Neil Patel

Espero que você goste desse artigo. Se você quer que meu time faça o seu marketing, clique aqui.

Guia de Como Tirar e Otimizar Fotos de Produtos em seu E-Commerce

ecommerce-product-images

De acordo com o DigitalCommerce360, 51% dos usuários preferem realizar suas compras de e-commerce em lojas online.

Mesmo com esse número crescendo, ainda tem uma boa parte do mundo que prefere comprar em lojas reais.

Para poder ver, sentir e experimentar os produtos antes de gastar seu dinheiro.

E essa é uma das maiores lutas do e-commerce:

Superar dúvidas e obstáculos como a incapacidade de experimentar o produto antes de comprar.

Mas, felizmente, as imagens nos permitem capturar o mesmo sentimento. Mesmo não sendo fácil.

Imagens de e-commerce podem aumentar ou diminuir suas conversões.

Todos nos deparamos com sites em que as imagens não são boas. Eles não exibem o produto e não nos fazem querer comprar esse mesmo produto.

No e-commerce, as imagens são tudo.

Você precisa saber como tirar as melhores fotos se quiser conversões melhores.

Veja como tirar fotos incríveis com baixo orçamento e otimizá-las para um melhor SEO e conversões hoje.

Por que as fotos premium de e-commerce são essenciais para impulsionar melhores vendas

Nós todos amamos a Amazon. É a nossa salvação, certo?

E isso não é apenas um “ditado” ou uma suposição. As pessoas são verdadeiramente dependentes da Amazon, inclusive eu.

Segundo a Statista, a receita líquida de vendas da Amazon em 2017 foi de 177,87 bilhões de dólares. Sim, são bilhões, e não milhões.

pasted image 0 308

Desde 2012, o crescimento da Amazon Prime praticamente disparou. Eu aposto que você poderia enviar mensagens para cinco de seus amigos mais próximos e pelo menos três deles teriam assinaturas do Amazon Prime.

pasted image 0 305

De acordo com os estudos mais recentes, a Amazon será responsável por quase metade de todas as vendas de e-commerce até 2021. E isso é apenas a Amazon sozinha em comparação com todas as outras lojas de e-commerce juntas.

pasted image 0 307

Então, o que está por trás de todo esse sucesso?

Simplicidade e facilidade de uso. Você pode encomendar produtos com um único clique e tê-los entregues no mesmo dia com o Amazon Prime Now.

pasted image 0 299

O envio gratuito em dois dias é um ponto positivo de venda para a Amazon também:

pasted image 0 294

A Amazon torna a experiência de compra fácil e agradável. Com devoluções livres de problemas, frete gratuito e, frequentemente, produtos com preços mais baixos, é muito fácil comprar a partir deles.

Mas mesmo com todo esse crescimento e valor insano, um estudo de 2017 da Retail Dive encontrou alguns resultados interessantes:

49% dos consumidores preferem lojas de varejo a compras online porque podem “ver, tocar, sentir e experimentar os itens”.

pasted image 0 296

As pessoas ainda amam a experiência tradicional do varejo de ir às lojas testar itens antes de comprar.

E isso faz sentido.

Você não quer esperar que um produto seja enviado e entregue para ser uma frustração e não se encaixar ou funcionar.

Isso significaria mais uma semana para devoluções e outra para entrega.

Uma economia tempo e esforço que poderiam ter sido resolvidos por uma simples loja física.

A eMarketer encontrou resultados semelhantes ao estudo Retail Dive, descobrindo que, em quase todos os setores, os compradores nos Estados Unidos preferem comprar na loja:

pasted image 0 293

E esses estudos são bem recentes!

Embora pareça que as compras online estão dominando, os clientes ainda vão às lojas locais para comprar seus itens.

Isso representa um grande problema e uma oportunidade para as lojas online de e-commerce:

Imagens são mais importantes do que nunca.

Você precisa ser capaz de comunicar o mesmo valor e experiência ao tocar, sentir e experimentar o produto em uma loja física.

Você não pode simplesmente colocar algumas imagens de seus produtos por dia.

