Facebook Ads: o Guia Completo de Como Anunciar no Facebook

O Facebook é provavelmente o canal de publicidade online mais negligenciado de todos eles.

Quantas vezes você ouve coisas como:

“O Facebook morreu desde que os pais de todo mundo começaram a usá-lo.”

“O Instagram tem 10x mais engajamento!”

“O email detona o Facebook.”

Sim, sim, nós entendemos, o Facebook é inútil.

Então como eles conseguiram crescer a receita deles tão rapidamente?

image55

(Retirado de um infográfico no Hubspot)

Eles não apenas têm a maior base de usuários com 1,4 bilhão de usuários ativos mensalmente, mas eles também parecem fazer um monte de dinheiro com o seu sistema de anúncios.

Eu penso que tem um monte de hipócritas por aí.

Se um em cada $10 é gasto no Facebook ads, como é que todos evitam a plataforma, em vez de alguns poucos?

Você sabe o que eu penso?

Eu penso que todos os negócios que tentam trabalhar com Facebook ads e falham, acabam colocando a culpa na plataforma.

As pessoas são simplesmente terríveis em fazer com que o Facebook ads trabalhe para elas.

Hoje, eu irei ajudar vocês como usar o Facebook ads.

Eu vou mostrar a vocês alguns exemplos de pessoas que foram bem-sucedidas com o Facebook ads e te levarei a montar sua primeira campanha sem derramar uma gota de suor.

Mesmo que você seja um completo novato, você terá uma boa compreensão sobre o Facebook ads depois de ler este guia.

Eu tenho certeza.

Vou começar pelo começo.

O Que é Facebook Ads?

“Espera, você pode anunciar no Facebook?”

Se essa foi sua reação inicial ao título deste post, então você está um pouco atrasado pra festa. Mas não se preocupe, eu te levo lá a tempo.

Uma vez que o Facebook tem toneladas de informações de seus usuários quando eles voluntariamente preenchem seus perfis (coisas como idade, localização, interesses), eles têm uma boa ideia do que os usuários gostam.

Portanto, eles podem fornecer aos usuários anúncios focados, que mostram produtos que eles gostariam de comprar, sites que eles tendem a gostar, ou eventos que eles amariam comparecer.

Por exemplo, recentemente me juntei a um grupo do Facebook da Udemy, a plataforma de cursos online.

Naturalmente, o Facebook começou a me mostrar anúncios me convidando a me inscrever para um curso (eles pensaram que eu poderia querer aprender a criar jogos).

image43

Você pode dizer: “Espere Neil, você tem certeza de que não é só um post da Udemy? Talvez você tenha curtido a página deles? Como você sabe que é um anúncio?”

Ótima pergunta!

Tem algumas características que todo anúncio do Facebook tem, que os torna inconfundíveis. Desta forma, eu posso dizer com certeza que é um anúncio.

Aqui estão elas:

image59

Você pode ver uma tag “Patrocinado” bem abaixo do nome da página que está anunciando pra você.

Tem também um botão de “Curtir Página” no canto superior direito. Isso nunca é visto num post comum.

Por último, todos os anúncios do Facebook tem um botão de call to action (também chamado CTA), no canto inferior direito, que pode dizer uma das coisas abaixo: Comprar agora, Saiba mais, Cadastre-se, Reservar Agora e Baixar.

  • Saiba mais
  • Cadastre-se
  • Baixar
  • Ligue agora
  • Comprar agora
  • Reserve agora
  • Assistir mais
  • Solicitar agora

O Facebook predefiniu um conjunto de botões CTA e você só pode escolher entre eles.

Então se lembre, você pode detectar um anúncio do Facebook prestando atenção a estas 3 coisas:

  1. Uma tag escrito “Patrocinado” abaixo do nome do site
  2. O botão para curtir a página no canto superior direito
  3. Um botão call to action no canto inferior direito

Você pode se perguntar por que o Facebook ads não deixa seus anúncios mais agressivos e óbvios, como o Youtube.

image10

(alguém gosta dos anúncios do Youtube?)

O Youtube força você a assistir um anúncio a cada 3 ou 4 vídeos que você vê. Algumas vezes você pode pular os anúncios, mas eventualmente, você tem que esperar por um vídeo de inteiros 30 segundos.

