Neil Patel

Espero que você goste desse artigo. Se você quer que meu time faça o seu marketing, clique aqui.

Como trabalhar pela internet? Descubra 14 maneiras de ganhar dinheiro online!

como trabalhar pela internet

Está sem tempo para ler? Experimente ouvir a narração desse artigo. Aperte o play!

Você pensa em como trabalhar pela internet, no conforto de casa, com a possibilidade de fazer os próprios horários e sem precisar se deslocar até o escritório? 

Esse é um modelo que atrai cada vez mais profissionais — e a ótima notícia é que existem vários sites e formas de conseguir trabalhar online.

Veja bem, não estou falando do home office permitido pelo empregador, ou seja, quando você é funcionário de uma empresa que lhe permite trabalhar em casa.

Isso também é muito legal, mas o assunto deste artigo é trabalhar pela internet “por conta”, de maneira autônoma, sem ter um vínculo empregatício formal.

Ao colocar na mesa essa alternativa, muitos dizem que “parece ser ótimo”, mas que não possuem a “autodisciplina necessária”.

Só que eu aviso logo: é um falso problema. Essa característica pode ser desenvolvida.

Todo mundo consegue ser produtivo mesmo sem um chefe no seu encalço cobrando as entregas.

Então, resta outra questão: por onde começar quando o assunto é como trabalhar pela internet?

Quem tem um trabalho fixo sabe muito bem quais tarefas e atribuições precisa cumprir para ganhar seu salário.

E a pessoa que opta por trabalhar pela internet para ganhar dinheiro em casa?

Em vez de chefe, precisa de clientes, parceiros ou ferramentas que permitam monetizar seu trabalho.

Este artigo é sobre isso!

Vou dar dicas para descomplicar esse tema sobre trabalhar em casa — ou em qualquer outro lugar, basta apenas ter um computador com acesso à internet. Assim, você consegue inovar sua renda!

Mas, pera, só uma coisinha antes: quero que você conheça o ebook que meu time fez com todas as técnicas que realmente dão certo quando o assunto é marketing digital. É de graça!

banner as principais estratégias de marketing digital

É possível ganhar dinheiro trabalhando pela internet?

Sim!

É mais do que possível ganhar dinheiro trabalhando pela internet. 

Na verdade, é até meio indiscutível, já que todo mundo usa a internet para diversos fins — e muitos deles são para comprar, negociar e encontrar algo.

Por isso, existem muitas oportunidades para as pessoas empreenderem também. Percebo que o Brasil, de forma geral, é um país que tem esse “tino”. 

E falo isso justamente porque não sou daqui.

Mais de 93 milhões de brasileiros estão envolvidos com o empreendedorismo, segundo a edição 2022 do relatório da Global Entrepreneurship Monitor.

E a cada ano que passa, a internet fica ainda mais acessível: em 2021, ela chegou a 90,0% dos domicílios do país, segundo a pesquisa do IBGE.

Basicamente: se você quer fazer um trabalho online, com certeza, vai ter demanda, pois quase todos os brasileiros estão no digital. 

Mas assim como em qualquer forma de trabalho, ganhar dinheiro online requer esforço, dedicação e, muitas vezes, paciência. 

Também é bom lembrar que nem todas as oportunidades são legítimas — ou seja, avaliar a reputação das fontes antes de investir tempo e recursos é básico. 

E como a concorrência também pode ser alta, encontrar um nicho ou uma abordagem única pode ajudar a se destacar.

Enfim, são muitos detalhes, mas o cuidado é a melhor forma de lidar com eles!

Como trabalhar pela internet: 14 ideias de como ganhar dinheiro

Além de sites — que vou falar ainda —, existem vários trabalhos específicos que podem render dinheiro.

Todos eles, é claro, podem ser realizados no conforto do lar. 

Ou até mesmo do café, da praia ou do campo, se você for nômade digital.

Você pode trabalhar pela internet utilizando os conhecimentos e habilidades que já tem.

Basta encontrar clientes que estejam precisando do que você tem a oferecer e convencê-los a contratar seus serviços.

Vamos conhecer algumas ideias de como trabalhar pela internet?

