Neil Patel

Espero que você goste desse artigo. Se você quer que meu time faça o seu marketing, clique aqui.

Marketing Boca a Boca: O Que é e Como Fazer na Sua Empresa

ilustração sobre marketing boca a boca

A expressão marketing boca a boca é quase autoexplicativa.

Indica a propaganda que uma marca ou empresa recebe de forma espontânea, fruto da satisfação de seus clientes.

Essa é ou já foi a realidade do seu negócio?

E na condição de cliente? Quando foi a última vez que você se deparou com uma experiência tão boa como consumidor que saiu contando para todo mundo?

Esse é um exemplo prático de marketing boca a boca, uma espécie de anúncio orgânico cobiçado por todas as marcas.

Algo que surge de modo espontâneo, em conversas do dia a dia. E que está, inclusive, no Stories que você faz enquanto toma uma cerveja em seu bar favorito e marca o Instagram dele lá.

Se, antes, o marketing boca a boca já era conhecido como um importante aliado para empresas que queriam saber como vender mais, hoje, pode ser seu melhor amigo!

E tudo por causa do poder de disseminação das redes sociais.

Em razão delas, a estratégia ganha um mar de oportunidades para surgir e alavancar resultados sem que marcas esperam por isso.

Quer navegar neste oceano?

Então, se dirija à proa do navio, pegue o binóculo e esteja pronto para explorar esta poderosa ferramenta que pode te ajudar a vender mais e melhor!

Neste artigo, você vai descobrir como fazer marketing boca a boca em sua empresa e também conferir exemplos de referências para se inspirar.

Boa leitura!

O que é marketing boca a boca?

ilustração sobre marketing boca  boca

Marketing boca a boca nada mais é do que uma estratégia de marketing realizada para incentivar recomendações de pessoa a pessoa.

Também pode ser entendido como uma tradução de buzz marketing. Então, se uma de suas dúvidas era “O que é o buzz marketing?” acaba de esclarecê-la.

Embora o conceito tenha sido criado nos Estados Unidos, a história da estratégia de divulgação boca a boca é muito mais antiga do que se imagina.

Nasceu através do próprio ser humano que, desde a Pré-História, já indicava locais onde era possível encontrar alimentos e onde havia perigo.

Isso explica o fato de gostarmos tanto de fazer recomendações até hoje.

Acompanhando a evolução da humanidade, indicar produtos e serviços é algo natural ao perfil do consumidor. É uma necessidade em forma de expressão.

Uma característica que fica ainda mais oportuna com o avanço da era digital e as infinitas possibilidades de marketing boca a boca que são abertas pelas redes sociais.

Seja dentro ou fora delas, milhares de recomendações acontecem a cada instante.

É um resultado fruto de consumidores satisfeitos pelos produtos e serviços adquiridos.

E as marcas inteligentes estão só acompanhando o que eles dizem e comemorando os rápidos resultados da comunicação boca a boca.

Qual a importância do marketing boca a boca?

bonecos desenhados em giz e interligados

Com a velocidade da disseminação de conteúdos produzidos pelos próprios consumidores em canais digitais, marcas podem ser louvadas ou destruídas em questão de segundos.

No caso do marketing boca a boca, vou me ater a te mostrar o lado positivo da coisa.

Vamos supor que um consumidor compartilhou uma experiência satisfatória com o produto que a sua marca oferece.

E, em menos de um minuto, a mensagem dele chegou a outros milhares de consumidores.

A partir do momento em que começa a ser espalhada, você ganha defensores, que passam a trazer novos clientes para você.

Então, o custo de aquisição do cliente diminui. E diminui bastante. Incrível, não é mesmo?

Com isso, você ganha uma grande vantagem competitiva em relação aos concorrentes.

Tem dúvidas sobre até que ponto é possível aproveitar o poder da propaganda boca a boca?

Posso te adiantar que os benefícios são vários e o que acabamos de ver são apenas alguns deles.

