Neil Patel

Espero que você goste desse artigo. Se você quer que meu time faça o seu marketing, clique aqui.

Guia do Metaverso Para Profissionais de Marketing

A Marketer's Guide to the Metaverse

A tecnologia está sempre mudando, e consequentemente, o marketing também. A evolução do metaverso é apenas um dos desenvolvimentos recentes no mundo da tecnologia, mas vai ter um impacto enorme sobre a experiência humana que conhecemos.

O marketing digital viveu vários avanços nas últimas décadas, mas o metaverso foi o que deixou muitas empresas e especialistas em marketing perdidos. Como utilizar o metaverso em seu benefício e não ficar antiquado?

Nesse artigo, vou te apresentar o metaverso. Isso inclui uma explicação do que ele é e uma visão do presente e do futuro dele. E então falarei sobre as várias formas como especialistas em marketing poderão utilizar o metaverso nos próximos anos, e também sobre como começar. 

O que é o Metaverso?

O metaverso, como concebido por Matthew Ball, investidor de risco e autor, e mais tarde por Zuckerberg, é “uma rede expansiva de mundos e simulações 3D persistentes em tempo real”. 

Para simplificar, o metaverso é uma versão da Internet atualmente hipotética que suporta ambientes virtuais 3D. Isso é feito através do uso de computadores pessoais (e um exemplo atual é o jogo online Second Life) e headsets de realidade virtual e de realidade aumentada.

Second Life for Metaverse

Isso não significa que elementos do Metaverso ainda não existem. Há jogos, como o Roblox e o Fortnite, que formam a base do que muitos consideram ser o futuro do metaverso. Mais especificamente, avatares virtuais que podem interagir com ambientes virtuais e outros jogadores. Eles também podem comprar merchandise como roupas e acessórios decorativos dentro do jogo, personalizando a experiência.

Metaverso e NFT: qual é a relação?

Um NFT, ou token não-fungível, é qualquer objeto digital que não possa ser substituído, pois não tem um valor tangível. Os formatos de NFT mais comuns hoje são artes digitais, como animações. No entanto, dentro do Metaverso, um NFT pode se tornar muito mais.

Segundo o Morgan Stanley, o banco de investimento multinacional, NFTs têm potencial para se transformarem em um mercado de 56 bilhões até 2030. Como? Tudo graças à demanda que o Metaverso vai criar.

Com o aumento dos avatares virtuais, a demanda por moda virtual vai decolar. A necessidade de se personalizar dentro do espaço digital é inegável, e a moda é uma das formas mais fáceis de fazer isso. É só olhar o sucesso dos mercados dentro do Fortnite e do Roblox, jogos virtuais com avatares.

Como o Metaverso vai afetar o marketing?

Se você ainda não tinha considerado como o Metaverso vai afetar o marketing, já está ficando para trás. O Metaverso não é um “se”, mas um “quando”. Ele é inevitável. E vai afetar o marketing de várias maneiras, entre as quais estão algumas que você pode começar a implementar agora mesmo. 

Realidade virtual

A realidade virtual não é uma novidade. De fato, ela já existe em um formato ou outro há décadas. Claro, a tecnologia deu um salto, e vai continuar assim nos próximos anos. 

Do desenvolvimento à venda de produtos e serviços já existentes, a realidade virtual permite que você acolha seus consumidores. Eles podem ter um papel ativo em todos os estágios do seu processo. E quem diz não à pesquisa de produtos gratuita?

Cada vez mais, muitos consumidores vão procurar estas oportunidades, ao invés de se esconderem delas, como fazem com anúncios online. As gerações que estão se tornando adultas agora e nos próximos 15 anos, principalmente as gerações Z e Alpha, se sentirão mais confortáveis nestes ambientes do que qualquer geração anterior. 

Realidade Aumentada

Diferente da realidade virtual, que domina sua visão, a realidade aumentada simplesmente adiciona elementos a ela. Pense em “óculos inteligentes” ou no jogo de celular Pokémon Go. Estes dispositivos percebem o ambiente à sua volta e adicionam imagens, animações ou dados sobre ele.

E onde entra o marketing? De experimentar um par de óculos ou um vestido a dirigir um carro novo, a realidade aumentada eleva a experiência de compra. Em um ambiente aumentado, seus consumidores podem interagir com seus produtos sem sair de casa. 

Mas até experiências em lojas vão se beneficiar do Metaverso. Como a realidade aumentada é uma camada sobreposta à vida real, você pode usá-la em lojas para compartilhar informações aprofundadas, exibir funções adicionais e exemplos de uso, etc. Pense nela como uma experiência paralela de marketing.

Marcas no Metaverso

Na medida em que o Metaverso cresce, vão crescer também as oportunidades para marcas e publicidade, incluindo fóruns de mensagens virtuais, outdoors, e até as roupas virtuais de avatares. 

Os NFTs também terão um papel enorme. Com a habilidade de personalizar avatares e espaços como “casas” e lojas, você poderá criar conteúdo virtual com sua marca para seus consumidores. Isso te permite entrar em espaços de merchandising que você não ocupava ainda, como roupas virtuais e arte digital. 