Criação de loja virtual/e-commerce

A grande vantagem de uma loja virtual, na comparação com uma loja física, é que não é preciso pagar pelo aluguel do ponto de venda e nem investir em uma grande infraestrutura.

Além disso, o universo de clientes em potencial é muito maior, pois não há limitações geográficas.

E também podem ser realizadas vendas 24 horas por dia, o que é um atrativo e tanto, né?

Você pode começar anunciando produtos em canais como o Mercado Livre, OLX e redes sociais, mas o ideal é chegar ao ponto de ter um site próprio funcionando como loja virtual.

E o que pode ser vendido?

Uma das opções é comercializar um produto feito por você.

Outra é atuar como um lojista tradicional, comprando de fabricantes ou em atacados para revender para o consumidor final.

Em qualquer um desses casos, é importante ter um sistema ágil de logística e desenvolver uma boa gestão de estoque.

Se você considera isso complicado demais, existe a opção de construir apenas um canal de divulgação, estabelecendo uma parceria para deixar a distribuição por conta do fabricante.

Isto é, o famoso dropshipping

Criação de blog e monetização

Não produz nenhum produto físico e não quer atuar como um lojista virtual?

Não tem problema!

Também é possível trabalhar pela internet e ganhar dinheiro produzindo conteúdo escrito.

Seja qual for o assunto sobre o qual você gosta de escrever, se tiver uma boa quantidade de leitores, é possível fazer o trabalho render.

Havendo uma boa média de acessos, um blog ou site pode gerar receitas por meio do Google Ads, serviço no qual o anunciante paga por cliques ou visualizações do anúncio.

Outra opção é negociar espaços do site ou artigos patrocinados diretamente com os possíveis anunciantes, o que rende bem mais, porém demanda um trabalho de prospecção.

Sites com conteúdo exclusivo, de qualidade e que contam com leitores fiéis podem fechar parte do conteúdo para ganhar dinheiro com assinaturas.

Por fim, existem as já mencionadas comissões geradas pelo programa de afiliados, sobre o qual falo mais em seguida.

Produção de conteúdo

Cada vez mais empresas reconhecem como a geração de tráfego para seu site é uma mina de ouro, pois tem o potencial para aumentar consideravelmente as vendas.

E eu também vejo dessa forma.

Isso significa que criar o próprio blog não é a única maneira de trabalhar pela internet escrevendo e ganhar dinheiro com isso.

Cadastre-se em sites e ofereça seus serviços de redator para produzir conteúdo de qualidade focado na área de atuação dos possíveis clientes.

Você vai escrever para outra empresa, mas a partir das suas condições, como um serviço que está prestando, percebe?

Para obter bons resultados e negociar valores cada vez melhores, navegue pelo meu blog e confira os artigos sobre técnicas de SEO — um baita pulo do gato!

Você vai aprender práticas que ajudam a deixar o site melhor posicionado nas páginas de resultado dos mecanismos de busca.

Ah, e o uso da IA para a produção de conteúdo também já é uma realidade.

Você pode usar ferramentas ao seu favor, mas apenas como suporte para sua criatividade e pesquisa!

Canal no YouTube 

ter um canal no youtube é uma das formas de trabalhar na internet

O bom  — e não tão velho assim — YouTube

Sabe aqueles anúncios que aparecem antes de um vídeo do Youtube? Eles geram dinheiro para o dono do canal!

Mas a boa notícia é que se, antes, apenas vídeos muito populares, com centenas de milhares de visitas, rendiam um valor interessante, agora as coisas estão melhores para pequenos youtubers.

As alternativas são parecidas às de um blog: programa de afiliados, produção de conteúdo exclusivo para assinantes e vídeos patrocinados.

É com essa última opção que os youtubers mais famosos ganham a maior fatia de seu dinheiro.

Muitos anunciantes já se deram conta de que o engajamento que as personalidades do Youtube provocam é impressionante e, por isso, vale muito mais a pena colocar seu dinheiro nesses canais do que na televisão.

Venda de fotos e vídeos

Essa opção não envolve um trabalho 100% pela internet por assim dizer, pois as fotos são tiradas em um ambiente real, não virtual.

Mas é em canais digitais que o fotógrafo encontrará oportunidades de ganhar dinheiro.

