Neil Patel

Espero que você goste desse artigo. Se você quer que meu time faça o seu marketing, clique aqui.

Google Lens: o que é e como usar para alavancar sua estratégia de Marketing

Tudo sobre o Google Lens

Que o Google é um motor de inovação no mundo digital, não há dúvidas. O Google Lens, um de seus recursos mais interessantes, é a prova disso — e uma excelente ferramenta para potencializar seus resultados no marketing digital.

Mas calma lá, não se trata de um “game changer” imediato para sua estratégia de SEO.

Porém, entender como esse recurso funciona, quais suas aplicações e também recentes atualizações, é essencial para empresas que buscam refinar seu SEO e conquistar melhores resultados orgânicos.

Preparado(a) para entender mais? Escrevi esse artigo para você, contando tudo sobre o Google Lens e como ele apoia sua estratégia de marketing. Vamos lá?

O que é o Google Lens?

O Google Lens é uma tecnologia de reconhecimento de imagens, que permite que as pessoas interajam com qualquer objeto da vida real utilizando apenas a câmera de seus dispositivos móveis.

Essa explicação pode ser um pouco técnica, mas vou simplificar:

Basicamente, o recurso do Google utiliza a inteligência artificial para ler textos e decodificar imagens, interpretando suas informações para objetivos variados, como pesquisas, traduções, entre outras funções.

Google Lens para que serve

Para que serve o Google Lens

Como o nome dá a entender, o Google Lens funciona como uma lente, capaz de ler imagens e analisar o que é mostrado.

Para usuários de forma geral, é uma tecnologia incrível porque lhes dá a possibilidade de simplificar as tarefas do dia a dia.

Já para empresas, é uma maneira a mais de se destacar nos resultados de busca e, por meio da otimização das imagens em seus conteúdos e ofertas, aparecer mais frequentemente nas buscas do seu público-alvo.

Porém, com a tecnologia, as possibilidades são incontáveis.

Ao entrar no app do Lens em seu celular (em dispositivos Android, especialmente nos mais novos, o recurso é nativo e integrado à câmera, enquanto em dispositivos iOS é necessário baixar o app do Google), você vai se deparar com algumas funcionalidades, que são:

Tradução

Quer traduzir um texto em inglês em uma embalagem ou está confuso sobre qual a estação correta de metrô pegar em Tóquio?

Basta sacar o celular e apontar a câmera com o Google Lens, que a função de tradução ajuda a justamente esclarecer o que está escrito — em tempo real e de forma muito prática.

Esse é um recurso que ajuda em múltiplos cenários, pense nas possibilidades: pode dar um help para quem está lendo uma documentação técnica em um idioma estranho ou mesmo para quem está passeando em um país a turismo.

Texto

Agora, e se você quiser copiar todo texto de um documento físico e enviá-lo como uma mensagem no WhatsApp para um amigo ou para seu contador?

A função de texto serve para identificar caracteres em imagens e copiá-los. É super simples de usar e muito útil em várias situações.

Pesquisa

Esses dias trombei com uma câmera analógica e fiquei muito interessado em seu modelo, mas era um produto antigo e que eu não tinha muito conhecimento.

A solução? Usei o recurso de pesquisa no Lens!

Bastou apontar a câmera do meu celular para a câmera e pronto, vários resultados sobre aquela verdadeira relíquia pipocaram no app.

Dever de Casa

Calma, não quer dizer que o Lens vai fazer a tarefa de matemática ou de história para os seus filhos.

O recurso funciona de uma forma muito legal: caso alguém não consiga resolver uma equação, por exemplo, basta apontar a câmera do celular para a mesma que o Google vai trazer explicações, vídeos e resultados para ajudar na resolução.

O recurso pode auxiliar em questões de matemática, história, química, biologia, física, entre outros.

Compras

O melhor — ao menos na minha visão de marqueteiro — são as possibilidades no que diz respeito ao comércio eletrônico.

Digamos que você passou por uma loja física, encontrou um tênis lindo, mas o preço alto ou mesmo a falta do seu tamanho evitaram que você o comprasse — porém, você foi sagaz e tirou uma foto do modelo.

Com o Google Lens, basta usar a foto para encontrar ofertas do mesmo calçado.

É possível fazer o mesmo processo apenas apontando a câmera para o produto, bem como por meio de um print.

