Melhor Horário Para Postar no Facebook: Descubra o da Sua Página

relógio com logos do facebook melhor horário para postar

Afinal, qual é o melhor horário para postar no Facebook?

A verdade é que não há um horário universal que represente a receita do sucesso na maior rede social do mundo.

O público do seu negócio é único e não reage exatamente como a audiência do seu concorrente.

Na prática, o que existe são parâmetros utilizados por diversas marcas que levam a um denominador comum.

Esse conhecimento permite um esboço de planejamento e alguma noção das diretrizes a seguir.

Então, se você está tentando encontrar o melhor horário para postar no Facebook, pode ficar tranquilo.

Neste artigo, eu vou responder a essa pergunta e vou mostrar como acertar o timing para interagir com os seus seguidores.

Acompanhe as próximas linhas para conquistar uma vantagem competitiva agora mesmo.

Antes de continuar, se você quer aumentar sua vendas e saber quais são as melhores estratégias para promover seu negócio online, clique aqui para receber o Guia Completo de Marketing Digital.

guia completo de marketing digital

Por que se preocupar com o melhor horário para postar no Facebook?

primeiro plano de smartphone e segundo relógio

Quem não conhece a dinâmica de funcionamento do Facebook pode não compreender a importância do horário de publicação na plataforma.

Para resumir a história, posso adiantar que o horário tem tudo a ver com o alcance que sua postagem terá, ou seja, para quantos usuários ela será veiculada.

Mas vale a pena entender melhor as razões para isso.

Primeiro, quero tratar do tamanho do Facebook, que é o segundo site mais visitado no planeta, atrás apenas do Google.

Os dados são do We Are Social.

De acordo com a própria empresa (2019), são mais de 2,38 bilhões de usuários ativos registrados na plataforma.

Desse total, 1,49 bilhão acessa a ferramenta todos os dias.

Esse número equivale a 26,3% da população mundial online, segundo o Statista (2019).

A cada segundo, seis novos perfis são criados na rede social de Mark Zuckerberg.

Um relato do Economist mostra ainda que 22% do tempo gasto na internet se concentra no Facebook.

E para o marketing brasileiro, o Facebook tem uma força enorme.

Somos o terceiro país com o maior número de usuários: cerca de 130 milhões de pessoas.

O brasileiro, aliás, é um dos campeões em tempo gasto online, perdendo apenas para as Filipinas.

Com esses dados em mãos, é de se esperar que donos de negócios e profissionais de marketing arregalem os olhos e queiram se destacar na rede, não é mesmo?

Pois é.

É por isso que existem mais de 60 milhões de páginas corporativas (ou fanpages).

Mas eu já perdi as contas de quantas vezes as pessoas vieram até mim reclamar da diminuição do alcance orgânico da plataforma.

O que eu respondo é que esse fenômeno é uma tendência compreensível.

Pense no feed de notícias do usuário como um espaço limitado de informações.

Quanto mais empresas disputam esse espaço, menor será o alcance, certo?

As empresas entram aos montes no Facebook, e aquelas que já estão lá fazem cada vez mais publicações.

Com isso, os usuários curtem mais marcas.

Então, se todos os conteúdos publicados chegassem até os seus seguidores, ficaria impossível lidar com o excesso de dados e atualizações.

Essa é a justificativa para os algoritmos que ditam os rumos do feed de notícias.

O importante é entender que esses algoritmos são pautados por dados objetivos de engajamento, ou seja, curtidas, comentários, compartilhamentos, cliques e outras reações sociais.

É uma maneira de levar conteúdo de maior qualidade para o maior número de pessoas.

E, claro, de aumentar o faturamento da rede social, que veicula anúncios de empresas que desejam elevar o seu alcance.

Outro fator que tem um peso enorme para os índices de engajamento e alcance é o horário da postagem.

Não adianta criar uma publicação, por mais interessante que seja, em um momento em que o seu público não está interessado em interagir.

Acredite: já ouvi relatos de pessoas que fizeram a mesma postagem em dois horários diferentes, uma com ótimos resultados e outra com desempenho pífio.

