Neil Patel

Espero que você goste desse artigo. Se você quer que meu time faça o seu marketing, clique aqui.

3 Princípios de SEO que Você Deve Aplicar o Mais Rápido Possível

Não faltam táticas e dicas para você utilizar quando o assunto é otimização de mecanismo busca.

Há sempre um novo growth hack e uma dica de SEO para aumentar seus rankings.

Sempre existem novos truques para gerar mais links.

Mas a maioria dessas coisas se torna inútil com o tempo e com atualizações. O SEO está sempre em transição.

Na verdade, o Google atualiza seus algoritmos mais de 500 vezes todos os anos.

Isso torna quase impossível que os SEOs acompanhem. E é frustrante ter que voltar atrás para atualizar suas táticas.

Mas você não pode desistir. Precisamos do SEO para gerar tráfego inbound de alta qualidade.

Leads inbound, incluindo aqueles vindos do SEO, custam 61% a menos do que leads outbound.

Além disso, 93% das experiências online começam com o uso de um mecanismo de busca!

Porém, tirar vantagem deste tráfego incrível tem se tornado cada vez mais difícil.

Parece que sempre tem alguém dizendo que o “SEO está morto“, ou o Google faz uma atualização que choca a comunidade de SEO e força uma mudança de direção.

Felizmente para nós, existem algumas táticas atemporais de SEO que perseveraram com o passar do tempo.

Cada uma delas superou as atualizações constantes do Google durante os últimos anos.

Você pode contar com a durabilidade delas quando criar uma estratégia de SEO sustentável.

Veja três princípios de SEO atemporais que você deveria implementar o quanto antes e aprenda como fazer.

1. Aumente a velocidade da sua página

Ao considerar otimização de mecanismo de busca, a velocidade da página pode não ser a primeira coisa que surge na sua cabeça.

Mas estou aqui para dizer que: Velocidade de página é um dos fatores de ranking mais importantes.

As pessoas não querem esperar de 10-15 segundos para seu site carregar.

Por isso, o Google se orgulha por ser capaz de entregar resultados quase mais rápido do que você consegue piscar.

E eles não têm medo de mostrar isso:

pasted image 0 1992

As páginas mais bem rankeadas quase sempre conseguirão a maioria dos cliques em determinada busca orgânica.

pasted image 0 1998

Então faz sentido que eles não queiram que as páginas que receberão o maior número de cliques sejam lentas.
O objetivo do Google é o mesmo do seu.

Eles querem resolver o problema do usuário o mais rápido possível. O objetivo é fornecer a melhor experiência para cada pesquisador.

Se o ranking da sua página está alto mas ela leva 10-15 segundos para carregar, o Google irá perceber.

Eles verão que a maioria das pessoas clicando no seu site estão voltando à página dos resultados do mecanismo de busca (SERPs).

Eles verão que a página na segunda posição leva apenas 2-3 segundos para carregar. É por isso que todos acabam indo nela ao invés da sua.

O site lento pode dar adeus aos altos rankings.

É quase garantido que você perca tráfego se o seu site móvel leva mais de 3 segundos para carregar.

Screen Shot 2017 08 29 at 8.37.51 PM

Cada segundo a mais que o seu site leva para carregar é outro passo em direção à perda dos visitantes pelos quais você trabalhou dão duro para gerar.

pasted image 0 2006

E é muito provável que o seu site tenha esse problema.

Mesmo que você pense que seja rápido, provavelmente não é rápido o suficiente.

De acordo com as últimas referências de velocidade de página do Google, muitas empresas falham nisso.

pasted image 0 1995

Se as pessoas estão saindo após apenas três segundos, parece que esses sites estão errando feio.

Há um aumento de 113% de chance de bounce do seu tráfego móvel se leva mais do que sete segundos para uma página carregar.

pasted image 0 2011

Mas, felizmente, podemos utilizar algumas ferramentas diferentes que irão nos ajudar a diagnosticar os culpados comuns arruinando a velocidade de nossa página.

Corrigir a velocidade de nosso site deveria ser uma prioridade principal pois ela determina se as pessoas sequer tirarão o tempo para chegar ao nosso site e ler nosso conteúdo.

Para começar, vamos usar o PageSpeed Insights do Google.

Primeiramente, vá até a página de Insights e insira a URL do seu site.