Em vídeos longos (>1h), eles até mostram comerciais durante o vídeo (exatamente como um comercial de TV).

O resultado: Todo mundo ODEIA anúncios do Youtube.

Sério.

Você conhece alguém que não bloqueie essas coisas ou sai do computador e volta quando eles terminam?

A razão pela qual nós odiamos os anúncios no Youtube é porque eles interrompem o fluxo de experiência do usuário.

Nós queremos que nossa experiência seja a gente apenas assistir um vídeo após o outro, por quanto tempo a gente quiser, até que a gente decida parar.

O Youtube muda a nossa experiência, forçadamente, interrompendo-a com seus anúncios.

Nós não gostamos de sermos interrompidos. Só pra saber, nós enfrentamos interrupções demais todos os dias, nos custando nossa preciosa força de vontade e desafiando nosso controle próprio.

O Facebook é mais esperto que o Youtube.

Eles querem integrar os seus anúncios no nosso fluxo natural de experiência tão perfeitamente quanto possível.

Fluxo é na verdade um ótimo termo para isso. Pense sobre como você navega no Facebook.

Você sempre rola a tela do seu feed de notícias, seja com seu mouse ou com seus dedos. Então se eles jogam um anúncio no seu feed, você não é interrompido. Você pode olhar pra ele, ou simplesmente continuar passando.

Isso não muda a sua experiência de uso de forma nenhuma.

Nota: Existem também os anúncios da barra lateral, que são semelhantes a banners, mas eles apenas cobrem o que de outra maneira seria um espaço em branco, então novamente, nenhuma interrupção aí.

Fazer os anúncios se misturarem e não serem tão reconhecidos por olhos destreinados é um dos segredos por trás do enorme crescimento das receitas do Facebook.

Então o Facebook ads é, resumidamente, pagar para expor promoções e ofertas de produtos em um feed de notícias de uma audiência específica e definida no Facebook.

Antes de mergulharmos em alguns estudos de caso e em como anunciar no Facebook, precisamos fazer algum trabalho de embasamento.

Resumo Sobre o Facebook Ads

Existem 5 tipos Facebook Ads:

  • Dentro de um feed de notícias no computador
  • Dentro de um feed de notícias em dispositivos móveis
  • Na barra lateral direita no computador
  • Rede de audiência em dispositivos móveis
  • No Instagram

O Instagram foi acrescentado recentemente. Eles abriram anúncios para todo mundo no final de setembro de 2015.

image46

Colocar anúncios no feed de notícias ou na coluna da direita é bastante óbvio, mas o que seria um anúncio de rede de audiência?

Estes anúncios estão colocados em sites comuns, dentro de aplicativos ou mesmo em jogos.

image24

(Imagem da Techcrunch)

Dessa forma o Facebook ads extende suas possibilidades para anunciar para praticamente qualquer lugar além de apenas dentro do Facebook.

Os anúncios do Instagram foram abertos para grandes marcas no ano passado, agora todo mundo pode anunciar.

Os anúncios do Instagram também estão colocados de forma natural no feed dentro do aplicativo, seguindo os mesmos princípios dos anúncios nativos do Facebook: não interrompa a experiência do usuário.

A Ben and Jerry’s fez um ótimo trabalho com eles desde então:

image15

(Imagem do Postano)

Graças a algumas campanhas criativas, a conta de Instagram deles agora tem quase 600.000 seguidores.

image17

Existem 2 formas de gerenciar o Facebook ads, o que normalmente confunde as pessoas.

Primeiro, tem o Gerenciador de Anúncios, que é o painel de instrumentos padrão que você tem quando cria a sua conta de anúncios.

image09

(imagem de tela de cortesia de um amigo que eu ajudei recentemente a começar)

Essa é a opção padrão para iniciantes e você deveria usá-la bastante quando começasse. Então temos o Power Editor, que é para usuários mais avançados.

image23

É apenas uma forma diferente de organizar seus anúncios e dar a você mais algumas opções para customizar seus anúncios.

Os anúncios do Instagram, por exemplo, só podem ser usados com o power editor.