Lugares

Está dando um passeio por São Paulo e quer saber mais sobre um local específico, como a Avenida Paulista?

Basta usar essa funcionalidade e saber tudo sobre diferentes pontos turísticos, curiosidades, bem como pontos de interesse próximos.

Refeições

Por fim, você pode tirar uma foto de uma refeição ou mesmo de um item em um menu para encontrar opções de restaurantes próximos que o oferecem, bem como artigos e vídeos que ensinam a fazê-lo.

Quais são os sistemas que suportam o Google Lens

Hoje, o Lens está disponível em boa parte dos dispositivos móveis, tanto Android como iOS (e também via navegador Chrome, em desktops).

No caso de celulares Android, é possível baixá-lo no app Google Play. No entanto, alguns modelos já possuem o recurso integrado à câmera.

Para dispositivos iOS, é necessário baixar o aplicativo “Google” na App Store.

Em desktops, pode ser acessado pelo navegador Chrome. Para isso, basta clicar com o botão direito do mouse sobre uma imagem e você vai ver que uma das opções é “Pesquisar imagem com o Google Lens“.

Como usar o Google Lens na sua estratégia de Marketing? 

Google Lens na estratégia de marketing

Agora que você tem uma boa ideia do que é e para que serve o Lens, provavelmente tem uma questão para me fazer: “Neil, mas como esse recurso pode ajudar minha estratégia de marketing?”.

Acertei? Essa é a minha parte preferida de escrever esses conteúdos.

Como eu disse lá no começo, o Google é um motor de inovação. O Lens é mais um passo na consolidação de ferramentas que ajudam pessoas no seu dia a dia.

Se o buscador foi uma revolução lá no fim dos anos 1990, o Lens promete fazer o mesmo (ou quase isso, ao menos) agora, duas décadas depois.

Afinal, cada vez mais pessoas estão fazendo buscas visuais (ou seja, pesquisas com auxílio de imagens).

O blog do Google informou, por exemplo, que o Lens já foi utilizado mais de 1 bilhão de vezes — isso somente em 2019!

Para negócios, e aqui me dirijo especialmente para marqueteiros e empreendedores do e-commerce, o Google Lens pode servir como mais um ponto de contato — ou mesmo um canal de venda! — da sua empresa com o consumidor.

Uma vez que você liste os seus produtos no Google, eles vão aparecer nos resultados de pesquisa, no Google Imagem, no Google Shopping e, claro, no Lens.

É uma maneira eficiente de dar um empurrãozinho no seu ranqueamento nos resultados de busca, bem como uma forma de aumentar o tráfego — em especial, para negócios locais!

Com o Lens, cada minuto que uma pessoa está online se torna uma experiência de compra em potencial.

Uma última pergunta antes de avançarmos: seu negócio está otimizado para essa realidade?

Como o Google Lens pode impactar o SEO? 

Que as boas práticas de SEO se estendem às imagens que você usa em seus conteúdos, produtos e demais páginas online, já não é novidade.

Porém, saiba que cada vez mais os consumidores realizam buscas visuais.

Dados da Business Wire mostram que 62% dos compradores millennials querem mais tecnologias do tipo.

A tendência, portanto, é que o uso de recursos como o Lens só cresçam.

Eu mesmo já me pego utilizando várias vezes! E você?

Pense que o seu cliente pode ser o próximo.

Porém, esse pensamento também carrega uma preocupação: como garantir que o seu produto ou o seu conteúdo apareça nos resultados apresentados pelo Lens?

Como tudo no mundo do SEO, não existe receita de bolo — mas sim alguns ingredientes especiais. Separei alguns para você conferir e utilizei alguns dados de um estudo incrível do Backlinko para complementar o conteúdo, veja só:

