

Para o McDonald’s, as cores são vermelho e amarelo.

Para a Dell, é o azul.

E assim por diante.

Cores e marcas

Como todo mundo sabe, estabelecer uma identidade de marca sólida é extremamente importante.

É um ingrediente essencial para construir confiança, deixar os clientes confortáveis e criar defensores da marca.

E o que é parte integral de uma marca?

O logo.

O esquema de cores que uma empresa escolhe para o seu logo ficará eternamente associado com a identidade da marca.

De acordo com pesquisas, “Cor aumenta o reconhecimento da marca em 80 por cento.”

Portanto, acho justo dizer que o esquema de cores é muito importante.

Tem algo mais que é preciso lembrar. A cor da marca está relacionada com o valor da marca.

Claro, há uma troca entre causa/efeito, mas dê só uma olhada nestes dados:

Marcas de peso se importam com as cores. E muito!

Se você alterar as cores de uma marca existente, isso muda completamente o modo como aquela marca é percebida.

Veja estes exemplos da TheLogoFactory.com

Você é capaz de identificar os logos artificiais imediatamente, e você sente algo diferente sobre aquela marca!

Esquema de cores para o site

Assim como é crucial escolher a cor certa para a sua marca, escolher o esquema de cores para o site é igualmente importante.

Não escolha o seu esquema de cores aleatoriamente, nem baseado em “qualquer coisa que fique legal”.

Claro, você deve investir em uma estética incrível para “dar destaque,” mas é preciso pensar bastante sobre o esquema de cores para o site.

Por quê?

“As pessoas fazem um julgamento subconsciente sobre um ambiente ou produto nos primeiros 90 segundos de visualização. Entre 62 e 90 por cento desse julgamento é baseado exclusivamente no esquema de cores.”

Se você escolher o esquema de cores certo que seja naturalmente direcionado para o seu público, você já tem meio caminho andado.

A seguir, vou mostrar 12 dicas essenciais para escolher o melhor esquema de cores para o site, baseado em pesquisas e na minha experiência pessoal.

1. Entenda como as cores afetam a emoção

Minha primeira recomendação é que que você entenda como as cores afetam as pessoas em nível emocional.

Veja uma análise de como diversas cores de botões de CTA afetam consumidores na América do Norte:

Note que o impacto da cor pode variar dependendo da localização geográfica.

Por exemplo, uma cor que tem apelo para os consumidores americanos pode não ter  o mesmo apelo para consumidores indianos.

Também encontrei o Guia Emocional das Cores que explica as emoções que nós associamos com as cores e inclui exemplos de marcas que usam cada cor.

Recomendo que você dê uma olhada nesses exemplos e pense um pouco sobre as implicações psicológicas de diferentes cores.

2. Pense no seu público geral

Agora, quero que você pense um pouco sobre o seu público-alvo.

Para quem você está tentando falar e vender?

Que tipo de sentimento você está tentando estimular?

É extremamente importante que você se pergunte isso.

Recomendo que você dê uma olhada nesta informação da Fast Company que explica as emoções e a psicologia por trás das cores comuns.

Considere a personalidade e os sentimentos do seu público-alvo.

Em seguida, escolha a cor primária mais adequada para o esquema de cores do seu site.

Por exemplo, se você é uma empresa que vende alimentos orgânicos, verde é provavelmente a melhor cor para o seu site, pois é uma cor que lembra saúde e natureza.

3. Considere o sexo

Embora isso não se aplique a todos, algumas empresas priorizam um sexo específico.

Se a sua empresa é assim, você precisa saber quais são as cores que atraem e repelem homens e mulheres.

Uma pesquisa do Joe Hallock  sobre  Atribuições de Cores descobriu que, em geral, cada sexo tem preferências de cor definitivas.

Veja abaixo:

Como você pode ver, os homens gostam muito de azul e não gostam de marrom e roxo.

Mulheres gostam de azul e roxo e não gostam de marrom e laranja.

Isso é mais uma coisa para você levar em conta.

4. Considere a faixa etária

Isso é algo em que você deve pensar e que talvez não seja óbvio – faixa etária.

Sabia que as preferências de cores de uma pessoa podem mudar com a idade?

De acordo com a pesquisa do Joe Hallock, é verdade.

Veja as cores favoritas das pessoas de acordo com a faixa etária:

Estas são as cores que menos agradam, de acordo com a faixa etária.

Se o seu público tem uma faixa etária predominante, então isso é mais um fator que você precisa considerar.

5. Faça “o teste da cor”

Se precisar de ajuda para decidir uma cor primária, faça este teste do Grasshopper.

O teste inclui perguntas como “o que melhor define os seus clientes” e “que tipo de produto você oferece.”

É rápido e fácil (são só sete perguntas) mas pode te colocar na direção certa, caso você esteja confuso em relação a qual caminho seguir.

6. Abandone seus preconceitos

Existe um erro que eu já vi muitas empresas cometerem na hora de escolher um esquema de cores.

E esse erro é basear a escolha em preferências pessoais em vez de psicologia.