Segundo a Diretora de Metaverso do Futures Intelligence Group, Cathy Hackl, não é simplesmente ir “diretamente para o avatar”. Ou seja, para entrar neste mercado, não basta criar uma versão virtual do seu produto. Isso é particularmente aplicável a marcas que não vendem roupas, arte ou outra coisa fácil de digitalizar. Mas algumas marcas fizeram isso. Veja só o restaurante de fast food mexicana Chipotle. Ou mesmo a Gucci.

Branding in the Metaverse - Gucci Garden on Roblox for Metaverse

Pop Ups virtuais

Lojas pop up são uma ocorrência comum para negócios de todos os tamanhos. Seja para vender produtos ou serviços, uma loja pop up virtual te dá a oportunidade de compartilhar sua marca em uma escala mais ampla. 

Assim como uma loja pop up presencial, a pop up virtual é uma oportunidade para networking, publicidade e venda de seus produtos e serviços. Enquanto lojas com uma localização física podem limitar seu acesso (por causa do espaço e do tempo exigido para viajar), uma loja pop up pode te ajudar a alcançar um público mais vasto. 

A localização virtual não só vai aumentar o número de visitas, mas também terá um impacto menor sobre os seus resultados. Com a redução da necessidade de deslocamento e alojamento para funcionários, e sem a necessidade de alugar um espaço, você pode cortar custos e talvez até reduzir o preço final para os consumidores.

Treinamentos ou aulas virtuais

Com tantas plataformas de vídeo ao vivo e pré-gravadas, treinamentos e aulas virtuais já estão muito presentes no mundo corporativo. Muitos treinamentos e aulas virtuais provavelmente vão continuar em seu formato atual, mas o Metaverso abre espaço para que eles cresçam.

As possibilidades de crescimento ao se levar aulas do mundo real para headsets no mundo todo são infinitas. Imagine só um treinamento do seu produto em realidade virtual, ou um caso de uso para os seus serviços. Você pode até fazer demonstrações de produtos com potenciais clientes, ou sessões para tirar dúvidas de seus clientes atuais.

Além das ações de marketing, você pode até usar aulas virtuais para onboarding e treinamento corporativo: preparação para emergências, diversidade e inclusão, orientação de novos funcionários, e muito mais. 

Eventos no Metaverso

No mundo pós-COVID, é fácil imaginar a necessidade contínua de espaços para encontros virtuais. De reuniões de família a shows e eventos beneficentes, o Metaverso não limita quem você pode encontrar, ou quando. 

Um exemplo recente de um destes eventos foi o show de Lil Nas X no mundo virtual do Roblox.

Metaverse Events - Lil Nas X Roblox Concert for Metaverse

Com estes eventos ficando cada vez mais populares, especialmente com as gerações Z e Alfa, os eventos no Metaverso não serão somente uma opção, mas uma necessidade. Na medida em que seu público-alvo mudar, suas ações de marketing mudarão também. Este é apenas um exemplo dos papéis que o Metaverso vai exercer. 

Você não deve esperar até que estes tipos de eventos se popularizem antes de aderir. Você deve considerar promover seus próprios eventos virtuais, seja com realidade virtual ou realidade aumentada, em breve. Existem até agências de consultoria que podem te ajudar a planejar estes eventos. 

O Metaverso no Marketing: Perguntas Frequentes

O que é o Metaverso?

O Metaverso é um universo digital onde usuários interagem com uma realidade gerada por computadores e com outros usuários. É efetivamente uma vida digital que inclui componentes como realidade virtual e computadores pessoais. 

Por que profissionais de marketing devem se interessar pelo Metaverso?

Como uma segunda vida, o Metaverso oferece uma oportunidade para que especialistas em marketing alcancem seus públicos em uma nova dimensão. O Metaverso expande a pegada digital dos consumidores, oferecendo um panorama totalmente novo das ações e comportamentos deles. 

Como negócios podem monetizar o Metaverso?

De oportunidades para produtos digitais com a marca a aulas e eventos popup virtuais, empresas podem monetizar o Metaverso com os mesmos métodos que usam no mundo real. 

Que empresas estão no Metaverso?

Apesar de falarmos sobre o Metaverso no seu estado futuro, existem empresas que contribuem para a existência dele atualmente e no futuro. Algumas empresas atualmente “presentes” no Metaverso são a Facebook (Meta), a Niantic, a Epic Games e a Apple.

Como minha empresa pode se preparar para o futuro no marketing no Metaverso?

Em sua forma mais simplificada, o Metaverso é uma comunidade. E comunidades têm a necessidade de conexão. Empresas podem se preparar para o futuro do marketing no Metaverso ao tomar passos para gerar essa conexão. Por enquanto, isso envolve abrir novas lojas de e-commerce no Instagram Shop e no Facebook Shop, e mesmo criar anúncios em RA. 

Conclusão: Metaverso Para Profissionais do Marketing

O metaverso imaginado por Matthew Ball e Mark Zuckerberg ainda está anos no futuro. Mas profissionais de marketing não devem esperar sentados até que este futuro chegue. Ao invés disso, eles devem usar os próximos anos para se prepararem para as oportunidades que vêm por aí.

Existem formas de sair na frente com seu marketing, incluindo investimentos em publicidade, em realidade virtual e realidade aumentada. Há também plataformas de e-commerce, como a Instagram Shop e a Facebook Shop, que oferecem um vislumbre do futuro do Metaverso e o que ele vai nos trazer.

Que passos você vai tomar para iniciar sua empresa no Metaverso?

Compartilhe