  • Mobile-friendly: garanta que o seu site seja responsivo, bem como as imagens. Nove a cada dez resultados do Lens são de sites que cumprem esse requisito.
  • Aplique boas práticas tradicionais de SEO: otimizar o nome do arquivo, criar um alt text objetivo, usar imagens em tamanhos coerentes… Tudo isso ainda importa e faz muita diferença!
  • Acerte nas title tags e URLs: há uma relação forte entre tags de títulos e URLs que continham a palavra-chave que descreviam exatamente uma imagem pesquisada com o Lens. Ou seja, é necessário ser preciso!
  • Imagens no topo: cerca de um terço dos resultados do Lens são de imagens que ocupam os primeiros 25% de uma página.
  • Invista no SEO do site como um todo: os resultados do Lens costumam priorizar páginas com boa autoridade e de domínios com boa autoridade.
  • FCP abaixo de 3,1ms: a velocidade de carregamento do FCP (First Contentful Paint ou primeira renderização de conteúdo) média dos resultados apresentados pelo Lens é de 3,18ms. Minha dica é procurar deixar o seu abaixo desse limite para se destacar ainda mais.
  • Resultados orgânicos e do Lens são relacionados: ou seja, se o seu site ocupa a primeira posição para a palavra-chave “fechadura eletrônica”, é bem provável que ele também ocupe as primeiras posições para buscas no Lens envolvendo essa palavra/produto.
  • Utilize o Google Merchant Center: de acordo com a própria empresa, para que produtos sejam encontrados nos resultados do Lens, é essencial que eles estejam detalhados no Merchant Center, na listagem gratuita que a plataforma oferece.
  • Utilize códigos UTM para rastrear o tráfego do Lens: e claro, não se esqueça de medir as métricas provenientes do Google Lens. Para isso, minha dica é aplicar códigos UTM.

Uma novidade para 2023

Ainda em 2021, o Google implementou um novo algoritmo de busca em seu mecanismo, chamado de MUM (Multitask Unified Model), capaz de pesquisar entre diferentes linguagens e, principalmente, com imagens, para responder a requisições complexas.

O interessante aqui é que o MUM foi incorporado ao Lens e, a cada dia, é otimizado para entregar melhores resultados.

Com o algoritmo MUM e o Lens, o usuário pode realizar muito mais.

Por exemplo, ao olhar a foto de um mouse na internet, é possível clicar no ícone do Lens e pedir ao Google para exibir resultados diferentes, mas da mesma marca, como teclados e monitores.

O mesmo pode ser feito com peças de roupa: você visualiza uma cor ou estampa que gosta e pode pedir ao Google para encontrar outras peças de roupa semelhantes.

Além disso, possibilita que você combine textos e imagens para compor perguntas mais complexas.

Novidade do Google Lens para 2023

Na imagem, que retirei do Search Engine Journal, o usuário tira uma foto da coroa de marchas de sua bicicleta e coloca um input textual, que pode ser traduzido como “como consertar?”.

O Lens, dotado do algoritmo MUM, entende a requisição e traz resultados em vídeo para ajudar a resolver o problema.

Dúvidas frequentes sobre o Google Lens

Como usar o Google Lens

Para usar o Lens, basta acessar a câmera (em alguns dispositivos móveis, como no Pixel, a tecnologia está integrada de forma nativa) do celular ou pelo aplicativo, que pode ser baixado na Google Play e na App Store.

Como usar o Google Lens e para que serve

O Lens é uma tecnologia de reconhecimento de imagens, que permite que as pessoas interajam com qualquer objeto da vida real utilizando apenas a câmera de seus dispositivos móveis.

Com auxílio do IA, a tecnologia é capaz de ler e decodificar imagens, oferecendo uma experiência avançada de pesquisa.

Como ativar o Google Lens no Chrome

Em desktops, o Lens é acessado pelo navegador Chrome. Para isso, basta clicar com o botão direito do mouse sobre uma imagem e você vai ver que uma das opções é “Pesquisar imagem com o Google Lens”.

Como pesquisar a imagem de uma pessoa no Google

Para encontrar uma pessoa pelo Lens, basta usar o aplicativo para ler uma foto ou print da imagem de uma pessoa, com a funcionalidade “pesquisa”.

No navegador, o processo é semelhante: acesse images.google.com.br, clique no ícone de pesquisa por imagem e repita o processo.

Conclusão

Neste conteúdo, te contei tudo sobre o Google Lens e sua importância para o marketing digital — seja agora, como também no futuro.

Esse recurso é fruto da constante inovação do Google, que busca de maneira incansável otimizar a forma que as pessoas encontram as coisas que querem.

E para negócios, especialmente e-commerces, o Lens pode ser encarado como o futuro da pesquisa de produtos.

E você, agora que aprendeu tudo sobre o tema, que tal começar a fazer mudanças em sua estratégia de marketing e incluir boas práticas que favoreçam sua marca no Lens?

Se tiver dúvidas, já sabe: é só deixar um comentário logo abaixo!

Compartilhe