Eles precisam ser planejados e ter uma intenção. Precisam comunicar valor e mostrar como e por que o produto vai funcionar para o consumidor.

Deixe-me mostrar alguns exemplos dos melhores sites de e-commerce no momento e como eles usam imagens para impulsionar as vendas online em um mercado que ainda adora compras offline.

O que podemos aprender com as melhores lojas de e-commerce sobre imagens de produtos

Quando falamos em boas fotos de produtos de e-commerce, você reconhece uma quando a vê.

Eu aposto que você poderia pensar em pelo menos cinco lojas com fotos incríveis de produtos.

Talvez algumas até o influenciaram a comprar ou ver essa marca de uma maneira mais favorável.

Sim, boas fotos de e-commerce são poderosas.

Talvez não exista um exemplo melhor de fotos incríveis de e-commerce como a GoPro. Eles são mestres em fazer você comprar através de paisagens incríveis.

E não são apenas fotos incríveis, mas também a estratégia por trás delas.

Por exemplo, quando você chega pela primeira vez em uma página de produto, você recebe a foto de produto padrão que espera ver:

pasted image 0 320

Isso é maravilhoso. Ele reproduz a imagem da marca e também fornece uma foto de alta resolução para os consumidores visualizarem.

Rolando para baixo, você também vê o produto em seu cenário principal de uso:

pasted image 0 300

Com um cenário real, os consumidores podem se imaginar usando o produto.

Rolando ainda mais, você vê a GoPro em uma mesa ao lado de um smartphone:

pasted image 0 311

Esta foto tem duplo objetivo:

  1. O produto é super pequeno e compacto o suficiente para levar em qualquer lugar.
  2. A GoPro tem um aplicativo móvel para conectar suas imagens ao seu telefone instantaneamente.

Incrível.

Com algumas fotos simples, a GoPro apresentou o design e os recursos do produto, os consumidores que usam o produto e o design compacto que atrai sua base de fãs.

As fotos de e-commerce são mais do que apenas fotos de produtos. São representações visuais de como seu produto deve ser usado e também transmitem o espírito de sua marca.

Outra empresa incrível que domina as imagens de e-commerce é Alex e Ani.

Primeiro, eles exibem o produto com fotos em alta resolução de perto, permitindo que os usuários vejam todos os pequenos detalhes de suas joias:

pasted image 0 316

Em seguida, assim como a GoPro, eles exibem seus braceletes em uso para inspirar ideias de estilo em potenciais compradores e mostrar quais roupas e estilos de vida combinam bem com esse produto específico:

pasted image 0 314Essas imagens de produtos de e-commerce estão longe de ser fotos padrão. Eles lembram emoções e promovem a missão da marca.

Com esses exemplos em mente, você pode ter uma ideia clara de onde suas fotos de produtos de e-commerce devem estar.

Reflita sobre como você pode exibir seus produtos de maneiras criativas.

Você pode mostrar seu produto em ação?

Por exemplo, ser usado como seus clientes normalmente o usariam? Ou até mesmo demonstrado em um cliente como Alex e Ani fazem?

Depois de encontrar algumas maneiras criativas de mostrar seu produto, é hora de aprender a tirar as melhores fotos de e-commerce, mesmo que você não tenha um equipamento caro.

Como obter melhores imagens de produtos de e-commerce com baixo orçamento

Contratar um fotógrafo profissional para tirar fotos de seus produtos custa caro.

Profissionais de primeira linha cobram entre US $ 250 e US $ 500 por hora, ou até US $ 2.000 ou mais por imagem.

Mas a verdade é que:

Você não precisa disso. Você pode tirar fotos incríveis com seu smartphone ou uma câmera digital padrão.

Aqui estão algumas dicas fundamentais para obter melhores imagens de produtos de e-commerce sem usar seu orçamento em contratação de profissionais ou equipamentos caros.

Dica # 1: Invista em um tripé flexível para capturar ângulos

Um dos melhores itens em que você pode investir é um tripé. Mas não qualquer um.