Você está prestes a ver dados precisos e acionáveis sobre como corrigir a velocidade do seu site.

pasted image 0 2010

No próximo passo, clique em “Analisar” e aguarde pelos resultados.

Você também pode dividir os resultados por velocidade móvel ou desktop para otimizar ambas.

pasted image 0 2001

Os resultados te ajudarão a ver o que você está fazendo certo e onde pode melhorar.

Por exemplo, embora eu tenha recebido uma avaliação “Boa” de 91, ele me mostra as ações que eu poderia tomar para que minha pontuação ficasse mais próxima de 100.

pasted image 0 1993

Ele também me mostra as otimizações atuais que estou utilizando e que estão mantendo minha velocidade rápida.

pasted image 0 2007

Para sugestões de otimização, você pode clicar em cada uma para ver passos detalhados sobre como corrigi-los.

pasted image 0 2009

Outro ajudante excelente do Google que funciona especificamente para o ambiente móvel é a ferramenta Test My Site.

Este é um dos meus jeitos preferidos para testar sites de clientes e ajustar a velocidade deles rapidamente.

Vá até o Test My Site e insira sua URL para começar.

pasted image 0 2005

Ele irá rapidamente analisar seu site por uma perspectiva móvel, testando o tempo de carregamento com base em uma conexão 3G normal.

pasted image 0 1991

Isto é, na verdade, incrivelmente útil porque a maioria das conexões móveis ainda são 3G.

Assim que o relatório carregar,  você pode baixá-lo gratuitamente contendo todos os seus dados de velocidade de página móvel e quaisquer sugestões de melhorias.

pasted image 0 2004

Ele também oferece uma comparação com a indústria para entender onde você está com relação aos seus concorrentes.

pasted image 0 2002

O relatório irá ajudar você avaliar a velocidade atual da sua página e como está impactando seu SEO e retenção de visitantes.

2. Referencie conteúdo relevante e encoraje outros a referenciarem você

Fazer a referência a conteúdo relevante é um dos jeitos mais fáceis de melhorar a experiência do seu visitante.

E é isso que é SEO.

Ele não é mais simplesmente keyword stuffing ou usar uma única palavra-chave como target em uma página.

Você não pode simplesmente falar “dicas de seo” 25 vezes em cada parágrafo para imediatamente rankear em primeiro no Google.

Não funciona mais assim.

Fazer referência á conteúdo relevante pode parecer assustador, mas eu faço o tempo todo em meus blog posts.

pasted image 0 1985

Funciona porque poupa o usuário de ter que buscar por aquela informação por contra própria.

Isso poderia frustrá-los ou levar mais tempo do que o que eles tem disponível.

Se eu forneço a informação que eles precisam, é muito mais provável que eles tenham uma boa experiência em meu site e que voltem para mais.

E além disso, se você quer ser referenciado por outros sites populares e de autoridade, precisa estar disposto a referenciá-los.

Se você não referenciar conteúdo relevante, não pode esperar que as pessoas queiram referenciar você.

E não há dúvida de que conseguir mais backlinks é um grande fator para rankear nos dias atuais da otimização para mecanismos de busca.

pasted image 0 1988

Combinar links de nofollow e dofollow também irá ajudar você a conseguir um perfil bem ajustado de backlink que o Google irá recompensar.

Então, como você faz para conseguir mais links?

Comece criando conteúdo melhor.

Outros sites não irão referenciar seu conteúdo apenas para fazer uma boa ação.

Precisa ser algo que valha a pena para eles para que incluam em sua página.

Dê uma olhada no número de referências no infame post SkyScraper Technique do Brian Dean:

pasted image 0 1996

Este único post possui mais de 2,000 backlinks sozinho!

Isto é mais do que a maioria das pessoas poderia sonhar para seu site inteiro.

E qual o segredo dele para conseguir tantos backlinks de qualidade em um único blog post?

A qualidade do trabalho e o valor que ele oferece.

Criar toneladas de conteúdo com pouco valor e publicá-lo em seu blog todos os dias apenas para encher a página não irá funcionar.

Gastar tempo para desenvolver conteúdo de importância para a indústria é o que gera links.

Isso significa que precisa ser conteúdo que as pessoas possam referenciar e utilizar como fonte em seus próprios conteúdos.