Sabemos que, em um site ou blog, ter imagens boas e representativas é importante para que o algoritmo do Google considere a página relevante.

Com tantos produtores de conteúdo por aí, há uma necessidade constante de conteúdo visual, como boas imagens para ilustrar textos e compor vídeos e peças publicitárias.

É claro que os demais profissionais não vão perder tempo tirando as fotos de que precisam. Em vez disso, vão recorrer aos bancos de imagens.

Então por que não aproveitar isso?

Coloque suas fotos à venda em sites como Getty Images/iStock e Shutterstock, capriche na descrição e tags e aguarde que as imagens sejam encontradas por quem estiver precisando.

Vale a pena analisar padrões de busca e a concorrência para descobrir que tipo de fotos têm a maior chance de serem vendidas.

Marketing de afiliados

Há vários programas de marketing de afiliados por aí. 

Eles nada mais são que anúncios que garantem a quem os divulga uma comissão sobre cada venda gerada a partir deles.

Por exemplo, você tem um blog sobre viagens e é um afiliado de uma agência de turismo.

Se um usuário acessar o site desta agência por meio de um anúncio em seu site e acabar comprando uma viagem por ali, você ganha uma comissão.

Ótimo, né?

Sua tarefa é, então, além de trabalhar duro para gerar tráfego, escolher um programa de afiliados com produtos que tenham a ver com o seu público.

Vendas online em marketplaces

Quando falei sobre a opção de trabalhar pela internet criando uma loja virtual, mencionei Mercado Livre e OLX.

Esses sites, porém, não são e-commerces, e sim marketplaces.

“E qual é a diferença disso, Neil?”

Marketplaces são ambientes virtuais nos quais usuários podem procurar por um produto e encontrar opções de vários lojistas no mesmo site.

Os principais ganhos disso são não precisar se preocupar com o desenvolvimento de um site e ter um enorme público potencial.

O lado ruim é estar disputando espaço com concorrentes. Por isso, é preciso encontrar maneiras de se diferenciar.

As dicas são buscar produtos exclusivos, oferecer preços baixos e, claro, apostar em estratégias de SEO.

Influenciador digital

Pode ser no YouTube, no Instagram ou, então (como está em alta) no TikTok!

Seja qual for o canal, o influenciador digital o utiliza para expressar sua opinião.

A diferença dele para um usuário comum é que o engajamento de seus seguidores é tão grande que ele é capaz de influenciar suas opiniões.

E também é normal que as pessoas visualizem — o que vai render muitos seguidores e uma influência rápida.

Essa capacidade é extremamente visada por empresas, que pagam valores altíssimos para que os influenciadores falem bem de seus produtos.

Mas não são todos que chegam nesse patamar, claro.

Então, o que recomendo para quem quer trabalhar pela internet seguindo esse caminho é encontrar um nicho que ainda é pouco explorado.

E é sempre bom você ser desenrolado com sua imagem e ter desenvoltura nos vídeos!

Elaboração de um podcast

Montar um podcast é uma excelente forma de trabalhar na internet e é, sem sombra de dúvidas, uma das novas tendências.

É importante que você seja bem decidido quanto ao tema — o ideal é escolher algo que você seja apaixonado e tenha conhecimento para compartilhar. 

Quanto mais específico, mais fácil atrair um público mais dedicado. 

Não esqueça também de investir em um bom microfone e fones de ouvido, em um local silencioso e nos programas de gravação e edição de áudio.

Do ponto de vista estratégico, consistência e interação com a audiência é o que vai fazer com que você cresça.

Escolha uma plataforma de hospedagem de podcast, como Libsyn, Podbean ou Anchor, para enviar seus episódios – elas distribuem automaticamente seu podcast para as principais plataformas de streaming.

Ou seja, Apple Podcasts, Spotify, Google Podcasts, entre outros.

E o dinheiro, como entra?

À medida que seu podcast cresce, você pode explorar diferentes formas de monetização, como anúncios, parcerias, ofertas de patrocínio, doações dos ouvintes ou até mesmo oferecer conteúdo exclusivo para assinantes!

Consultoria de marketing digital

Como você pôde ver aqui, a atenção dos usuários é um bem muito disputado na era da informação.

