Como Vender em Sua Loja Ecommerce Usando o Facebook Ads

sale

Parabéns, você acabou de criar uma loja ecommerce – e agora?

Provavelmente, o próximo item na sua lista de tarefas é como conseguir a sua primeira venda.

Existem centenas de ‘truques’ que você pode usar para fazer uma primeira venda com a sua loja ecommerce.

Mas se você estiver em busca de algo confiável e consistente, pode ser que não saiba exatamente no que focar.

Muitos daqueles que são donos de uma loja ecommerce descobriram que os Anúncios de Facebook são um jeito eficiente de gerar receita – e existem grandes chances de que a plataforma também traga benefícios para você.

Neste post, nós vamos ver como você pode fazer a primeira venda da sua loja ecommerce por meio de anúncios no Facebook.

Você verá como pode descobrir o seu cliente ideal na plataforma, além de entender como criar anúncios que geram engajamento e garantem vendas.

Ao final do post, você saberá como configurar uma campanha de anúncios pelo Facebook que poderá ter um potencial de gerar vendas para a sua loja ecommerce desde o primeiro dia.

Vamos começar!

Descubra quem é o seu cliente 

O seu sucesso em qualquer tipo de plataforma de publicidade depende se você tem um claro entendimento de quem é o seu cliente.

E o Facebook não é exceção – se você não sabe quem é o seu público-alvo, não conseguirá expor os seus anúncios para ele, porque você não saberá como fazer isso.

Com os anúncios de Facebook, existem jeitos de encurtar esse processo – ao usar os Públicos Semelhantes, um recurso que o Facebook utilizará para realizar uma segmentação para você.

Baixe este material para aprender como fazer a primeira venda da sua loja Ecommerce com Anúncios de Facebook. 

Mas geralmente nada substitui as vantagens de ter um entendimento prévio dos seus clientes e de conhecê-los muito bem. 

Na realidade, os recursos avançados de segmentação do Facebook geralmente precisam que você forneça informações precisas de segmentação para começar a funcionar de maneira eficiente.

Portanto, é recomendável que você crie algo conhecido como Buyer Persona antes de começar a rodar os seus anúncios.

Uma Buyer Persona é normalmente projetada para reunir as informações demográficas, as motivações, os objetivos e os medos do seu público-alvo.

Se você precisar de uma definição mais precisa, aqui tem algo que pode ajudar –

image01

Nota: Se você acha que a sua Buyer Persona está muito ampla e que você está com dificuldades para produzir algo mais preciso em termos de quem a sua loja ecommerce atende, pode ser a hora de voltar aos rascunhos.  

Se esta é a primeira vez que você cria uma loja ecommerce, pode ser que você acredite que seja um bom caminho ‘pensar grande’ e ter uma loja que atenda todo mundo.

No entanto, você vai descobrir que inicialmente é melhor focar em um nicho, para atender um segmento específico do seu mercado de interesse.

Quando você faz isso, fica mais fácil escrever um texto que seja persuasivo. Você também conseguirá segmentar melhor os seus anúncios. Além disso, o seu produto também será melhor, porque você o projetará para atender necessidades de um mercado específico.

Se você conseguiu atender com sucesso um segmento pequeno do seu público-alvo, é hora de pensar em levar o que você aprendeu para os outros segmentos do seu mercado de interesse.

Então, vamos supor que eu queira vender tênis de corrida.

Eu vou segmentar o meu mercado por nicho, de modo que eu venda tênis de corrida sofisticados, feitos para pessoas que participam de provas de resistência/obstáculos.

Aqui está uma Buyer Persona muito básica que eu criei baseado em uma pequena pesquisa:

Faixa etária: 23-45

Sexo: Homens & Mulheres

Interesses: Tough Mudder/ Spartan Race/

Desejos: Tênis confortáveis/Leves/Boa aderência/Resistentes (não rasgarão)/Absorvem bem a água

Eu posso alcançar essa audiência no Facebook por meio da segmentação de ‘Interesse’.

Os interesses que eu trouxe são bons, mas seria melhor se eu tivesse outros interesses que representassem aquela audiência segmentada.

Outros interesses me dariam diferentes ângulos que eu poderia usar para alcançar o meu público-alvo ao fazer anúncios para ele.