Por exemplo, eu crio guias enormes no Quick Sprout porque eles ajudam os usuários e geram links.

pasted image 0 1986

Esta publicação específica de marketing de conteúdo gerou quase 900 links.

pasted image 0 2003

Um jeito fácil de começar a gerar links de alta qualidade rapidamente é criando conteúdo que as pessoas irão querer e precisar referenciar.

Se você precisa persuadir ou implorar às pessoas que referenciem seu conteúdo, não está bom o suficiente.

Veja alguns jeitos de aumentar suas chances de conseguir um link (e você pode encontrar ainda mais aqui):

  • Crie um recurso valioso que irá beneficiar os leitores.
  • Escreva sobre algo que ninguém mais escreveu.
  • Crie infográficos.
  • Crie um post completo lotado de informações de influenciadores importantes.

No próximo passo, busque links.

Após ter criado conteúdo que as pessoas em seu nicho irão referenciar, você precisa conduzir um alcance básico.

Um dos meus jeitos preferidos de construir links é oferecendo valor para sites com links quebrados.

Comece buscando URLs dos blogs principais da sua indústria dos quais você gostaria de conseguir um link.

Depois, utilize uma ferramenta gratuita como a Dead Link Checker para buscar cada URL por links quebrados.

pasted image 0 2008

Assim que iniciar o relatório, ele instantaneamente mostrará para você todos os links quebrados naquele blog post específico.

pasted image 0 1999

Isso é extremamente útil porque permite que você veja onde os links de conteúdo estão quebrados e como você pode fazer para inserir seu próprio conteúdo no site deles.

Por exemplo, digamos que você tenha um guia novo gigantesco sobre construção local de SEO. É um tópico de nicho, e o seu guia é mais longo e acionável do que o dos concorrentes.

Navegue por alguns blog posts relacionados de sites de autoridade e busque nas páginas por links quebrados.

Então, comece a entrar em contato utilizando um modelo como esse:

pasted image 0 1989

É um jeito simples de fazer contato que fornece valor às duas partes.

Ajuda o blogueiro a arrumar seu conteúdo e ajuda você a conseguir links.

3. Melhore o CTR com ótimas meta descrições

O CTR se tornou um assunto altamente contestado na comunidade do SEO.

Ele realmente melhora os ranking orgânicos? É inútil?

O que veio primeiro, CTR ou rankings?

Mas, de acordo com a Searchmetrics, sua importância está crescendo.

pasted image 0 2012

E faz sentido, considerando o que sabemos.

O Google quer fornecer a melhor experiência de usuário possível. Eu já repeti isso umas cem vezes.

Portanto, se um artigo em primeiro lugar começa a ter um taxa de clique muito baixa e o artigo em segundo lugar percebe um aumento, provavelmente você pode esperar que o Google irá reordená-los.

Por que? O algoritmo detecta que os usuários gostam mais do segundo conteúdo do que do primeiro.

Precisa de provas? Apenas dê uma olhada neste slide da Search Marketing Expo em 2016 sobre o insight de um engenheiro de ranking do Google:

pasted image 0 2000

Eu sei. É um pouco difícil de ler. Mas basicamente está confirmando o que eu acabei de falar.

O algoritmo é feito para ver cliques como “bom” e a falta de cliques como “mal”.

Larry Kim, da WordStream, na verdade fez seu próprio experimento para determinar se essa informação da Search Marketing Expo era correta.

Ele testou 1,000 palavras-chave do mesmo nicho de palavra-chave com os dados de seu próprio site.

Então, comparou a relação entre CTR e ranking para palavras-chave de cauda longa e head terms.

pasted image 0 1990

E ele descobriu que os termos de cauda longa conseguem CTRs muito mais altos. Porém, a parte mais esquisita foi o quão prováveis esses termos de cauda longa eram de estar nos rankings mais altos com um CTR tão alto.

Então, Larry analisou buscas pagas no mesmo nicho utilizando os mesmos termos orgânicos.

5714869ca99b83.75868565

E foi isso que ele encontrou:

pasted image 0 1997

Para resumir:

CTR de busca paga é super alto nos primeiros dois lugares para anúncios, mas diminui rapidamente logo após.

CTR de busca orgânica é alto e possui uma grande diferença entre termos de cauda longa e head terms nas primeiras duas colocações, mas há um declínio mínimos logo após.