Como esse tipo de estratégia incentiva recomendações entre consumidores, o custo envolvido é muito menor.

Ou seja, não é preciso investir milhões de dólares para fazer anúncios em jornais, rádio e TV. Afinal, a própria mensagem vai se espalhando.

Outro ponto positivo é que, exatamente por isso, os resultados são agilizados e ainda existem chances grandes de viralização, para usar um termo da moda e igualmente perseguido pelas marcas.

No entanto, o marketing boca a boca é muito usado por empresas que querem se estabelecer ou se fortalecer no mercado com eficiência e economia.

E dá resultado, pode apostar.

Como fazer marketing boca a boca?

ilustração sobre marketing boca a boca através da internet

Após saber o que é marketing boca a boca e qual sua importância para uma empresa, é a vez de aprender a aproveitar suas vantagens.

Confira 9 dicas sobre como fazer marketing boca a boca com inteligência e eficiência:

1. Ofereça valor aos clientes

Todo marketing boca a boca começa com um cliente satisfeito.

Então, o que você precisa ter em mente é que todo cliente satisfeito pode ser um ótimo vendedor.

Afinal, pessoas só comentam, elogiam e recomendam produtos ou serviços que elas realmente gostem.

E o consumidor leva muito a sério as recomendações de amigos, familiares e colegas.

Basta fazer uma rápida reflexão e analisar a própria realidade para entender.

Você, certamente, já fez uma compra depois de ouvir uma indicação de alguém próximo, não foi?

Pode ter sido um smartphone, um sistema de gestão empresarial ou até mesmo um carro.

As pessoas adoram fazer boas escolhas, acertar na relação custo-benefício. E não hesitam em contar para outras quando isso acontece para que também consigam esse resultado.

Por isso, invista em ações de marketing que possam ajudar a aumentar a satisfação do cliente. E procure sempre deixar claro o quanto se importa e se preocupa com o sucesso dele.

Caso surjam problemas, procure resolver rapidamente e com o tom de voz mais amigável possível.

Isso previne que ele queira recomendar negativamente a sua marca.

2. Surpreenda

Como seria possível agradar, encantar e surpreender seu cliente? Pense em algumas opções e veja o que é mais viável para colocar em prática por agora.

Lembra de algum case de uma marca que surpreendeu seus clientes ao escrever cartinhas a mão para eles ou ao oferecer brindes para lá de criativos em momentos oportunos?

Esse é um exemplo que mostra bem a importância de surpreender o cliente.

Perceba que até você foi impactado por este marketing boca a boca, porque ficou sabendo do acontecimento e o classifica hoje como case.

É esse o espírito do marketing boca a boca: oferecer experiências diferenciadas para agradar o cliente e elevar cada vez mais sua satisfação.

O que pode ser feito desde um agradecimento inesperado até a resposta a um elogio nas redes sociais.

Com a correria do dia a dia, muitas marcas se concentram apenas em responder comentários com dúvidas ou problemas.

Infelizmente, elas talvez ainda não saibam a importância de valorizar clientes satisfeitos para criar marketing boca a boca.

3. Seja criativo

ilustração sobre criatividade no marketing

Quando você consegue ter ideias inovadoras, criativas e fora do comum fica ainda mais fácil chamar a atenção do seu cliente e ser recomendado por ele. E, assim, sucessivamente.

Não se reconhece como criativo?

Dê uma olhada no meu artigo sobre criatividade e tente obter insights dele para explorar melhor todo o seu potencial.

4. Conte sua história

Todo ser humano é um contador de histórias por natureza.

Talvez muitos ainda não conheçam esse potencial, mas ele está ali. Afinal, pouquíssimas pessoas não gostam de ouvir boas histórias e contá-las para outras.

Então, procure contar a história de como seu negócio surgiu, qual propósito move suas atividades e investigue se existe algum fato curioso para ser compartilhado.

