Neil Patel

Espero que você goste desse artigo. Se você quer que meu time faça o seu marketing, clique aqui.

3 Dicas de Como o Snapchat pode Ajudar sua Startup a Crescer

snapchat

O Snapchat tem sido o foco de uma ou outra notícia negativa ultimamente.

Ok, não só uma ou outra.

Uma busca rápida no Google revela que a confiança no Snapchat está caindo rapidamente.

21.221

Parece que há cada dois ou três dias, alguém declara que o Snapchat acabou ou está acabando.

Mas sinceramente? Eu não acredito nisso.

O Snapchat pode ter alguns problemas nesse momento, mas eu não vou desistir dele ainda.

Por que? Porque ele ainda é uma ferramenta de marketing poderosa – desde que você saiba o que está fazendo.

Além disso, o Snapchat tem um histórico de ser sobrestimado na indústria do marketing de mídias sociais.

Quando a app foi lançado, em 2011, era difícil para a maioria dos empresários entender como usar o Snapchat para atrair clientes ou identificar nele um potencial como ferramenta de marketing.

E ninguém poderia culpa-los.

Uma app para enviar fotos que desaparecem mais tarde? O que raios você pode fazer com isso?

Seis anos depois, descobrimos como usar o Snapchat de várias maneiras.

De fato, eu diria até que se você tem um pequeno negócio ou startup que não está usando o Snapchat, está perdendo muito com isso.

E não só porque ele é uma plataforma de mídia social com uma base de usuários extremamente ativa, segundo o site official do Snapchat.

Screen Shot 2017 08 19 at 2.01.58 PM

Ignorar o Snapchat significa perder uma oportunidade dourada para participar do futuro do marketing B2C marketing e do branding em mídias sociais.

Mas vamos com calma.

O sucesso do Snapchat como plataforma de mídia social nos oferece uma chance única de analisar a forma como marcas e consumidores se comunicam.

O que significa que, antes de entender como usar o Snapchat para atrair clientes, precisamos esclarecer o que significa para uma empresa se comunicar com seus consumidores.

Antes de começar a parte divertida, aqui está uma lista dos temas de que vou falar nesse artigo:

  1. Construir um funil vs construir uma marca
  2. Quebrando barreiras com conteúdo exclusivo
  3. Aproveitando o poder de anúncios e influenciadores

O marketing no Snapchat é um tema muito mais complexo do que apenas uma ou duas táticas.

Quanto melhor você entender a plataforma, mais fortes serão suas futuras campanhas de marketing. 

Porque o Snapchat funciona

Bem, para entender como usar o Snapchat,  vamos começar falando da questão mais óbvia.

Em um mundo que tem plataformas como o Facebook, o Twitter e o Instagram, porque estou recomendando que startups usem o Snapchat como ferramenta de marketing?

Para início de conversa, o Snapchat tem alguns dados muito promissores que tornam a ideia de incorporá-lo às suas ações nas mídias sociais muito atraente.

Veja só esse infográfico do Mediakix, onde vemos que a base de usuários do Snapchat é claramente formada a partir de um certo grupo demográfico.

21.2

Mas isso é apenas o início.

O mais importante é que, em seu interior, o Snapchat entende a forma como seu público gosta de consumir e criar conteúdo.

E no centro de tudo isso está a câmera, naturalmente.

Enquanto nós vemos o Snapchat como uma plataforma de mídia social, a Snap Inc. (empresa mãe do Snapchat) se declara uma “empresa de câmera”.

Segundo o perfil da empresa, a Snap Inc. acredita que “a câmera representa nossa melhor oportunidade para melhorar a forma como as pessoas vivem e se comunicam.”

E os dados deles definitivamente refletem esse fato.

21.3

Porque isso é importante para nós?

Porque nos informa o que devemos esperar.

Sim, negócios e marcas com um público mais jovem geralmente vão ter os melhores resultados com o marketing no Snapchat.

Mas também é importante notar que, se você quiser engajar seu público-alvo nessa plataforma, vai precisar de mais do que simplesmente uma ênfase no conteúdo visual.

Você terá que entender o que é conteúdo atraente e engajante para um público mais jovem, e como se comunicar de forma eficiente com sua comunidade no Snapchat.