Por isso, mais uma das ideias de como trabalhar pela internet são consultorias de marketing digital.

Empresas de diversas áreas investem pesado para conseguir tráfego para seus sites e engajamento em seus perfis de redes sociais.

Ao longo do artigo, falei de redação, fotografia e outros conhecimentos que ajudam bastante nesse objetivo.

Mas você também pode se especializar em desenvolver um planejamento completo de marketing digital, buscando entender um pouco sobre cada uma das possibilidades.

Afinal, para se destacar na internet, o ideal é fazer um bom trabalho em várias frentes, para ser capaz de gerar um grande número de leads.

Pesquisas e questionários online

Trabalhar com pesquisas e questionários online pode ser uma maneira interessante de ganhar dinheiro.

Afinal, dá para contribuir para a pesquisa e desenvolvimento de produtos, serviços e ideias. 

Muitas empresas e instituições de pesquisa contratam pessoas para, por exemplo, participar de pesquisas online. 

Mas preciso ser sincero: nesse caso, você provavelmente vai precisar associar esse tipo de trabalho com outros.

Você pode se inscrever em plataformas de pesquisa pagas, como Google Opinion Rewards, Survey Junkie e Toluna.

Existem empresas que também oferecem produtos ou serviços para que você os teste e compartilhe sua opinião por meio de questionários. 

Novos aplicativos, websites e até produtos físicos — desde que você receba em casa.

Além disso, existe a profissão “cool hunter” — também chamado de caçador de tendências ou “trend spotter”.

Se você não conhece, é um termo utilizado para descrever uma pessoa ou profissional que busca identificar e antecipar tendências emergentes na moda, design, comportamento, cultura e consumo. 

Ao identificar o que está surgindo e ganhando popularidade, eles podem “vender” essa opinião para as empresas melhorarem seus produtos e estratégias de marketing. 

Os insights e informações coletados pelos cool hunters podem ser valiosos para empresas, marcas e profissionais!

Infoprodutos 

produzir infoprodutos é uma das formas de trabalhar pela internet

Se você já tem o conhecimento, que tal ganhar por compartilhá-lo?

Os infoprodutos podem ser muitas coisas, desde que tenham alguma informação e, claro, sejam virtuais.

Cursos online são o exemplo mais fácil. 

Empreendedores podem desenvolver cursos completos sobre um tema que você domina. Se você realmente sabe sobre um assunto, não deixe de considerar isso!

Plataformas como Udemy, Teachable, Hotmart e Thinkific permitem que você venda seus cursos para pessoas interessadas.

Mas também tem outras formas, como ebooks e livros digitais. 

Eles são boas iscas digitais para os produtos que você realmente quer vender ou, então, podem ser vendidos em plataformas como Amazon Kindle, Apple iBooks ou diretamente em seu site.

Oferecer sessões ao vivo ou gravadas de treinamentos, seminários ou workshops online sobre um tópico específico também é uma opção.

Outra ideia é criar modelos prontos para uso, como modelos de currículos, planilhas, apresentações ou designs gráficos, e vender esses produtos para pessoas que precisam deles.

As possibilidades são infinitas!

Gestão de tráfego pago

Sim, também dá para ser gestor de tráfego pago de forma autônoma!

É um tipo de atividade que, como você deve saber, envolve a criação e otimização de campanhas de publicidade online para direcionar tráfego qualificado para websites, páginas de destino ou ofertas específicas. 

A principal coisa que se pode fazer é criar e gerenciar campanhas de anúncios pagos em plataformas como Google Ads, Facebook Ads, Instagram Ads, Twitter Ads, LinkedIn Ads, entre outras.

Outra atividade importante é a pesquisa de palavras-chave para identificar termos relevantes para o público-alvo e otimizar as campanhas de busca paga.

Além disso, é essencial definir segmentações específicas de público-alvo com base em critérios demográficos, interesses, comportamentos e localização geográfica.

Ah, e claro, não podemos esquecer: monitoramento e otimização.

Os gestores precisam acompanhar o desempenho das campanhas, analisar métricas como CTR (taxa de cliques), CPC (custo por clique) e ROI (retorno sobre o investimento), e fazer ajustes para otimizar os resultados.