Quando você se cadastra pela primeira vez para usar o Facebook ads, eles imediatamente lhe sugerem criar a sua primeira campanha.

Uma campanha é o nível mais abstrato e amplo dos seus esforços de propaganda. A única coisa que é definida aqui é o seu resultado alvo, que pode ser algo como aumentar curtidas, enviar tráfego para um site, converter prospects em compradores, conseguir downloads de aplicativos, etc.

Por exemplo, se você quer promover o seu novo aplicativo de jogos, como Plants vs. Zombies, e conseguir mais downloads na primeira semana para torná-lo popular, você pode definir esse objetivo aqui.

image11

(sério, não baixe isso, é viciante)

O nível seguinte é ajustes do anúncio. É onde você decide qual tipo de anúncio você quer e a audiência que você quer alcançar.

Continuando com o exemplo do jogo, você pode criar um conjunto para os anúncios do Instagram e um para os anúncios do feed para computador.

Por último, tem o anúncio mesmo. Esse é o nível onde você na verdade desenha o seu anúncio e decide coisas como textos, imagens e botões CTA.

Você pode ter múltiplos anúncios em cada conjunto de anúncios para testar qual funciona melhor.

Se isso lembra muito o Google Adwords, é porque é exatamente a mesma estrutura.

Agora que já cobrimos tudo sobre o básico que você precisa saber para não se sentir como um idiota quando alguém mencionar o Facebook ads.

Mas antes de eu ir para o nível profissional (bem, comparado com 90% do restante do mundo), vamos ver se isso de fato funciona.

3 estudos de caso de sucesso sobre o Facebook ads

Por sorte, nem todos os negócios se dão mal no Facebook ads, então eu tenho algumas campanhas de sucesso para mostrar pra vocês.

Primeiro, aqui temos uma que mexeu completamente comigo outro dia.

Veja este anúncio:

image33

(Fonte da imagem: Leadpages)

Espere um segundo… um anúncio para um brinde?

Ela está tentando jogar dinheiro pelo vaso? Ela já está dando alguma coisa e está pagando pra promover isso?

Claro.

E eu não penso que ela se arrependeu de gastar nenhum dólar.

Essa campanha ajudou a Marina De Giovanni a recolher 17.000 emails em 6 semanas.

Ela construiu uma lista de email que muitas pessoas levam anos para construir em menos de 2 meses!

Para conseguir isso, ela deu um item de $300 cada mês, algumas vezes uma peça de jóia, outras um caixa com boas maquiagens, etc.

Ela então criou uma LeadPage, que ela publicou como uma tabela em sua página no Facebook, onde as pessoas podiam se inscrever e ganhar um brinde em troca de seus endereços de email.

A parte final foi usar o Facebook ads para gerar tráfego para a página de inscrição.

Simples? Sim.

Fácil? Não.

Eficiente? Com certeza!

Sim, ela gastou bastante dinheiro nisso, mas ela também monetizou o blog dela e sua lista de email, por exemplo através de sessões de treinamento exclusivas por $225 cada (que estão totalmente esgotadas a propósito).

A questão é: Você gastaria $1.000 pra fazer $10.000?

Claro que gastaria!

Alguns outros fatores de sucesso da campanha dela foram:

  • Usar vídeo para dar as boas vindas para as pessoas e contar a elas como entrar
  • Deixar o tráfego ficar dentro do Facebook, o que fez com que fosse mais fácil para as pessoas se inscreverem (já que elas confiam no Facebook)
  • Testar constantemente e mudar seus anúncios incrementando os melhores

Você pode ter ouvido que você pode esperar fazer $1 por mês por inscrição da sua lista de email.

Mesmo se você fizer apenas metade disso, você ainda pode ter uma vida boa de uma lista de email do tamanho da lista da Marina.

Ok, bem, isso funciona para blogueiros, mas isso também funciona para startups?

Vou mostrar a vocês que funciona.

Veja este anúncio:

image47

(Fonte da imagem: WP Curve)

Design Pickle ofereceu pedidos de design gráfico ilimitados, algo que deixa as pessoas céticas incialmente.

Esse anúncio com o sua atitude “Ah, um design gratuito não pode fazer mal” foi diretamente responsável por quase $6.000 ao mês em receitas recorrentes para a Design Pickle.