Felizmente, eu posso descobrir outros interesses ao usar a ferramenta de Informações de Público oferecida pelo Facebook.

A ferramenta de Informações de Público permite que você faça uma análise detalhada de uma audiência específica.

O melhor jeito de usar a ferramenta é fornecer para ela um interesse que represente um público-alvo.

Contudo, o importante aqui é encontrar um interesse que a maioria da minha segmentação terá.

Aí, eu posso usar esse interesse para trazer outros interesses relevantes ao inseri-lo na ferramenta de Informações de Público.

Então, no meu caso, eu posso colocar a ‘Spartan Race’ como um interesse, já que é umas das provas mais populares.

image03

Depois de fazer isso, se eu clicar em ‘Curtidas na Página’, aparecem outros interesses que essa audiência possui.

image02

Ter essas informações é útil, porque agora eu posso alcançar essas pessoas de maneiras únicas.

Por exemplo, eu posso segmentar pessoas baseado nas empresas de vitaminas e suplementos que elas gostam, ainda que eu venda tênis de corrida.

Isso é útil, porque agora eu posso alcançar consumidores de maneiras que os meus competidores talvez não tenham considerado – o que resulta em anúncios mais baratos.

Então…Antes de correr para anunciar no Facebook, faça o seguinte:

  1. Certifique-se de que você atenda um segmento específico do seu mercado.
  2. Crie uma Buyer Persona e faça uma lista de interesses.
  3. Defina quais são os interesses mais populares.
  4. Utilize esse interesse como uma ‘semente de interesses,’ que ajudará a revelar outros interesses por meio das Informações do Público.
  5. Anote as diferentes categorias de interesse que foram reveladas pela ferramenta.
  6. Prepare-se para utilizar essas informações ao segmentar os seus anúncios.

Ok, agora vamos ver como criar os anúncios.

O que é necessário para criar anúncios convincentes

Anúncios geralmente possuem três partes: –

  • O texto
  • A imagem
  • O formato

O formato foi mencionado porque no Facebook você pode criar anúncios de vídeo, além dos normais (Anúncios no Feed de Notícias e Anúncios na Barra Lateral).

Para a maior parte deles, você deve prestar atenção aos Anúncios no Feed de Notícias e Anúncios em Vídeo.

Primeiramente, vamos falar sobre os Anúncios no Feed de Notícias. 

As imagens têm um papel decisivo em termos de quão bem o seu Anúncio de Feed de Notícias será recebido.

Existem dois tipos de imagens que você pode exibir em um Anúncio de Feed de Notícias ao fazer a publicidade de uma loja ecommerce.

  1. Imagens que simplesmente exibam o seu produto.
  2. Imagens que enfatizem um determinado recurso do seu produto.

Então, para o meu exemplo dos tênis de corrida, eu devo ter imagens que mostrem apenas os tênis sobre um fundo branco – exemplo de imagem que exibe o produto.

Entretanto, eu também posso ter uma imagem do meu produto em uma balança, para mostrar o quão leve ele é – imagens que enfatizem um determinado recurso do meu produto.

Quanto mais criativo você puder ser, melhor será o seu resultado.

O texto também vai ter um papel fundamental em determinar se o seu anúncio terá um bom desempenho. 

Você não precisa pensar demais no texto do seu anúncio para tentar produzir algo ‘inteligente.’

O segredo é retornar à sua Buyer Persona e lembrar o que o seu público-alvo realmente valoriza.

Então, ao produzir o texto do anúncio, mencione que o seu produto se relaciona diretamente com esses valores e necessidades.

Aí, o texto do meu anúncio pode ser algo assim:

‘Tênis de corrida ultraleves feitos para corredores de obstáculo.’

100 gramas. Feitos para grudar e não rasgar. Absorvem água rapidamente.

Entrega e Devolução Gratuitas.’

Isso é um pouco óbvio, mas tomara que você entenda onde eu quero chegar.

Fazer testes vai me ajudar a aprimorar o meu texto. Mas por enquanto, parece que vale seguir com esse.

