Como Ganhar Seguidores no Facebook Qualificados Todos os Dias e Automaticamente

facebook fans

Ok, já chega. As pessoas precisam parar de dizer que “o Facebook morreu. Você não precisa mais ganhar seguidores, nem curtidas no Facebook”.

Já vimos especialistas em marketing dizer a mesma coisa sobre SEO várias vezes.

Com o surgimento de plataformas mais novas, algumas pessoas concluem que plataformas como o Facebook estão em declínio.

Mas o SEO está longe de morrer. E basta ver o número de usuários ativos mensalmente no Facebook para ver que eles não estão abandonando essa plataforma tão cedo.

Capture1

Como o Facebook está aqui para ficar, é melhor você aprender como aproveitar ao máximo essa base de usuários gigantesca e ganhar mais seguidores no Facebook.

De fato, vou te contar um segredo.

O marketing de mídias sociais no Facebook é uma das plataformas de marketing mais subestimadas em 2017.

Para ser justo, não há nada de errado em fazer experiências com novas plataformas de mídias sociais.

Mas quando uma plataforma de publicidade online pode te levar a 4.000 pessoas para cada $1 gasto, é melhor usá-la!

A verdade sobre negócios é que não interessa se seus produtos são incríveis – você não vai conseguir vender nada se ninguém souber que eles existem.

Seu negócio precisa do marketing para levar seus consumidores a seus produtos.

E é por isso que hoje, vou te mostrar o que faz do Facebook uma ferramenta tão poderosa para segmentação em mídias sociais.

Se você ainda está se iniciando no mundo do marketing de mídias sociais, não se preocupe. Vou te mostrar o processo passo a passo para construir e gerir uma página de negócios que converte e ganhar seguidores no Facebook.

Sério.

Vou começar com os básicos, mas fique à vontade para pular para a seção sobre seus problemas específicos.

  • Bem-vindo ao ‘outro’ Facebook
  • O estado atual do Facebook
  • Lealdade à marca e segmentação
  • 1º passo: Crie objetivos para sua página Facebook Business
  • 2º passo: Crie um calendário de publicação consistente
  • 3º passo: Encontre a estratégia de conteúdo certa
  • 4º passo: Transforme-se em um membro engajado das comunidades do Facebook

Bem-vindo ao ‘outro’ Facebook

É isso mesmo. Existem duas versões do Facebook.

O primeiro Facebook é aquele usado pelas pessoas comuns. Para a maioria das pessoas, o Facebook é um lugar pra compartilhar vídeos engraçados de gatos e se manter em contato com amigos da escola.

Mas a segunda versão do Facebook funciona de outra forma.

Com uma página Facebook Business, as empresas podem:

  • Construir uma presença
  • Direcionar descobertas
  • Gerar leads segmentados
  • Desenvolver lealdade à marca

Fazer marketing no Facebook não é apenas mais barato do que em canais tradicionais de publicidade — também é mais engajante.

O Facebook basicamente oferece a proprietários de negócios por aí um megafone para divulgação das empresas deles.

Capture2

A versão do Facebook usada por especialistas em marketing e proprietários de negócios foca em como se transformar em uma autoridade online.

Claro, não é fácil se transformar em uma autoridade online quando 30 milhões de negócios estão tentando vender aos consumidores nessa mesma plataforma.

Assim, o que você pode fazer para se destacar entre tanto barulho?!

O segredo de alcançar as pessoas no Facebook é entender o que é a experiência das mídias sociais em 2017.

O estado atual do Facebook

Antes de começar a analisar o estado atual do Facebook, precisamos olhar para o passado.

Ao ser lançado, o Facebook parecia uma versão mais limpa e sofisticada do Myspace.

Capture3

Já havia negócios anunciando online, mas a maioria das estratégias de marketing focava apenas em newsletter por email e anúncios em banner.

Ano após ano, o Facebook ajustou seu site e lentamente se transformou no gigante das mídias sociais que conhecemos hoje.

E então, o que mudou desde os tempos do Myspace?

Muita coisa. Mas a maior mudança foi a mudança na mentalidade do consumidor.

Pense nisso. Compare o consumidor médio do início dos anos 2000 ao consumidor de hoje.

A televisão e o rádio eram os canais de publicidade mais eficazes naquela época, pela mesma razão que explica porque as mídias sociais têm esse papel hoje – era onde a atenção de todo mundo estava concentrada.

