Marketing de Conteúdo Para Iniciantes: Veja Como Funciona

learning

Se você é novato no mundo do marketing online, talvez tenha tido algum contato com o marketing de conteúdo e seus benefícios.

Entretanto, talvez você se sinta um pouco intimidado a iniciar uma campanha de marketing de conteúdo.

Afinal de contas,  o processo de criação de uma campanha de marketing de conteúdo pode parecer um pouco trabalhoso.

Porém, você não precisa pensar dessa forma.

Neste post nós iremos observar como funciona o marketing de conteúdo para iniciantes.

Essa observação é muito válida, visto que o marketing de conteúdo custa 62% menos do que o marketing tradicional e é capaz de gerar 3x mais leads.

Nós exploraremos os aspectos mais importantes ao se desenvolver uma campanha de marketing de conteúdo para iniciantes e o que precisa ser feito para que você alcance os melhores resultados possíveis.

Ao final desse post, você será capaz de compreender como o marketing de conteúdo funciona e ainda se sentirá confiante o suficiente para criar a sua própria campanha.

Vamos começar!

Decida a quem você irá servir

O primeiro passo para criar uma campanha de marketing de conteúdo efetiva é decidir a quem você irá servir.

Você não pode somente criar um conteúdo sobre toda e qualquer coisa – e tentar fazer isso demandaria muito trabalho.

Você acha que uma campanha de marketing de conteúdo para iniciantes é trabalhosa? Então este guia pode ajudá-lo a começar.

Mesmo que você já tenha decidido qual será o seu público-alvo, pense em como você pode ser ainda mais específico.

Por exemplo, você talvez tenha pensado em criar conteúdo para uma audiência B2B.

Isso está bom, mas você também precisa decidir para qual tipo de audiência B2B você gostaria de criar conteúdo.

Vamos supor que você gostaria de criar conteúdo para pessoas que estão interessadas em marketing online.

Caso seja essa a situação, então qual seria o tipo de marketing online?

Conteúdo para aqueles interessados em PPC? Ou para aqueles interessados em SEO?

Caso seja PPC, então qual o tipo de PCC – AdWords, Facebook ou outra plataforma?

É importante que você seja específico no início, pois ter uma especificidade acerca do conteúdo que você está criando pode ajudá-lo a alcançar os seus objetivos mais rápido e ainda criar conteúdo.

Além disso, se você está criando conteúdo para um subconjunto específico de pessoas, será mais fácil de atender as suas necessidades (nós abordaremos isso mais adiante).

Para muitos profissionais de marketing, isso ajuda a criar algo conhecido como Buyer Persona.

A buyer persona é uma descrição detalhada acerca do seu consumidor ideal.

Quando você estiver criando uma buyer persona, liste os traços e as características da pessoa que você está tentando alcançar com o seu conteúdo.

Aborde coisas como a sua idade ou o seu emprego. Você também deve incluir os seus medos e objetivos na vida.

Ter essa informação pode ajudá-lo a pesquisar sobre o que o seu público-alvo gostaria de ler, aumentando as suas chances de criar um conteúdo agradável e interessante para ele.

Tenha em mente que você é livre para ramificar o seu conteúdo posteriormente. Portanto, não se sinta pressionado a decidir qual é a sua especialização.

Agora, vamos observar a próxima coisa que você deve focar, caso queira criar um plano de marketing de conteúdo efetivo para iniciantes.

Compreenda o que eles realmente precisam

Agora que você sabe qual é o seu público-alvo, você precisa decidir o seguinte:

  • O que eles precisam – Um conteúdo que eles irão gostar de ler e, preferencialmente, que esteja em falta no momento. Pense em um conteúdo relacionado a notícias.
  • O que eles gostam – Um conteúdo que eles já interagiram anteriormente, indicado por compartilhamentos e comentários. Pense em um conteúdo explicativo ou ‘estudos de caso’.

A produção de conteúdo é o maior desafio para 44% dos profissionais de marketing de conteúdo. Mas se você fizer isso da maneira certa, não será tão difícil.

Compreender qual tipo de conteúdo a sua audiência necessita é muito fácil.

Tudo que você precisa fazer é se manter atualizado em relação aos assuntos atuais do seu segmento.

Então, se eu estou querendo criar conteúdo para uma audiência PPC, eu posso ir até o Google Alerts e criar uma variedade de alertas que me avisarão o que está acontecendo no mundo do PPC.

Abaixo está um exemplo de um alerta para anúncios de PPC que eu criei.

image00

E aqui está um alerta relacionado ao AdWords.

image02

Graças a esses Google Alerts, eu agora receberei um e-mail quando houver alguma notícia relaciona ao meu nicho e assuntos.

Em alguns casos, talvez eu não queira depender do Google Alerts. Em vez disso, eu posso apenas querer descobrir quais as últimas publicações do meu setor que o meu nicho está abordando.

Eu posso fazer isso realizando uma busca no Google News.

image01

Embora tenham aqui alguns resultados advindos do Google Alerts, também existem outros conteúdos úteis não advindos dele, mas que eu poderia usar para inspirar minhas próprias criações.