Você deve ter notado que eu também incluí algo sobre ‘entrega e devolução grátis.’Você é quem decide se irá testar algo parecido para a sua loja ecommerce, mas é um item que pode ajudar a impulsionar vendas.

É um elemento poderoso para se considerar, especialmente se você verificar que 44% dos compradores abandonam os carrinhos de compra se as taxas de frete e manuseio são muito altas.

image11

Você pode até mesmo mencionar no texto do seu anúncio que a sua loja ecommerce possui um cupom. Principalmente se você estiver anunciando para pessoas em dispositivos móveis.

Isso porque 63% dos consumidores acreditam que um cupom é a forma mais válida de marketing móvel.

Além disso, 75% de todos os compradores mobile resgataram um cupom, o que mostra que esse é um bom caminho para induzir as pessoas a comprarem.

Nota: Na maioria dos casos, quanto mais específico você for no texto do seu anúncio, melhores serão as conversões.

A personalização pode ajudar a garantir conversões, mas pesquisas mostram que apenas 38% dos profissionais de marketing a utilizam como parte das suas campanhas de marketing.

Então, ao criar os seus anúncios, você pode segmentar regiões específicas e grupos de anúncios. Aí você pode escrever o texto que fale diretamente com essa demografia.

Aí, o anúncio poderá ser feito como –  “Você é um corredor de obstáculos em Nova York?”

Em função disso, pode ser uma boa ideia criar ‘Conjuntos de Anúncios’ diferentes que tenham como alvo diferentes grupos dentro do seu mercado de segmentação.

Agora, vamos dar atenção aos Anúncios em Vídeo.

Anúncios em Vídeo são um pouco diferente. 

Se você quiser aprender mais sobre como criar anúncios em vídeo, pode ler o meu guia aqui.

Por mais que os Anúncios em Vídeo sejam fundamentalmente diferentes, você ainda pode aprender algumas das dicas sobre especificação e redação de texto.

Geralmente existem três tipos de Anúncios em Vídeo que você pode rodar:

  1. Anúncios em Vídeo que exibam o seu produto e os recursos dele.
  2. Anúncios em Vídeo de Depoimentos.
  3. Anúncios em Vídeo que contêm uma história.

Criar anúncios em vídeo, que exibam os recursos de um produto é relativamente fácil. Você só tem que provar cada ponto que você coloca no texto do seu anúncio.

Se eu digo que os meus tênis são à prova de rasgos, eu poderia fazer algo que normalmente levaria um sapato a rasgar e mostrar como os meus modelos passam no teste.

Se eu falo que os meus tênis têm uma boa drenagem de água, eu posso mostrar um vídeo deles realmente retendo a água.

E por aí em diante.

É claro, o melhor jeito de abranger todos os benefícios do seu produto é exibir um depoimento em vídeo.  

Se você conseguir um vídeo com o depoimento de um cliente da sua loja ecommerce (que represente o seu público-alvo), você terá em mãos algo muito persuasivo.

Se eles puderem dizer o que enfrentavam antes, ao usar  ‘outros’ produtos, e como o seu produto consertou esses problemas, você colocará a sua oferta como a solução ideal.

Também existe a possibilidade de contar uma história, com a ajuda dos Anúncios em Vídeo do Facebook. 

Se você reservar um tempo para contar uma história sobre o seu produto antes de pedir às pessoas para comprar, há uma grande chance de que você aumente as suas vendas.  

A Refinery29 conseguiu impulsionar sua taxa de inscrição em 56%, ao exibir uma sequência de anúncios com histórias, em relação a anúncios normais com o call-to-action padrão.

image00

Então, o que você precisa fazer para contar uma história?

O que você quer fazer é gerar conhecimento sobre a empresa e o produto em questão.

Você pode produzir vídeos que explicam como o produto foi desenvolvido e o que inspirou a sua criação.

Você também pode mostrar a produção e o processo para garantir que o produto é fabricado com alta qualidade.

Criar, de fato, os seus anúncios

Agora, vamos ver como você pode, de fato, criar os seus anúncios.

Acesse https://www.facebook.com/ads/manager/creation/

Nota: Se você quiser criar Anúncios no Feed de Notícias, então vá até ‘Enviar pessoas para o seu site.’

Se você quiser criar Anúncios em Vídeo, selecione ‘Obter Visualizações do Vídeo.’