Para tirar fotos de e-commerce, recomendo usar um tripé flexível.

pasted image 0 310

Tripés flexíveis permitem que você capture incríveis ângulos de seus produtos com uma foto consistente e sem erros.

E o benefício mais significativo é que você pode conectar um tripé flexível a praticamente qualquer superfície, grade ou equipamento.

Isso significa que você pode tirar excelentes fotos externas  para mostrar seu produto e sua marca.

Além disso, pode ser muito mais barato.

Com apenas um smartphone e seu tripé flexível, você pode tirar fotos incríveis de seus produtos em minutos:

pasted image 0 317

E isso nos leva ao nosso próximo ponto:

Dica # 2: aperfeiçoe sua iluminação

A iluminação é um fator crítico na produção de melhores fotos para e-commerce.

Se você não conseguir uma boa iluminação, suas fotos não serão exibidas de maneira profissional.

Na verdade, muitas vezes é a iluminação que separa as melhores fotos de fotos amadoras em produtos de e-commerce.

É incrivelmente fácil identificar imagens mal feitas onde a iluminação cria sombras e ângulos desfavoráveis ao produto.

Antes de brincar com a iluminação, você deve entender as diferenças entre luz natural e artificial.

A luz natural é aquela produzida pelo sol. Você não vai estar usando nenhuma lâmpada ou fonte elétrica para isso.

pasted image 0 302

A luz natural é muito intensa, nítida e definida. Você pode ver todos os detalhes do produto acima.

Agora compare isso com a luz artificial:

pasted image 0 292

A luz artificial é geralmente amarelada, dependendo da fonte que você estiver usando.

Então, quando você deve usar cada uma?

A luz natural é melhor quando o produto é exibido externamente. Por exemplo, se o seu produto for ser usado ao ar livre, use luz natural. O seu produto pode ser usado por pessoas? Use luz natural.

A luz artificial é perfeita para exibir produtos específicos como um relógio ou uma carteira, onde você deseja exibir todos os detalhes desse produto.

Experimente os dois tipos de luz, mas mantenha-a consistente com todos os seus produtos.

Dica # 3: use um fundo infinito para produzir imagens mais limpas

Você já ouviu falar em fundo infinito antes? Talvez não, mas você provavelmente já viu isso nas suas lojas favoritas de e-commerce:

pasted image 0 298

Fundo infinito na fotografia é o ato de criar uma rampa com papel cartolina para dar um efeito de espaço em branco ilimitado por trás de seu produto.

Por exemplo, dê uma olhada em como seu produto ficaria usando um fundo infinito em comparação a não usar um:

pasted image 0 313

Fundos infinitos são excelentes para produzir espaços em branco que não são afetados por sombras, vincos ou alterações nos planos de fundo.

E eles podem ser produzidos em sua casa com baixo custo e com itens de loja de artesanato!

pasted image 0 304

Fstoppers recomenda o uso de cartolina como fundo infinito, em conjunto com dois pedaços de espuma e braçadeira de metal.

Você pode comprar tudo isso por menos de US $ 50, e criar um pequeno estúdio de filmagem que produz imagens impressionantes.

Se você sentir vontade de mudar o plano de fundo, pode simplesmente gravar novos materiais como seu fundo infinito em vez de uma cartolina branca:

pasted image 0 315

Essas configurações dinâmicas são baratas e fáceis de criar, e produzem fotos com aparência profissional.

Combine isso com sua iluminação preferida e sua configuração de tripé e smartphone, e você vai tirar fotos de alta qualidade com pouco investimento.

Se você quiser comprar a configuração, a Amazon vende panos de fundo de alta qualidade com os quais você pode criar fundos infinitos:

pasted image 0 303

Estes estúdios baratos podem ser muito úteis para produtos maiores, como móveis:

pasted image 0 312

Usando a mesma técnica de fundo infinito, você pode prender o papel branco ao suporte e tirar fotos incríveis de produtos baratos.

Agora que você aprendeu as noções básicas de como tirar fotos incríveis de produtos para sua loja online, é o momento de otimizá-las para uma melhor experiência no site e mais tráfego orgânico.