Veja o que o Snapchat pode fazer para marcas que buscam esse público mais jovem, segundo o Mediakix.

21.4

Para começar, as câmeras significam que os conteúdos baseados somente em texto ficam de fora.

Será que existem formas inteligentes de integrar texto ao seu conteúdo visual? Claro que sim.

Será que você deve fazer divulgação cruzada com seus outros canais de mídia social? Sim, claro.

Mas se você estiver tentando descobrir como fazer seu conteúdo baseado em texto funcionar no Snapchat, está fazendo as perguntas erradas.

O foco nessa plataforma está no conteúdo visual, como fotos e vídeos. Qualquer conteúdo que não se encaixe nessa categoria vai ser prejudicado em termos de engajamento.

Basta olhar para a seção de anúncios do Snapchat uma vez para ver claramente que o foco dessa plataforma é o conteúdo visual.

21.5

Se você não produzir conteúdo visual, nunca vai concorrer às primeiras posições.

Adapte-se ao ambiente. O Snapchat pode ser uma opção estranha considerando o que você normalmente espera de uma plataforma de mídia social, mas isso não é motivo para ignorá-lo.

E isso me leva ao meu próximo argumento.

O Snapchat não é como as outras plataformas de mídias sociais. E apesar de isso ser parte do apelo dele, vale a pena entender alguns detalhes antes de continuar.

De cara, quero dizer que, se você só pudesse escolher uma plataforma de mídia social onde se conectar aos seus usuários e fazer divulgação, eu diria que o Snapchat raramente seria a melhor opção.

Se você tiver uma marca poderosa ou um reconhecimento tão grande que as pessoas provavelmente vão te seguir independente de onde você estiver, tudo bem.

Mas a não ser que você seja DJ Khaled, é melhor direcionar as pessoas para outras plataformas de mídias sociais.

21.6

Por que?

Porque não existe um eixo dedicado para o seu conteúdo no Snapchat.

As pessoas podem te seguir e ver seus snaps do dia, mas não veem o que você publicou ontem ou interagem com seus outros seguidores.

Basicamente, o Snapchat é uma excelente adição à sua estratégia de marketing em mídias sociais, mas raramente é a única ferramenta de que você precisa.

Mesmo DJ Khaled, apesar de ter um público enorme no Snapchat, tem também uma conta no Instagram account.

21.7

A essa altura, alguns dos leitores devem estar se perguntando porque utilizar o Snapchat, já que ele não inclui todas essas funções essenciais.

Mas esses leitores ainda não entenderam o objetivo dessa plataforma.

Quando se trata do marketing de mídias sociais, o Snapchat não foi concebido para substituir outras plataformas, mas sim como uma adição à uma estratégia de marketing robusta.

O Snapchat pode adicionar profundidade à sua estratégia de marketing. Mas como equilibrar a necessidade de adicionar personalidade à sua marca e o desejo de aumentar as conversões e criar um funil de marketing?

1. Construir um funil vs construir uma marca

Quero esclarecer isso logo no início. Se você exagerar em qualquer uma dessas categorias, vai desperdiçar um grande potencial de marketing.

Acredite se puder: criar um funil de marketing no Snapchat não é particularmente difícil.

Além do valor incrível que você obtém com os Snap Ads (que vamos ver em detalhes a seguir) há muitas oportunidades para promoção cruzada que você pode fazer sozinho, usando seu conteúdo.

Veja como Gary Vaynerchuk faz divulgação cruzada nas mídias sociais.

21.8

Mas como usar o Snapchat para fazer promoção cruzada no e direcionar tráfego para outras plataformas?

Você precisa encontrar potenciais clientes e fazer um call-to-action (CTA) que ofereça tanto uma proposta de valor clara quanto passos que sejam fáceis de seguir.

Existem algumas formas diretas de fazer isso:

  • Divulgar cupons de desconto exclusivos em seu conteúdo
  • Criar campanhas únicas de lançamento de produtos ou serviços no Snapchat.
  • Fornecer CTAs que enviem os usuários a outras plataformas

Lembre-se: não é preciso fazer nada muito complicado. Você não está exatamente criando um novo funil, e sim reforçando os funis que você já tem em funcionamento.