Em alguns casos, você talvez pense que há alguns blogs específicos que promovem um conteúdo industrial, à frente de todos os outros.

No nicho do PPC, essa situação talvez inclua o blog oficial do AdWords ou o blog oficial do Facebook. Se eu quiser me manter atualizado acerca das notícias do PPC, uma boa ideia seria monitorar esses blogs diariamente.

Uma forma de fazer isso é inserindo a URL do blog na ferramenta do Google Alerts.

Aqui está um exemplo :

image04

Agora, vamos dar uma olhada em como você pode criar um conteúdo que o seu público-alvo irá gostar.

O objetivo aqui é encontrar um conteúdo que já alcançou uma boa performance anteriormente e criar algo melhor que ele.

A melhor maneira de fazer isso é usando uma ferramenta conhecida como Buzzsumo.

Essa ferramenta irá informá-lo sobre qual conteúdo a sua audiência compartilha com maior frequência.

Abaixo, você pode observar alguns dos conteúdos mais populares no mês passado (em relação a compartilhamentos), baseado no assunto AdWords.

image03

Boa parte do conteúdo acima está relacionado a notícias, o que significa que isso não é tão contestável assim.

Com o marketing de conteúdo, geralmente o seu objetivo é criar um conteúdo prático que irá ajudar o seu público-alvo.

Esse tipo de conteúdo tem a tendência de receber mais compartilhamentos e ressuscitar o tráfego de SEO.

Por esses motivos, ele o ajuda a encontrar uma palavra-chave relacionada ao seu nicho, que irá gerar ideias para um conteúdo acionável.

Por exemplo, você pode ver abaixo que eu usei a frase ‘dicas de adwords’ – com ‘dicas’ sendo a palavra-chave acionável.

image06

E em uma outra busca, eu inseri o termo ‘como fazer adwords’.

image05

Ao fazer essas mudanças, eu apresento alguns tópicos que podem criar a base das minhas próprias ‘ideias de conteúdo acionável’.

Depois de decidir o tópico que me parece mais interessante, então eu preciso criar a minha própria versão e ela deve ser melhor do que as escolhas atuais.

Criar um conteúdo melhor geralmente envolve uma ou mais das características abaixo:

  • Obter estatísticas melhores do que as atuais
  • Tornar o conteúdo mais divertido
  • Adicionar mais imagens
  • Adicionar um vídeo
  • Tornar o conteúdo mais elaborado

Tornar o conteúdo mais divertido soa um pouco ambíguo, mas geralmente faz com que o conteúdo se torne mais fácil de ser lido e, de alguma forma, mais interessante também.

O guia Paleo, da Nerd fitness, é um bom exemplo de como um tópico difícil e ‘denso’ pode se tornar algo mais atrativo. Esse guia também pode ajudá-lo no marketing de conteúdo para iniciantes.

image08

A sua habilidade de fazer isso bem dependerá de para quem você está escrevendo. Não tenha medo de deixar um pouco da sua personalidade aflorar quando estiver criando conteúdo, isso pode ajudar a sua estratégia de marketing de conteúdo para iniciantes.

Saiba como criar algo que a sua audiência precisa

A próxima coisa que você precisa focar é em realmente criar o conteúdo.

Eu citei isso anteriormente, quando mencionei como tornar o seu conteúdo ‘melhor’.

É importante que você entenda que existem diversos tipos de marketing de conteúdo. Você não precisa permanecer com apenas um formato.

Você pode, por enquanto, criar conteúdo sob as seguintes formas:

  • Postagens de blog
  • Webinars
  • Podcasts
  • Pequenos vídeos do YouTube
  • Slides do Slideshare
  • Whitepapers

Inicialmente, ele ajudará você a escolher um meio no qual esteja confortável.

Quando você começar a obter algum progresso,então poderá pensar em abordar outras formas de conteúdo que eu listei aqui.

Vale a pena lembrar que você pode sempre reutilizar alguma parte do seu conteúdo.

Por exemplo, vamos supor que eu queira usar o podcast como a minha primeira forma de marketing de conteúdo.

Se esse é o caso, eu posso transformar um podcast em uma postagem de blog.

Foi isso que nós fizemos com o blog CrazyEgg (embora tenha sido o contrário).

image07

Eu também posso transformar um podcast em um webinar, pois a estrutura do podcast pode se adaptar à estrutura do webinar.

Eu também posso usar as principais ideias do podcast e transformá-las em uma pequena série de vídeos, que pode ser carregada no YouTube.

Você não precisa realizar todo esse trabalho sozinho.

Se a sua habilidade for podcast, então você pode contratar um escritor freelancer para fazer a parte escrita por você.

O mesmo vale para a criação de vídeos, slides do Slideshare e qualquer outra coisa que eu tenha mencionado.

Se você está querendo contratar alguém para ajudá-lo a concluir essas tarefas, confira o upwork.com.

Saiba como fazer para que novas pessoas vejam o seu conteúdo


Até agora, nós já abordamos muitas informações, mas nada disso importa se você não souber como fazer para que novas pessoas vejam o seu conteúdo.