Lembre-se que essas formas de mídia têm uma natureza mais passiva. As pessoas consomem comerciais aleatórios, com pouco controle sobre esse processo.

O consumidor médio talvez não gostasse muito de ter que assistir todos aqueles comerciais, mas que escolha ele tinha? Não era possível assistir Lost em nenhum outro lugar.

Hoje é diferente. Se você não gosta de comerciais, pode gravar seu programa de tv e assistir depois.

Quer ouvir suas músicas favoritas sem comerciais? Ouvi dizer que existe um serviço de streaming que fornece acesso de baixo custo a milhões de músicas, livre de comerciais. Como ele chama mesmo? Ah sim:

Capture5

O consumidor moderno não quer ser obrigado a ouvir jingles legais. E com a mudança na cultura de consumo, ele já não precisa fazer isso.

Mas para ser sincero, é mais do que isso.

Imagine por um segundo que publicidade e comerciais já não existissem no formato que conhecimentos.

Como você aproximaria clientes?

Como você divulgaria seu negócio?

Fácil: você usaria as mídias sociais..

Com plataformas como o Facebook, o Instagram e o Twitter, você não precisa confiar apenas em anúncios para propagar sua mensagem.

Em vez disso, você pode construir uma comunidade, se conectar aos consumidores e se estabelecer como uma autoridade online.

Capture4

Graças à internet, o consumidor moderno vive em um mundo de mídia interativa.

E como você promove seu negócio em um mundo interativo?

Você inicia um diálogo entre você e o seu público.

As empresas não estão fazendo marketing no Facebook só porque as atenções estão concentradas ali.

Empresários inteligentes usam as mídias sociais porque sabem que falar com os consumidores é melhor do que falar para eles.

Em um mundo em que a interatividade é a palavra-chave, o Facebook criou um ambiente em que as empresas podem interagir ativamente com seus clientes.

Esqueça o megaphone – o Facebook me dá uma linha direta para o meu público-alvo.

Lealdade à marca e segmentação: mais do que ganhar curtidas no Facebook

Qualquer pessoa pode te ensinar como obter mais seguidores e ganhar likes no Facebook. O que eu quero te ensinar é como criar um grupo de seguidores fiéis.

Se você só quisesse mais seguidores no Facebook, provavelmente conseguiria isso seguindo os conselhos de outro site qualquer.

Mas esse artigo fala sobre ganhar seguidores no Facebook, mas de forma segmentada e por uma boa razão. Ter 5.000 seguidores um pouco engajados não é o mesmo que ter 5.000 seguidores fanáticos.

Pergunte isso a essas pessoas, que esperaram na fila por duas semanas para o lançamento do iPhone 6:

Capture6

Anúncios podem ajudar, mas se eles forem a única ferramenta de marketing em seu arsenal, você vai ter problemas enormes.

Enviar spam não vai criar lealdade à marca – você precisa merecer lealdade.

O mais estranho sobre a lealdade à marca é que as pessoas acham que é uma questão de sorte.

Vamos deixar isso claro: Lealdade à marca é o resultado previsível de outreach de alto nível, que pode ser replicado em qualquer negócio no mundo.

Talvez você não seja tão grande quanto a Apple ou o Starbucks, mas você ainda pode ter uma comunidade que apóia fortemente seu negócio.

E então, como gerar lealdade à marca que vai além de ganhar likes e comentários no Facebook?

Na verdade, o processo é bem simples:

  • Tenha um produto excelente
  • Desenvolva uma presença nas mídias sociais
  • Conecte-se com seus seguidores

Isso é tudo. Sim, estou falando sério.

Se você tiver um produto que as pessoas adoram, uma presença consistente nas mídias sociais, e se engajar com seus seguidores regularmente, você já estará no caminho certo.

O que realmente vai determinar a qualidade da sua comunidade nas mídias sociais é se você é ou não capaz de atrair seguidores segmentados.

1º passo: Crie objetivos para sua página Facebook Business

Isso é muito importante.

Se você realmente quer construir uma página de empresa com sucesso, vai ter que descobrir o que exatamente é “sucesso”.

Para ser claro: definir metas de marketing não é uma formalidade.

Criar metas tem alguns resultados:

  • Inicia o processo de coletar dados e rastrear métricas. Acredite, isso pode parecer pouco importante agora, mas em seis meses, você vai me agradecer.
  • Garante que no futuro, seu conteúdo e suas ações de marketing sejam baseados em dados. Com esses objetivos em mente, sua estratégia de marketing sempre estará no caminho certo.

