Neil Patel

Espero que você goste desse artigo. Se você quer que meu time faça o seu marketing, clique aqui.

Palavras de transição: o que são, como usar e quais as principais

O uso de palavras de transição no volume adequado ao longo de um texto colabora com a boa experiência do usuário.

Ainda que gramaticalmente elas não sejam exatamente necessárias, são importantes para suavizar o texto, tornando-o mais fácil de compreender e avançar até o fim.

Como todo recurso estilístico e de SEO, é preciso ter moderação ao utilizá-las na produção de conteúdo.

Ao encontrar as palavras de transição certas, você deixa seus artigos otimizados para busca, sem abandonar o estilo e a coesão textual.

Neste texto, vou mostrar como empregá-las e ter resultados melhores com seus artigos!

O que são palavras de transição?

Em edição de vídeo, os chamados “efeitos de transição” ajudam na montagem, ao sinalizar a passagem de uma cena para outra.

Dessa forma, o espectador pode se preparar mentalmente para uma nova sequência, o que ajuda a encadear a trama mais facilmente.

Nos textos, as palavras de transição têm um efeito parecido.

Elas servem como uma espécie de conexão entre duas frases, criando um elo que faz com que o leitor atribua sentido às duas informações.

Para que servem as palavras de transição

Imagine que este artigo começasse da seguinte forma:

“Palavras de transição são elementos importantes para o SEO. Elas ajudam a ranquear melhor conteúdos escritos ao melhorar a experiência do usuário”.

Não está ruim, mas e se tentássemos de outra forma?

“Palavras de transição são elementos importantes para o SEO. Assim como as frases curtas, elas ajudam a ranquear melhor conteúdos escritos, melhorando a experiência do usuário”.

Note que, além de ter enriquecido o texto com um dado comparativo, o termo “assim como” melhorou a fluidez da frase, ajudando o leitor a não “perder o fôlego” enquanto lê.

Portanto, as palavras de transição servem como um elemento estratégico, ajudando quem escreve a enriquecer o conteúdo ao mesmo tempo em que simplifica sua leitura.

Qual a importância das palavras de transição para SEO?

Palavras de transição

A princípio, a escrita para a internet não difere da escrita comum.

As regras gramaticais e sintáticas são as mesmas, inclusive as estilísticas.

A questão está mais em torno de aspectos técnicos relacionados à forma como se lê, considerando as características dos meios físico e digital.

Em uma tela de computador ou de celular, o olho humano tende a cansar mais facilmente com a leitura, por exemplo.

Por isso, são práticas recomendadas escrever sentenças curtas e usar palavras de transição.

Isso influi na experiência do usuário (UX) e no SEO, refletindo em indicadores de performance como tempo de permanência na página e taxa de rejeição.

Afinal, um artigo sem palavras de transição, com frases longas e texto truncado é um convite para abandonar a página.

É por isso que as palavras de transição são fundamentais, ajudando a conduzir o leitor ao longo do texto, de modo que ele entenda o que lê do início ao fim.

Em razão disso, são fundamentais para dar a um conteúdo os atributos essenciais para que figurem em posições mais altas nos resultados dos motores de busca.

Veja a seguir que atributos são esses.

Escaneabilidade

A leitura online não segue o mesmo padrão da que se pratica com materiais impressos.

Nesse sentido, um estudo do Nielsen Norman Group (em inglês) mostra que apenas 16% das pessoas leem palavra por palavra, ao passo que 79% usa o padrão de “scanner” ao ler.

Isso significa que, na maioria dos casos, parte do que se escreve é simplesmente ignorado, principalmente porque ler em uma tela exige um esforço maior.

As palavras de transição são úteis justamente por facilitar esse tipo de leitura, agilizando o “scanner” mental.

Métricas

Um texto com informações truncadas, frases desconexas e sentenças longas dificilmente será lido até o final.

Nas ferramentas de analytics, o tempo de permanência em um site e a taxa de rejeição são métricas de sucesso importantes.

Estima-se que taxas de rejeição entre 26% e 40% sejam aceitáveis.

Isso significa que está OK se uma a cada quatro pessoas abandonar o site antes do tempo mínimo necessário para leitura de um texto, mas não mais do que isso.

Trabalhar com palavras de transição é fundamental, principalmente quando os conteúdos são mais longos ou direcionados a um público especializado.

Coesão

Embora os idiomas sejam passíveis de mudanças, ajustando-se ao estilo e às necessidades do seu tempo, sempre haverá regras a serem observadas.

Considerando esse fato, as palavras de transição funcionam como elementos textuais de coesão, ao interligar ideias e produzir novos sentidos.

Afinal, artigos como este que você lê, nada mais são do que uma série de proposições conectadas, certo?

Sem termos que as liguem, seria muito mais complicada (e chata) a leitura, arruinando  os objetivos de quem publica e frustrando quem esperava encontrar respostas.