Eles usaram isso para alcançar leads altamente qualificados, e eram direcionados para esta pesquisa.

image18

O quê? Tantas perguntas? Urgh!

Isso não reduz as conversões?

Sim. Mas eles escolheram fazer isso de propósito. Eles decidiram extirpar os aproveitadores para que eles apenas conseguissem leads que fossem bons para converter.

Fazer um design de graça em um dia dá bastante trabalho, e eles ligavam para cada cliente em até 24h depois da entrega, então a última coisa que eles precisavam eram milhares de pessoas para ligar que não queriam comprar nada.

Ao invés disso, a campanha deles gerou em torno de 500 leads, dos quais 30 se tornaram assinantes dos seus serviços a $200 ao mês.

Além disso, eles estimaram o customer lifetime value (LTV, a média esperada de dinheiro que um cliente gastará com eles no decorrer da vida, a partir do momento que se torna cliente) em torno de $1,100, resultando em um incrível ROI de 633% para a campanha.

Ok, ok, então isso funciona para blogueiros e startups. Mas e grandes marcas?

Bem, que tal a Pedigree? Se lembra? Aquela que faz comida pra cachorro.

image35

(Fonte da imagem: SIUC English)

Eles usaram o Facebook ads para chamar atenção para cães em abrigos, crescendo as curtidas na página do Facebook deles de 55.000 para mais de um milhão e levantando mais de $600.000 em doações.

A lista de marcas que foram bem-sucedidas com o Facebook ads é longa.

Adidas, AT&T, Pepsi, Baskin Robbins, American Express…

Agora o Facebook tem um banco de dados inteiro de estudos de casos de sucesso.

image34

Tá certo, chega de tagarelar, que tal colocarmos a mão na massa?

É hora de fazer sua primeira campanha de Facebook ads.

Passo 1: Como criar uma fan page

Se você ainda não tem, você precisa criar uma fan page. O Facebook ads não pode nunca ser associado com indivíduos, apenas com negócios.

Vá em criar página e escolha um tipo de página.

image58

(o Facebook é um dos melhores lugares para marcas pessoais)

Por exemplo, se você quiser criar uma fan page com uma marca pessoal, como a minha página no facebook, você escolheria “Artista, banda ou figura pública”.

image42

Então você tem que escolher uma categoria…

image13

…e colocar um nome.

Agora você tem que inserir algumas informações sobre a sua página, um site e qual o nome que você quer que a página tenha dentro do Facebook.

image08

Então é hora de colocar uma foto de perfil. Sorria!

image01

Pule a parte de acrescentar favoritos (ou acrescente se você quiser).

image25

Depois disso você pode descrever um pouco sua audiência ideal. Dessa forma o Facebook tem uma ideia de pra quem sugerir a sua página.

Defina um país, ou mesmo estados específicos e cidades, a idade certa e o gênero.

image20

Em interesses, selecione alguns que sejam compatíveis com você e sua marca. Podem ser também outras influências na sua área ou produtos e companhias.

image00

Uma vez que você salvou, você será direcionado para a sua página. Parabéns!

image48

Mas antes de começar a criar anúncios você deveria fazer pelo menos duas coisas. Colocar uma foto de capa e criar um call to action.

Você pode colocar uma foto de capa clicando no botão no canto superior esquerdo.

image14

Sua capa deve ser simples, animada e de preferência, se você tiver uma empresa ligada ao seu nome, apenas mostre o seu logo.

Não gaste muito tempo com isso.

Você pode usar esta fermenta para criar capas para fazer uma em 2 minutos.

Se você quer fazer tudo certo (e você deveria, a capa ocupa em torno de 25% da página toda!), primeiro dê uma olhada no artigo o que fazer e o que não fazer na foto de capa, da Hubspot.

Segundo, o call to action.

image41

O Facebook dá a você opções pre-selecionadas aqui, dependendo dos seus objetivos, da mesma forma com o que é possível fazer nos ajustes dentro dos anúncios.

image37

No meu caso, se inscreva faz mais sentido, já que eu quero que as pessoas se inscrevam na minha lista de emails da minha página, que é pra onde eu vou levá-las.