Mas é aqui que muitos negócios perdem suas perspectivas.

É importante ter em mente que, apesar de aumentar as conversões ser extremamente importante, essa não é a única razão pela qual estamos usando o Snapchat.

O Snapchat é um local onde o storytelling domina.

Veja Casey Neistat e seu snap que vale mil palavras:

21.9

A história que você está contanto não precisa ser particularmente complexa. Basta ser atraente.

Sua história foi interessante? Fez as pessoas rirem? Melhorou o dia delas?

Seus snaps foram educativos? Ensinaram alguma coisa ao seu público? Ou ofereceram um insight sobre a sua indústria?

Se você quiser contar histórias no Snapchat, vai ter que encontrar formas de oferecer conteúdo via mídias visuais.

Veja aqui o BuzzFeed oferecem sua abordagem única de conteúdo visual:

21.10

Isso te deixa apenas duas opções:

  • Fotos
  • Vídeos

Cada uma delas tem suas nuances, mas em termos gerais, você está lidando com dois estilos de valor de produção:

  • Profissional
  • Amador

Não se engane com os títulos. Um vídeo com valor de produção amador pode ter tanto impacto quanto um vídeo com valor de produção profissional.

O valor de produção amador não significa que o conteúdo não é tão bom no quesito storytelling. Significa apenas que o vídeo foi feito em um iPhone ao invés de uma câmera profissional.

E sinceramente? Isso é aceitável aqui.

Aqui está um snap de Chance the Rapper que oferece valor de produção amador, mas sem perder valor para o público:

21.11

Você ganha pontos extras ao criar um vídeo com grande valor de produção para o Snapchat, mas algumas das melhores marcas nessa plataforma produzem a maioria (ou até todos) os seus conteúdos em smartphones.

A lógica aqui é simples. Os usuários do Snapchat valorizam a autenticidade e o storytelling cativante.

Você só precisa de alguns snaps diários em que você compartilha conselhos gratuitos ou conta detalhes divertidos da vida cotidiana no seu negócio.

Começar a construir sua marca no Snapchat realmente é simples assim.

O Snapchat também pode te ajudar a gerar vendas, e se você usá-lo corretamente, vai ver um aumento nas conversões.

Mas usar o Snapchat como se fosse só para vender e publicar conteúdo auto-promocional reduz o valor dessa app como ferramenta de branding.

Sua habilidade de equilibrar os CTAs e o conteúdo que está publicando vai determinar quanto sucesso você terá nessa plataforma.

Se você quiser aproveitar ao máximo uma app como o Snapchat, vai precisar fortalecer sua marca, usando conteúdo que reforça seu funil de marketing com divulgação cruzada e CTAs.

2. Quebre barreiras com conteúdo exclusivo

Nesse ponto, já estabelecemos que construir sua marca é uma componente essencial do sucesso no Snapchat.

O que é ótimo. Mas há um problema.

Como raios você constrói sua marca?

Já falamos da importância de oferecer valor, mas ainda não discutimos como isso é feito no Snapchat.

Aqui está um exemplo de como a Tesla aborda a criação de conteúdo no Snapchat:

21.12

Posts diários sobre temas como cultura de trabalho são ferramentas tão poderosas por causa das expectativas que as pessoas têm do Snapchat.

Acima de tudo, isso é uma oportunidade para visitar os bastidores e ver suas marcas e empresas favoritas em seus ambientes naturais.

Imagine por um segundo que você tem uma startup que acabou de ser lançada.

Como na maioria dos negócios novos, a vida diária vai ser uma mistura interessante de produtividade e caos, independente do quanto você se preparar para tudo.

Ao invés de deixar tudo isso passar despercebido, produza conteúdo que permita que você compartilhe sua cultura e alcance as pessoas em um nível humano.

Mesmo empresas como a Google não evitam mostrar os aspectos menos glamouroso de ser um negócio.

21.13

Divulgar seus produtos é ótimo, e você definitivamente deve fazer isso. Mas construir uma marca poderosa fica muito mais fácil quando você pode se conectar ao seu público.

Nas palavras de Gary Vaynerchuk, “documente, não crie.”

Vai fazer um discurso em frente a um público enorme? Tire 10 segundos para mostrar aos seus seguidores os bastidores de um desses eventos.