Se azul é a sua cor favorita, é tentador usar azul como sua cor primária.

Mas se você é uma empresa de cosméticos que busca atingir um público feminino, isso seria um erro, e seria bem melhor usar roxo ou rosa.

Lembre-se disso, pois você não quer que as suas preferências pessoais lhe custem vendas e diluam sua marca em longo prazo.

7. Escolha quantas cores você vai usar

A essa altura, você já deve ter uma cor primária em mente.

Agora chegou a hora de escolher quantas cores você quer usar no total.

Embora não exista fórmula definitiva nisso, gostaria de mostrar algo conhecido como a regra 60-30-10.

Para encurtar a história, essa regra é utilizada para criar esquema de cores em áreas como design de interiores e moda e envolve dividir as três cores em porcentagens para criar uma “harmonia perfeita.”

Veja como funciona:

  • 60 por cento de uma cor dominante
  • 30 por cento de uma cor secundária
  • 10 por cento de uma cor de acabamento

Isso significa que a cor primária vai corresponder a aproximadamente 60 por cento do espaço do seu site, a cor secundária a 30 por cento, e a cor de acabamento a 10 por cento.

Se quiser um exemplo da regra 60-30-10, é só olhar o Quick Sprout.

Note como o verde é a cor primária, branco é a cor secundária e preto é a cor de acabamento.

Resumindo, isso significa que o número ideal de cores para o site é… que rufem os tambores!

Três.

Não estou dizendo que você tem que usar três cores, mas é um bom número para trabalhar.

Usar mais de três cores pode deixar seu site complicado ou simplesmente feio.

8. Escolha seu conjunto de cores

Agora você precisa determinar qual conjunto de cores você quer usar.

Não sou especialista em design, mas uma coisa que você definitivamente precisa ter é contraste.

Eu pessoalmente prefiro sites que usam fundo de cores claras com contraste mais escuro em primeiro plano.

Isso torna o site visualmente mais agradável para os seus visitantes e cria certo apelo estético.

Veja um bom exemplo:

 

Por outro lado, existem sites que utilizam fundo escuro muito bem.

Veja o Wonder Bread, por exemplo:

9. Consulte o círculo cromático

Lembra quando você estudou sobre o “círculo cromático” na aula de artes?

Bem, ele pode te ajudar muito a escolher um esquema de cores para o site.

O que você tem que fazer é escolher entre “cores análogas” que são semelhantes e próximas no círculo cromático e “cores complementares” que são diretamente opostas no círculo cromático.

Veja abaixo:

Um par de cores complementares pode ser amarelo e roxo.

Outro pode ser verde e laranja.

Um par de cores análogas pode ser vermelho e laranja.

Outro pode ser verde e azul.

10. Utilize ferramentas

Uma dica para agilizar o processo.

Use uma ferramenta como a Colorspire.

Ela oferece um jeito fácil e rápido de testar diferentes combinações de cores para dar uma ideia de como elas ficariam no seu site.

Isso pode economizar o seu tempo e deve ajudar a encontrar a combinação certa de cores.

Caso você não goste do Colorspire, recomendo uma olhada nesta lista de ferramentas incríveis para escolher o esquema de cores do site.

11. Observe a concorrência

Você também pode aprender muito com os seus concorrentes no mercado.

Recomendo que você observe pelo menos três sites de concorrentes diretos e procure por padrões no esquema de cores.

Isso deve dar uma noção dos tipos de tons que eles estão usando.

Daí para frente, você precisa escolher entre duas opções.

  1. Criar um esquema de cores semelhante que se adeque ao molde convencional
  2. Tomar a direção oposta para se diferenciar do resto

Particularmente, recomendo a segunda opção caso você queira se estabelecer como uma marca diferenciada.

12. Compare alguns esquemas de cores diferentes

É o seguinte.

Não é obrigatório se comprometer com o primeiro esquema de cores que você criar.

Na verdade, isso pode ser bem limitador.

Sugiro que você crie três ou quatro esquemas de cores diferentes e compare cada um lado a lado.

Peça aos seus colegas ou sócios para fazer o mesmo para ter uma noção do que funciona e do que não funciona.

Em seguida, elimine as opções até encontrar o esquema de cores perfeito para a sua marca.

Conclusão

Você não precisa ser um artista de renome mundial para criar um esquema de cores funcional para o seu site.

É tudo uma questão de entender a psicologia por trás da cor e os sentimentos que as diversas cores estimulam.

Você também precisa ter uma compreensão básica da regra 60-30-10 e de como o círculo cromático funciona.

Com um pouco de experimentação e tentativa e erro, você deve ser capaz de criar o esquema de cores perfeito para o seu site.

Em longo prazo, isso vai permitir que você se conecte emocionalmente com mais visitantes e pode contribuir para que você tenha uma taxa de rejeição menor, mais tempo de duração de visita e uma taxa de conversão mais alta.

E tudo isso pode ter um impacto extremamente positivo no seu negócio.

Quais fatores você leva em conta ao escolher um esquema de cores?

Compartilhe