Você pode ver como vai ficar em dispositivos móveis.

image40

É isso! Está tudo certo e pronto para começar a divulgar seu Facebook ads!

Passo 2: Criar campanha no Facebook

Para começar, vá no canto superior direito da sua fan page, clique em promover e então selecione Gerenciador de Anúncios.

image54

Você sera redirecionado para o painel de controle que eu mostrei a você mais cedo, onde você tem que clicar em criar anúncio.

image39

Então você pode escolher o seu objetivo. Da mesma forma que no Google ads, queremos manter isso o mais simples possível apenas para começar.

Então escolha enviar pessoas para o seu site.

image06

Agora coloque o link para o seu site. Se você está promovendo um produto, coloque a sua página de vendas. Se você está promovendo um evento, coloque a página de inscrição.

No meu caso, vou apenas enviar o tráfego para a minha homepage, já que as pessoas podem se inscrever para a minha lista de emails ali.

Nota: Isso é apenas um exemplo, eu não recomendo que você gaste dinheiro com endereços de email, especialmente se você não tem uma forma de ganhar dinheiro com eles ainda. Se lembre, lucro é a única coisa que conta!

image19

É isso. Criar um anúncio é fácil assim. É só a parte superior da estrutura, por isso é tão simples.

No próximo passo!

Passo 3: Criar conjunto de anúncios no Facebook

Você será então levado para a parte de criação do conjunto de anúncios, onde você precisa decidir primeiro a sua audiência.

Quanto mais mais focada a sua audiência, melhor.

Escolha 10.000 pessoas ou menos no começo, você sempre pode expandir depois. Sabendo que a chave é focar na localização da sua audiência demograficamente.

image28

Escolha algumas cidades específicas nos países que você quer alcançar (ainda melhor se você focar em um país) e reduza a variação da idade para em torno de 10 anos.

Por exemplo, se eu quero que jovens empreendedores se inscrevam na minha lista de emails, posso escolher o grupo de idade entre 24-32, dizer que eu quero homens em Seattle e especificar ainda mais.

Se eu encontrar estatísticas que mostrem que a maioria dos empreendedores daquela idade é solteira, então eu posso definir isso como critério para a minha seleção.

image56

Depois de selecionar alguns interesses e comportamentos, minha audiência imediatamente se reduz para menos que 1.000. Isso é muito pouco, mas você pode facilmente abrir novamente acrescentando mais algumas localidades.

image22

Acrescentei mais algumas cidades grandes, especialmente algumas com grandes concentrações de empreendedores tecnológicos, como São Franscico, Nova Iorque e Austin.

Voila, minha audiência pulou para 6.700 pessoas, perfeito.

image02

Depois você precisa definir um orçamento.

Você precisa começar pequeno se lembra? Isso é apenas um experimento.

Então defina o seu orçamento diário para $3,33 e fixe a data final para a campanha para um mês depois de hoje.

Dessa forma você não vai gastar mais que $100.

image57

Debaixo de otimização, selecione “Cliques no link”. Você não quer pagar por impressões, você quer pagar por cliques de verdade.

image32

De outra forma o Facebook vai mostrar o seu anúncio para quantas pessoas foram possíveis na sua audiência, ao invés de tentar conseguir delas cliques (talvez mostrando pra elas o mesmo anúncio mais de uma vez).

Embaixo de definição de preço mude o lance para manual e insira $0,75. Isso também deveria estar na sugestão de alcance que o Facebook sugere, mas mais próximo do menor valor.

image53

Para anúncios programados, você tem que deixar definido em rodando anúncios o tempo todo, já que a sua campanha tem um tempo definido de começo e fim. Você pode mudar isso programando os anúncios para veicularem continuamente e então simplesmente desligando os anúncios manualmente na data final.

O tipo de entrega deve estar definida como padrão também. Dessa forma está bom.

image36

Tudo certo, hora de coisas boas!

Passo 4: Criar o primeiro anúncio no Facebook

Agora você tem que escolher o layout do seu anúncio e qual conteúdo colocar nele.

Se você escolher várias imagens para colocar em um anúncio, você terá um carrossel como este:

image60

(Fonte da imagem: Hubspot)

As imagens vão deslizar pelo anúncio, dando a você mais espaço para propaganda. Você também pode usar vídeos nos seus anúncios.