3 etapas para otimizar suas imagens de e-commerce para pesquisa orgânica

Usar suas fotos de produtos de e-commerce é apenas o primeiro passo.

Mas otimizá-los é parte essencial da etapa e que muitas vezes é ignorada.

Mas isso é muito perigoso pois pode afetar drasticamente sua velocidade e tráfego orgânico.

Siga estas três etapas e suas imagens serão otimizadas para mecanismos de pesquisa e experiências reais do usuário.

Etapa 1: otimizar a velocidade com ferramentas de compactação

A velocidade é um dos aspectos mais importantes em manter os usuários por perto em seu site.

De acordo com um estudo recente do Google, a maioria dos sites leva pelo menos oito segundos para carregar:

pasted image 0 295

A melhor prática atualmente para o tempo de carregamento é de apenas três segundos.

A maioria dos sites é lento e isso resulta em altas taxas de rejeição que podem afetar suas vendas:

pasted image 0 306

Mesmo apenas alguns segundos podem aumentar sua taxa de rejeição em mais de 100%.

E como você investiu para gerar tráfego, não pode permitir que eles saiam sem comprar com você.

Especialmente se você está pagando pelo tráfego usando anúncios PPC.

As imagens dos produtos são de alta qualidade por causa de suas altas resoluções. Isso é maravilhoso para os usuários se envolverem, mas também cria um site mais lento que pode impactar negativamente na experiência do usuário.

É uma via de mão dupla.

A BBC News descobriu que os consumidores não vão esperar mais de três segundos para que um site de e-commerce carregue totalmente suas páginas.

Então, como reduzir o tamanho da imagem sem diminuir a qualidade que você trabalhou tanto para conseguir?

Usando as ferramentas de compactação e os arquivo corretos. Uma das minhas ferramentas favoritas e simples é o JPEGmini:

pasted image 0 319

Usando essa ferramenta, você pode reduzir os tamanhos de arquivo sem diminuir completamente sua qualidade.

Este exemplo acima mostra uma redução de 6.5x no tamanho do arquivo com qualidade comparável.

Teste vários produtos diferentes como este e encontre seu software favorito.

Sempre gere as imagens do seu produto por meio de um redutor antes de fazer o upload para a sua loja, preservando a velocidade do seu site e mantendo o retorno dos usuários.

Etapa 2: otimize seus nomes de arquivo e texto alternativo

Ao tirar dezenas de fotos de produtos, é tentador manter seus nomes de arquivo.

“Image_12”

Mas o Google rastreia seus textos alternativos e nomes de imagens para obter dados sobre a relevância dos mecanismos de pesquisa.

Sem esses dados, o Google não faz ideia do que sua imagem contém pois ele não faz varredura de imagens, e sim analisam seus metadados.

Por exemplo, se você estiver fazendo o upload de uma nova imagem de produto de e-commerce de um colar, é melhor dar o nome do produto como nome de arquivo:

pasted image 0 291

Esse produto deve ter o nome: “Tiffany Love Lock Necklace”.

É simples, mas descreve perfeitamente o que é o produto.

Depois de dar a suas fotos nomes de arquivos claros e adequados, você deve sempre editar o texto alternativo de suas imagens.

pasted image 0 318

De acordo com a Moz, “as tags Alt fornecem melhores contextos/descrições de imagens para os rastreadores de mecanismos de pesquisa, os ajudando a indexar uma imagem corretamente”.

Eles são essenciais para enviar os dados e sinais certos para o Google e devem estar presentes em todas as imagens que você envia ao seu site.

Aqui está um exemplo de código de como é o texto alternativo em seu código-fonte:

pasted image 0 301

O texto alternativo auxilia na acessibilidade para usuários que não podem ver e visualizar imagens de SEO.

Então, como você os escreve? O que você inclui ou não? E as palavras-chave?

A armadilha em que a maioria das pessoas cai no texto alternativo é o preenchimento de palavras-chave.