Também é importante configurar campanhas de remarketing e fazer testes para avaliar diferentes variações de anúncios, páginas de destino e elementos criativos.

Tradução de textos

Traduzir textos também é uma resposta para quem se pergunta como trabalhar pela internet!

Use suas  habilidades linguísticas para oferecer serviços de tradução para clientes e projetos diversos. 

No geral, o melhor caminho é o freelance.

Cadastre-se em plataformas como Upwork, Freelancer e Fiverr, para oferecer seus serviços de tradução para clientes de todo o mundo.

Você pode traduzir documentos, artigos, websites, materiais promocionais e muito mais.

Muitas empresas possuem websites, aplicativos e conteúdo online que precisam ser traduzidos para atingir públicos internacionais. 

Isso pode envolver tradução de artigos, posts em redes sociais, vídeos legendados e outros tipos de conteúdo.

E se você é um amante da literatura, pode oferecer seus serviços para traduzir livros, contos ou outros materiais literários de um idioma para outro.

Interessante, né?

Outro tipo de trabalho é a localização, que une UX e idiomas. 

Você vai traduzir interfaces de software, aplicativos móveis e jogos para que eles sejam compreensíveis e utilizáveis em diferentes idiomas.

Quais são as vantagens de trabalhar pela internet?

Além das formas de como de trabalhar pela internet serem muitas, as vantagens também são. 

Mas eu posso te dar 7 — acho que já é suficiente para te convencer.

Veja só:

  • Flexibilidade de horários: trabalhar pela internet permite que você defina seus próprios horários de trabalho. E quem não gosta disso, não é mesmo? Isso pode ser especialmente útil para quem precisa conciliar o trabalho com outras responsabilidades, como cuidar da família ou estudar;
  • Localização independente: você pode trabalhar de qualquer lugar, seja em casa, em um café, em um local de viagem ou mesmo em diferentes países. Isso proporciona uma maior liberdade de escolha de onde você deseja realizar suas atividades profissionais!
  • Variedade de oportunidades: a internet oferece uma ampla gama de oportunidades de trabalho em diferentes setores, desde escrita e design até programação, marketing digital, consultoria e muito mais. Basta pensar o que te agrada!
  • Baixo custo inicial: muitos trabalhos online não exigem investimentos significativos em infraestrutura ou equipamentos. Tudo o que você precisa é de um computador e uma boa conexão à internet;
  • Autonomia e autogestão: trabalhar online muitas vezes permite que você seja seu próprio chefe, tomando decisões sobre como estruturar seu trabalho e como abordar seus projetos;
  • Acesso a uma audiência maior: A internet permite que você alcance um público global, aumentando as possibilidades de encontrar clientes e colaboradores em diferentes partes do mundo. Se você vende um curso online em inglês, pessoas dos mais diversos lugares que falam esta língua podem ter interesse nele!

7 sites para ganhar dinheiro na internet trabalhando em casa

Na era da economia colaborativa, existem vários sites e aplicativos que conectam duas partes que têm interesses complementares.

O Airbnb, por exemplo, é uma plataforma em que usuários à procura de uma hospedagem curta ou longa encontram pessoas que têm um imóvel ou quarto disponível para aluguel.

O mesmo acontece em várias áreas, como transporte, saúde, lazer, alimentação e por aí vai.

Também é um fenômeno que se repete na contratação de profissionais autônomos.

Os sites que vou apresentar a seguir são diferentes de plataformas de vagas de empregos, que conectam candidatos a empresas com oportunidades de carteira assinada.

Em vez disso, eles funcionam como “freelas”, apelido dos freelancers – profissionais disponíveis para trabalhar pela internet, em casa, de forma autônoma.

Nesses sites, o mais comum é encontrar oportunidades de serviços com duração de horas, dias ou semanas.

Mas também há trabalhos que podem durar meses ou até ter uma continuidade indefinida.

Nesses casos, a parceria se assemelha à prestação de serviços de uma empresa para outra.

Até por isso, é conveniente abrir um CNPJ — a dica é começar na categoria de microempreendedor individual (MEI).