Nós queremos isso?

Não!

De novo: Mantenha tudo simples!

image44

Apenas selecione uma imagem única e então selecione a imagem.

Você pode então escolher subir sua própria imagem ou procurar uma de um banco de imagens gratuito. Sempre use suas próprias imagens.

Mas dê uma olhada na barra lateral direita. O Facebook tem algumas orientações sobre quais imagens você pode usar e quais você não pode.

image50

A mais importante é a regra de 20% de texto. O Facebook não permite que mais que 20% da sua imagem seja texto.

Mas é difícil adivinha o quanto 20% é.

Por sorte, existe uma ferramenta gratuita que você pode usar para descobrir isso.

image38

Ajuste até ficar certo. Ou, se você quiser evitar todo o aborrecimento, coloque apenas uma boa foto sua.

Sempre vale a pena tentar, especialmente se você aparenta confiança na sua foto. Ainda mais se você está construindo uma marca pessoal.

Uma vez que você recortou a imagem e formatou corretamente, você já verá uma simples prévia do seu anúncio.

image45

Agora você precisa escrever um texto para o seu anúncio e escolher um botão CTA. Sua fan page do Facebook será conectada automaticamente (a não ser que você tenha mais de uma).

image30

Título: Isso é fácil. Dê aos seus prospects algo de graça. Pode ser um brinde, como no exemplo da Marina, ou um ebook, ou como no meu caso, um webinar gratuito que estou fazendo agora. Tenha certeza de que o seu título agarre a atenção dos seus leitores.

Texto: Tente conseguir 2 coisas. Um call to action e alguma prova social. A Claire Pells tem algumas dicas ótimas sobre o que faz um bom texto de anúncio.

Descrição do link no Feed de Notícias (debaixo de opções avançadas): Forneça um botão claro de call to action para seus leitores que será para o benefício deles.

Botão CTA: Escolha saiba mais. Tem sido comprovado que é o melhor para converter.

image29

(Estudo feito pela Adroll)

Aqui estão o título e o texto que eu escolhi para o meu anúncio (fiz isso em apenas 2 minutos).

Título: Webinar Grátis Hoje

Texto: O processo de 3 passos que eu usei para construir 4 negócios multimilionários.

Descrição do Link no Feed de Notícias: Consiga informações privilegiadas de como eu faço para que você leve o seu negócio para um próximo nível mais rapidamente.

É assim que a prévia do anúncio se parece:

image27

Quando estiver pronto, clique em enviar pedido (não se preocupe, nada acontecerá ainda).

Seu anúncio está agora em modo de aprovação. Você receberá uma notificação do Facebook uma vez que for aprovado.

image26

Você será então redirecionado para o seu painel de controle. Enquanto você está esperando pela aprovação do seu anúncio, você deveria fazer mais algumas coisas.

Então primeiro, desative o seu conjunto de anúncios novamente.

image16

Então, vá em editar conjunto de anúncios (o botão aparecerá no canto direito próximo ao nome do conjunto de anúncios).

image21

Uma tabela aparecerá do lado direito, como uma nota, mostrando a você quantas pessoas a sua campanha alcançará por dia.

image51

(isso dá uma boa ideia do que esperar)

Desça a tela até o final e desmarque tudo menos “Feed de notícias desktop”.

image52

A razão pela qual só queremos um anúncio em um canal, é porque de outra forma você não será capaz de analisar os resultados.

Rodando um anúncio simultaneamente para mobile, computador e barra lateral trará dados dos três combinados, fazendo com que seja impossível saber qual anúncio funciona e qual não.

Mas ter apenas um anúncio em um canal também não lhe dará muito o que analisar – o sucesso de um anúncio só pode ser determinado comparando-o com outro anúncio.

É por isso que você precisa fazer testes.

Passo 5: Crie mais 2 anúncios para testes A/B

Vá para a sua campanha e clique no nome do conjunto de anúncios.

image49

Você será levado para dentro do seu conjunto de anúncios onde fica o seu primeiro anúncio.

Selecione a caixa em frente do seu anúncio e clique em criar um anúncio semelhante.

image03

Você será levado a uma nova tela de anúncio.