Quanto mais emocionante ou inusitado for, maiores as chances de que os clientes a espalhem.

Quer uma boa dica?

Dê uma olhada neste artigo: Storytelling: O Que É, Para Que Serve e Exemplos Práticos.

Nele, eu destaco como uma narrativa poderosa pode ajudar em suas ações de marketing e trago dicas para você contar uma história de sucesso.

5. Seja referência no seu setor

Você não vai cair na boca do povo se não tiver relevância no segmento de mercado no qual atua.

Obviamente, esse é um trabalho que demanda toda uma construção e pode levar tempo, mas é preciso começar em algum momento.

Quando você mostra autoridade em sua área de atuação, consegue passar confiança para o seu cliente.

Confiança é o que faz a roda do marketing boca a boca girar. Esteja certo disso.

6. Seja transparente

Lembra aquele ditado dos antigos que dizia que mentira tem pernas curtas? Ele é tão criativo quanto verdadeiro.

Vale ter isso em mente para adotar uma postura sempre honesta e transparente.

A verdade é que os consumidores valorizam marcas verdadeiras, que mostram autenticidade e originalidade.

Um exemplo? Aquele serviço de delivery da farmácia que liga para avisar o cliente que seu pedido vai demorar 5 minutos a mais para chegar.

Parece uma atitude pequena, básica, mas gera ainda mais confiança.

7. Engaje seus clientes

profissional assinalando título engajamento de clientes juntos de símbolos relacionados

Investir em estratégias de marketing que ajudam a aproximar você dos fãs da marca também é uma ótima pedida.

Esse é um esforço que vale tanto para oferecer conteúdos relevantes, quanto para criar grupo no Facebook ou para organizar eventos offline.

É importante fazer parte do dia a dia das pessoas para ser notado por elas e construir a relevância sobre a qual falei antes.

8. Incentive seus clientes

Percebeu que um cliente teve uma experiência positiva com sua empresa?

Então, crie estratégias para que ele queira falar sobre ela, como o marketing de defensores.

Eles podem compartilhar conteúdos para ajudar, postar fotos dos seus produtos ou escrever reviews.

Use seus depoimentos como prova social ou estudo de caso, pois isso reforça como você e sua solução são importantes para as pessoas.

9. Agradeça aos seus clientes

Um cliente falou bem da sua marca e você ficou sabendo?

Agradeça, seja através de um e-mail, um desconto ou outro benefício especial.

Isso vai fazer ele se sentir reconhecido e valorizado, aumentando as chances que faça outros elogios.

8 dicas para melhorar o marketing boca a boca da sua empresa

mesa de trabalho de equipe co título marketing boca a boca

Já começou a usar estimular o marketing boca a boca, mas ainda não gerou os resultados esperados?

Para melhorar a forma com a qual incentiva os clientes a compartilharem espontaneamente suas experiências você pode usar estas 8 dicas:

1. Invista em marketing de relacionamento

Marketing de relacionamento é sobre criar e manter um bom relacionamento com o cliente.

Algo que contribui para melhores resultados no marketing boca a boca.

Busque se aproximar do seu público em todas as ações, criar vínculo e gerar identificação.

2. Produza conteúdo viral

Quando você cria mensagens mais simples e ao mesmo tempo surpreendentes, fica muito mais fácil que sejam espalhadas.

Chame a atenção para que as pessoas tenham vontade de clicar no seu conteúdo e compartilhá-lo.

3. Foque na experiência do cliente no processo de venda

Para fazer isso da melhor forma possível, basta descobrir qual é a jornada do cliente e identificar uma experiência inigualável para cada etapa dela.

4. Acompanhe os resultados

Depois de focar esforços para fazer o cliente confiar na sua empresa e indicá-la para outras pessoas, é hora de mensurar os resultados obtidos.

Medir a eficácia de suas ações permite que verifique se está sendo bem visto pelo público e o que pode ser melhorado.