Elas devem sempre ser evitadas. Não basta enviar spam por palavras-chave ao seu texto alternativo para descrever sua imagem.

A chave do texto alternativo é descrever originalmente o que está contido na sua imagem e por que ela está na página.

Por exemplo, se estiver exibindo a foto de uma pasta que você vende, seu texto alternativo pode ser o seguinte: “homem segurando pasta de couro marrom no escritório”.

pasted image 0 290

Isso descreve a imagem, o produto e sua função.

Passo 3: Continuamente faça testes A/B de suas fotos

A otimização de imagem requer testes e interações contínuas em suas fotos.

Infelizmente, não podemos apenas definir e esquecer fotos esperando que elas continuem gerando interesse.

O comportamento do consumidor muda. Pessoas mudam. As opiniões estão constantemente mudando.

Teste é a regra do jogo para fotos de produtos de e-commerce. Se você perceber que seu produto não está vendendo, apesar de ter um tráfego relevante, pode ser que suas imagens não estejam produzindo desejo suficiente.

Por exemplo, uma empresa descobriu que suas fotos estavam exatamente assim. Eles não estavam vendendo apesar de serem de alta qualidade.

Para acabar com isso, eles incluíram conteúdo gerado pelo usuário:

pasted image 0 297

Ao adicionar fotos do produto com usuários reais, eles aumentaram as vendas em 23%.

Por quê? Social proof cria mais confiança, mostrando o produto real usado por clientes reais.

Essa é uma tática que a Amazon aplica em todos os produtos. Na seção de comentários, você pode ver fotos de compradores confirmando:

pasted image 0 309

Essas fotos ajudam a criar confiança e oferecem outra maneira de incluir fotos de seus produtos.

Pergunte às pessoas em seus emails de acompanhamento se elas podem enviar fotos do produto ou comentários para aprimorar suas páginas.

Precisa de algumas ideias para o teste A/B de suas fotos? Aqui estão algumas para experimentar em seu próximo teste:

  • Teste suas fotos de produtos em diferentes tipos de iluminação: natural vs. artificial
  • Teste quantas fotos de produtos você disponibiliza para ver se são muitas ou poucas
  • Teste suas fotos de produtos: elas estão exibindo sua marca favoravelmente ou são simplesmente imagens que as pessoas pulam para ver a próxima?

Tente gravar o comportamento do usuário ao vivo ou clique em ferramentas de relatório que possam ajudar você a analisar quais elementos as pessoas gostam e quais ignoram.

Isso pode ser muito bom, pois permite que você descubra o que funciona ou não, o que significa que você só precisa testar uma vez para perceber que as fotos, ângulos e iluminação de produtos específicos não estão funcionando.

Conclusão

O e-commerce é uma indústria em crescimento que está caminhando para dominar as compras.

Mas atualmente, as pessoas ainda gostam de fazer compras em lojas físicas.

De acordo com a eMarketer, em quase todos os setores, as pessoas gostam de fazer compras diretamente na loja.

Por quê?

Porque eles podem tocar, sentir e experimentar o produto antes de investir seu dinheiro.

E essa é a única falha do e-commerce: não poder testar antes de comprar. Você coloca os dados e espera que dê certo ou que o produto pareça bom.

E se isso não acontecer, você vai ter um outro problema: devolver e reenviar seu pedido até que ele funcione.

Para combater esse medo e melhorar suas conversões de e-commerce, concentre-se em produzir imagens que transmitam mais valor e ajudem os usuários a tomar suas decisões.

Isso pode ser qualquer coisa, desde exibir seu produto em uso ou usar fotos e vídeos em 360 graus.

Apresente todos os cenários de uso que você possa imaginar para passar por alguns obstáculos e remover a dúvida do processo.

Use as melhores fotos de produtos que você puder, e sempre certifique-se de otimizar SEO para velocidade e busca orgânica.

Fotos de produtos de e-commerce são essenciais para o sucesso.

Quais são algumas das melhores fotos de produtos de e-commerce que você viu antes e que influenciaram suas decisões de compra?

Compartilhe