Então, o motivo pelo qual você deve se preocupar com o melhor horário para postar no Facebook é que a performance de suas estratégias de marketing dependem diretamente desse fator.

Qual o horário de pico no Facebook?

facebook insights em smartphone

O horário de pico no Facebook é entre 13h e 15h durante os dias da semana.

A verdade é que, a partir das 9h, horário no qual as pessoas costumam chegar ao trabalho, os índices de engajamento começam a aumentar, chegando ao auge às 15h.

Esses números podem variar de acordo com a audiência, seja por questões demográficas ou comportamentais do consumidor.

Qual o melhor horário para postar no Facebook?

garota ao telefone e acessando laptop

O melhor horário para postar no Facebook é a partir do meio-dia da sexta-feira. Nessa hora, há um pico de engajamento de usuários. Postagens feitas às 13h geram mais compartilhamentos, ao passo que publicações realizadas às 15h produzem mais curtidas e comentários.

Uma recomendação mais abrangente seria para a realização das postagens entre 9h e 19h, já que esses horários abarcam o período com o maior número de acessos da ferramenta.

Para saber qual o melhor horário para ganhar curtidas no Facebook, no entanto, é preciso acessar os dados analíticos disponibilizados pelo próprio Facebook Audience Insights.

Isso porque diferentes audiências apresentam comportamentos distintos nas redes sociais.

De maneira geral, os dias nos quais o usuário está mais propício ao engajamento são às quintas e, principalmente, às sextas-feiras.

Em uma análise ampla, podemos considerar que o período ideal para publicação no Facebook é de quarta a domingo.

Evite publicar posts importantes nas segundas e terças, de manhã ou no período após as 20h.

Melhores horários para postar no Facebook para empresas sem fins lucrativos

Mesmo empresas sem fins lucrativos querem garantir seu espaço no Facebook.

Nesse segmento, a análise dos dados do usuário nos levam à conclusão de que os melhores horários para publicação são às 14h de quartas e sextas-feiras.

Os domingos devem ser evitados, pois apresentam baixos índices de engajamento.

Melhores horários para postar no Facebook para área de educação

Outra área na qual o Facebook é muito valorizado em campanhas de marketing é a da educação.

Para instituições de ensino que pretendem se arriscar na rede social, o melhor período para postagem é entre 14h e 15h de quinta-feira.

Como esperado, esse nicho apresenta menos interações durante os finais de semana.

Melhores horários para postar no Facebook para área da saúde

A saúde é uma das áreas mais buscadas pelas pessoas na internet, e no Facebook não é diferente.

Para se destacar nessa área no Facebook, o melhor horário é na sexta-feira ao meio-dia.

Aos sábados, os níveis de engajamento para o segmento caem significativamente.

Melhores horários para postar no Facebook para o setor de tecnologia

Você provavelmente imagina que o ramo da tecnologia é um dos que mais se destacam nas redes sociais.

Se a sua fanpage se encaixa nesse segmento, os melhores horários para postagem são às segundas e terças-feiras, das 10h ao meio-dia.

O engajamento cai bastante aos sábados e durante a semana nos horários da manhã e de madrugada.

Melhores horários para postar no Facebook para varejo

O Facebook não é útil apenas para lidar com o consumidor final.

Para empresas B2B, os melhores horários para postagem são bem variados.

Na terça-feira, às 14h, nota-se um pico de relacionamento.

Isso volta a acontecer na sexta-feira, às 11h.

Durante os finais de semana, os indicadores de performance para esse nicho sofrem decréscimo.

Como descobrir o melhor horário para postar no seu Facebook

tela de facebook insights em computador e smartphones

Apesar de todas as informações colocadas até servirem como um guia para administradores de páginas e profissionais de marketing, cada público tem suas peculiaridades.

Nem sempre o que funciona para a maioria dá certo para o seu negócio.

A realidade é que as pesquisas podem apontar dados diferentes.

Veja como se pronunciam alguns dos mais importantes canais de pesquisas em nível global sobre o melhor horário para postar no Facebook:

  • Quinta-feira, às 20h (TrackMaven)
  • Terça a domingo, às 9h, às 11h e às 15h (Hubspot)
  • Segunda a sexta, entre 13h e 15h (Buffer)
  • Fora do horário de pico, entre 21h e 23h (BuzzSumo).