Ranqueamento

Palavras de transição

Os robôs do Google varrem diariamente as páginas indexadas para checar se elas cumprem com as boas práticas de SEO.

Sites que não oferecem uma boa UX fatalmente terão taxas de rejeição maiores, o que certamente não passará despercebido pelos motores de busca.

A rejeição sinaliza para o Google que o site não oferece um conteúdo de qualidade, fazendo assim com que ele perca posições na SERP para aqueles que oferecem.

Então, vale a pena passar mais tempo trabalhando para que um artigo esteja otimizado para leitura do que se apressar em publicar textos de baixa qualidade e com informações rasas.

Palavras de transição para SEO

O vocabulário de palavras de transição é extenso.

Cada grupo de palavras é indicado para dar um tipo de sentido diferente, dependendo da relação entre as frases que elas conectam.

De qualquer forma, sempre existem as palavras polivalentes, como veremos a seguir.

Quanto mais opções você tiver ao escrever, mais rico será o seu texto, evitando o excesso de repetições, termos descontextualizados ou pomposos demais.

Em relação ao SEO, vale destacar que existem editores de texto equipados com mecanismos de detecção de palavras de transição e que avaliam o estilo.

É o caso do plugin Yoast, sobre o qual falarei mais à frente.

Veja agora sugestões de palavras de transição que você pode usar para obter resultados melhores em suas estratégias de conteúdo.

Causa e efeito

  • Portanto 
  • Assim
  • Como resultado
  • Próximo 
  • Consequentemente
  • Portanto
  • Logo
  • Desta forma.

Exemplos de uso:

“O marketing digital me fascina porque traz resultados rápidos. Logo, ele é fundamental para quem está abrindo um negócio”.

“Em todo o mundo, existem mais de 1,2 bilhão de sites. Portanto, a concorrência para quem vende online deve ser sempre alta”.

Contraste/Comparação

  • Afinal
  • Ainda
  • Da mesma forma
  • Em comparação com
  • Em contrapartida
  • Em contraste
  • Em oposição a
  • Embora
  • Enquanto
  • Inversamente
  • Mas
  • No entanto
  • Onde
  • Pelo contrário
  • Por outro lado.

Exemplos de uso:

“Todos precisamos recorrer ao SEO, da mesma forma que um dia precisamos recorrer aos anúncios impressos para divulgar um negócio”.

“O Brasil é um dos países em que as pessoas mais usam celulares para se comunicar. Em contrapartida, somos também um dos líderes em casos de depressão”.

“Palavras-chave de cauda longa são fundamentais em SEO. Por outro lado, elas não são o único elemento a ser usado na otimização para busca”.

Esclarecimento

  • Quer dizer
  • Para esclarecer
  • Em outras palavras
  • Ou melhor.

Exemplos de uso:

“Não basta somente aplicar as técnicas de SEO. Em outras palavras, além de aplicá-las, é preciso entender que tipo de objetivos elas ajudam a alcançar”.

“Você sabe o que significa o termo marketing de guerrilha? Ou melhor, entende o que isso significa, no contexto do marketing digital?”

Ênfase

  • Absolutamente
  • Acima de tudo
  • Ainda mais
  • Antes de mais nada
  • Certamente
  • De fato
  • Definitivamente
  • Em qualquer caso
  • Enfaticamente
  • Inegavelmente
  • Nunca
  • O mais importante
  • Realmente
  • Sem dúvida
  • Sem reservas
  • Sempre
  • Sobretudo
  • Surpreendentemente.

Exemplos de uso:

“Em média, as pessoas permanecem online cerca de 100 dias por ano. Surpreendentemente, isso não significa que elas não possam se sentir sozinhas”.

“Os stories do Instagram são um tremendo sucesso, com mais de 500 milhões de usuários ativos. Definitivamente, esse é um recurso que você precisa usar em sua estratégia de marketing”.

Enumeração

  • Em primeiro lugar
  • Em seguida
  • Em segundo lugar
  • Na sequência
  • Primeiramente.

Exemplos de uso:

“Usar palavras-chave é essencial para o sucesso nas ações de marketing de conteúdos. Na sequência, vamos mostrar porque você deve utilizá-las”.

“Sem uma estratégia bem definida, os resultados tendem a levar mais tempo para acontecer. Primeiramente, porque essa é uma forma de definir objetivos e o que fazer para atingi-los”.

“Posso dizer que sou bem sucedido no marketing digital. Em primeiro lugar, por ter tido a ajuda de pessoas talentosas e experientes e, em segundo, por estar sempre disposto a aprender”.

Tempo

  • Agora
  • Anteriormente
  • Antes que
  • Ao mesmo tempo
  • Ao passo que
  • Apenas
  • Às vezes
  • Atualmente
  • Constantemente
  • Depois que
  • Desde que
  • Em seguida
  • Enquanto
  • Então
  • Eventualmente
  • Finalmente
  • Frequentemente
  • Imediatamente
  • Logo depois
  • Nesse ínterim
  • Nesse meio tempo
  • Posteriormente
  • Simultaneamente.