Qualquer que seja a opção escolhida, o processo é o mesmo. Portanto, eu vou focar na opção ‘Enviar pessoas para o seu site’, para esse post.

Entretanto, se você quiser ver um passo-a-passo mais detalhado sobre como criar anúncios em vídeo, veja este post.

image05

Selecione a localidade na qual você quer exibir os seus anúncios. Decida também aqui, a faixa etária e o gênero.

Também é bom  escolher a língua, apenas para assegurar que os anúncios da sua loja ecommerce sejam exibidos apenas para pessoas que irão entendê-los.

image04

Depois, vá para ‘Direcionamento detalhado.’

Aqui é onde as informações da sua Buyer Persona e o que você aprendeu com a Ferramenta de Informações de Público irão ajudar.

Você vai perceber, na imagem, que são exibidos alguns interesses relevantes que também valem ser utilizados como segmentação.

Não exagere muito aqui, levando em consideração que quanto mais preciso você for na segmentação, melhores serão os seus resultados.

Se você selecionar muitos interesses variados, pode exibir os anúncios da sua loja ecommerce para um número muito grande de pessoas.

Se tiver certeza de que os seus anúncios estão precisamente segmentados, então pode descartar a segmentação como motivo de uma eventual campanha de anúncios que não geram resultados.

image07

Depois vá para ‘Posicionamentos.’

Nota: Existe a opção aqui de inserir anúncios no Instagram.

Embora às vezes ajude a criar campanhas de anúncios específicas para o Instagram, você não precisa se preocupar em deixar isso selecionado aqui. Se você obtiver resultados medíocres, pode excluir esse posicionamento depois.

image06

Depois, você precisa decidir o ‘Orçamento’ e quanto você vai querer pagar. Selecione um orçamento diário com o qual você esteja confortável e faça com que os seus anúncios comecem a rodar imediatamente.

image09

Quanto ao ‘Valor do lance,’ escolha a opção ‘Manual’ e então coloque um valor relativamente pequeno. Isso é para garantir que o Facebook não está cobrando você demais. Isso te ajuda a não gastar exageradamente com anúncios.

Além disso, certifique-se de selecionar ‘Clique no Link (CPC)’ em ‘Quando você for cobrado’.

Isso faz com que você seja cobrado apenas quando as pessoas clicarem no seu anúncio, e não por quantas vezes o anúncio é exibido – o que dá a você um controle melhor sobre os gastos.

Quando você vai para a próxima seção, é preciso criar o anúncio.

Não há muito o que ser dito sobre essa seção. Apenas aplique o que você aprendeu anteriormente, quando falamos sobre como criar anúncios para a sua loja ecommerce.

image08

Contudo, uma coisa importante é que você pode experimentar usar diferentes ‘call-to-action,’ de tempos em tempos.

image10

Realizar experimentos com esse recurso pode aumentar as suas taxas de conversão, ainda que você só consiga saber disso depois de ter rodado os anúncios da sua loja ecommerce por alguns dias.

Se você quiser mais dicas sobre a criação dos anúncios em si, então leia um dos meus posts aqui.

Depois de subir o seu anúncio, você precisará esperar que o Facebook o aprove. Então, o anúncio da sua loja ecommerce começará a rodar em breve.

Conclusão

Se você está com problemas para garantir muitas vendas para a sua loja ecommerce, é provável que não saiba exatamente o que é necessário para consertar as coisas.

Se você sente que os seus esforços para fazer o marketing da sua loja ecommerce estão emperrados, então talvez esteja na hora de dar uma chance para os Anúncios de Facebook.

Os anúncios no Facebook podem ser um jeito incrível de gerar vendas para uma loja ecommerce iniciante.

Contanto que você tenha as informações sobre quem é o seu consumidor e se esforce para criar os seus objetivos de anúncio – você terá capacidade de alavancar os seus ganhos.

Faça um teste hoje, com um orçamento pequeno. Há uma grande chance de conseguir algumas conquistas rapidamente.

Você tem alguma dica para compartilhar quando o assunto é o uso de anúncios no Facebook para uma loja ecommerce? Conte para mim nos comentários abaixo!

Share