O Facebook já sugere que a gente deva ajustar algumas coisas. Porém, não mude muito…

image31

Eu tenho que corrigi-los. Você deveria na verdade mudar apenas 1 coisa.

A única forma de você determinar o que funciona e o que não, é mudar um único elemento de um anúncio para o outro.

Por quê?

Imagine que você mude o texto e a imagem para o segundo anúncio. Então você muda os dois novamente e cria um terceiro anúncio.

Como você vai saber o que fez o anúncio B melhor que o A e eventualmente o anúncio C melhor que o B?

Foi a nova imagem? O título melhorado? O CTA talvez?

A única forma de ter certeza absoluta de onde vêm os seus resultados é mudando uma coisa por vez.

Já que imagens conseguem 53% mais curtidas, o dobro de comentários e 84% mais cliques, nós começaremos mudando apenas as imagens.

Elas são o maior fator de sucesso dos seus anúncios. Sempre foque nos maiores resultados primeiro.

Apenas role a tela pra baixo e suba uma nova imagem.

Além de mim, um lindo rosto, o que mais eu posso usar?

De acordo com as melhores práticas de imagens do Facebook, pessoas felizes conseguem uma boa taxa de cliques.

Já que eu falo sobre ganhar dinheiro no webinar, talvez dinheiro + pessoas felizes = resultado?

Como eu posso descobrir? Testando!

Estou mostrando meus anúncios apenas para homens, então com certeza vou incluir uma imagem de uma mulher, todos nós sabemos que elas conseguem mais cliques que homens.

Apenas vou usar essa imagem do Flickr.

O novo anúncio ficou assim:

image04

Já que estamos nisso, vamos criar um terceiro anúncio. Três é um bom número para começar a testar.

O último vamos manter simples, apenas um encorajador CTA em um design simples.

Canva.com faz isso em segundos. Eles até tem modelos para anúncios no Facebook, prontos para usar.

image07

Usando um deles eu termino isso em menos de 2 minutos:

image12

Elegante, não?

Tudo certo, hora de começar a festa. Clique em enviar pedido.

image05

E agora… você espera.

Passo 6: Esperar por 24 horas

Depois dos novos anúncios passarem pela revisão, ligue o conjunto de anúncios e deixe-os rodando por um dia para conseguir alguns resultados.

Jogue um pouco de Candy Crush – brincadeira, trabalhe em alguma outra coisa!

Passo 7: Delete os anúncios que não funcionaram

A partir do momento em que você começa a ter algumas informações sobre qual é o melhor anúncio, desabilite os outros dois. Continue com o de melhor performance até que ele pare de funcionar.

Pode ser uma semana, apesar de normalmente ser em torno de 4 a 5 dias.

Então você tem que mudar a imagem e o texto, porque todo mundo relevante já terá visto o seu anúncio.

Isso depende do tamanho da sua audiência.

Se o seu anúncio atende 500 pessoas por dia, você alcançará a maioria das 3.000 pessoas da sua audiência em 5 dias.

Passo 8 [Opcional]: Aumente o seu orçamento

Antes de colocar mais dinheiro no Facebook ads, tenha certeza que você está convertendo na ponta final!

Se os seus anúncios estão direcionados para venda diretamente, perfeito, mas se você está coletando emails ou baixando aplicativos, ou curtidas, tenha certeza de que a matemática feche e as pessoas terminem te pagando no final.

De outra forma, esse passo pode levar você a um rombo na sua carteira muito rapidamente.

Entretanto, se você está certo que seus anúncios estão rendendo um ROI positivo, você pode começar a aumentar o seu orçamento lentamente, e criar mais anúncios.

Conclusão

Como você pode ver, o Facebook ads não é uma ciência espacial.

Este guia dá a você tudo o que você precisa para começar hoje a usar o Facebook ads, em menos de uma hora.

Você viu uma variedade de usos e formas de fazer o Facebook ads funcionar.

Você sabe todos os termos básicos e como configurar sua primeira campanha.

Como você vai usar esse novo conhecimento?

O que você vai divulgar?

Me conte o título do seu primeiro anúncio e o que você está esperando alcançar com a sua primeira campanha.

Share