Exemplos de uso:

“Essa é uma maneira de fazer com que seus artigos alcancem melhores posições no Google, por meio das palavras de transição. Finalmente, não deixe de avaliar os resultados com as ferramentas de Analytics”.

“Nem sempre uma estratégia de marketing vai render os resultados esperados. Eventualmente, você terá que fazer adaptações no meio do caminho”.

Similaridade

  • Analogamente
  • Ao contrário
  • Assim como
  • Assim também
  • Bem como
  • Conforme
  • Da mesma forma
  • De acordo com
  • De maneira idêntica
  • Em contrapartida
  • Igualmente
  • Igualmente
  • Imediatamente
  • Por outro lado
  • Segundo
  • Simultaneamente
  • Sob o mesmo ponto de vista
  • Tal qual
  • Tanto quanto.

Exemplos de uso:

“Google e Facebook são duas big techs, tanto quanto a Amazon e a Microsoft”.

“De acordo com a pesquisa feita pela Gartner, existem dois softwares de BI que podem ser considerados líderes: o Microsoft BI e o Tableau”.

Resumo/conclusão

  • Acima de tudo
  • Afinal
  • Assim
  • Como resultado
  • Definitivamente
  • Dessa forma
  • Em conclusão
  • Em síntese
  • Em suma
  • Enfim
  • Logo
  • Por fim
  • Por último
  • Portanto.

Exemplos de uso:

“Chegamos ao final desta lista de termos de transição. Acima de tudo, procure usá-los com critério para que proporcionem os resultados esperados”.

“O marketing de conteúdo vem sendo utilizado por empresas de todos os tamanhos. Afinal, ele traz resultados mais consistentes, saindo mais barato no longo prazo”.

Quando usar as palavras de transação

As palavras de transição servem como conectivos.

Por isso, o ideal é usá-las ao começar uma frase, de modo a manter uma relação com o que acabou de ser dito, ou no meio, juntando duas ideias.

Palavras de transição e o Yoast

Palavras de transição

Uma dúvida que recebo frequentemente é sobre o uso do plugin Yoast para WordPress.

No caso das palavras de transição, ele é extremamente útil, pois sinaliza se o conteúdo traz esses termos em quantidade suficiente.

Mas tenha cuidado para não ficar refém da ferramenta ou seu texto corre o risco de parecer robotizado.

Embora o Yoast seja de fato bastante útil, é preciso sempre lembrar que foi projetado para textos em inglês.

Portanto, nem sempre vai fazer recomendações coerentes na língua portuguesa, não só em termos de estilo como em relação ao próprio SEO.

Por isso, não podemos levar tudo ao pé da letra, pois pode não funcionar como tradução literal.

Se quiser saber mais dessa ferramenta, não deixe de ler este artigo que publiquei sobre o plugin Yoast aqui no blog.

Dicas para usar as palavras de transação 

Como já destacado, é preciso ser criterioso ao usar as palavras de transição.

O ideal é chegar a um ponto de equilíbrio, de maneira que elas não poluam o texto, tornando-o pomposo demais ou artificial.

Veja como usá-las do jeito certo.

Atenção à porcentagem

Na hora de publicar no WordPress, esteja atento ao percentual de palavras indicado no plugin Yoast.

Nem sempre esse número está correto, então, para certificar-se de que a indicação é exata, veja se ela se modifica ao inserir ou retirar alguma palavra.

Use plugins que indicam a porcentagem e onde estão as palavras

O Yoast não é o único plugin que indica a proporção de palavras de transição.

Veja abaixo algumas alternativas:

  • All In One SEO
  • Rank Math
  • SEOPressor Connect
  • SEOPress
  • Squirrly SEO
  • The SEO Framework.

Cuidado com a legibilidade e as repetições

Como todo recurso estilístico, as palavras de transição afetam a legibilidade de um texto.

Se usadas com critério, elas melhoram a fluidez da leitura, mas se inseridas de forma aleatória, prejudicam a coesão e a concisão das sentenças.

O mesmo acontece quando elas são repetidas muitas vezes ao longo do texto.

Nesse caso, em vez de ajudar a enriquecer, elas causam um efeito contrário, empobrecendo a experiência de leitura.

Conclusão

As palavras de transição são essenciais porque são parte de um conteúdo bem escrito.

Sem elas, seria impossível concatenar ideias e passar ao público a informação que ele busca.

Para garantir o volume adequado em seus textos, use os plugins que você conheceu neste artigo, tomando sempre o cuidado de verificar eventuais imprecisões.

Agora, quero saber o que você pensa desse tema tão importante e se tem alguma sugestão.

Deixe um comentário!

Compartilhe