A seguir, conheça 7 sites que podem ajudar você a trabalhar pela internet e explorar suas possibilidades.

Workana

workana

No Workana, você pode se cadastrar como um freelancer à procura de trabalho ou como alguém que está buscando um freelancer para seu projeto.

As propostas são enviadas pela própria plataforma.

Há um sistema de pontuação para classificar os melhores freelancers e existem várias categorias de projetos no Workana.

Por exemplo: tecnologia da informação, design e multimídia, tradução e conteúdos, marketing e vendas, suporte administrativo, jurídico, finanças e administração, engenharia e manufatura.

É possível se cadastrar com uma conta de e-mail ou vinculando o login com a conta do Facebook ou do Google.

No primeiro acesso, o usuário responde a um questionário sobre as suas áreas de atuação, e depois poderá complementar seu perfil com habilidades, certificações e outras informações úteis.

99Freelas

99freelas

É uma plataforma semelhante ao Workana.

Isso quer dizer que o usuário pode se cadastrar como alguém à procura de um freelancer ou como profissional que busca trabalhar pela internet em casa.

Entre os jobs mais procurados no 99Freelas estão desenvolvimento de website, redação de conteúdo, programação, SEO, design de logotipos e edição de vídeos.

Mas a lista completa de áreas de interesse é esta:

  • Advogados & Leis;
  • Design & Criação;
  • Engenharia & Arquitetura;
  • Escrita & Tradução;
  • Fotografia & AudioVisual;
  • Serviços Empresariais;
  • Suporte Administrativo;
  • Vendas & Marketing;
  • Web & Desenvolvimento.

Assim como no Workana, a comunicação entre as duas partes pode ser feita dentro da ferramenta, e também há um sistema de avaliação para classificar os melhores freelancers.

É uma boa saída!

GetNinjas

getninjas

O GetNinjas é um site que conecta um universo maior de clientes e prestadores de serviços.

Para ter uma ideia, você consegue encontrar, nele, encanador, diarista ou profissional de manutenção de eletrodomésticos.

Mas também é possível anunciar serviços que podem ser realizados remotamente, como consultores, contadores, programadores, redatores freelancers, designers etc.

Ele não é, então, uma ferramenta exclusiva para quem quer trabalhar pela internet, pois há todos os tipos de profissional autônomo lá.

Mas isso não significa que não vale a pena criar um perfil nesse canal, porque quem trabalha com internet super pode aproveitar.

Diversificar e divulgar suas habilidades em vários lugares é bem recomendável!

VinteConto

vinteconto

O VinteConto é um serviço que tem uma lógica parecida com a dos anteriores, porém possui um foco bem específico: pessoas ou empresas com orçamento curto para contratar determinado serviço.

Os profissionais se cadastram na plataforma oferecendo serviços que custam R$ 20 ao contratante, não mais e não menos que isso.

O site surgiu como um marketplace para quem necessitava da criação de um logotipo por um preço baixo.

Hoje, o leque de serviços vai muito além, passando por redação, tradução, consultorias diversas e tudo que você puder imaginar.

Hotmart

hotmart

O Hotmart é um site com um modelo diferente dos outros quatro sobre os quais falei acima.

Mas também é uma ótima opção para quem quer trabalhar pela internet.

A ferramenta oferece duas possibilidades para ganhar dinheiro trabalhando em casa.

A primeira é cadastrando infoprodutos, como cursos online, ebooks, softwares e músicas.

O Hotmart tem uma rede de afiliados na qual esses produtos são divulgados.

Ser um desses afiliados é a outra possibilidade de ganhar dinheiro com o Hotmart. 

Ou seja, divulgar os infoprodutos em seus canais – site, blog, redes sociais, canais do YouTube e por aí vai.

A cada venda concretizada após um acesso por meio do seu link, o afiliado recebe uma comissão — em alguns casos, essa comissão pode ser até maior que o valor do infoproduto.

Freelancer

freelancer

Uma das maiores e mais conhecidas plataformas de freelancers do mundo.

E o nome deixa bem claro o porquê!

O Freelancer conecta profissionais independentes (freelancers) a projetos e trabalhos de diferentes áreas.