Mas Neil, com tantas indicações diferentes, qual delas devo seguir?

A verdade é que essas variações apenas comprovam que existem diferentes horários para postar – e obter engajamento – no Facebook.

Assim, essas referências são bastante úteis para os primeiros testes que você fizer na plataforma.

No fim das contas, tudo depende do público específico de cada negócio.

Outra coisa: o que funciona hoje pode mudar totalmente daqui uma semana.

Afinal, tanto os hábitos e costumes do consumidor quanto o algoritmo da rede social se alteram regularmente.

Mas não é preciso arrancar os cabelos.

Para resolver esse problema, você tem os dados como aliados.

Então, a seguir, saiba como descobrir o melhor horário para postar no Facebook de acordo com a sua própria comunidade.

1. Conhecendo sua audiência por meio do Facebook Insights

audiência por meio do facebook insights

A primeira coisa que você precisa encontrar são os dados sobre o comportamento da sua audiência.

Para isso, acesse a sua fanpage e clique na aba “informações” no menu superior.

A seguir, selecione “publicações” e opte por “quando os fãs estiverem conectados” para descobrir os horários de maior atividade dos seus seguidores.

Na primeira seção, marcada por “dias”, você saberá quais são os principais dias da semana que as pessoas que curtiram a sua página estão ativas no Facebook.

Logo abaixo, um gráfico revela os horários de pico de utilização da sua audiência.

Você também pode passar o cursor do mouse sobre os dias para saber dados sobre utilização específicos daquela data.

Nesse caso, o gráfico abaixo se modifica para mostrar apenas dados daquele dia.

Outro recurso interessante é o registro da performance de cada publicação realizada em uma fanpage desde sua criação.

Para chegar lá, basta rolar a página para baixo do gráfico de horários.

Ali há um segmento nomeado “todas as publicações enviadas”.

Em um formato de tabela, você tem acesso à data, ao horário, ao alcance e ao envolvimento da publicação.

Nota: o envolvimento é dividido por dois tipos diferentes de interações:

  • Cliques
  • Reações, comentários e compartilhamentos.

Bom, aqui temos uma série de informações de grande importância para realização de ajustes em sua estratégia.

Guarde-as, pois usaremos tais relatórios no próximo tópico.

2. Análise

A partir de agora, precisamos saber o que fazer com os dados disponíveis no Facebook Insights.

Sozinhos eles não dizem muito, mas por meio da observação precisa, você descobrirá que eles são um mapa do tesouro.

Para isso, geralmente são utilizadas tabelas.

Se você quiser saber os tipos de posts que geram mais engajamento, por exemplo, crie uma planilha separando os tipos de conteúdo e ranqueando-os de acordo com o número de interações.

No Facebook, há alguns tipos tradicionais de publicação, como foto, vídeo, link, texto ou carrossel.

Ao dividir e observar a performance dos posts, você descobrirá qual é o tipo que gera os melhores resultados.

Isso funciona para qualquer outra distinção que você queira fazer.

Por exemplo, para saber a quantidade ideal de caracteres em uma postagem, crie a tabela em grupos de 10, 20, 30, 40 e 50 palavras.

O Facebook Insights não faz isso por você, então esse é um trabalho manual.

Depois, registre o desempenho de cada post com tais características e conclua qual é o número mais propício.

Simples, não?

Ao aplicar essa lógica em suas análises, os resultados serão cada vez mais precisos, e você será capaz de se adequar às preferências do seu público.

Atente-se que cada avaliação precisa ser planejada.

Para descobrir a quantidade de postagens ideais, por exemplo, crie a planilha dividida por dias.

No primeiro dia, faça uma única postagem.

No segundo, duas.

No terceiro, três.

E assim por diante.

Por fim, estabeleça uma métrica de desempenho.

O alcance, por exemplo.

Em qual dos dias a soma do alcance foi maior?

Pronto.

Você acaba de descobrir a frequência ideal para suas postagens.