Indo à academia? Tire alguns momentos para compartilhar seus pensamentos do dia com seus seguidores, como faz Dwayne Johnson.

21.14

Um membro da sua equipe fez alguma coisa interessante? Publique isso. Essa é uma forma low-cost de criar conteúdo atrativo para o seu público.

É muito mais fácil compartilhar o funcionamento da cultura da sua empresa e os eventos da sua vida diária do que criar vários conteúdos novos todos os dias.

Além de ser uma forma incrível de poupar tempo, isso permite que o seu público tenha uma sensação de intimidade com sua marca que ele provavelmente não tem com seus concorrentes.

3. Aproveite o poder de anúncios e influenciadores

Dois dos aspectos mais importantes do sucesso no Snapchat, o Snapchat Ads e os influenciadores, são formas fáceis de dar um impulso inicial à sua presença nas mídias sociais.

E você deve utilizar ambos. Afinal, é preciso dizer que o crescimento orgânico no Snapchat pode ser desanimador, para dizer o mínimo.

Os Snap Ads são anúncios em vídeos verticais que podem ter até 0 segundos de extensão.

21.15

A versatilidade desses anúncios é uma das suas maiores vantagens. Eles podem ser usadas para qualquer coisa, de instalar apps a visitar outros sites.

Esses anúncios vão aparecer entre as histórias de um amigo ou entre os conteúdos curados do Snapchat, o que ajuda a resolver a questão do crescimento orgânico que mencionei anteriormente.

Existem outros tipos de anúncios no Snapchat, como Geofilters e Lenses, mas eles são um pouco mais complexos, ao passo que esses anúncios verticais em tela cheia são muito mais simples.

Usar os Snap Ads é uma decisão fácil, especialmente quando você considera o poder que eles podem ter.

Esqueça o tamanho gigantesco da base de usuários diários ativos no Snapchat. Esqueça dos públicos únicos que o Snapchat pode alcançar.

21.16

O que realmente faz do Snapchat Ads uma opção tão atraente é o fato de que ele realmente funciona.

Mais de 60% dos Snap Ads são assistidos com o áudio ligado, o que é bem impressionante quando você considera que a maioria dos vídeos em autoplay nas mídias sociais são vistos sem áudio.

Os influenciadores são a segunda parte dessa equação. Os influenciadores de mídias sociais têm a habilidade de gerar um impacto gigantesco sobre suas iniciativas de marketing.

Como usar o Snapchat com influenciadores? Como eles se inserem em tudo isso?

Meu aspecto favorito dos influenciadores é que eles vêm com seu próprio público segmentado. Se você quiser alcançar um grupo demográfico específico, eles podem ser extremamente úteis.

Kylie Jenner é uma grande influenciadora no Snapchat, onde divulga tanto seus próprios produtos quanto outros negócios com que faz parcerias.

21.17

Trabalhar com influenciadores pode envolver vários desafios se você não estiver acostumado a isso. Mas o processo fica bastante simples depois que você se habitua a ele.

  • Contate influenciadores que são uma boa opção para o seu negócio.
  • Ofereça uma visão clara do que será sua colaboração.
  • Mantenha o contato durante o processo criativo para evitar que qualquer uma das partes fique insatisfeita no final.

Com o influenciador certo promovendo sua marca, e os Snap Ads corretos em ação, sua campanha de marketing nessa app pode decolar.

Conclusão

Eu sei exatamente o que você está pensando.

O Snapchat é bem estranho à primeira vista.

Ele não tem um local central onde sua comunidade possa se reunir.

É concebido para apenas um tipo de conteúdo.

E todos os seus conteúdos desaparecem dentro de 24 horas.

Mas mesmo com todas essas esquisitices, as pessoas adoram o Snapchat.

O Snapchat é uma das redes sociais dominantes na atualidade, e incorporá-lo em sua estratégia de marketing nas mídias sociais é totalmente necessário.

Felizmente, quando você souber como usar o Snapchat para atrair clientes e mergulhar nessa plataforma, verá o potencial dele não só como uma ferramenta de marketing comum, mas também como um veículo poderoso para o seu branding.

Quanto sucesso você já teve usando os Snap Ads?

Compartilhe