Saber como promover o seu conteúdo é essencial, caso você queira que as pessoas saibam pelo menos que ele existe.

Felizmente, existem algumas formas comprovadas de fazer com que o seu conteúdo seja visto por pessoas que irão gostar de consumi-lo.

A primeira é contatar as pessoas que já compartilharam, anteriormente, um conteúdo semelhante ao seu.

Se você clicar no botão de ‘Ver Compartilhamentos’, dentro do Buzzsumo, poderá descobrir quais pessoas compartilharam um conteúdo similar ao seu.

image11

Depois de ver quem compartilhou um conteúdo semelhante, então eu posso contatá-los com o seguinte e-mail:

image09

Na maioria das vezes, você pode encontrar o e-mail pessoal de alguém checando a sua Bio do Twitter, que geralmente direciona para o seu site (e que o fornecerá um endereço de e-mail).

Você também pode promover o seu conteúdo utilizando anúncios de PPC.

Graças às avançadas características de direcionamento do Facebook, é relativamente fácil posicionar o seu conteúdo na frente de pessoas que irão gostar de lê-lo. Essa ferramenta contribui para o marketing de conteúdo para iniciantes.

Configurar a segmentação para Facebook Ads é algo que requer muito tempo – apesar de eu ter falado sobre isso aqui e aqui.

O principal ponto para se ter em mente é que você precisa manter a sua audiência altamente segmentada e manter o seu alcance abaixo de 2.000.000 pessoas.

Não se sinta tentado a exibir o seu anúncio para um maior número de pessoas. Escolha apenas três ou quatro interesses.

Se houver uma boa combinação entre a sua audiência e o conteúdo, você irá obter altos níveis de engajamento.

E altos níveis de engajamento geralmente significam que você obterá também ótimos níveis de alcance orgânico.

Aqui está o que eu faria, se estivesse segmentando pessoas interessadas em anúncios de PPC:

image10

A audiência pode parecer pequena, porém ela está extremamente segmentada, assim eu possuo mais chances de alcançar pessoas que irão se conectar com o que eu estou promovendo.

Obtenha um retorno do seu marketing de conteúdo

Você não quer somente criar desordenadamente e promover conteúdo.

Em algum momento, você desejará gerar um retorno de todos os seus esforços criando conteúdo.

E você definitivamente desejará gerar um retorno, caso esteja promovendo conteúdo usando anúncios de PPC.

Devido a isso, coletar os e-mails das pessoas que interagiram com o seu conteúdo pode ajudá-lo.

Uma das melhores formas de fazer isso é criando algo como uma atualização de conteúdo.

Brian Dean aumentou suas conversões em 785%, somente usando atualizações de conteúdo.

Uma atualização de conteúdo é algo que o leitor pode carregar com ele, na forma de download, e que irá ajudá-lo a atingir os objetivos abordados no conteúdo.

Por exemplo, para um post relacionado a melhorar o Índice de Qualidade de AdWords do leitor, eu poderia criar uma atualização de conteúdo no formato de checklist para que as pessoas possam fazer o download.

Quanto melhor a sua atualização de conteúdo, mais pessoas irão baixá-la, pois o seu valor será maior.

Na verdade, em alguns casos, você pode até criar uma atualização de conteúdo e integrá-la ao seu conteúdo.

Então, em vez de promover uma checklist, eu posso promover um vídeo de um estudo de caso que aborda como eu melhorei o Índice de Qualidade de um anúncio do AdWords.

Claro, coletar e-mails não é tudo que você precisa fazer.

Você também precisa ter um funil que dê oportunidade para as pessoas comprarem algo de você.

A maneira mais fácil de fazer isso é criando uma sequência de resposta automática que continue a fornecer valor para aqueles que se cadastrarem na sua lista.

Depois de 4 ou 5 e-mails, você pode oferecer a eles um curso/produto que os ajude a alcançar resultados ainda melhores.

Essa é somente uma opção. Existem muitas variações sobre como você pode construir um funil, embora uma sequência de e-mails geralmente é um bom começo no marketing de conteúdo para iniciantes.

Eu expliquei aqui como uma sequência de resposta automática pode ser utilizada.

Conclusão

Atualmente, há uma série de novidades relacionadas ao marketing de conteúdo.

Você talvez ache difícil saber exatamente onde deve começar com o marketing de conteúdo, pois tudo pode parecer meio complexo inicialmente.

Eu espero que após ler esse post, você tenha formado um plano sólido sobre o que fazer quando estiver criando uma campanha de marketing de conteúdo.

Não importa se você é um iniciante – portanto, não deixe que isso o atrapalhe.

Enquanto você estiver disposto a começar e tenha algumas ‘habilidades no jogo’, você rapidamente irá aprender o que funciona e o que não funciona no mundo do marketing de conteúdo.

Além disso, se você agir, não levará muito tempo até tornar-se um especialista!

Você tem alguma dica de marketing de conteúdo para iniciantes? Por favor, compartilhe abaixo. Obrigado!

Share