Note que esse tipo de observação deve ser feita com regularidade.

Quanto maior a quantidade de dados e o período estudado, mais precisos os resultados.

3. Testes

ilustração sobre teste a/b

Eu espero que você tenha compreendido a lógica das análises, pois chegamos a outro elemento de extrema importância: os testes.

O teste A/B é um conceito bem simples.

Basicamente, é um comparativo entre dois cenários, muito utilizado no ambiente de marketing digital.

Um bom exemplo de teste A/B é realizado entre duas páginas distintas.

Elas são idênticas, exceto por um detalhe: uma delas tem um botão vermelho e a outra tem um botão verde.

Metade do público acessa cada uma delas.

Com isso, o administrador pode avaliar o desempenho individual e concluir qual cor de botão é a mais propícia a ser clicada.

Esse raciocínio também é usado em posts de redes sociais.

Você pode criar posts idênticos, mas com imagens diferentes para descobrir qual tipo de foto atrai mais o seu público, apenas para citar um exemplo.

Para descobrir o melhor horário para postar no Facebook, a maneira ideal é por meio desse fundamento.

Vamos para a prática?

Crie um post e compartilhe três vezes em diferentes horários.

O que obtiver o melhor desempenho é o melhor, concorda?

Esse foi um exemplo simples para que você compreenda o funcionamento, mas é preciso levar em consideração uma quantidade maior de posts para determinar com precisão o melhor momento para postar no Facebook.

O mais interessante é que essa tática é infalível, já que é baseada em dados coletados de acordo com o comportamento da sua própria audiência.

Assim, você minimiza os erros e garante o sucesso de sua estratégia de social media.

Basicamente, o trabalho de um profissional de mídias sociais consiste em quatro passos:

  • Elaboração de uma tabela de horários, datas e frequência inicial
  • Análise de indicadores de engajamento
  • Realização de ajustes estratégicos nos horários, datas e frequência
  • Repetição do ciclo.

Os números auxiliam as pessoas, mas são necessários recursos humanos para acertar o alvo.

Dessa forma, é possível descobrir o melhor horário para postar na sua fanpage e estreitar os laços com a sua base de seguidores.

4. Ferramentas para auxiliar

página de site da ferramenta de análise LikeAlyzer

Apesar de o Facebook Insights ser uma ferramenta precisa e gratuita, vinculada diretamente à plataforma, você não precisa se agarrar somente a ela em suas estratégias digitais.

Existem muitos outros instrumentos extremamente úteis (pagos e gratuitos) que recolhem dados e servem como suporte para atividades no Facebook.

Alguns dos meus favoritos são:

  • LikeAlyzer: ferramenta simples para avaliar a performance de fanpages, incluindo concorrentes
  • Fanpage Karma: software de análise de dados e monitoramento social
  • Sociograph.io: ferramenta de avaliação de páginas corporativas e grupos no Facebook
  • Agorapulse: plataforma analítica que sugere automaticamente ajustes em fanpages
  • SocialBakers: software que traz diversos dados relacionados a múltiplas redes sociais

Não precisa usar todas as ferramentas acima, mas vale a pena conhecê-las para descobrir qual se encaixa melhor nas suas demandas.

Conclusão

Descobrir o melhor horário para postar no Facebook é um grande desafio.

Quer um resumo deste guia?

Aqui vai: o melhor horário para postar no Facebook é quando a maior parcela do seu público está querendo consumir aquela peça de conteúdo.

Parece uma obviedade para quem não prestou atenção ao texto, mas é uma diretriz extremamente objetiva.

Por mais que existam momentos mais propícios na média, como o início do horário de trabalho em dias de semana, é você quem precisa testar como o seu público responde.

Para isso, é preciso fazer testes e mais testes até ir refinando não apenas o horário de postagem, mas também o formato e o conteúdo.

Espero que este artigo tenha sido útil e ofereça bons insights para você e sua equipe.

Ao seguir essas dicas, suas campanhas no Facebook certamente trarão resultados positivos.

Depois, deixe um comentário contando sua experiência.

guia completo de marketing digital

Compartilhe