Capture8

Ter objetivos é importante. Você não pode atingir um objetivo sem saber qual ele é, certo?

Seus objetivos devem ser o mais rastreáveis e específicos possível.

O que eu quero dizer com isso? Bem, simplesmente falar em “aumentar o outreach” não vai funcionar.

Aqui estão alguns exemplos de metas melhores:

  • Ganhar 200 seguidores no Facebook diariamente durante 6 meses
  • Aumentar o engajamento dos usuários em 10% em três meses
  • Produzir 5 conteúdos novos por semana durante 5 meses

Você já deve ter entendido. Quanto mais detalhado for seu objetivo, mais fácil será verificar depois de alguns meses se você bateu as metas.

Se você atingiu seu objetivo, muito bem!

Se não, você vai poder verificar quanto faltou, e usar aqueles dados para descobrir o que deu errado.

A fórmula simples para criar objetivos em três passos é:

  1. Selecione uma área específica como foco
  1. Determine quanto tempo você vai ter para alcançar o objetivo
  1. Avalie quando o objetivo for atingido ou quando o tempo acabar

2º passo: Encontre a estratégia de conteúdo certa para publicar no Facebook

Com seus objetivos claramente definidos, você vai estar pronto para pensar no conteúdo que vai criar.

Não importa que tipo de negócio você está gerindo. Existe uma regra não negociável no marketing de mídias sociais: O conteúdo é rei.

O conteúdo é a principal arma para você evitar correr atrás de sites para ganhar curtidas no Facebook, como o Auto Liker Brasil, por exemplo. Você conseguirá likes gratuitos; basta trabalhar do jeito certo.

Capture9

Não só as pessoas passam 50% mais de seu tempo online lendo conteúdo, mas mais de 60% das pessoas têm uma probabilidade maior de confiar em uma empresa que entrega conteúdo personalizado.

Só para ser claro: Você precisa compartilhar seu conteúdo na página de seu negócio no Facebook.

Mas que tipo de conteúdo você deve criar?

A resposta curta é: o que funcionar melhor.

A resposta completa é um pouco mais complicada. Sinceramente, você deve começar criando o tipo de conteúdo com que estiver mais confortável.

Primeiro, determine que tipo de conteúdo é melhor para você.

Sim, imagens no Facebook e vídeos geralmente vão ter o melhor desempenho. Mas o que realmente é importante é que você crie conteúdo que gere engajamento.

A forma mais fácil de fazer isso? Criar conteúdo em um formato que é familiar para você.

Se você escreveu a vida toda, crie um blog. Se é fotógrafo por profissão, opte por conteúdo visual.

Quanto menos barreiras você colocar para si mesmo, mais fácil será estimular sua criatividade.

Mas perceba que eu disse que você deve “começar assim”.

Após encontrar seu ritmo, seu próximo passo vai ser começar a explorar outros formatos de conteúdo.

Veja a página da Nike no Facebook, por exemplo:

Capture10

Eles optaram por usar uma quantidade equilibrada de imagens e vídeos.

Isso não só dá aos usuários várias opções de escolha, mas também garante que a Nike sempre saiba que tipo de conteúdo está convertendo mais a qualquer momento.

Capture11

Se você só criava posts de blog, comece a tirar fotos e fazer vídeos curtos. Se você só publicava imagens, experimente conteúdo escrito.

Até ver os dados, você nunca sabe se um certo tipo de conteúdo ressoa ou não com seus seguidores no Facebook.

Aqui está a fórmula simples da criação de conteúdo:

  1. Descubra que tipo de conteúdo é adequado para você ou seu negócio
  2. Faça experiências, rastreamento e ajustes até ser vitorioso

3 Passo: Crie um calendário de publicação consistente

Agora que já discutimos “o que” fazer, vamos falar sobre “quando”.

Vamos focar na importância de ser consistente para gerar lealdade à marca e se transformar em uma autoridade online.

Quando se trata de mídias sociais, os usuários esperam que você esteja disponível 24 horas por dia, 7 dias por semana. Isso é especialmente verdadeiro quando você tem um público internacional em vários fusos horários diferentes.

Capture7

Você não pode “tirar férias” das mídias sociais. Não se quiser desenvolver uma presença forte nas redes sociais em 2017.