E, assim como as demais, permite que as pessoas encontrem oportunidades de trabalho remoto ou temporário. 

A diferença é que ela foi lançada em 2009 e isso a consolidou como pioneira e até hoje tem grande força.

As possibilidades giram pelos temas que já falei, como redação, design gráfico, programação, marketing digital, tradução e consultoria. 

Mas também são possíveis áreas mais especializadas como engenharia, ciência e pesquisa.

A principal característica do Freelancer é a licitação em projetos. 

Os freelancers podem procurar projetos que correspondam às suas habilidades e interesses, enviar propostas com suas ofertas de preço e explicar como planejam realizar o trabalho.

LinkedIn

linkedin

Pode parecer estranho eu estar sugerindo esse site porque ele é muito mais focado em vagas de emprego.

Mas o LinkedIn também pode ser um espaço não só para captar clientes para seus serviços, como para encontrar oportunidades que já existem dentro dos temas que citei.

Mas acho que o grande segredo está em usar a ferramenta como um espaço para criar sua marca pessoal.

Publicar artigos e postagens relevantes sobre tópicos relacionados à internet e à sua área de interesse pode ajudar a estabelecer sua autoridade.

Em outras palavras, construir um branding pessoal forte online.

A partir daí, você começa a captar pessoas interessadas no seu serviço, seja um curso online, seja um serviço de tradução ou qualquer outra coisa, percebe?

Antes de finalizar o conteúdo, só mais uma coisinha: quero que você conheça o ebook que meu time fez com todas as técnicas que realmente dão certo quando o assunto é marketing digital. Baixe, é de graça!

banner as principais estratégias de marketing digital

Conclusão

O que procurei mostrar com este artigo é que existem várias possibilidades de trabalhar pela internet e gerar renda.

Está cansado de trabalhar oito horas por dia em um escritório, tendo que encarar o trânsito infernal da sua cidade ou o transporte coletivo lotado?

Existem alternativas. 

E não são poucas.

Escolha uma opção que tenha a ver com seus interesses e com as habilidades que você já possui e procure se reinventar como profissional.

Ou invista em cursos online para adquirir novos conhecimentos, ficando de olho nas capacidades que tendem a se tornar mais valorizadas pelo mercado de trabalho.

É importante ressaltar que existem várias outras possibilidades para trabalhar pela internet além das que listei. 

E também outros sites para conseguir oportunidades.

Você vai ver que, assim que conseguir o seu primeiro cliente, as coisas vão andar naturalmente. 

Faça um bom trabalho e garanta um círculo virtuoso de recomendações!

Agora, fica a pergunta: você já se aventurou por esse mundo e começou a trabalhar pela internet? 

Conte como está sendo a experiência deixando um comentário abaixo.

E diga também qual das opções listadas no artigo parece mais atraente para o seu perfil!

Perguntas frequentes sobre como trabalhar pela internet

Vale a pena trabalhar pela internet?

Sim, trabalhar pela internet oferece flexibilidade, variedade de oportunidades e potencial de ganhos, mas requer autodisciplina e pesquisa adequada para ter sucesso.

Quais sites usar para trabalhar pela internet?

Plataformas como Workana, 99Freelas, Freelancer e LinkedIn são populares para encontrar trabalhos e oportunidades online.

Como trabalhar pela internet?

Determine suas habilidades, escolha uma área de atuação, crie um perfil profissional, seja proativo na busca por projetos, comunique-se bem e entregue resultados de qualidade.

Dá para ganhar dinheiro trabalhando pela internet?

Sim, é possível ganhar dinheiro online através de freelancing, marketing digital, vendas de infoprodutos, gestão de tráfego pago, entre outras atividades, mas o sucesso depende do esforço, habilidades e estratégias aplicadas.

NP Digital Brasil

Você quer resultados imediatos?

Minha agência pode fazer todo o trabalho pra você. Somos especialistas em:

  • SEO - Colocamos seu site no topo das pesquisas do Google
  • Mídia Paga - Fazemos seu negócio alcançar quem importa no momento certo
  • Data & Conversion Intelligence - Desbloqueamos as conversões do seu site e criamos dashboards para melhores análises

Fale com um especialista

Consultoria com Neil Patel

Compartilhe