5. Compartilhe conteúdo produzido por seus seguidores nas mídias sociais

compartilhamento de conteudo em redes sociais

Só não se esqueça de perguntar antes para eles se o autorizam para isso.

Este tipo de atitude mostra que está atento à opinião deles e que valoriza o que eles publicam a respeito dos seus produtos ou serviços.

Eles, certamente, vão adorar a ideia!

Clientes satisfeitos são excelentes produtores de conteúdo.

6. Compartilhe os comentários positivos de seus clientes

Caso autorizem, isso funciona como uma forma de despertar no potencial cliente o gatilho mental de prova social.

Ou seja, quando ele vê alguém real recomendando um produto ou serviço. O que chama atenção e influencia a decisão de compra.

7. Peça para seus clientes deixarem avaliações sobre seus serviços ou produtos

Reviews contam muito para a tomada de decisão de compra.

E isso vale principalmente para e-commerces e outros negócios digitais, que, muitas vezes, esbarram na falta de contato físico dos consumidores com os produtos.

8. Invista em parcerias com influenciadores digitais

Você pode aproveitar a alta reputação online dos influenciadores digitais para melhorar o marketing boca a boca que já vinha impulsionando.

De acordo com um estudo da Qualibest, eles já são a segunda fonte que mais pesa para a tomada de decisão de compra.

Neste artigo, eu falo um pouco mais sobre o marketing de influenciadores.

Neste outro, explico o que fazer para encontrar influenciadores no seu nicho de mercado.

2 exemplos de marketing boca a boca para você se inspirar

mão desenhando balão de comunicação com título marketing boca-a-boca

Inspiração é sempre importante.

E eu quero trazer uma motivação a mais para você agora.

Quer ver dois cases de empresas que usaram o marketing boca a boca com maestria, uma gringa e uma brasileira?

Então, vamos lá!

Gmail e as funcionalidades escondidas

funcionalidades do app gmail

Com mais de 425 milhões de usuários em todo o mundo, o serviço de e-mail Gmail começou como um sistema de e-mail de trabalho para funcionários da Google.

Em seguida, a empresa decidiu lançá-lo para um pequeno número de convidados, em abril de 2004.

E para fazer um teste beta fechado, pediu que muitos funcionários também enviassem convites aos amigos e parentes.

Com cada vez mais usuários descobrindo suas funcionalidades, que até então não eram divulgadas, p Gmail se tornou um fenômeno mundial de serviços de e-mail.

Nubank e as cartas criativas

cartão e aplicativo nubank

Avaliado em mais de 4 bilhões de dólares, o Nubank é pioneiro em serviços financeiros diferenciados como cartão de crédito 100% digital.

Mas, além de tudo isso, começou pequeno, como startup e um segredo: um atendimento humanizado.

Com cases de atendimento ao cliente estampados por todos os lados, a empresa resolvia os problemas dos clientes com criatividade, empatia, rapidez e simplicidade.

Enviou cartas escritas à mão, dedicou músicas, mandou foto da equipe no dia do aniversário de um cliente e, para outro, até um Pikachu.

O que resultou em um marketing boca a boca impressionante e um dos maiores cases entre as empresas do Brasil.

Conclusão

Com um consumidor mais exigente hoje, não basta ter um bom produto ou serviço.

É preciso ouvir o que ele quer dizer, entender seus desafios e oferecer experiências memoráveis. Ou seja, gerar confiança.

É natural que pessoas confiem umas nas outras, incluindo o que dizem sobre um produto ou marca.

Por isso, fazer marketing boca a boca exige criatividade, empatia, dedicação e pensamento estratégico.

O que achou deste artigo? Caso fique com alguma dúvida sobre marketing boca a boca e sua importância para otimizar resultados e reduzir custos, é só perguntar nos comentários.

Aproveite para dividir comigo e os demais leitores como tem usado essa estratégia no seu dia a dia.

Será um prazer ler o que tem a dizer.

Compartilhe