Se estiver procurando horários e frequências ideais para publicação, o SocialBakers fez um estudo que mostrou que publicar entre 5 e 10 vezes por semana é o ideal.

Mas lembre-se: isso é apenas uma orientação inicial.

Você precisa rastrear os dados, fazer experiências com outras frequências de publicação e comparar os resultados.

O que é realmente importante para o seu público é que não haja nenhum grande intervalo em seu calendário de publicação. Se você puder publicar mais ou menos no mesmo horário todos os dias, melhor ainda.

4º passo: Transforme-se em um membro engajado das comunidades do Facebook

Essa é a peça final do quebra-cabeças.

Criar conteúdo valioso, focar no crescimento…tudo isso é ótimo.

Mas é nesse passo que boas estratégias de marketing no Facebook se transformam em ótimas estratégias de marketing no Facebook.

Por definição, um seguidor no Facebook segmentado é alguém que tem interesse em seu negócio/produto. Esses são os tipos de pessoa que se encaixam quase perfeitamente no seu persona de comprador.

Você tem ressonância com essas pessoas porque as conhece. Você entende do que elas precisam.

Aliás, você está cuidando das necessidades específicas deles desde o momento em que criou seu negócio.

Se quiser ter uma comunidade leal de seguidores no Facebook, você precisa fazer contato com essas pessoas e oferecer a elas uma razão para se juntarem ao seu grupo.

Para encontrar essas comunidades, vá à caixa de pesquisa do Facebook e insira o nome do segmento em que seu negócio opera.

Sério. Se seu público alvo for empreendedores, é só inserir “empreendedores”.

Capture12

Após pesquisar seu termo, você verá uma página listando todas as informações relevantes para o seu segmento.

Capture13

Aqui, você vai clicar na aba “Grupos”, no canto superior direito. Ou você pode continuar descendo a página, se preferir.

Capture14

Cada um desses grupos deve ter entre algumas centenas e vários milhares de membros.

Após examinar as regras, você pode clicar no botão “Entrar” e se tornar parte do grupo.

Capture15

Após entrar no grupo, as regras são bem simples:

  1. Evite se autopromover de forma óbvia. Isso é irritante e na pior das hipóteses, pode te levar a ser expulso do grupo.
  2. Ofereça valor sempre que possível, gratuitamente. É aqui que você vai construir sua autoridade online.
  3. Fale diretamente com as pessoas e use o mínimo possível de “linguagem corporativa”. Esse não é o lugar ou o momento certo para vender.

É importante ter em mente que a sua presença no grupo não é a de vendedor.

Você está aqui para compartilhar ideias com outros fãs do seu segmento. Mostre sua paixão por esses temas.

Quanto mais ativo e envolvido no grupo você for, maior a probabilidade de ser visto como autoridade no assunto.

Combine isso com seu know-how único do segmento e em pouco tempo as pessoas vão começar a procurar a página do seu negócio no Facebook para ver o que você faz.

Ao fazer isso, elas vão encontrar aquele conteúdo que você está produzindo regularmente, todos os dias.

Essas pessoas se importam com esse segmento. Desde que seu conteúdo seja valioso, há uma boa probabilidade de elas te seguirem antes de sair da sua página.

Conclusão

Esse processo é tão fácil quanto parece.

Conseguir seguidores no Facebook com segmentação não é uma ação extremamente complexa. Vai muito além de conseguir likes rápidos e curtidas de um público que não é o seu foco.

A verdade sobre desenvolver lealdade à marca é que isso depende de duas coisas: paciência e generosidade.

Ninguém se transforma em autoridade do dia para a noite. Você terá que passar horas criando conteúdo e se estabelecendo.

Você terá também que ser mais generoso do que a maioria das campanhas de marketing esperam que você seja.

Oferecer valor é a única forma consistente de chamar a atenção das pessoas nas mídias sociais.

Se você não me fizer rir, espero que me ensine alguma coisa.

Você já sabe quais são os passos:

  • Criar objetivos para garantir crescimento no curto e no longo prazo.
  • Criar conteúdo para oferecer valor aos seguidores do Facebook.
  • Engajar outros usuários em grupos para garantir seguidores segmentados.

Hora de colocar tudo isso em prática.

Que táticas você já usou para conseguir mais seguidores e likes no Facebook com segmentação? Você já teve sucesso usando os grupos do Facebook?

Compartilhe