O CTR tem um papel importante em aumentar seu tráfego e melhorar seus rankings não importa qual estudo você escolha analisar.

Quanto mais tráfego e CTR gerar, mais provável será de rankear alto em uma página de resultados de mecanismo de busca.

Veja algumas dicas que você pode implementar hoje para melhorar seu CTR.

Escreva um cabeçalho melhor.

Cabeçalhos devem ser seu ganha-pão ao tentar aumentar seu CTR orgânico.

Eles têm o poder de contribuir para um aumento de conversão em até 10%.

E você pode gerar um aumento de 21% de CTR se você reduzir ainda mais para 8 palavras.

Tenha a certeza de utilizar cabeçalhos comprovados que os usuários amam ler.

headlines

Eu costumava ter dificuldades com cabeçalhos.

Escrever cada post levava uma hora ou duas no máximo.

Contudo, eu gastava quase a mesma quantidade de tempo tentando criar um cabeçalho convincente!

Felizmente, não mais.

Eu finalmente desenvolvi a fórmula para o cabeçalho perfeito alguns anos atrás. É quase garantido que esse sistema irá melhorar o seu.

pasted image 0 1987

Uma das minhas técnicas preferidas para produzir ótimos cabeçalhos é utilizar um raciocínio específico e acionável.

Por exemplo:

  • 7 Dicas Para Escrever Cabeçalhos Como um Profissional
  • 12 Dicas de Cabeçalho Para Aumentar o CTR Rapidamente

O objetivo de um “raciocínio” é explicar porquê algo deveria ser feito.

Por exemplo, ele responde a pergunta de por quê alguém deveria clicar e se importar com seu conteúdo.

Tente usar palavras como as seguintes:

  • Dicas
  • Truques
  • Ideias
  • Hacks
  • Estratégias
  • Jeitos

Não esqueça as palavras-chave.

Tecnicamente, palavras-chave em sua meta descrição não irão ajudar a aumentar seu ranking.

Mas podem ajudar a melhorar seu CTR.

E um CTR mais alto ajuda você a rankear melhor, como acabamos de ver.

Veja este exemplo de como você pode inserir essas palavras-chave naturalmente em seu cabeçalho e meta descrição:

pasted image 0 1994

Incluir essas palavras-chave ajuda a especificar para quem está pesquisando que o seu conteúdo é exatamente o que eles estão buscando.

Sempre lembre-se de incluí-las em seu título e descrição para aparecer com mais relevância e fazer com que seu CTR decole!

Conclusão

Parece que recebo emails todos os dias sobre novas táticas e estratégias de SEO para testar.

As pessoas buscam constantemente por growth hacks que podem elevar seu negócio ao próximo nível.

Elas querem dicas que podem ajudá-las a rankear em primeiro lugar com as palavras-chave que mais desejam.

Algumas delas funcionam, sem dúvida.

Contudo, muitas delas não irão durar.

O Google atualiza seus algoritmos mais de 500 vezes por ano. Isso torna quase impossível utilizar sempre as mesmas táticas.

E por mais frustrante que seja, ainda precisamos do SEO se queremos gerar melhor tráfego inbound.

Quase toda experiência online começa com um mecanismo de busca.

Mas graças ao nosso melhor amigo Google, se tornou difícil de decifrar os melhores jeitos de tirar vantagem deste ótimo tráfego.

Felizmente para nós, você pode implementar algumas dicas que sempre serão relevantes.

Comece aperfeiçoando a velocidade de tráfego do seu site e refinando seu tempo de carregamento. Se as pessoas precisarem esperar mais de 3 segundos, haverá bounce imediato.

Então, atualize seu cabeçalho e meta descrição para aumentar seu CTR.

Ninguém irá saber como seu conteúdo é excelente se não clicarem nele. E se não clicarem, eventualmente você será movido para baixo de outros resultados.

Essas podem parecer táticas na superfície mas, em vez disso, são focadas no mesmo princípio oculto que o Google usa para organizar a web.

O que você quer é colocar as necessidades do usuário à frente das suas.

Forneça uma ótima experiência á eles. Responda suas perguntas e você verá rapidamente que seus esforços valem a pena.

Quais princípios de SEO atemporais você utiliza para gerar mais tráfego?

Compartilhe